segunda-feira - 30/11/2009 - 15:29h

Desistência leva Eraldo Paiva a presidir PT do RN


Eraldo Paiva será o próximo presidente do Partido dos Trabalhadores (PT-RN). A confirmação é do deputado estadual Fernando Mineiro (PT).

"Não haverá mais o segundo turno. Hoje Olavo, em reunião da Executiva, desistiu da candidatura", acrescenta o parlamentar.

No Processo de Eleições Diretas (PED) realizado dia 22 último no Estado, Eraldo (que é vereador em São Gonçalo) obteve com 48% dos votos. Já Olavo Ataíde, secretário de Assuntos Institucionais da sigla, obtivera 43% dos votos.

Na sexta (27), Olavo Ataíde renunciou à candidatura, formalizando a posição nesta segunda (30).

O segundo turno aconteceria no próximo dia 6. A posse deverá ocorrer em fevereiro-2010, em data a ser definida ainda.

Categoria(s): Sem categoria
segunda-feira - 30/11/2009 - 15:06h

Filme sem graça


Há cerca de duas semanas, numa operação conjunta e cinematográfica, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal ocuparam o Centro de Mossoró. Ação inócua.

A tarefa hercúlea das duas autarquias federais objetivou apreender milhares de DVD´s e CD´s piratas. Menos de uma semana depois, o cenário apenas se repete. As vendas continuam prósperas.

Tanto esforço pra nada.

Trabalho que vai gerar amontoados de inquéritos e nada de concreto para o grosso da sociedade. A piada se completa com a informação de que o caminhão com toda a carga apreendida terminou virando na BR-304.

Esse filme está ficando sem graça.

Categoria(s): Nelson Queiroz
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 30/11/2009 - 11:58h

Empresário-pastor evangélico morre em acidente de carro


O corpo do empresário e pastor evangélico Rosemberg Borba de Brito, 51 anos, morto em um acidente no último sábado (28), no município de Fervedouro (MG), está vindo de Belo Horizonte para Natal, com previssão de chegar à capital potiguar à meia-noite desta segunda (30), de acordo com informações do seu irmão, Rusemberg Borba de Brito. 

Rusemberg disse ainda que o corpo será velado na Igreja da Glória de Deus, em Lagoa Seca, próximo ao shopping Midway Mall, até às 14h desta terçaa (01), sendo sepultado às 15h no Cemitério Parque, em Nova Descoberta. 

O pastor e empresário, diretor-presidente da loja Brito´s Scapp, faleceu quando o veículo em que viajava, um Honda Civic (DSZ-8585/SP), se chocou com um Palio Weekend, com quatro mulheres, no Km 644, da BR-116.

O Honda Civic era dirigido pelo pastor Luciano Russo, 38 anos, que sofreu lesões leves.

Saiba mais AQUI.

Nota do Blog – A vítima é natural de Carnaubais.

Ele é irmão de Gutemberg Brito de Macedo, um dos mais bem-sucedidos consultores de empresa em São Paulo.

Gutember chegou a morar em Mossoró, onde foi aluno do Colégio Diocesano Santa Luzia.

Categoria(s): Nelson Queiroz
segunda-feira - 30/11/2009 - 11:52h

Execuções Penais promoverá 177 audiências em Mossoró


De hoje até quarta (2), o Grupo de Apoio às Execuções Penais da Corregedoria de Justiça (GAEP) vai realizar 177 audiências em Mossoró. Dá prosseguimento ao trabalho de inspeção prisional na comarca.

Serão vistas situações de presos que comportam benefícios de diversas modalidades, dentre os quais a progressão de regime e o livramento condicional.

O Grupo de Apoio às Execuções Penais é formado por juízes e servidores do Judiciário, nomeados pela presidência do Tribunal de Justiça do RN (TJRN) e está fazendo um mutirão carcerário em todo o Rio Grande do Norte. Em Mossoró, o Grupo entrevistou 564 presos provisórios ou já condenados, custodiados na Cadeia Pública, Penitenciária Mário Negócio, Batalhão da Polícia Militar, delegacia de Serra do Mel, Hospital da PM, Defur e na 2ª DP, onde estão detidas 33 mulheres.

Em Mossoró, o Gaep identificou cerca de 1.200 processos de réus presos ou condenados que devem ser observados um a um para ver aqueles que tem direito aos benefícios previstos em lei. O Grupo visitou pessoalmente os estabelecimentos prisionais para fazer um levantamento das condições em que os presos estão sendo mantidos sob custódia do Estado.

