terça-feira - 30/06/2009 - 20:24h

Pão de Açucar pode se instalar em Mossoró


O poderoso grupo "Pão de Açucar" está de olho na economia mossoroense. O mercado em expansão na área estaria atraindo essa holding empresarial.

Tenho informações ainda primárias, mas com dados bem-avançados, que revelam ser a Ilha de Santa Luzia (Avenida Presidente Dutra) o endereço visado pelo Pão de Açucar.

É possível que uma loja do Extra seja implantada.

Nada mais posso adiantar, apesar da vontade.

Categoria(s): Blog
terça-feira - 30/06/2009 - 20:19h

Primeira Página


Vereadores – Os vereadores Lahyrinho Rosado (PSB) e Genivan Vale (PR) participaram de encontro com vereadores de Severiano Melo, Itaú, Caraúbas e Apodi no dia passado. A reunião foi em Severiano Melo. Trataram da integração das câmaras e fortalecimento do trabalho legislativo.

Licença – A Câmara de Mossoró aprovou hoje em primeira votação, projeto de lei do vereador Francisco José Júnior (PMN) que beneficia parte dos servidores municipais. A proposição ditala de cinco para 30 dias a licença-paternidade dos empregados no município, que sejam pais de recém-nascidos.

Rosalba – A senadora Rosalba Ciarlini (DEM) vai ser homenageada pela Aeronáutica. Receberá a medalha do mérito Santos Dumont. Ela recebeu comunicado do brigadeiro do ar, Juniti Saito. O agradecimento é por emenda orçamentária que destina R$ 100 mil para compra de equpamentos para o Hospital da Aeronáutica de Parnamirim.

Betinho – O deputado federal Betinho Rosado (DEM) retornou à Capital Federal, depois de cumprir agendas política e social no RN, no último final de semana. Para esta semana, a sua pauta inclui várias reuniões para definir prioridades em emendas ao Orçamento Geral da União, conforme adianta sua assessoria.

Apodi – Recebi um exemplar de jornal sobre os primeiros 100 dias da administração da prefeita Goreti Pinto (PMDB), de Apodi. Obrigado. O material faz uma amostragem da administração no período. Sucesso.

Categoria(s): Blog
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 30/06/2009 - 20:14h

Prefeito de Tibau poderá receber sentença esta semana


O prefeito Francisco Diniz (PSB), reeleito ano passado em Tibau, está na expectativa e tensão para receber sentença. É do campo eleitoral.

Deverá sair ainda esta semana, a sentença sobre demanda que pede sua cassação por suposta compra de votos.

A decisão está com o juiz eleitoral Cláudio Mendes.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/06/2009 - 19:47h

Agência de propaganda muda de comando


O publicitário Igor Rosado negocia os últimos detalhes  para venda de sua agência de propaganda, a "Quixote". O jornalista Neto Queiroz é o comprador.

Em contato com o Blog, Igor relata a dificuldade de conciliar constantes trabalhos pessoais fora do Estado, para empresas controladas por nomes consagrados como Duda Mendonça e Antônio Lavareda, com obrigações da Quixote.

Em face disso, opta por vender a agência em franco crescimento, a comprometer o atendimento a clientes importantes, como Concret, Colégio Pequeno Príncipe, Salutaris, Potyran etc.

Nota do Blog – Meu caro Igor, boa sorte. Tens fibra e talento, se tiveres foco o sucesso – e a felicidade – lhe chegará às mãos. 

Categoria(s): Blog
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 30/06/2009 - 11:49h

Duas vozes corajosas e solitárias


Dentre os muitos, tantos, vários e múltiplos blogs que se espalham pelo Rio Grande do Norte, dois se destacam e se sobressaem pela independência, pela coragem e principalmente pelo desafio diário de seus autores em exercer nos seus espaços um jornalismo sério e responsável.

Falo do Blog do Carlos Santos e do Blog do Barbosa, respectivamente escritos pelo mossoroense Carlos Santos e pelo natalense Carlos Alberto Barbosa.

Ambos não perderam a capacidade de indignação que deve mover um bom repórter e nem se entregaram à força do estabilishmet que desde há alguns anos vem transformando o Rio Grande do Norte em um imenso e inóspito deserto de assessores travestidos de jornalistas.

