sexta-feira - 29/02/2008 - 23:23h

OAB começa a reagir à pressão política do grupo rosadista


Sob pressão.

É assim que a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Subseccional de Mossoró, parece se sentir quanto à sua posição institucional, relativa ao funcionamento da "Casa de Saúde Dix-sept Rosado" e à UTI Neonatal. O assunto pautou reunião à noite desta sexta (29), na sede da entidade.

Acompanhei passo a passo o debate do colegiado dirigente da Subseccional, com a participação especial do presidente da OAB no RN, Paulo Eduardo Teixeira. Sentindo-se vítima do grupo da deputada federal Sandra Rosado (PSB), o advogado Daniel Victor reagiu de forma incisiva. Avisou que não ia admitir passivamente a perseguição pessoal, símbolo do "atraso" desse sistema.

"A coluna é da Ordem", ponderou de saída o presidente em exercício da Subseccional, Lindocastro Moraes. Fazia referência à "OAB em ação", publicada semanalmente no diário "Gazeta do Oeste".

Um texto veiculado no dia 26 de janeiro passado, em que a Casa de Saúde Dix-sept Rosado era dissecada, por oferecer um serviço desumano, gerou pressão política. Daniel e a própria OAB passaram à condição de alvos, satanizados pelo rosadismo.

A questão se transformou em crise institucional.

Depois trago mais detalhes.

O semanário Jornal Página Certa, que passa a circular a partir desse sábado (1o), trará ampla reportagem sobre o incidente e seus desdobramentos.

Categoria(s): Sem categoria
sexta-feira - 29/02/2008 - 16:04h

“Blitz” em fundações é resultado do “Marcco”


A "blitz" que a Controladoria Geral da União (CGU) faz em fundações ligadas a grupos políticos, em Mossoró, não é algo isolado, por acaso ou extemporâneo. Tudo planejado, calculado e acobertado por muitas razões.

O trabalho deriva do Movimento Articulado de Combate à Corrupção (MARCCO). O colegiado reune várias instituições de estado, num trabalho conjunto para identificar e agir contra a pilantragem que adora surrupiar o dinheiro público. Além da CGU, Polícia Federal, Receita Federal,  Ministério Público Federal etc.

Em Mossoró, o Marcco foi instalado no dia 10 de dezembro do ano passado, sem o comparecimento das principais autoridades e instituições representativas da sociedade. Talvez já por temor ao que pudesse ocorrer adiante.

A mobilização (veja matéria abaixo) que acontece em relação à saúde em Mossoró, estava sendo planejada há algum tempo (AQUI) e aos poucos recrudesce.

Aguarde que tem mais novidades por aí.

Categoria(s): Sem categoria
sexta-feira - 29/02/2008 - 16:01h

CGU investiga – de surpresa – fundações em Mossoró


 
As fundações "Vingt Rosado" e "Apamim", controladas pela família da deputada federal Sandra Rosado (PSB) e ex-deputado federal Laíre Rosado (PSB), estão sob nova operação investigativa. Como elas, também a Aproniano Sá, controlada pelo ex-deputado federal Múcio Sá (PSB).

Desde essa quinta (28) e hoje, que uma equipa da Controladoria Geral da União (CGU), com auxílio de outros organismos, trabalha na coleta de informações diversas, inspeções e cruzamento de dados.

Há um caudaloso leque de suspeições pairando sobre as instituições que se apresentam pomposamente como "filantrópicas". Notas fiscais frias, remédios vencidos em estoque, simulação de compras, hipotéticos desvios de recursos federais etc estão em questão.

A partir de emendas ao Orçamento Geral da União (OGU), recursos milionários pulverizam os seus cofres.  Não é por acaso que estão enroscadas em outras apurações e denúncias formais do Ministério Público Federal.

Laíre, ligado a Apamim (controladora da Casa de Saúde Dix-sept Rosado, na foto acima) e à Fundação Vingt Rosado, pode ser condenado por envolvimento no escândalo dos "Sanguessugas". Múcio, da mesma forma. O que acontece agora é mais problema para os dois e agregados.

A pedido das fontes legais, que me forneceram informações privilegiadas, não posso adiantar mais nada agora. Mas espere aí.

De antemão lhe aconselho a tapar o nariz. O odor é insuportável. Argh!!

Categoria(s): Sem categoria
sexta-feira - 29/02/2008 - 14:11h

Silêncio ruidoso


Sei não, mas esse silêncio catatônico do Ministério Público – 11a Promotoria do Patrimônio Público de Mossoró, é de causar calafrios. A quem deve, sobretudo.