Criado em junho deste ano pelo corregedor Geral de Justiça, desembargador João Rebouças, o Gaep já analisou 4.265 processos que resultaram na concessão de benefício a cerca de 440 detentos, entre progressão de pena e livramento condicional. Além da extinção de mais 84 processos, normalmente de pessoas acusadas de crimes ou de presos que já faleceram.

* Com informações da Corregedoria do TJRN.

Categoria(s): Blog
  • Repet
segunda-feira - 30/11/2009 - 10:16h

O cadáver no armário do DEM


A crise do DEM de Brasília respinga no RN?

Não necessariamente. Mas equilibra discurso na luta nacional, fragilizando o partido do senador José Agripino (DEM).

No placar, pelo visto, tem um "mensalão" para cada lado.

O governador José Roberto Arruda (DEM), envolvido em escândalo de compra de políticos para amparo em base parlamentar, era "vendido" como gestor exemplar. Seu governo era proclamado como "obreiro" e "honesto".

A operação da Polícia Federal deixa pouca margem à dúvida quanto ao envolvimento do governador no esquema. Até imagem com ele negociando a grana está por aí.

Hoje, Arruda é um político putrefato. Exala péssimo odor. Sua decomposição pode afetar pesadamente o DEM, mesmo que seja expurgado às pressas.

Não é fácil conviver com um cadáver político no armário. E esse fede além da conta.

Categoria(s): Blog
segunda-feira - 30/11/2009 - 10:01h

Voto a favor


O professor, advogado e ex-secretário do Natal e do Estado do RN Honório de Medeiros faz-me uma indagação:

- Em quem você não vota para governador e senador, em 2010, e por quê?

A "pegadinha" faz parte de uma série que ele posta em seu Blog, ouvindo semanalmente alguém.

Veja o que respondi:

- O jornalista Paulo Francis dizia o seguinte: "Eleição no Brasil é sempre a escolha do menos ruim".

Talvez ele estivesse certo.

Nunca votei apenas por ser contra, mas em favor de alguém ou de ideias (partido). Não tenho vetos, sob uma ótica fundamentalista. Tenho votos.

E, como costumo fazer a cada eleição, vou no devido tempo anunciar publicamente os meus escolhidos.

Carlos Santos.

Veja o Blog de Honório de Medeiros AQUI.  

Categoria(s): Blog
  • Repet
segunda-feira - 30/11/2009 - 09:43h

Política Capital (Mercado & Negócios) – 07


Sal & Brasa – Grife em termos de churrascaria rodízio, a Sal & Brasa estuda mercado mossoroense. Glutões, portanto, façam figa. Essa empresa tem alto padrão de qualidade em sua área e público fidelíssimo.

Bom Preço – Prestes a inaugurar sua primeira loja no interior do Rio Grande do Norte no próximo mês, o grupo norte-americano Wal-Mart já cogita uma segunda unidade também em Mossoró. A marca Bom Preço é escolhida para representar essa cadeia varejista, considerada a maior empresa do mundo, com mais de 1,7 milhões de empregados no planeta.

Bistrô Lyon - O Bistrô Lyon tem se constituído numa das boas referências da Praça da Convivência em Mossoró, Avenida Rio Branco (Centro). Boa cozinha, que se diga. Não podia ser diferente com as mãos zelosas do seu proprietário, Doziteu Ozanam. Sucesso, pois.

Sushi Garbos – Essa é uma nova ala da área de lazer e gastronomia aberta pelo Hotel Garbos (Mossoró), localizado próximo ao giradouro de saída para Fortaleza. O investimento aposta em requinte diferenciado, além de alta profissionalização no trato dos produtos. Sucesso.

Hiper Queiroz – No dia próximo dia 3 (quinta), uma das melhores jogadoras do vôlei brasileiro de todos os tempos, Virna, vai estar em Mossoró para visitar o Hiper Queiroz do Mossoró West Shopping. Às 14h, a atleta chegará à loja para atender o público em uma tarde de autógrafos. Às 15h, será realizada coletiva de imprensa.

Cacim – O Centro de Análises Clínicas e Imunológicas de Mossoró (CACIM) abre amanhã (1º), a sua quarta unidade de atendimento na cidade de Mossoró. Fica localizada à Avenida Francisco Mota, 29, próxima à Ufersa, no Alto de São Manoel. A empresa chega aos 20 anos de atividade.