Santos, de Mossoró, a quem conheço e admiro há quase 30 anos, é um guerreiro solitário contra os maus costumes e os péssimos hábitos que ameaçam o poder público da cidade – leiam aqui para saber de um dos muitos exemplos.

Barbosa, de Natal, eu não tive ainda o prazer de conhecer pessoalmente – mas sei por amigos próximos e companheiros em comum que é um profissional acima de qualquer suspeita, tanto que não se calou diante da absurda e inexplicável viagem da prefeita da capital, e de seus 40 convidados, à lusitana Lisboa.

* Extraído do Blog Brasília, Urgente (AQUI).

Nota do Blog – Obrigado pela generosidade das palavras, meu caro Luís Fausto. Mas não faço heroísmo. Faço o que gosto, o que é-me prazeiroso.

Nem mártir, nem vítima: sou um repórter incansável. Inclusive com direito ao cabotinismo de repercutir essa matéria sua. Tenho ego.

Categoria(s): Paulo de Tarso Fernandes
terça-feira - 30/06/2009 - 11:42h

Pensando bem…


"Nada pode ser exigido daqueles a quem nada se dá". 

Henry Fielding

Categoria(s): Pensando bem...
terça-feira - 30/06/2009 - 11:40h

O ponto que complica


Estive pensando no dilema que devem viver os funcionários – lotados nos gabinetes em Brasília – mas que moram em Mossoró, quando é decretado um ponto facultativo.

É ponto facultativo aqui, mas não é lá.

E quando é lá e não é aqui?

Fazer o quê?

É complicado.

* Extraído do Blog do Thurbay Rodrigues (AQUI).

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/06/2009 - 11:37h

Cidade Junina encolhe, mas tem pontos positivos


O domingo (28) abrigou encerramento da 13ª edição do “Mossoró Cidade Junina”. Uma análise fria do evento, com apanhado de depoimentos diversos e mergulho em suas entranhas, revela que sua “terceirização” não passou de um “arranjo”, para privatização de lucros num evento público.

Mas ocorreram avanços.

A contratação da empresa A-Sim de Recife, num processo licitatório que teve seu resultado antecipado por este Blog, por si só já mostrou os rumos da iniciativa. Estava contaminado por vícios. Num ambiente sério o caso seria de polícia e não para colunas sociais.

Mesmo assim, chegamos a 14 dias de festas.

O Cidade Junina consagrou-se como uma “festa doméstica”. Na prática, encolheu em relação ao período do governo de sua criadora, a hoje senadora Rosalba Ciarlini (DEM), quando chegou a ocupar todo o mês de junho.

O slogan de “maior” do Brasil é um embuste digno de piadas. Foi propagado apenas pela maioria da imprensa local e o governo municipal. Na prática não resultou em dividendos que derivassem do turista.

O fluxo de pessoas foi amplamente de expectadores internos e da região. Jamais motivou o carioca, paulista, mineiro, baiano ou mesmo sequer os vizinhos cearenses ou paraibanos. Sem estradas e sem aeroporto, sem diferenciais?

Anote-se que a organização não conseguiu atrair sequer um restaurante para se instalar na Praça de Eventos. Tinha expectativa de pelo menos oito ou seis.

A enorme aglomeração humana sempre foi pontual e específica, ou seja, para acompanhamento de shows de atrações que fazem multidão aqui e em outros lugares. Quem juntou a massa não foi o Cidade Junina, mas artistas como Aviões do Forró, Forró do Muído, Leonardo etc.

Na realidade, não há comparativo com promoções do gênero no Nordeste, sobretudo Campina Grande (PB), Caruaru (PE), Aracaju (SE) e outras tantas, principalmente na Bahia. Em Campina Grande a festança tem mais de 30 dias. Circulação de mais de 1 milhão de turistas. Caruaru chega a 1,5 milhão e só deverá terminar por volta do dia 10 de julho.

A prefeitura engendrou uma estranha terceirização, onde quem mais trabalhou foram seus próprios servidores. De adereços da decoração à mão-de-obra, na prática a festa continuou sendo estatal.

Pagou-se duas vezes. Só que esse custo “por fora” não aparece na contabilidade e hoje é difícil realmente saber quanto foi torrado. A princípio e oficialmente, passa dos R$ 3 milhões, mas o próprio governo se nega a informar detalhes, apesar de cobrado por vereadores oposicionistas na câmara.

