terça-feira - 30/11/2010 - 23:47h

Câmara pode ter mais tumulto nessa quarta



Depois de uma sessão muito tumultuada no dia de hoje, a Câmara de Mossoró poderá ter algo ainda pior nesta quarta (1º).

Vereadores da oposição, que são majoritários, num placar de 7 x 6, querem colocar em votação um requerimento, com objetivo de ratificar resultado de eleição antecipada para a Mesa Diretora da Casa, ocorrida no dia 2 de julho.

Pode acontecer de tudo.

A eleição foi parar na Justiça, mas o titular da Vara da Fazenda Pública, juiz Pedro Cordeiro, decidiu que caberia ao próprio plenário da Câmara de Mossoró decidir pela ratificação ou não do pleito.

O governismo trava uma luta titânica para desmanchar essa eleição, por n ão aceitar que a chapa eleita seja mantida, sobretudo pela presença dos vereadores Jório Nogueira (PDT), como 1º vice-presidente, e Lahyrinho Rosado (PSB) na condição de 1º secretário.

É aguardar pra ver.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 18:29h

Tricolor de coração e barulho de vuvuzela


Meu querido amigo José Maria "Vuvuzela" Viana, tricolor em estágio terminal de insanidade, garante que domingo (5) em Mossoró vai colocar trio-elétrico na rua.

Não tem dúvidas: o Fluminense passa pelo Guarani (SP) e sagra-se campeão brasileiro de futebol da Série A.

Combinado.

Posso faltar à festança, mas garanto presença no Bandido´s, seu bar privê, também conhecido como "Vuvuzela Stadium", naquele mesmo "camarote".

Posso levar companhia?

Claro que não exijo nada, sequer uma garrafa de Serra Limpa ou Uísque de boa origem. Água e refrigerante, faço questão.

Até lá.

Categoria(s): Blog
terça-feira - 30/11/2010 - 18:27h

Papangu na cabeça



Em janeiro de 2011 a "Revista Papangu" volta a zanzar por aí, entre assinantes e bancas credenciadas. Cultura, humor, política e abobrinhas no cardápio.

Novo formato e o mesmo sabor, avisa-me Túlio Ratto, que é seu editor, diagramador, chargista, articulista e o que mais?

Bem, não lembro.

Janeiro, portanto, Papangu na cabeça.

Categoria(s): John Deacon
terça-feira - 30/11/2010 - 17:53h

Defensoria Pública do RN pede socorro e deputada ajuda


Deputada estadual reeleita, Gesane Marinho (PMN) apresentou na AL emenda individual no valor de R$ 2 milhões para garantir o funcionamento da Defensoria Pública Geral do Estado a partir de agosto do próximo ano.

Dos cálculos da Associação dos Defensores Públicos Estaduais, os R$ 11,5 milhões reservados ao órgão na Lei Orçamentária Anual de 2011 são insuficientes para a prestação da assistência jurídica gratuita à população por um período maior que sete meses.

Gesane justificativa que o montante é o mesmo destinado para o exercício de 2010:

– “Estamos na contramão nacional. Em estados como Rondônia, com orçamento inferior ao nosso, R$ 5,2 e R$ 9,4 bilhões, respectivamente, a destinação será de R$ 30 milhões, quase três vezez maior que a do RN”.

Do Blog de Eliane Lima.

Categoria(s): Administração Pública
  • Repet
terça-feira - 30/11/2010 - 17:39h

Policiais militares não recebem pagamento do Estado


Os policiais do Grupo Tático Operacional, GTO de Mossoró e de Assu, em forma de revezamento, passam 6 dias em Caraúbas e Campo Grande. Reforçam segurança na região.

São plantões de 6 dias e deveriam receber 300 reais, em forma de diárias por cada plantão.

Quem trabalhou em outubro deveria receber até 15 de novembro. O pagamento ainda não foi efetuado e alguns policiais já fizeram a segunda viagem, perfazendo um total de duas temporadas sem receber.

Pra piorar, em 30 de novembro os policiais estão recebendo os seus vencimentos sem o  "terço de férias".

Os mesmos policiais trabalharam dando apoio nas provas do ENEM, do Governo Federal, também não receberam ainda.