Novo Jornal – O recém-lançado Novo Jornal (Natal) vai apostar maciçamente no mercado mossoroense. O diário comandado pelo jornalista Cassiano Arruda, observa Mossoró como nicho estratégico no mercado editorial potiguar. Assinaturas e vendas avulsas, com forte marketing, farão parte dessa campanha. 

Azul – A empresa Azul Linhas Aéreas vai começar a operar no Rio Grande do Norte, a partir do Aeroporto Augusto Severo em Parnamirim. Será a partir de amanhã (1º). A primeira rota a ser cumprida será entre Natal e Campinas (SP).

Pós-Venda – Um tipo de serviço ignorado pela maioria dos empresários, é top na empresa Centro Òtico com seis lojas no RN. O pós-venda funciona. Quem adquire produto seu é contactado posteriormente para se dimensionar o bem-estar ou não do cliente. Posso atestar. É por aí. Exemplo a ser seguido.

Dívida – Os contribuintes com dívidas com a União têm até hoje (30) para pedir a revisão dos débitos. Até a última sexta (27), 829.251 pessoas físicas e jurídicas fizeram o pedido de adesão ao parcelamento. Desse total, 434.288 já pagaram a primeira prestação, condição necessária para que a inscrição no programa seja confirmada.

Categoria(s): Blog
segunda-feira - 30/11/2009 - 00:01h

Senador do DEM em reflexão no Twitter


- Se erros foram cometidos, o partido não pode acolher estes erros.

Comentário do senador e líder do DEM no Senado, José Agripino, sobre o escândalo do "mensalão" que envolve o governador de Brasília, José Roberto Arruda (DEM).

Ele postou esse ponto de vista há poucos minutos, na rede de microblogs Twitter.

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
domingo - 29/11/2009 - 23:42h

Iberê cumpre agenda política em Carnaubais e Caicó


O vice-governador Iberê Ferreira de Souza (PSB) e a governadora Wilma de Faria (PSB) participaram da missa alusiva aos 70 anos da Diocese do município de Caicó na tarde deste domingo (29).

A celebração reuniu milhares de fiéis no Ginásio Monsenhor Antenor Salvino de Araújo, no Complexo Turístico Ilha de Sant’Ana. A missa foi celebrada pelo bispo diocesano Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz.  

“Há 7 décadas a Diocese vem levando o evangelho aos seridoenses. Esse trabalho é fundamental para a construção de uma sociedade mais justa”, disse Iberê.

O prefeito Bibi Costa (PR) e o deputado estadual Vivaldo Costa (PMN) também estiveram presentes na solenidade.

Pela manhã Iberê esteve em Seminário de Formação e atualização Política em Carnaubais, organizado pelo prefeito Luizinho Cavalcanti (PSB). 

* Com informações da Assessoria de Imprensa de Iberê Ferreira.

Categoria(s): Sem categoria
domingo - 29/11/2009 - 23:23h

Letra e Música – 77


Polêmicas à parte, façamos o seguinte: vamos curtir a boa música de Caetano Veloso. Escolho Alegria, Alegria.

É recheada de metáforas. Contestadora. Faz apologia cifrada da liberdade e da vida.

(…) Por entre fotos e nomes;
Sem livros e sem fuzil;
Sem fome, sem telefone;
No coração do Brasil

Obra do final dos anos 60, tempos de chumbo e supressão dos direitos civis, essa música revela bem o gênio do autor.

Boa semana.

Veja a letra AQUI;
Veja o vídeo AQUI

Categoria(s): Letra e Música
  • Repet
domingo - 29/11/2009 - 22:52h

Agripino acha “estranho” escândalo com governador do DEM


Ouvido pela Folha de São Paulo sobre o escândalo do "mensalão" do governador de Brasília, José Roberto Arruda (DEM), o senador José Agripino (DEM) saiu com uma abordagem pra lá de pueril. Inconsistente.

O líder do DEM no Senado disse considerar estranho a operação da Polícia Federal, por "vir à tona em ano pré-eleitoral”.

Assegurou que o partido mantém confiança no governador e mediu, ainda, que "a imagem do partido não fica nem abalada nem desabalada".

Nota do Blog – Senador, estranho investigar um agente público em ano pré-eleitoral?

