quinta-feira - 31/07/2008 - 21:53h

Show de bola da FM 98


Os comunicadores Carlos Cavalcanti, Pedro Canísio e Fábio Oliveira estão participando da programação esportiva da FM 98 de Natal.

Os três profissionais originários do mercado mossoroense abrem canal importante no mercado da capital. Eles são narradores de futebol no concorrido espaço da capital do RN.

Parabéns para a visão de Felinto Filho, dirigente da emissora.

Acerta em cheio.

Categoria(s): Paulo de Tarso Fernandes
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:49h

Estrela envergonhada


Tem sido acanhada a participação da militância do PT na campanha da majoritária, em Mossoró. Parece envergonhada com a inusitada parceria.

A chapa Larissa Rosado (PSB) a prefeito e Tércio Pereira (PT) a vice não empolga os aguerridos petistas do passado. Muitos estão abrigados em sombras autárquicas, muitos se bandearam para outras legendas, há os decepcionados com a composição esdrúxula e não tem acontecido renovação da "tropa."

Olha, já ouvi petista dizendo que "Rosado é o câncer de Mossoró", além de outro que afirmou para meu espanto: "Não existe Rosado bom. Rosado bom é morto e enterrado de cabeça para baixo."

Quem te viu…

* Daqui a pouco posto mais matéria. Aguarde.

Categoria(s): Sem categoria
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:48h

Areia Branca tem política em tom de nomeação


A sempre quente política areia-branquense está quase parando. Fica bem aquém do seu histórico de polêmicas e lutas renhidas na rua.

Para muita gente, a chapa Manoel Cunha Neto, o "Souza" (PP) à reeleição e Bruno Filho (PMDB) a vice, é praticamente uma nomeação.

Pesa consideravelmente o fato da oposição ter perdido o bom senso, numa dicotomia de postulações.

Categoria(s): Sem categoria
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:44h

Mais dois vereadores são cassados no RN


Mais dois vereadores são cassados no RN. De novo o problema é com infidelidade partidária.

Os casos foram de decididos hoje pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

José Leônidas de Azevedo e José Adelson Xavier, respectivamente de PSB e PMDB, trocaram o PP e o PSB por essas siglas. O primeiro é de Cruzeta e o segundo de Bom Jesus.

Saiba mais AQUI

Categoria(s): Sem categoria
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:36h

Lina Vieira é escolhida para comandar Receita Federal


Lina Vieira, que durante muitos anos foi a toda-poderosa da Tributação do RN, atinge outra posição de destaque. Tem méritos.

Ela é a nova secretária da Receita Federal.

Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:27h

O lixão é nosso (da gente)


O lixão de Mossoró, na periferia da cidade, continua funcionando a plena carga. O ambiente insalubre e fétido não foi extinto.

A criação do Aterro Sanitário da cidade com forte endosso financeiro da Petrobras, em parceria com a prefeitura, não eliminou essa vergonha. Ao final do bairro Barrocas, margeando o rio Mossoró, é possível ver essa vergonha.

Já fora tema na campanha eleitoral passada e precisa ser retomado.

Categoria(s): Sem categoria
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:24h

Programa de rádio teria associado foguetão a tráfico e política


A disputa eleitoral em Mossoró corre de forma mais emocionante noutro campo: o judicial. Não faltam denúncias.

A "Força do Povo" está com mais uma queixa. Alega que num programa matinal da FM 93, pertencente ao grupo da adversária Larissa Rosado (PSB), a prefeita Fafá Rosado (DEM) foi tratada subliminarmente de forma depreciativa.

O locutor-apresentador Edmilson Lucena anunciou no ar que ouvia o espocar de foguetões e rojões. No momento, a prefeita e candidata à reeleição chegava a um local de caminhada, no centro da cidade. 

Ele comparou a barulheira à sinalização que traficantes de drogas costumam fazer no recebimento de nova carga.

Categoria(s): Sem categoria
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:15h

Wilma não cumprirá agenda em Mossoró


A assessoria da governadora Wilma de Faria (PSB) avisou agora à noite que ela não aportará em Mossoró. Frustração para a candidata a prefeito Larissa Rosado (PSB) e seu grupo.