Mas tivemos aspectos positivos.

A segurança interna na área das festas foi perto da perfeição, com uso de câmeras de segurança, maior número de homens e mulheres trabalhando nessa tarefa, além de utilização de detectores de metais (armas).

A “Cidadela” ao lado da Capela de São Vicente manteve-se como uma ilha à parte, excludente, separando uma classe – supostamente mais abastada – do povão.

O próprio espetáculo “Chuva de Bala”, no adro da capela, recuperou o aplauso sob a direção didática e segura de João Marcelino.

Foi acertada, ainda, a transferência das apresentações de quadrilhas (juninas, que fique claro), para um pavilhão erguido próximo ao Jornal de Fato na Avenida Rio Branco. Talvez tenha sido o melhor de toda a festa.

O que pode ser tirado dessa experiência? A patota da prefeita Fátima Rosado (DEM) é inábil, autosuficiente e está longe de sustentar o Cidade Junina, que é realmente um patrimônio acatado pelos mossoroenses.

Que venha 2010.

Categoria(s): Blog
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 30/06/2009 - 11:35h

Agripino quer saída de presidente do Senado


O líder do DEM no Senado, José Agripino, já definiu sua posição quanto à permanência de José Sarney (PMDB) na presidência da Casa:

Vai pedir que ele se licencie.

"Vou defender que Sarney se licencie da presidência enquanto as investigações se processam para garantir a isenção dos trabalhos", disse, de Brasília.

Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/06/2009 - 11:19h

Gustavo quer saber origem de fotos comprometedoras


O dia de ontem foi de muito estresse no gabinete do agitador cultural Gustavo Rosado, no Palácio da Resistência. Não é para menos.

Ele desencadeou operação envolvendo servidores diretos, auxiliares externos e alguns "arapongas" remunerados – ou meros puxa-sacos. Segmentos da mídia também foram consultados.

O denominado "prefeito de fato" quer saber como o Blog do Carlos Santos tem obtido uma série de fotos a seu respeito. Muitas das quais mostram Gustavo em situações comprometedoras, que depõem contra a liturgia do cargo de chefe de Gabinete.

E olha que o Blog não publicou o impublicável, pois não vamos cair nessa seara. Aqui é um espaço decente, que respeita a família acima de tudo. O pessoal só se justifica quando ele tem a ver com o público.

Nota do Blog – Vou lhe ajudar, meu querido Gustavo, webleitor fiel dessa página: ´

O acervo do Blog é substancialmente alimentado pela própria "corte". O poder é um cadafalso, onde prospera a conspiração.

A grande maioria do material advém de pessoas insatisfeitas com seu comportamento mundano, arrogante e perseguidor. Não há nada enviado por "inimigo" ou adversário.

Sequer preciso sair de minha cadeira de trabalho para chegar a tanta coisa estranha.  Abundam aí, chegam aqui. Quase on line.

Tudo é reflexo do seu despreparo para lidar com gente. Transforma amigos e aliados em súditos e bufões. Os efeitos colaterais estão vindo logo atrás.

Veja AQUI o que fez o agitador cultural entrar em erupção.

Foto: Acervo do Blog do Carlos Santos (executada no dia 20 de novembro de 2008, às 18h44, na sala da Chefia de Gabinete da Prefeitura de Mossoró, Palácio da Resistência).

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/06/2009 - 10:39h

Gerais… Gerais… Gerais… Gerais


A TV Cabo Mossoró (TCM) vai lançar em café da manhã, em sua sede, a sua mais nova atração: trata-se do TCM Notícia. O evento será às 8h30 da quarta (1º). Ao meio-dia e 45 minutos do mesmo dia o programa entrará no ar. Sucesso.

O livro “Encontos e desencontos”, do jornalista e escritor Cefas Carvalho, será lançado na próxima sexta (3) na Livraria Siciliano, do Midway Mall (agora no 3º piso) das 19h às 22h.São 25 contos, alguns inéditos e extensos, como “Sociedade Secreta dos bebedores de Café” e “Clara” e outros curtos e já publicados em revistas, jornais e blogs. Um destes contos, “Lana”, foi publicada na coletânea “Entrelinhas” da editora paulista Andross. Saiba mais sobre o autor, meu querido amigo, AQUI.