Faz-me lembrar igual comportamento antes do dia 14 de novembro, quando transbordou a "Operação Sal Grosso", com cumprimento de sete mandados de busca e apreensão. Até a sede da Câmara Municipal foi visitada.

Sei não…

Categoria(s): Nelson Queiroz
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sexta-feira - 29/02/2008 - 13:47h

Gerais… Gerais… Gerais… Gerais…



O Juiz Federal Edílson Pereira Nobre Júnior, titular da 4ª Vara Federal do RN, integra a lista tríplice que será encaminhada ao Presidente da República, Lula da Silva, para escolha do novo desembargador do Tribunal Regional Federal da 5ª Região.  Compõem a lista, além do Juiz potiguar Edílson Nobre, os Juízes Rogério Fialho, da Paraíba, e Paulo Cordeiro, de Alagoas.

É hoje às 20h, no "Parque de Antenas da TV Cabo Mossoró (TCM)", o lançamento de mais um jornal impresso sediado em solo mossoroense. Trata-se do "Folha Potiguar", a ser editado pelo jornalista Amâncio Honorato. Sucesso a todos.

Em festa à noite dessa quinta (28), no Versailles em Natal, a candidata Andressa Melo venceu o concurso Miss RN. Quem tem detalhes é o Chrystian de Saboya AQUI.

A prefeita de Mossoró, Fafá Rosado (DEM), assinou hoje, pela manhã, ordem de serviço para construção da terceira Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) à saúde da cidade. Será no bairro Belo Horizonte. É um equipamento que em pleno funcionamento, termina desafogando a urgência do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM). 

Categoria(s): Nelson Queiroz
sexta-feira - 29/02/2008 - 13:02h

Médicos promovem ampla discussão sobre sua atividade


O Sindicato dos Médicos do RN realiza o Encontro dos Sindicatos Médicos do Nordeste. O evento acontece hoje em Natal, a partir das 12h, na sede da Associação Médica do RN.

Um almoço político que contará com a participação do deputado federal Rogério Marinho (PSB), é a base do encontro. Os participantes querem discutir os projetos de lei em andamento no Congresso Nacional, entre os quais a PEC 29 que fixa os limites mínimos de investimento na área da saúde (Governo Federal 10%, Governos Estaduais 12% e Governos Municipais 16%).

O projeto que regulamenta exercício da Medicina, o projeto que estabelece os critérios para a abertura de escolas de Medicina no Brasil e a revalidação de diplomas dos médicos que se formam em outros países também estão na pauta. 

Às 16h será realizado debate sobre “Solução para o médico brasileiro” com o Dr. Newton Nunes.  Às 17 horas serão realizadas as eleições para representações dos Sindicatos Médicos junto a Federação dos Médicos do Nordeste e às 19 horas a cerimônia de posse seguido de jantar de confraternização.

No sábado a programação prossegue com a reunião da nova diretoria da Federação dos Médicos do Nordeste, às 9h no Arituba Park Hotel.

Categoria(s): Gilson Cardoso
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sexta-feira - 29/02/2008 - 12:20h

Batento perna


O senador Garibaldi Filho terá um sábado (1o) corrido no RN. Clima de campanha. Como sempre.

Estará às 15h em Itaú para convenção municipal do PMDB, às 16h em Rodolfo Fernandes e às 17h em Apodi.

Mas hoje às 18h30 ainda arranja tempo de passar no Rio de Janeiro, para reunião com o presidente da Petrobras,  José Gabrielle.

Categoria(s): Sem categoria
sexta-feira - 29/02/2008 - 12:09h

Ivan Júnior está firme e forte, assegura internauta


A webleitora assuense Monaliza Tavares posta um comentário, significativo, para nos ajudar à plena compreensão quanto à política do lugar. Um contraditório necessário.

Ela contesta a tese de que o secretário municipal da Saúde e pré-candidato a prefeito , Ivan Júnior, sofra dificuldades à postulação, inclusive no colo familiar.

Leia-a abaixo:

Carlos Santos,

Nem tudo é o que parece. Por viver na cidade e ter contato com os pais, tios e primos de Ivan, posso garantir que tanto seu pai Dr. Ivan Lopes, como sua mãe – Dona Carminha, estão entusiasmados com a candidatura do filho.