A expectativa era da presença da governante para cumprir agenda administrativa. A partir daí seria puxada à programação político-eleitoral.

A deputada federal Sandra Rosado (PSB), mãe de Larissa, ficou irascível. 

Já disse e repito: virem-se e não apostem em forte apoio do wilmismo. Ele não virá.

Categoria(s): Sem categoria
quinta-feira - 31/07/2008 - 21:08h

Diário de Bordo (Eleições 2008) 7


Rosalba tem a força mas não pode tudo

Para colocar o deputado estadual Leonardo Nogueira (DEM) em embaraços, o ex-deputado estadual Carlos Augusto (DEM) decidiu que o parlamentar seria porta-voz de uma informação: o nome a vice da prefeita Fafá Rosado (DEM) sairia de pesquisas.

Leonardo, neófito em política, caiu no “conto do Carlos”.

Deu entrevista para o Jornal de Fato em primeira mão, adiantando a “fórmula”. Minha coluna no semanário Página Certa e esta coluna do Blog do Carlos Santos disseram que tudo era uma farsa. E assim aconteceu. Foi fácil acertar.

Ruth Ciarlini (DEM), ex-deputada estadual e irmã da senadora Rosalba Ciarlini (DEM), foi plantada em lugar da atual vice, advogada Cláudia Regina (DEM), que sequer foi comunicada da mudança. Às pressas arranjou uma brecha para se candidatar a vereador.

Mesmo sendo irmã da maior lider populista de Mossoró, Ruth não conseguiu carrear para si o prestígio pessoal da senadora. Nas pesquisas, Cláudia Regina disparou na frente. Mas foi preterida. O povo adora Rosalba, mas não quis e não quer Ruth.

Como se vê, Rosalba tem a força, mas não pode tudo. Qualquer semelhança com 1992 não é mera coincidência.

Categoria(s): "Diário de Bordo" (Eleições 2008)
quarta-feira - 30/07/2008 - 23:11h

Só Pra Contrariar


Sangue e sal

Agosto vai começar exigindo muita atenção. Bom colocar ouvido ao chão, pois não deve faltar barulho.

Parasitas da saúde e predadores do legislativo que se cuidem.

Decifra-me ou te devoro.

Categoria(s): Blog
  • Repet
quarta-feira - 30/07/2008 - 22:57h

Polícia Federal indicia 13 na “Operação Hígia”


A Polícia Federal enviou relatório da "Operação Hígia" à Justiça. Existem 13 pessoas indiciadas.

A PF encontrou elementos para apontar existência de formação de quadrilha, corrupção ativa e passiva, além de fraude em licitação.

Entre os vários nomes ilustres em evidência, aparece o do advogado Lauro Maia, filho da governadora Wilma de Faria (PSB).

Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Sem categoria
quarta-feira - 30/07/2008 - 22:44h

Micarla “borboleta” nas ondas de sua rádio


Quem sintonizar a FM 95 em Natal, do grupo de comunicação da candidata a prefeito Micarla de Souza (PV), vai notar que ela está em "casa." Vez por outra é lembrada subliminarmente.

Intervenções de ouvintes pedem "a música da borboleta", ícone que lembra a candidata. (…) "Quando a borboleta passa todo mundo vai atrás", diz um refrão da letrinha sofrível.

A semiótica e o marketing explicam.

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
quarta-feira - 30/07/2008 - 12:01h

Patotas de Lahyrinho e Francisco Júnior quebram o pau


Uma caminhada da coligação "Mossoró pra você", ontem no bairro Papoco, quase termina em batalha campal. Militantes e candidatos a vereador se estranharam.

A arenga com direito a palavrões, indícios de socos e pontapés confrontou a patota do vereador Francisco José Júnior (PMN) com a do concorrente interno Lahyrinho Rosado (PSB).