Obrigado à leitura deste Blog a Jaciara Gomes (Mossoró), Flávio Alcântara (Natal) e Sérgio Rangel-Folha de São Paulo (Brasília).

Hoje é o último dia de inscrição para o concurso de vídeo de bolso. O Festival Usina da Cultura premiará os melhores trabalhos produzidos com câmera de celular que abordem o tema “Rio Mossoró: alegria e tristeza de um povo”. O resultado da seleção será divulgado no dia 02 de julho. Já no dia 03 será realizada a cerimônia de premiação, às 19h, no Espaço Villa Oeste. Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Nelson Queiroz
terça-feira - 30/06/2009 - 10:21h

Consumidor mostra absurdo do “quase-shopping”


O webleitor George Duarte escreve ao Blog, com reforço à campanha contra a espoliação que o "quase-shopping" Mossoró West arma para os consumidores. A cobrança de estacionamento, com o valor para carro chegando aos R$ 5,00 é motivo de piada. Risível.

Leia-o abaixo:

Estive em um dos maiores shoppings do Nordeste: O Salvador Shopping. Oferece alguns serviços para seu conforto e comodidade. Detalhe sem cobrar nadinha: Espaço Família – PISO L2 • Empréstimo de carrinhos de bebê • Fraldário • Área para amamentação FRALDÁRIO – PISO L3 CAC – PISO L2 • Centro de Atendimento ao Cliente • Empréstimo de cadeiras de rodas • Achados e perdidos, Sanitários Infantis, – No PISO 3 Saniatários Especiais para quem tem dificuldade de locomoção.

No 3 - Telefones para deficientes auditivos;

No Piso L1 – Carrinhos no Estacionamento, Exclusivo para pessoas com dificuldade de locomoção; Táxis credenciados;

Nas três entradas principais há estacionamento com manobristas, grátis.

Trata-se do maior shopping center em área do Norte-Nordeste e o segundo do Brasil, com cerca de 180.000 m2 de ára construída.

Em número de lojas, o Salvador Shopping é o segundo maior. Após a conclusão de sua segunda etapa, prevista para 2009, ele terá 464 lojas (atrás apenas do Iguatemi, que tem 562 lojas).

Nesta primeira etapa são 263 estabelecimentos, 8 salas de cinemas e espaço para jogos eletrônicos, o Game Station. como cinema, 8 salas em formato MegaStadium da rede Cinemark. Na sua ampliação, prevista para outubro de 2009, o Salvador Shopping prevê a criação de mais 201 lojas, totalizando 464, sendo 4 âncoras (Lojas Americanas, Etna, Leader e Livraria Cultura) e 6 megalojas (Nike Store, Lacoste, Casas Bahia, Sony, Spicy e Le Lis Blanc).

Detalhe: Estacionamento Grátis.

Será  que cabe o West Shopping dentro? É mole, painho, ou quer mais?

George Duarte.

Nota do Blog – Sem esquecer, George, que o West Shopping inovou com sua área naturalista, introduzindo moscas em sua praça de alimentação, para o consumidor ter essa convivência "saudável" com o mundo tropical.

Categoria(s): Blog
  • Repet
terça-feira - 30/06/2009 - 10:08h

Financiamento de pré-campanha, campanha e pós-campanha


Continuo cada dia mais enraizado na tese contra o “Financiamento Público de Campanha”, que boa parcela da elite política do Brasil defende. Quer sua consagração em lei, para ampliação do que na realidade já existe a beneficiá-la.

Como já escrevi anteriormente sobre o tema, o Brasil adota sistema misto: há financiamento privado (doações) e estatal aos partidos e políticos.

O fundo partidário é a parte visível, na superfície, que garante algum dinheiro às siglas do próprio erário. Temos ainda a propaganda eleitoral “gratuita” nessa mesma seara.

Porém é a montanha de dinheiro para sustentar mandatos, que mais revela injustiça e desigualdade, tornando a renovação política tão lenta e residual. Essa fonte de abastecimento passa quase imperceptível, mas é avassaladora.

O parlamentar federal, por exemplo, recebe dinheiro a mais para promover-se, pagar mais assessores fora de Brasília, combustível etc.  Todo santo mês. O fundo atende pelo apelido de "Verba Indenizatória".