Do Blog O Câmera AQUI.

Nota do Blog - Quanta falta de respeito a esses trabalhadores que diariamente arriscam suas vidas pela sociedade.

São operários sacrificados e muitas vezes vítimas de preconceito e discriminação da mesma sociedade que defendem.

Segurança pública foi a principal promessa de governo de Iberê Ferreira (PSB) e terminará pior do que pegou, da antecessora, Wilma de Faria (PSB).

Vergonhoso.

Paguem o que devem e peçam logo para sair.

Categoria(s): Segurança Pública/Polícia
terça-feira - 30/11/2010 - 17:15h

Pensando bem…



"Adoro os prazeres simples. Eles são o último refúgio do complexo."

Oscar Wilde

Categoria(s): Pensando bem...
terça-feira - 30/11/2010 - 17:08h

Chico da Prefeitura se rebela e sai de reunião com Gustavo



O tempo esquentou agora à tarde no Palácio da Resistência. A sede do Governo Da Gente (deles) ferve. E pode ter outra baixa em suas fileiras.

Há uma crise babélica. Ninguém se entende.

O agitador cultural Gustavo Rosado (PV), que é chefe de Gabinete de sua irmã e prefeita de direito, Fátima Rosado (DEM), não consegue afinar sua bancada na Câmara de Vereadores.

Houve desentendimento entre vereadores em conversa pós-sessão de hoje no legislativo (veja postagens abaixo).

Chico da Prefeitura (DEM) tentou explicar e justificar por que acabou ficando em plenário e participando da votação das emendas que, em parte, contrariam os interesses do palácio. Foi questionado e hostilizado por colegas.

Acuado, Chico revidou a pressão e bradou slogan de sua campanha recente à Assembleia Legislativa, para se fazer entender:

- Agora é Chico!

Com dedo indicador em riste, tropeçando nas palavras, encerrou a reunião. Avisou que agora toma outro rumo. Estaria saindo da minoritária bancada governista, sem medo de perseguição, como ocorre com outros que se rebelaram.

Sem frear o ímpeto ou atender a ponderações para se acalmar, do próprio Gustavo, saiu sem se preocupar em fechar a porta.

Durante sessão de hoje na Câmara de Vereadores, Chico já tinha deixado claro que aceitava o enfrentamento (veja postagem mais abaixo). "Pode botar todas as pessoas minhas pra fora da prefeitura. Eu não abro. Formo um bloco de um homem só", gritou.

Nota do Blog – Resta saber se esse destempero de Chico é fogo de palha, visa valorização pessoal ou é decisão irreversível.

As fontes que o Blog possui no Palácio da Resistência reiteram que ele saiu esbravejando, avisando que seria mais um do outro lado, na oposição.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 16:41h

Lahyrinho relata decisão de Câmara e cita suposta ameaça



Para o vereador oposicionista Lahyrinho Rosado (PSB), "a bancada da prefeita Fafá Rosado (DEM) na Câmara de Mossoró está destroçada." A sessão de hoje de manhã revelou o desmanche e desequilíbrio, além de inferioridade numérica.

Ele cita, que o envio ontem de projeto substitutivo para alterar o texto original do projeto de Orçamento Geral do Município (OGM)-2011, foi "um ato de desespero".

E bradou: "Ainda teve tentativa de intimidação contra mim com agressões verbais e ameaças físicas. Não tenho medo. O presidente da Casa (Claudionor dos Santos-PDT) questionou até o fato de eu ter uma garrafa d’água na mesa que ocupo. Certamente, deve ser proibido tomar água"

A prefeita enviou mensagem ontem ao Legislativo para alterar o Orçamento, mas Lahyrinho comenta que o procedimento foi claramente irregular.

"Veja o que diz o Regimento Interno da CMM: Art. 269 – A mensagem do Chefe do Executivo enviada à Câmara objetivando propor alterações aos projetos a que se refere o art. 267, somente será recebida enquanto não iniciada pela Comissão de Orçamento, Finanças e Contabilidade a votação da parte cuja alteração à proposta."

A votação na Comissão de Orçamento e Finanças foi realizada na sexta (26). Portanto, "o Executivo não poderia ter entregue ontem, após concluídas as votações nas Comissões."