O quiproquó não se generalizou porque a turma do deixa disso interveio. Pelo menos temporariamente ficou sanado o duelo, que é resultado da luta não apenas pelo voto, mas pela ponta eleitoral.

Há também um componente histórico no caso. Ressentimentos.

Em 2000, Júnior conseguiu o primeiro mandato e era adversário de um irmão de Lahyrinho, Vingt Neto. Ambos foram eleitos, mas Júnior levou a melhor como o segundo mais votado à câmara.

Neste ano, os dois estão na mesma coligação por pura conveniência bilateral e nenhuma afinidade política ou pessoal. Isolados, talvez não tivessem como se eleger ou dificilmente conseguissem o objetivo.

Mas nas ruas, na caça ao eleitor, é difícil aguentar de forma contida tantas diferenças.

A candidata a prefeito, Larissa Rosado (PSB), irmã de Lahyrinho, tem mais esse problema a ser administrado.

Categoria(s): Sem categoria
quarta-feira - 30/07/2008 - 11:13h

Fátima Moraes pede socorro à Wilma


Candidata à Prefeitura do Assu, a ex-secretária estadual da Articulação Fátima Moraes (PSB) clama por ajuda. Ela tem cobrado socorro à cúpula wilmista.

Nome entre as prioridades da governadora Wilma de Faria (PSB) na atual campanha, Fátima vê o adversário governista Ivan Júnior (PP) ganhar volume. Daí o temor.

Seu medo é repetir o que ocorreu em 2004, quando tinha fôlego para ser eleita e perdeu para o atual prefeito Ronaldo Soares (PP).

Se faltar "gás" na reta final, Fátima sabe que Ivan Júnior pode atropelá-la e ao seu favoritismo, abrigado no epíteto de "prefeita em férias."

A campanha em Assu lembra os velhos tempos da bipolarização, na luta casa a casa.

Categoria(s): Sem categoria
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quarta-feira - 30/07/2008 - 10:23h

O dinheiro sumiu


É grande o chororô no interior. Aliados do wilmismo estão aos prantos. Não pingou nada para ajudar às campanhas.

Quem resolveu ir em frente apostando em combustível "importado" de Natal, até aqui está sob angústia. Existem candidaturas quase parando, sem recursos sequer para alimentar carro-de-som e distribuir santinhos.

Será efeito da "Operação Hígia?"

Conversei com dois candidatos a prefeito e assessores de outros. A ladainha é a mesma: não é possível bancar campanha sozinho e os efeitos virão em 2010.

Categoria(s): Sem categoria
quarta-feira - 30/07/2008 - 10:14h

Secretário “do barulho” é uma “caixa-preta” delicada


O desgaste do secretário de Comunicação da Prefeitura de Mossoró, Carlos Skalarck (veja matéria abaixo), chegou ao paroxismo. Apesar disso, ele se mantém firme, mesmo sem a plenitude do cargo. Só sai de forma negociada.

Skarlack é uma caixa-preta da gestão Fafá Rosado (DEM). Os “donos do poder” sabem disso.

Tentaram ejetá-lo da cadeira há poucos dias, mas terminaram recuando. Seu substituto seria o jornalista Neto Queiroz, com quem o governismo tem maior afinação e confiança. Uma voz mais sensata recomendou que não seria inteligente defenestrá-lo. Questão de bom senso.

Há dois anos, Skarlack esteve na iminência de ser exonerado ao protagonizar uma cena bizarra em sua sala no Palácio da Resistência, em plena madrugada. Era um “serão extra.” Flagrado por um guarda municipal, terminou denunciado.

Preservou o posto ao disparar uma ameaça. Avisou com sorriso comprimido: “Eu não caio sozinho”.

Ninguém no governo quis se arriscar a descer a ribanceira de braços dados com ele. Captaram a mensagem.

Antes, o secretário chegara a ter outro problema com poucos meses de governo, ainda em 2005, comprometendo a imagem da incipiente administração. Foi poupado. O cerne da questão era uma conta de R$ 138,00 num motel da cidade, negociada com aparelho celular institucional.

Não faltaram mais e mais situações constrangedoras pela frente.