Se fosse em ano eleitoral seria menos suspeito? Se fosse um ano após as eleições, daria para desconfiar?

A PF, Ministério Público e outros organismos fiscalizadores (como o próprio Congresso Nacional) precisam de um tempo próprio à apuração de eventuais desvios de conduta de um agente público?

Confesso que não entendi.

Categoria(s): Sem categoria
domingo - 29/11/2009 - 22:09h

Pensando bem…


"Os homens de mérito não precisam cuidar da sua fama; a inveja dos tolos e dos petulantes se encarrega de propagá-la".

Candido Nocegal y Rodríguez de la Flor  

Categoria(s): Pensando bem...
domingo - 29/11/2009 - 15:58h

Clauder Arcanjo no Icop e com “Lápis nas veias”


O Instituto Cultural do Oeste Potiguar (ICOP) e a editora Sarau das Letras têm dupla atividade à próxima sexta (4).

A programação acontecerá a partir das 19h, no Sesi (Mossoró).

Haverá a posse da nova diretoria do Icop, presidida pelo escritor Clauder Arcanjo, além de lançamento do livro ‘Lápis nas veias’, do próprio dirigente.

Categoria(s): John Deacon
domingo - 29/11/2009 - 13:09h

Conversando com… Honório de Medeiros – 14


Professor de Filosofia do Direito, advogado, Honório de Medeiros tem exercido importantes cargos públicos, entre os quais, o de procurador chefe da Procuradoria da Prefeitura de Natal, Secretário de Administração e Finanças do mesmo município e Secretário da Administração do Estado, na primeira gestão da governadora Wilma de Faria (PSB).

Escritor e pensador das Ciências Jurídicas, tem livros publicados e se mantém como colaborador regular deste semanário. E, quando não está na sala de aula ou estudando, dedica seus ócios a pesquisa do fenômeno do cangaceirismo, tendo como foco a vida de Massilon Leite, cuja vida em parte transcorreu em terras do Oeste norte-rio-grandense.

Entrevista por Franklin Jorge:

FJ – A coleta de informações sobre o cangaço está esgotada?

Honório de Medeiros – No plano das fontes primárias, aparentemente, sim. São poucos os sobreviventes daquela época e, deles, já se extraiu o impossível. Quanto aos documentos, ressalvo a possibilidade de surgimento de alguma documentação desconhecida, como foi o caso recente de papéis relativos a Plácido de Castro, guardados por um lugar tenente seu, encontrados, por acaso, pelo Ministério Público, no interior do Rio Grande do Sul. Saliento que a produção do resultado dessa coleta, embora feita de forma amadorística, é o material que nós temos para trabalhar. É uma produção profusa.

FJ – Qual seria a seu ver o próximo passo a ser dado pelos estudiosos do cangaço?

HM - Uma mistura de jornalismo investigativo e processos interpretativos científicos em relação ao que nós possuímos. É o que eu chamo de terceira onda. A primeira foi a produção dos fatos, a segunda sua colheita, e a terceira é a elaboração das conjecturas, teorias. Temos que trabalhar com teorias, investigações, correlação de dados, testes dessas hipóteses e sujeição das conclusões à comunidade cultural. É preciso desfazer o mito de que Lampião era um estrategista militar. Na verdade, o sucesso de sua longa trajetória decorre antes de uma mistura de incompetência e corrupção, por parte dos governos, e instinto de sobrevivência da parte dele, Lampião.

FJ – Essa segunda onda, no plano dos estudos do cangaço, já é perceptível?

HM – Já há alguns poucos trabalhos nesse âmbito. Eu citaria a teoria do escudo ético – o mecanismo justificativo do cangaceiro para as suas ações -, de Frederico Pernambucano de Melo. Há também outras tentativas de explicação do cangaço à luz de um marxismo mecanicista que aponta o fenômeno como conseqüência da divisão desigual da terra e das mazelas que disso decorre. Esse modelo, porém, está ultrapassado. E, na verdade, enquanto não se montar o mosaico completo ou parcialmente completo – que vai ser o resultado do trabalho investigativo -, não será possível construir macroteorias. Vou dar um exemplo do que afirmo. Houve um pacto de governadores – João Suassuna, Juvenal Lamartine, José Augusto Bezerra de Medeiros e o governador de Pernambuco à época – para a supressão do cangaço através da eliminação física dos cangaceiros, cuja conseqüência foi a morte de Jararaca, Bronzeado, Mormaço, Chico Pereira Outro exemplo. Por que o Poder Judiciário e o Ministério Público silenciaram em Mossoró quanto a morte de Colchete, Jararaca e Bronzeado? Por que o capitão Abdon Nunes, embora tendo chamado para si a responsabilidade por essas mortes, livrando assim José Augusto e Juvenal Lamartine, não foi processado e condenado, assim como o Tenente Laurentino de Morais?