O entusiasmo é tanto, que partiu de seu pai o incentivo de seu outro filho, o fisioterapeuta Carlos Alexandre, para substituir o irmão na Secretaria de Saúde. Se isso (para os adversários) não for o entusiasmo pela candidatura do filho, tenho que rever meus conceitos no velho Aurélio.

E até o momento Ivan foi o único a conseguir um número real de apoios. Conseguiu reunir apoios de 8 dos 10 vereadores, e apoio dos partidos PMN, PT, PHS, PDT, PTB, PPS.

Monaliza Tavares.

Categoria(s): Blog
  • Repet
sexta-feira - 29/02/2008 - 10:55h

A missão quase impossível de Wild em Assu



Quem parece ter sumido do imaginário popular, em Assu, como pré-candidato a prefeito pelo DEM, é Wild Diniz.
Até aqui não é visível sua projeção. Se há.

Após o "Carnaval de Todos", que resolveu promover para potencializar seu nome e impressionar a cúpula estadual do DEM, entre eles o senador José Agripino (DEM), Wild não arrancou. Parece se arrastar, quase parando. Inerte.

Não faltam complicadores para Wild, apesar de sua boa vontade. A começar do próprio DEM. Com olhos em 2010, o senador José Agripino precisa de bases fortes a partir de 2008, que sirvam de "correia de transmissão" à sua candidatura à reeleição.

Em Assu, ele já avisou que não apostará em aventura. Outro agravante, é que seu parceiro em vários outros municípios, o deputado federal e primo, João Maia (PR), está firme e forte apostando em Fátima Moraes (PSB) à prefeitura.

Outro complicador para Wild: o ex-prefeito Zé Maria Medeiros (DEM), com aquela placidez de asceta oriental e astúcia de felino de savana africana, não move uma "palha". Seu esforço é pela aliança com o PSB de Fátima.

Então é fácil perceber que Wild precisará muito mais do que o festim do Carnaval de Todos para alavancar o próprio nome.

Categoria(s): Sem categoria
sexta-feira - 29/02/2008 - 10:29h

Nomes, métodos e mentalidade de “Souza”


O retorno do agrônomo Manoel Cunha Neto – "Souza" (PP), à Prefeitura de Areia Branca, nos próximos dias (ou horas), não será apenas um recomeço. Promete ser o início de outro tempo. Outra era, digamos.

Os mais de seis meses de segregação forçada o levaram à intensa reflexão sobre o poder, as pessoas e às circunstâncias. Não tenho dúvidas. O mundo cai. Daí em diante, a missão é como aquele castigo imposto a Sísifo, que na mitologia grega era obrigado a fazer rolar uma pedra montanha acima.

O homem é produto das circunstâncias, mas elas não podem ser justificativas – sempre, às suas decisões infames. Ser racional é ser esperto, oportunista e traidor? Talvez seja apenas conservar algum traço de humanidade e não o instinto animal.

As razões do lobo, que sempre estão amparadas em sua vocação predatória, não devem nortear o homem. Nesse tempo de exílio, o prefeito foi levado à execração pública, passou da condição de líder para quase-nada, além de descobrir o que é comum à toda entressafra: não sobra muito a quem  tem fome. Às vezes, o mínimo de solidariedade.

"O cachoro gosta do dono; o gato, da casa," ensina um ditado japonês. Os "bichanos" que sempre procuram se enroscar nas pernas de quem manda, não são felinos por acaso. A camarilha que ronda o chefe, é manhosa porque se interessa pela casa e não por seu amo.

Sou obrigado a recorrer, apesar de tantos desencantos com a espécie, àquela frase que me persegue há décadas, pronunciada pelo grande Mário Covas:

- Sou, por formação e por índole, um homem que fundamentalmente crê. Desejo morrer réu do crime da boa-fé, antes que portador do pecado da desconfiança.

Porém reconheço não ser fácil.

As lições desse episódio estão espalhadas por toda parte. Visíveis aos mais sensíveis, quase imperceptível aos intolerantes e inacessível àqueles que não compreendem a sabedoria de duas palavras: "Tudo passa."

Nunca o poder foi tão efêmero em Areia Branca. Mesmo para quem volta, assim o será. Ele também terá passado um dia, outra vez, por Souza.

De certo, o prefeito selecionará os seus não pelo critério bíblico da continuidade da espécie: a tarefa coube a Noé em sua arca pré-diluviana. Haverá reformulação em nomes, métodos e mentalidade. Do contrário, de que terá valido tanto sacrifício?