Chegou a ser localizado casualmente numa manhã de sol escaldante, vagando por ruas da cidade do Açu, ainda grogue. Foi resgatado por uma equipe do Jornal de Fato que passava pelo local. Tinha saído de Mossoró com motorista e carro oficial para festas na região. Perdera-se e estava a esmo.

Faz pouco mais de dois meses que o jornalista se meteu noutro caso degradante. Foi agredido por dois homens num restaurante de periferia, frequentado por carreteiros e mulheres de aluguel. Vítima, que se diga.

Apesar da vida desregrada, o secretário não é afeito à violência física ou qualquer outra truculência dessa esfera. O incidente poderia ter ocorrido em outro endereço, como os cabarés do “Gabriel” ou “Cineide”.

Slarlack frequenta-os com assiduidade ao lado de queridinhos da mídia local e outros convidados especiais. Os dois pontos comerciais funcionam como “gabinetes regionais”, onde muitas vezes negócios e facilidades relacionados à prefeitura são tratados. Tudo com doses generosas de uísque e o acompanhamento de meninas dessas casas.

* Aguarde. Em poucos minutos veja postagem complementar desta matéria.

Categoria(s): Sem categoria
quarta-feira - 30/07/2008 - 10:09h

Justiça cassa candidatos de duas chapas em Governador


De uma rajada só de tinta, a juíza da 57a Zona eleitoral (Governador Dix-sept Rosado), a 32 quilômetros de Mossoró, Welma Fernandes, negou registro a uma série de candidatos a cargos eletivos no município. Afetou governismo e oposição.

A decisão saiu hoje.

Na oposição, os atingidos são a ex-prefeita Lanice Ferreira (PMDB), seu candidato a vice Júnior Afonso (PMDB) e os concorrentes a vereador José Emídio, Damião Firmino, Antônio Bolota e Neto da Pedra, todos da coligação União Democrática (PMDB e PCdoB).

No esquema do prefeito Anaximandro Vale (PSB), aparece Adonias Melo (PPS), candidato a vice-prefeito, bem como os candidatos a vereador Kaká Silveira e Ronilson Calixto. Em 2004, Adonias Melo, Kaká Silveira e Ronilson Calixto eram correligionário da então candidata Lanice Ferreira. 

A magistrada acatou pedido do Ministério Público, que entende que todos esses políticos têm problemas no campo judicial, oriundos ainda da campanha de 2004. Eles foram cassados em 2005.

* Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Sem categoria
quarta-feira - 30/07/2008 - 08:54h

Futuro de secretário depende da “oferta”


É pouco provável que o secretário Carlos Skarlack (veja matérias abaixo) seja exonerado mesmo que “a pedido” na atual gestão. Sendo reeleita, Fafá Rosado (DEM) dificilmente o terá na íntegra do segundo mandato.

É enorme a pressão sofrida pela prefeita e seus irmãos, que a ajudam a tocar os negócios na prefeitura, para demissão de Slarkack (Antônio Carlos de Farias). A propósito, coube ao empresário Tasso Rosado, um de seus manos, a indicação do jornalista para o cargo.

Uma saída pensada e há tempos em maturação, é “desová-lo” num dos jornais ou rádios da cidade, que o governismo aparelha. Ele ganharia status de editor de qualquer coisa e uma remuneração especial “por fora”, para compensar a perda do que obtém como secretário.

Outro caminho é o gabinete do deputado estadual Leonardo Nogueira (DEM), marido da prefeita Fafá, valhacouto de outros arranjos.

Em síntese, a facção política de Fafá Rosado possui uma bomba em permanente tic-tac em sua mãos. Mas ninguém execre Skarlack sem contextualizá-lo. Ele é parte de um sistema que é a sua cara, de corpo e alma. O jornalista faz parte de um todo apodrecido.

Categoria(s): Sem categoria
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quarta-feira - 30/07/2008 - 08:28h

Governo “exonera” de fato secretário de Comunicação


O jornalista Carlos Skarlack, secretário de Comunicação da Prefeitura de Mossoró, está na "geladeira." Seu papel institucional é só aparente. Passou a ter uma exoneração de fato.