FJ – Além de Frederico Pernambucano, que outros autores estão enveredando por esse novo caminho?

HM – Na verdade, o trabalho de Frederico é mais de caráter sociológico do que investigativo; embora seja importante, existem furos na história do cangaço que precisam ser fechados, para que nós possamos avançar na proposição de uma teoria geral.

FJ – Quais são esses furos?

HM – Ora, por que o Rio Grande do Norte, excetuando-se Mossoró, praticamente está distante do fenômeno do cangaço e do coronelismo? Comparemos a história do Rio Grande do Norte, do seu sertão, com a história do sertão do Cariri cearense ou do Pajeú pernambucano. Essas perguntas, inclusive, invalidam a teoria marxista que atribui à divisão da terra a questão do cangaço. Nós somente vamos avançar se relacionarmos esses fenômenos através da linha que os costura, o Poder Político.

FJ – Qual seria essa macroteoria ou qual o paradigma que explicaria, inclusive, essas discrepâncias?

HM – Eu, particularmente, utilizo como paradigma a contribuição teórica do darwinismo.

FJ – Como você chegou á aplicação desse paradigma?

HM – Por exclusão. O paradigma darwiniano é o único que se sustenta, do ponto de vista da crítica, após a virada do século. Mesmo o marxismo pode ser – com toda a sua contribuição – agregado e transcendido por esse novo parâmetro científico voltado para as Ciências Sociais. Aqui, a categoria do poder político é o viés explicativo básico, atento às circunstancias históricas e geográficas peculiares.

FJ - Queira, por favor, explicar melhor.

HM – Trata-se de entender esses fenômenos sociais a partir de uma perspectiva de poder dentro do contexto da teoria darwiniana.

FJ – Por que o Rio Grande do Norte se diferencia dos demais estados nordestinos quanto á eclosão do fenômeno do cangaço?

HM – Você tocou no xis da questão. Formular essas questões e procurar respondê-las é a segunda onda. Observe que só é possível estudar o cangaço, se for possível estudar o coronelismo e o misticismo. Esse tripé básico constitui a alma sertaneja.

FJ - E Jesuíno Brilhante não foi um cangaceiro?

HM – Eu, particularmente, defendo que não. Jesuíno teria sido uma espécie de justiceiro social. Assim como Cassimiro Honório. Observe que Jesuíno teve uma área restrita, não de atuação mas de fuga; não se apossava do patrimônio de ninguém; não matava nem agredia a não ser em legitima defesa ou para fazer respeitar um código de honra ancestral e, excetuando que tinha alguns companheiros, nada o diferencia de Diogo Maia, outro justiceiro social que atuou entre os estados do Rio Grande do Norte e da Paraíba. Compare a atuação de Jesuíno com a de Lampião, Sinhô Pereira, Antonio Silvino e Corisco e perceba a diferença. Se definimos alguém como cangaceiro, o que ele é passa a ser parâmetro. Assim, compare Jesuíno com Lampião. O fato de chefiar um bando e ser perseguido não transforma ninguém em cangaceiro.

FJ – Há, a seu ver, alguma relação entre esses bandoleiros e os bandos que atuam hoje no Alto Oeste?

HM – Que eu saiba, nós não podemos chamar esses de cangaceiros por conta do limite temporal que enclausura os cangaceiros, propriamente ditos. Ambos os bandos praticam formas de banditismo rural, mas o cangaço está preso ao tempo histórico compreendido entre o final do século dezenove a começos do século vinte. É preciso ter cuidado, portanto, com as definições.

FJ – Segundo suas concepções o Rio Grande do Norte teve algum cangaceiro?

HM – Há suspeita, não comprovada, de que Virginio, cunhado de Lampião, seria de Alexandria. Um Luis Brilhante que andou com Massilon Leite, era, no entanto paraibano. Massilon, embora seus pais tenham vivido no Sítio Cava, em Luis Gomes, não era norte-rio-grandense.