Também é bíblico e recomendável citarmos algo a mais aos que voltam e aos que se foram: "Toda a glória do homem é como a flor do feno; seca-se o feno e a flor murcha!"

Categoria(s): Blog
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sexta-feira - 29/02/2008 - 01:53h

Só Pra Contrariar


Vaquejada e política

Não está fácil encontrar candidato a vereador para "bater esteira". Os bacanas do PMN, PR, PTB e PSB em Mossoró que o digam. Está difícil encontrar alguém para ajudá-los a fazer o quociente eleitoral e elegê-los.

Sostô!

Definitivamente, não há mais bobo na política. O mais inocente gosta de ver a mãe do outro tomando banho nua, cai da rede e faz-de-conta que brinca com a varanda.

Categoria(s): Blog
sexta-feira - 29/02/2008 - 01:06h

A fibra de alta resistência de François Silvestre


Conversei com alguns amigos, gente da política e do mundo literário, todos com a visão comum: François Silvestre causou alvoroço com seu novo livro.

"As alças de agave" puxam para cima as vísceras da política recente do RN. Um sacolejo forte.

Como disse em postagem à tarde dessa quinta (28), é uma leitura obrigatório ao melhor entendimento da política potiguar.

Agave é o nome científico do "Sisal", planta muito comum em algumas regiões do Nordeste, mas originária do México. É uma fibra vegetal de enorme resistência.

Vou ler o trabalho de François, para procurar compreender a figura de linguagem. A direção do torpedo literário é fácil localizar.

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
sexta-feira - 29/02/2008 - 00:54h

“Irmãozinho” – a missão


O ex-deputado estadual Francisco José (PMN) vai se dedicar mais a Mossoró a partir de agora. Missão: reeleger o filho Júnior (PMN) à Cãmara Municipal.

A tarefa é árdua, em face do PMN até agora não ter conseguido amarrar coligação com outras siglas, para potencializar a chapa a vereador. Daí, mais dificuldade para amealhar votos para o vereador.

O "irmãozinho" Francisco José não desiste fácil. Está na luta.

Categoria(s): Sem categoria
quinta-feira - 28/02/2008 - 23:01h

Números e apostas


O velho hábito das apostas, em cima de contendas político-eleitorais, merece todo cuidado do mundo este ano. O terreno parece mais minado do que nunca.

Faz-me lembrar de um episódio, no distante e envolvente 1983.

Com a campanha perdida, consciente disso, Aluízio Alves (PMDB) mantinha altivez de vencedor para seu retorno ao governo estadual. No rádio, seu irmão e jornalista, hoje prefeito de Parnamirim, Agnelo Alves, açulava os "bacuraus" à aposta. Apostava-se o que era possível e impossível: galinhas, Corcel II, dinheiro, Três em Um e por aí vai.

Agnelo Alves assegurava que a campanha estava ganha. Estava. Por José Agripino (então no PDS).

Portanto, muito cuidado com o sopro de números e apostas. Ninguém merece confiança absoluta e plena. Nem eu.

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
quinta-feira - 28/02/2008 - 22:36h

Adelmaro discute com vereadores e não resolve bulhufas


O secretário estadual da Saúde, Adelmaro Cavalcanti, esteve na manhã desta quinta (28) em Mossoró. Em sua pauta, uma audiência pública, oportunidade de falar sobre a saúde pública com vereadores e outros segmentos sociais.

Membros da Comissão de Saúde da Câmara de Mossoró – vereadoras Izabel Montenegro (PMDB), Arlene de Souza (DEM) e Gilvanda Peixoto (DEM),  além de Renato Fernandes (PR), apresentaram uma série de queixas. O secretário não conseguiu ser prático e consistente em nada. Transferiu respostas concretas para adiante.

Só promessas.

Quem matou a charada foi a vereadora Izabel Montenegro, que tratou o caso como "enrolação", travando bate-boca com ele. 

Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Gilson Cardoso
quinta-feira - 28/02/2008 - 21:30h

Rosalba na Alemanha


A senadora Rosalba Ciarlini foi indicada pelo presidente nacional do Democrata (DEM), Rodrigo Maia, para representar o partido numa viagem de estudos e informação para líderes políticos liberais do Brasil. Será nos Estados da Saxônia e em Berlim, na Alemanha.

O encontro que tem como tema central "As Experiências alemães: um exemplo para uma reforma política no Brasil", será promovido pela "Fundação Friedrich Nauman". A senadora integrará uma comitiva de oito parlamentares, entre eles, o deputado potiguar, Felipe Maia (DEM).