Como foi postado abaixo, Claudionor determinou que fosse desligada a sonorização de microfones dos vereadores , o que não é permitido pelo Regimento. Veja o que diz a Sessão II do Processo Legislativo Orçamentário: "Art. 272 – A sessão legislativa não será interrompida sem a manifestação sobre os projetos referidos nesta seção, suspendendo-se o recesso até que ocorra a deliberação."

O projeto de Orçamento foi aprovado em sua primeira votação, mesmo com quase toda a bancada governista se retirando do plenário. Só Chico da Prefeitura (DEM) resolveu retroceder e participar da votação.

A segunda votação vai ocorer na quarta (8), no horário regimental das 9h.

Saiba mais AQUI.

Foto - Cézar Alves

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
terça-feira - 30/11/2010 - 12:36h

Internet atropela jornal impresso em busca por informação



A internet foi um dos principais meios usados pelos eleitores brasileiros para se informar sobre política durante a campanha eleitoral deste ano.

De acordo com uma pesquisa do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a web, citada por 9,9% dos respondentes, perdeu apenas para TV (56,6%) e conversa com amigos e parentes (18,4%).

O jornal impresso aparece em quarto lugar, com 6,4%, rádio (4,2%), revista (0,7%), cartazes em pontos de ônibus (0,6%) e totens digitais nos aeroportos (0,3%).

Com a campanha regulamentada na internet, o movimento na web foi intenso e coordenadores das campanhas digitais reconheceram o papel da internet nos resultados.

O jornalista Caio Tulio Costa, que dirigiu a campanha online da senadora Marina Silva (PV), então candidata à presidência da República, chegou a afirmar que a web foi responsável pelo segundo turno entre Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB).

Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Paulo de Tarso Fernandes
terça-feira - 30/11/2010 - 12:09h

Chico da Prefeitura provoca governo “Fafá” em plenário



Depois de sair do plenário da Câmara de Mossoró nesta manhã, seguindo o restante da bancada governista, o vereador Chico da Prefeitura (DEM) resolveu retornar. Participa da sessão.

Com galerias lotadas e o povo se manifestando, ele discursa e provoca o próprio governo da prefeita de direito Fátima Rosado (DEM), sem se intimidar.

"Pode botar todas as pessoas minhas pra fora da prefeitura. Eu não abro. Formo um bloco de um homem só", gritou.

Chico da Prefeitura avisou que sustenta sua posição, contrária à orientação da liderança de bancada e do governo, por ter indepenência política e consciência.

Afirmou que conseguiu sua expressiva votação a deputado estadual este ano e a vereador em 2008, sem apoio de "Fafá" Rosado.

Ele está em plenário ajudando na votação do projeto de Orçamento Geral do Município (OGM), para 2011. O presidente da Casa, Claudionor dos Santos (PDT), deu por encerrada a sessão para que não houvesse votação de emendas que contrariam os inreresses do governo.

Mesmo assim, a sessão foi reaberta pelo vereador Francisco José Júnior (PMN) só com os sete vereadores da oposição. Todos os seis governistas resolveram sair. Chico resolveu voltar, foi aplaudido

Veja mais sobre o assunto em postagens mais abaixo e no curso deste dia.

Nota do Blog – É verdade que uma ligação telefônica, vinda de Brasília, teria influenciado Chico a fazer um volver, pisando outra vez o plenário?

Hum, sei não.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 11:49h

Manobra orçamentária de Governo “Fafá” é aberração



Carlos Santos

Não é preciso que seja expert contábil, para detectar que este substitutivo ampliando o orçamento do município em mais de 100 milhões, o que perfaz uma majoração de quase 30% em relação a proposta anterior, visa unicamente anular a intenção dos vereadores, em reduzir o "cheque em branco" ofertado ao município.

Pelo o que li em seu blog seria reduzir de 25% para até 10%, os créditos suplementares sem o aval do legislativo.

Orçamento não é brinquedo, como quer o executivo, pois essa alteração abrupta, poderá causar grandes sequelas ao município acaso aprovada. Não se justificando tal alteração, até porque não ocorreu uma indicação de um efetivo aumento da arrecadação para o ano vindouro.