Inconcebível que um senador precise ter em seu gabinete 26 ou 38 assessores, caso da senadora Rosalba Ciarlini (DEM). Um chefe de gabinete, assessor jurídico, assessor de imprensa, secretária-telefonista, motorista e de dois a quatro outros auxiliares dariam conta da demanda parlamentar e contatos com bases nos estados.

Na realidade, o que existe é um financiamento de pré-campanha, campanha e pós-campanha com o dinheiro espoliado de milhões de brasileiros. Enquanto isso, quem se aventurar numa disputa, saindo de origem ou base simples, terá escassa chance de vitória.

Isso é democracia?

Com a oficialização do “Financiamento Público”, o desnível será ainda maior. A tendência é que tenhamos não apenas o “Caixa 2,” mas o 3, 4 e aí por diante.

Os que advogam essa barbada miram-se em exemplos de democracias avançadas, como nos Estados Unidos. Outra realidade, inclusive com analfabetismo praticamente zero, povo com ampla consciência de cidadania, economicamente estável e que possui sistema eleitoral muito diferente do nosso.

Já que adoram transplantar fórmulas, eles deveriam seguir mentalidade moral-legalista dos estadunidenses. Por lá vetam emprego de parentes na máquina pública (nepotismo cruzado é punido severamente), não permitem clientelismo ou assistencialismo, são implacáveis contra a corrupção e têm casas parlamentares de custos mais modestos.

Aqui, a esperteza arranja sempre argumentos cínicos e irreais, para justificar a expropriação e privatização do bem público. Embrulha o estômago.

O professor Sérgio Buarque de Holanda, em seu clássico “Raízes do Brasil,” endossa minha palavras: “Falta a tudo ordenação impessoal que caracteriza a vida no Estado burocrático”.

Simplificando: o bem comum, patrimônio da coletividade, não deveria ser a casa-de-mãe-joana ou a casa-de-noca, muito menos um bem de família. Aqui embaixo a massa-gente apalermada ainda aplaude, briga e ruge em defesa dos seus dominadores.

Por isso que se mantém tão atual o que escreveu o francês Lá Boétie há mais de 460 anos, no clássico “Discurso Sobre a Servidão Voluntária”, focando os donos do poder. Atualíssimo, que se diga:

- “(…) O que geralmente acontece é tudo fazerem para transmitirem aos filhos o poder que o povo lhes concedeu.”

Categoria(s): Blog
segunda-feira - 29/06/2009 - 22:05h

Equipe de Rosalba Ciarlini tem situações estranhas


Na relação de assessores dos senadores potiguares, a que mais causa embaraços é a referente à senadora Rosalba Ciarlini (DEM). A abundância de comentários, questinamentos e informações “esclarecedoras” atesta isso.

O Blog é informado, por exemplo, de três casos surpreendentes até para os milhares de eleitores da “Rosa”. Na lista existem pelo menos três parentes de políticos “adversários” da senadora.

Dá para entender? Será que estaria existindo “nepotismo cruzado”?

São os seguintes: Adjuto Dias de Araújo Neto, filho do deputado estadual Álvaro Dias (PDT), que reside em Natal; Nelsira Lula de Queiróz Santos, irmã do deputado estadual Nélter Queiróz (PMDB) e Munique Bessa da Silveira (residente em Mossoró), filha do ex-deputado estadual Francisco José (PMN).

Gente que mata e morre pela senadora, da “infantaria” de luta, não entende a prioridade pelo avesso. Eles esgoelam-se, arranjam inimizades, assumem sacrifícios pessoais e terminam sobrando.

Ana Maria Dutra Dantas Amorim seria sogra de Marlos, filho de Rosalba e do ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado (DEM). Também não reside em Brasília. A propósito, Marlos é servidor não-concursado do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Patrício José Chaves Fernandes de Figueiredo tem outra situação esquisita. É estudante do curso de Medicina em Natal, numa faculdade privada. Desde 11 de julho do ano passado é assessor comissionado da senadora, supostamente em Brasília. É filho da vice-prefeita de Martins, Olga Fernandes.

Tem mais: Maria Alcineide Andrade é tão-somente diretora administrativa da Rádio Tapuyo de Mossoró, hoje RPC, controlada pelo grupo da senadora. Também com endereço em Mossoró.