A ordem expressa do chefe de Gabinete licenciado e "prefeito de fato", Gustavo Rosado (DEM), é para que nada seja feito sob determinação de Skarlack. A instrução é que o setor passe tudo para o próprio Gustavo liberar ou não.

A mais recente sandice do secretário coloca sob comprometimento a própria postulação da prefeita Fafá Rosado (DEM) à reeleição. Ele jogou no saite da prefeitura, matéria com foto que se transformou em uma confissão de culpa. Foi na quinta (24).

A postagem era sobre inauguração de uma estrutura do Centro Federal de Educação Tecnológica (CEFET). A própria página da prefeitura revelou a participação de Fafá, o que é vedado pela legislação. Além disso, a divulgação terminou se caracterizando em propaganda irregular explícita. 

Foi o advogado e blogueiro Herbert Mota a primeira voz a alertar para a estupidez, atestando em seu blog (conheça AQUI) as possíveis implicações legais das duas iniciativas. De imediato o material foi retirado do ar, o que denota admissão do deslize.

* Saiba mais sobre esse assunto e os bastidores do poder daqui a pouco.

Categoria(s): Sem categoria
quarta-feira - 30/07/2008 - 06:10h

Pesquisa eleitoral será divulgada domingo


A Tribuna do Norte divulgará no domingo (3) uma primeira rodada de pesquisas sobre o cenário eleitoral em Natal. A empresa Consult é responsável pelo trabalho. 

A sondagem como sempre é muito aguardada.

O Instituto Consult do professor Paulo de Tarso é a empresa do ramo com maior conceito nessa atividade.

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
terça-feira - 29/07/2008 - 17:27h

Políticos em apuros


Ficha suja deixa quase 100% de candidatos sob ameaça de inelegibilidade

Mazargão, uma cidade no sul do Amapá com pouco menos de 14 mil habitantes e nove mil eleitores, vive uma situação inusitada. Sua eleição pode não ocorrer por falta de gente com ficha limpa.

Para a eleição deste ano, o Ministério Público Eleitoral no Amapá pediu à Justiça a impugnação de 44 candidatos no município por terem “ficha suja”. Como outra coligação também sofreu pedido semelhante por registro fora do prazo, 91,7% dos postulantes aos cargos em outubro estão sujeitos à impugnação.

No total, são quatro candidatos a prefeito, seus vices, e 47 dos 52 candidatos a vereadores. Segundo declaração do promotor eleitoral ao site Última Instância, a maioria dos candidatos da cidade padeceria de “falta de moralidade e de condição de inegibilidade.”

Nota do Blog – Ainda bem que só existe no Amapá, não cá, classe política com tamanho nível de sujeira. Ufa!

Categoria(s): Blog
terça-feira - 29/07/2008 - 17:17h

Renato Fernandes pode ter apoio de Lula em Mossoró


O vereador e candidato a prefeito de Mossoró pelo PR, Renato Fernandes, pode dividir o apoio do presidente Lula com a adversária Larissa Rosado (PSB). O próprio presidente liberou (veja matéria abaixo).

A decisão de Lula em permitir que outros partidos da base aliada usem sua imagem, como objeto de atração político-eleitoral, favorece Renato. Ele utiliza-a ou não. Larissa adesivou Lula à sua campanha porque o PSB apóia o presidente e o vínculo a ajuda de alguma forma. 

Renato poderá invocar a parceria com o presidente – que não estará mentindo nem exagerando. Vale salientar ainda, que seu vice Gutemberg Dias pertence ao PCdoB, outro partido da base aliada de Lula.

Caso realmente faça algum comício em Mossoró este ano, Lula terá dois palanques como opções: o de Larissa, onde também está o seu PT com o vice Tércio Pereira, ou o de Renato com PR e PCdoB.

Não é por acaso que Lula transformou-se num fenômeno político-eleitoral.

Categoria(s): Sem categoria
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.