FJ – Qual, então, o ponto de referência entre Lampião, o coronel Floro Bartolomeu e Padre Cícero?

HM – Essa é uma colocação emblemática. Temos aí, quando os três se encontraram, um momento ímpar da história social do sertão. O cangaceiro-mor, um dos mais poderosos coronéis e a lenda mística que é o Padre Cícero do Juazeiro. Nesse aspecto o caráter simbólico desse momento sem igual até hoje não foi explorado.

Veja AQUI o blog de Honório de Medeiros.

Categoria(s): Entrevista/Conversando com...
  • Repet
domingo - 29/11/2009 - 13:06h

Odontóloga Gagaça Lopes é transportada de avião para Natal


A odontóloga Gagaça Lopes foi transportada por volta de 18h desse sábado (28) para Natal. Um lear-jet UTI fez o trânsito entre Mossoró e a capital.

A aeronave foi contratada em Recife (PE).

Ela estava internada há vários dias no Hospital da Unimed de Mossoró. Em comum acordo, a família resolveu levá-la para condições técnicas melhores. Está no Hospital da Unimed de Natal.

Gagaça trata-se de pneumonia, moléstia oportunista em face de tratamento mais delicado a que se submetia, com sucesso.

- A mudança não foi de emergência – diz o fotógrafo Ricardo Lopes, irmão de Gagaça.

Ele esclarece que o quadro clínico foi atestado como muito auspicioso, ensejando o translado para hospital com melhor estrutura.

- Em Mossoró, no Hospital da Unimed local, a gente só tem a agradecer os cuidados com nossa irmã. Do mais humilde funcionário aos médicos – comenta Ricardo.

Categoria(s): Nelson Queiroz
domingo - 29/11/2009 - 12:50h

Votorantim de vento em popa em Baraúna


A indústria de cimento Votorantim, que está em construção em Baraúna, deverá entrar em operação entre setembro e outubro de 2010. Essa a expectativa.

O investimento da ordem de R$ 300 milhões está sendo erguido na área rural conhecida como Velame.

A stimativa é que entre tributo direto e efeitos agregados, a Votorantim gere cerca de R$ 1milhão/mês de retorno tributário.

Categoria(s): Pensando bem...
sábado - 28/11/2009 - 20:43h

Milton Marques estuda mudanças radicais em FM 95


Faltando certos detalhes burocráticos para anúncio oficial, a compra da FM 95 (Abolição) de Mossoró ganha rumo acelerado à nova etapa. O comprador Milton Marques sabe que terá muito trabalho pela frente.

Reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), sócio-majoritário da TV Cabo Mossoró (TCM), Rádio Princesa do Vale-AM (Assu) e do provedor de Internet a cabo Connetc (Mossoró), Milton tem ideias formatadas. Alguns pontos são claros às mudanças.

Em conversa com o Blog na última sexta (27), durante lançamento do livro "Incerto Caminhar" (David Leite) na própria TCM, Milton dissecou esboço do que deverá ocorrer quanto à FM.

Nem tudo o Blog pode divulgar, em respeito à própria fonte.

A sede da emissora – que hoje é à Avenida Alberto Maranhão, Centro – deverá ser transferida para prédio contíguo do endereço da TCM, no bairro Nova Betânia.

A proposta é otimizar custo ao centralizar recepção, além de setores de gestão, comercial e direção num único local às empresas. Mais sensatez, impossível.

A reformulação de equipe, investimentos em estrutura tecnológica e alteração na grade de programas também serão indispensáveis.

Ninguém deve estranhar, ainda, repaginação em termos de nome fantasia e sua identidade visual.

A FM 95 pertence a grupo liderado pelo ex-deputado federal Ney Lopes. Em contínuas pesquisas realizadas para aferição de preferência do ouvinte, ela tem aparecido em posição sofrível, sempre atrás da FM 93 e FM 105.  

Categoria(s): Paulo de Tarso Fernandes
sábado - 28/11/2009 - 19:39h

Pensando bem…


"Não há maior vingança que o esquecimento".

Baltasar Gracian

Categoria(s): Pensando bem...
  • Repet
sábado - 28/11/2009 - 18:51h

Biblioteca feita de livros, amor e consciência cidadã


A Potylivros e Sarau das Letras estão engajadas numa campanha de doações para a "Biblioteca do Jucuri", em Mossoró. Campanha muito interessante.

O lançamento da promoção será no dia 11 de dezembro (uma sexta).