O bacharel em Direito e ex-tesoureiro da Prefeitura de Mossoró João Henrique Maia de Farias, marido da ex-vereadora Arlene Sousa, consta na assessoria. Tem moradias entre Natal e Mossoró.

Francisco Galbi Saldanha é servidor efetivo da Assembleia Legislativa. Mora em Natal. Foi contratado há mais de 25 anos. Carlos Augusto era deputado. Estranho que esteja em dois lugares ao mesmo tempo. Quando Rosalba era prefeita, ele também tinha cargo comissionado na prefeitura.

Já sua mulher Tereza Maria de Queiroz Saldanha teria outro cargo também na Assembleia Legislativa.

É necessário salientar, que a maioria desses nomes foi identificada pelo próprio internauta. Não significa dizer que não trabalhem ou estejam em situação irregular.

Porém não estranho essa reação à lista, principalmente de pessoas que se consideram “rosalbistas de carteirinha”.

Veja AQUI a lista completa do gabinete da senadora. O restante está na relação de assessores da Comissão de Assuntos Sociais, que ela dirige.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 29/06/2009 - 21:34h

O legal e o imoral na lista de assessores dos senadores


A lista de servidores dos gabinetes – em Brasília – dos três senadores do RN, que o Blog publicou no domingo (28), até agora deixa muita gente atordoada. Não deveria.

É preciso uma gota de sensatez para separarmos o joio do trigo.

De imediato, praticamente tudo que foi exposto deve estar dentro da lei. Podem existir contratações até estranhas, mas parecem endossadas pela lei.

Não significa dizer que tudo que seja legal, seja moralmente aceito.

Cada um dos senadores tem assessores diretos lotados em seus gabinetes em Brasília. Uma parte pode atuar em seus estados de origem;

Se todos fossem "socados" nos respectivos gabinetes, teríamos um verdadeiro genocídio. Não há espaço;

Além dos gabinetes, há cargos em outros setores do Senado, como nas comissões técnicas;

Dizer que todos os nomes mostrados "não fazem nada", "não trabalham" etc., é generalizar e errar feio.

O Portal da Transparência do Senado, que colocou no ar as informações, simplificadas por este Blog, cumpre uma missão constitucional sem precedentes. Abre à sociedade o que não pode e não deve ser escondido.

Volto já com suspeitas que pairam sobre alguns nomes das listas.

Categoria(s): Blog
segunda-feira - 29/06/2009 - 21:31h

Mossoró “vinga-se” do “Pânico”


O programa "Pânico" da Rede TV ofereceu um "direito de resposta" à população de Mossoró, em sua edição de ontem à noite. Seguiu seu estilo escrachado.

"Recados de Mossoró para Christian Pior" foi a denominação do quadro. Resumiu-se à edição de vários pequenos depoimentos de populares da cidade, soltando impropérios para o personagem que à semana passada esculachou o "Cidade Junina" e Mossoró.

Veja AQUI.

Nota do Blog – Inocente, o grosso da população vê o programa como causador de toda essa celeuma.

Não consegue enxergar que foi o governo municipal quem patrocinou a importação do Pânico.

Em Mossoró, os humoristas apenas fizeram o normal em seu estilo. Como sempre fazem, de Brasília a Nova Iorque.

P.S: Observe que o microfone usado nas gravações das sonoras com os mossoroenses, é da Sim TV (afiliada da Rede TV). Não foi uma ação direta do próprio programa e sim uma solução emergencial para atenuar o impacto negativo do programa anterior.

Categoria(s): Paulo de Tarso Fernandes
segunda-feira - 29/06/2009 - 21:16h

Quem é quem na seleção dos senadores potiguares


Tem sido um pandemônio o número de acessos ao Blog desde ontem. As postagens sobre a lista de assessores dos senadores potiguares é o principal chamariz.

A quantidade de comentários não me surpreende. Mas boa parte tive que reprovar, em face de insultos e não-identificação. Foram mais de 36 até este momento, nessas condições. 

Outros com endereços falsos, mas com contribuição ao que é noticiado – de forma respeitosa, – terminei por permitir a publicação.

O "quem é quem" tem revelado informações interessantíssimas. Mostra como é importante a transparência.

Volto já dando outros enfoques sobre o tema. Não saia daí.

Categoria(s): Blog
segunda-feira - 29/06/2009 - 20:40h

“Quase-shopping” prepara espoliação de consumidores


Às vezes fico intrigado com certas medidas da área pública. Mas o setor privado também não é um poço excelência. Vezes por outra delira.