Depois do encontro, a senadora permanecerá na Alemanha, em licença, por mais 10 dias, para acompanhar o nascimento da neta, filha de Carla Ciarlini.

Rosalba embarca para a Europa nessa sexta (29).

* Com informações da Assecom da senadora

Categoria(s): Sem categoria
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quinta-feira - 28/02/2008 - 21:06h

Gerais… Gerais… Gerais… Gerais…



Vai ser retomado nesse sábado (1o), às 19h30, o Projeto Café Teatro. O evento acontecerá no "Nalva Melo Café Salão", na Avenida Duque de Caxias, 110, Ribeira (Natal). A peça em destaque será "Tenha dó de mim", com a "Cia de Teatro Baco". Contatos: (84) 3212-1655, (84) 9136-3641.

O jornalista Giovanni Rodigheri prepara documentário sobre a fruticultura irrigada no RN. Para isso, até viajou à Europa este mês, cobrindo feira internacional do setor.

Obrigado à leitura deste Blog a Arruda Neto (Mossoró), jornalista-professor Emanoel Barreto (Natal) e deputado federal Rogério Marinho (Brasília).

Categoria(s): Nelson Queiroz
quinta-feira - 28/02/2008 - 20:45h

Sucessão mossoroense


Não há motivos para euforia no sistema governista municipal de Mossoró. Números que povoam planilhas de pesquisas, na verdade devem provocar estalo apreensivo.

A "sobra" de Fafá Rosado (DEM), a prefeita e continuadora da obra de Rosalba Ciarlini (DEM), é possível de ser superada. Não chega a ser estrondosa ou inacessível. O principal nome do outro lado, aquilo que se chama de oposição, é da deputada estadual Larissa Rosado (PSB).

As duas encontraram-se antes em 2004.

Fafá, apoiada pela então prefeita Rosalba Ciarlini, ganhou por 23.146 votos de maioria. Diante do poderio da estrutura, a influência direta do rosalbismo e o comando de campanha, firme, nas mãos de quem é do ramo, o ex-deputado estadual Carlos Augusto (DEM), o estrago foi até modesto.

O maior adversário de Larissa, entretanto, não é todo o aparato mastodôntico que sustenta Fafá. A sua própria retaguarda é que a ameaça. O que antes se revelava como predicado, um diferencial, passou a ser uma sobrecarga.

A deputada é em si competitiva. Entretanto sendo realmente candidata, vai administrar os efeitos colaterais de denúncias e iminentes condenações na esfera da Justiça Federal, incidindo sobre seu pai – o ex-deputado federal Laíre Rosado (PSB). Entidades fundacionais que sustentam há décadas o seu grupo, com a imagem de benemérito, também estão na berlinda.

Não adianta a desculpa esfarrapada de que se trata de uma "trama" política etc.

O jogo político às vezes tem movimentos bruscos, mas na prática funciona numa sinergia microscópica. Larissa e família sabem que a erosão em seu capital de votos começou antes da campanha. A culpa não é dela.

Recrudescendo o desgaste, a deputada vai se tornar uma presa fácil – mesmo diante de uma adversária que não adquiriu "gordura" suficiente para suportar grandes perdas.

Categoria(s): Blog
quinta-feira - 28/02/2008 - 19:58h

Páginas da vida policial


Veio-me agora uma reflexão.

Após levantar o material editado e outros tantos que poderiam ter sido postados, é raro localizar uma "pauta positiva". Este blog parece dedicado à crônica "policial."

A quantidade de notícias envolvendo políticos, em situações de submundo, é algo espantoso. Algo fétido, nauseante e que espelha a realidade nacional.

Mais de 23 anos dedicados aos estudos da Ciência Política, além de outros ramos correlatos, parecem desfocalizados. Acho que deveria ter me preparado à crônica dos fora-da-lei sem gravata. Definitivamente chegamos à borra.

Mesmo assim, confesso minha reiterada fé numa ruptura. Não tenho o cenário como fim, mas a possibilidade de um salto à mudança. Nenhuma conquista social de relevância saiu por espasmo, transição diplomática ou decreto.

Tape as narinas e vamos em frente.

Categoria(s): Blog
quinta-feira - 28/02/2008 - 19:39h

Juiz condena ex-prefeito de Caicó à prisão


O juiz Henrique Baltazar, da Vara Criminal de Caicó, condenou o ex-prefeito Nilson Dias de Araújo a cumprir pena de quatro anos e três meses de privação de liberdade. Inicialmente em regime semi-aberto.