Os contatos para apoio devem ocorrer nas próprias unidades da Potylivros em Mossoró no Centro (ao lado do Teatro Municipal Dix-huit Rosado) e Campus da Uern.

Os telefones (84) 3317-2022/3312-2717 também estão sendo colocados à disposição para que ocorram doações.

Nota do Blog – A iniciativa é digna de aplausos.

Mas sobretudo é a prova de que sempre podemos fazer algo mais.

Por trás dessa ação existe uma semente plantada há tempos pelo comunitário conhecido como "Galego do Jucuri" (Raimundo Lucas), empregado da empresa Itapetinga Agro-Industrial.

Por iniciativa pessoal, ele começou a formatação de uma biblioteca nessa comunidade rural.

Conheça um pouco mais sobre essa história AQUI

É epopéia feita de livros, amor e consciência cidadã.

Categoria(s): John Deacon
sábado - 28/11/2009 - 18:38h

Filha de ex-deputado do DEM/RN luta por impeachment


No escândalo que envolve o governador de Brasília, José Roberto Arruda (DEM), há um nome potiguar que aparece em relevo, do outro lado do caso. É o da advogada Estefânia Viveiros.

Ela é presidente da Ordem dos Advogados de Brasília (OAB), filha do ex-deputado federal Augusto Viveiros (DEM), atual secretário de Planejamento da Prefeitura de Natal.

Estefânia é um nome de primeira grandeza da atividade forense na Capital Federal.

Apesar da ligação familiar, que indiretamente poderia associá-la ao DEM, Estefânia não titubeou:  convocou reunião de emergência na entidade, que pode resultar em pedido de impeachment do governador.

Arruda (veja matéria mais abaixo) é acusado de bancar uma rede de propinas para parlamentares.

Categoria(s): Sem categoria
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sábado - 28/11/2009 - 18:04h

A lama que agora suja os pés do DEM de José Arruda


Espécie de versão partidária do "chicote de Alá" na política contemporânea brasileira, o Democratas, ou DEM, está em grossa enrascada. Patinha na própria lama que costuma identificar sob os pés do presidente Lula (PT).

Ganha enormes proporções a denúncia - com gravações em áudio – de que o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM), estaria movimentando enormes somas em dinheiro para pagar propinas a parlamentares distritais.

A Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal (OAB-DF) estuda ingressar com pedido de impeachment do governador. A entidade analisará o inquérito que motivou a Operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal, para examinar se há elementos que comprovem o esquema de pagamentos ilegais a sua base aliada na Câmara Legislativa distrital. Veja AQUI.

A versão "mensalão" do governo de Brasília, não deixa nada a dever em relação à situação parecida que pipocou no Governo Lula – Primeira gestão.

Veja AQUI detalhes da gravação que comprometem diretamente o governador. 

Nota do Blog – Ainda bem que esse tipo de situação só ocorre no Detrito Federal, digo, Distrito Federal.

Para quem não lembra, no dia 18 de setembro último, José Roberto Arruda esteve em Natal, participando do "Seminário de Gestão Municipal – Novas Idéias para um Futuro de Excelência".

Ele foi uma das estrelas do evento que comemorava 30 anos de carreira pública do senador José Agripino (DEM).

À ocasião, muito aplaudido, Arruda falou de sua gestão "exemplar", exaltou o papel político de Agripino no plano nacional e profetizou que a senadora Rosalba Ciarlini (DEM) caminhava para ser governadora.

Sem que isso represente juízo do valor, mas sinceramente vai ser difícil o DEM/RN pedir outra vez a presença de Arruda, sobretudo para a campanha de 2010.

Categoria(s): Sem categoria
sábado - 28/11/2009 - 17:31h

Novo Jornal em Mossoró


Recentemente lançado em Natal, o "Novo Jornal" passará a circular em cidades estratégicas do Rio Grande do Norte. Mossoró é a principal. 

No máximo em dez dias, dezenas de endereços residenciais serão pulverizados por exemplares do impresso, numa apresentação gratuita que visa cativar futuros leitores-assinantes.

O Novo Jornal tem como uma de suas principais referências o jornalista Cassiano Arruda Câmara. Durante décadas, ele foi uma espécie de oráculo da imprensa potiguar, do alto da coluna "Roda Viva" – no Diário de Natal.

Categoria(s): Paulo de Tarso Fernandes
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.