O caso que tenho à mão é emblemático:

O "quase-shopping" Mossoró West costura providências para começar a espoliar potenciais consumidores a partir do próximo dia 6 (segunda). Vai cobrar R$ 5,00 por acesso de qualquer carro e R$ 2,5 para cada motociclista.

A tolerância para estacionamento sem cobrança será de 15 minutos. Depois disso, mão no bolso.

A medida é antipática e inconsequente.

No vitorioso e consolidado Midway Mall (Natal), com três pavimentos e cerca de 200 lojas, estacionamento coberto para cerca de 4 mil veículos, não existe essa taxação.

Qualquer pessoa razoavelmente bem-informada sabe que shopping começa a vender a partir do fluxo de pessoas. Pesquisas apontam que cerca de pouco menos de 15% do passante terminam comprando.

Os condôminos preparem-se para maiores dificuldades.

E é bom lembrar que até agora os controladores do equipamento não cumpriram boa parte das promessas de sua propaganda inicial. Cadê o cinema? Cadê o hipermercado?

Vão enfrentar mais dificuldades. Lamentavelmente é o que se desenha.

Categoria(s): Blog
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 29/06/2009 - 11:47h

A língua afiada de Thurbay


Apesar de atravessar delicado problema de saúde, o jornalista Thurbay Rodrigues continua com a língua afiada.

Seu humor sarcástico está destilado em várias notas demolidoras, através do seu blog. Faz uma crítica inteligente e formadora de opinião.

Se você duvida, olha AQUI.

Ah, tape o nariz!

Categoria(s): Blog
segunda-feira - 29/06/2009 - 11:40h

Pensando bem…


"O prêmio por uma coisa bem feita é tê-la feito." 

Ralph Waldo Emerson

Categoria(s): Pensando bem...
  • Repet
segunda-feira - 29/06/2009 - 11:14h

Tema da “maioridade penal” tem opinião de conselheiro


Referente ao artigo "Nova maioridade penal: Fundo Pré-fixado para o Crime", o webleitor Flávio Roberto, integrante do Conselho Tutelar de Mossoró, apresenta ponto de vista interessante.

Caro Carlos Santos, reduzir a maioridade penal é tratar o efeito, não a causa. É encarcerar mais cedo a população pobre jovem, apostando que ela não tem outro destino ou possibilidade; do exemplo dado, se faz necessário observar, que fatores levaram estas e levam outras crianças a cometerem crimes – endossa Flávio.

Leia AQUI a íntegra de sua opinião.

Nota do Blog – No geral, Flávio vai ao encontro do que escrevi na manhã de hoje, mais abaixo.

Categoria(s): Blog
domingo - 28/06/2009 - 18:13h

Comportamento de Rosalba causa estranheza à internauta


Pipocam de vários segmentos da sociedade apoio à tese levantada por este Blog, quanto à responsabilidade da senadora Rosalba Ciarlini (DEM), nos desmandos na Prefeitura de Mossoró.

A senadora foi às ruas em duas campanhas (2004 e 2008) vender a enfermeira Fátima Rosado (DEM) como "continuadora" de sua obra. Seria uma guardiã dos interesses públicos e legítima representante das aspirações populares.

Rosalba praticou crime de lesa-Mossoró, além de estelionato político.

Veja o que comenta a internauta Samara Dantas:

Pense Carlos Santos, na marmota ontem (sexta, 26) no "Cidadela" também aff!!

Não tem quem suporte esse povo e a senadora era só posando para fotos, para sair nos sites. Ela com Solineuza (Fátima Rosado), o songamonga (deputado Leonardo Nogueira-DEM), Robinson Faria (PMN) e um monte de puxa-sacos.

Ssei não… É um porre, viu? 

A senadora deveria era ter vergonha do que colocou na prefeitura não é?

Samara Dantas

Nota do Blog – Samara, Rosalba tem enorme dívida moral com Mossoró. O mínimo que deveria fazer era pedir desculpas públicas por esses crimes contra o povo.

É estranho "adorar" Mossoró e ajudar no maior butim da história do município. E seu silêncio quanto a temas delicados é quase que endosso ou cumplicidade.

Lamentável.

Categoria(s): Blog
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.