Consta ainda da sentença, pagamento de multa, por delitos de desvio de recursos públicos e fraude em licitação praticados quando do exercício do cargo de prefeito de Caicó. Segundo a sentença, a pena foi de dois anos e dois meses de reclusão pelo desvio de recursos públicos e de dois anos e um mês de detenção pela fraude em licitação.

Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Sem categoria
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quinta-feira - 28/02/2008 - 16:47h

“Gafanhotos” de Fernando Freire tinham “QI” alto


O jornalista Jean Valério do "Jornal de Hoje – Primeira Edição" (bom, mas que vejo raramente), traz hoje um registro dilacerante. Exuma parte do "Escândalo dos Gafanhotos".

Nitroglicerina pura.

Segundo Valério, o depoimento de Maria do Socorro Dias aponta uma relação de políticos, jornalistas e muitos colunáveis, como beneficiários ou endossantes de gratificações na gestão Fernando Freire (PMDB). A lista tem nomes bastante conhecidos. Gente que protegia afilhados com o dinheiro público.

Aparecem o atual vice-governador Iberê Ferreira (PSB); deputados estaduais Nélter Queiroz (PMDB) e Luiz Almir (PSDB), além dos vereadores Adenúbio Melo, Aquino Neto (PV) e Sid Fonseca (PSB).

Sobra uma "ponta" de suposta responsabilidade na indicação à farra, onde se recebia sem trabalhar (sinecura), para o ex-prefeito pau-ferrense Nilton Figueiredo (PP). Atual secretário de Esportes e Lazer de Natal, Nilton teria abonado alguns protegidos. A velha prática do QI (Quem Indica). Ele indicava, o estado pagava.

O Ministério Público desencadeou investigação contra o ex-governador, empilhando ações civis públicas contra ele.  Maria do Socorro é considerada uma peça-chave na denúncia, pois sempre ocupou cargos de altíssima confiança junto a Fernando Freire.

Categoria(s): Sem categoria
quinta-feira - 28/02/2008 - 15:40h

Leonardo desafia Sandra, mas depois resolve “apagar” tudo


Bem que o deputado estadual Leonardo Nogueira (DEM), marido da prefeita Fafá Rosado (DEM), esboçou reação contra as provocações e avisos das deputadas Sandra Rosado (PSB) e Larissa Rosado (PSB). Mas parece que o "travesseiro" cochichou ponderações.

Em entrevista a um programa sazonal de férias da TV Cabo Mossoró (TCM), este ano, um corte providencial deixou de levar aos telespectadores o seu "troco." Gravado na casa de praia do casal em Tibau, o programa explorou prioritariamente a política e o papel de ambos no contexto mossoroense e estadual.

Quando instado a responder às parlamentares (veja matéria acima), Leonardo – ao lado da mulher, não se conteve, apesar do seu jeito pachorrento e fleumático. "A deputada é uma mentirosa", brandiu diante da câmera.

Os assinantes da TCM no canal 10 não chegaram a testemunhar essa situação incomum. Na edição do programa houve montagem mais "soft" (leve) do depoimento do deputado e da mulher, veiculados nos dias 11 e 13 do mesmo mês. Nem saiu o desafio que Leonardo impôs de que Sandra e Larissa veiculassem "em seus órgãos de imprensa", qualquer coisa que tivessem contra ele.

Como cachorro mordido por cobra tem medo até de canudinho, diz o folclore popular, o médico-deputado resolveu remendar o que disse. Ou seja, usou sua influência e acesso para descartar o material explosivo. Seria "cutucar" a onça com vara curta. Curtíssima.

O paradoxal, é que no dia 4 deste mês, em programa gravado que veicula em diversas emissoras de rádio em Mossoró, Leonardo Nogueira conseguiu provar o contrário de sua pregação aos ouvintes. "Uma vez proferida a palavra, nada mais a destrói", falou com voz pausada de monge beneditino, invocando a harmonia e o controle da cólera à boa convivência humana.

A seção "O médico em sua casa" que Leonardo Nogueira apresenta há anos na radiofonia da cidade, nesse dia vendeu uma mensagem que o próprio político-cidadão provara em contrário. Pouco menos de um mês antes, ele dissera algo que conseguira apagar – graças ao compadrio e à trucagem tecnológica.

Categoria(s): Sem categoria
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.