Além do que a lei orçamentária é feita durante meses de estudos, não se tendo como contabilmente ocorrer uma alteração de tamanha envergadura da noite para o dia.

É preciso seriedade com o nosso dinheiro, que a Câmara acaso receba o substitutivo, convoque toda a cúpula financeira do município, para informar onde foi detectada a possibilidade de um aumento tão grande nas receitas do nosso município para justificar essa alteração orçamentária.

É hora também de se chamar o Ministério Público, tão ágil na operação "Sal Grosso", que atente para a manobra aparentemente criminosa no orçamento municipal.

Cada povo tem os governantes que merecem, contudo, esse mesmo povo tem a força de tirar quem não está agindo com dignidade e responsabilidade com a coisa pública.

Paulo Sérgio Melo Freitas - Webleitor

Nota do Blog – O que está sendo feito é uma mistura de irresponsabilidade com vergonhosa provocação à inteligência alheia.

Nunca antes na história político-administrativa de Mossoró chegamos a tamanho estágio de acinte contra a sociedade e a coisa pública.

Não é por acaso que o editor deste Blog, por exemplo, é soterrado por dezenas de processos originários da patota.

Querem impedir que o povo saiba dessas aberraçoes, querem impedir que a sociedade debata e opine, se movimente contra seus opressores.

Pobre Mossoró!

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 10:46h

Mossoró reproduz violência e força do tráfico



Quase todos estamos estarrecidos com a situação vivida pelo Rio de Janeiro. O narcotráfico enfrenta o Estado com fuzil à mão.
 
Mas aos poucos parece surgir uma esperança de que esse cenário seja mudado.

Entretanto não muito longe do Rio, em Mossoró, o quadro em formação crescente deve nos remeter ao que é a "Cidade Maravilhosa". Somos um microcosmos do que é o Rio.

Existem áreas periféricas, dominadas por traficantes, pistoleiros etc, que a polícia não costuma entrar. Até uma ambulância do Samu precisa de proteção policial para cumprir seu meritório trabalho de salvar vidas. Nas favelas do Fio e do Tranquilim, gangues disputam espaço, matam gente todas as semanas e promovem livremente o tráfico de drogas.

Ontem mesmo, no final da tarde, no Cemitério São Sebastião, Centro, durante enterro de um jovem morto no domingo (28), duas gangues trocaram tiros. Foi uma espécie de "segundo tempo" de confronto anterior.

Uma jovem saiu ferida por uma bala perdida e três pessoas foram presas com armas de fogo, incluindo-se um menor.

O Rio tem quadro assustador e Mossoró, que não terá Copa do Mundo, Olimpíadas e é apenas a "Metrópole do Futuro", quem a socorrerá com Bope, tropas federais e recursos abundantes, no combate ao crime ainda desorganizado?

Categoria(s): Segurança Pública/Polícia
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 30/11/2010 - 10:45h

Governismo tenta impedir votação de projeto orçamentário



Câmara de Mossoró vive, neste momento, um clima tenso. Sessão tumultuada, como previsto por este Blog em postagem mais abaixo.

O presidente da Casa, governista Claudionor dos Santos (PDT), determinou que o sistema de sonorização do plenário fosse desligado e proclamou o fim da sessão ordinária estabelecida para primeira votação das emendas ao Orçamento Geral do Município (OGM), para o ano de 2011.

O governo da prefeita de direito, Fátima Rosado (DEM), que é minoria na Casa há pouco mais de uma semana, quer evitar a votação. Algumas emendas que devem ir à apreciação do plenário, com tendência de aprovação, aumenta fiscalização no uso dos recursos públicos.

Ontem mesmo, um substitutivo do projeto original foi protocolado na Câmara, portanto menos de 24 horas antes da sessão de hoje.

A manobra, segundo uma fonte credenciada do próprio governo, é criar impasse e impedir a votação das emendas. Assim, o governismo quer ganhar tempo para desmanchar a qualquer custo a maioria da oposição.

A oposição tem sete vereadores contra seis do governo. Quatro desses vereadores mudaram de lado há poucos dias, abrigando-se no que denominam de "Bloco Independente".

Oposição determina-se a fazer nova sessão, instantaneamente, apesar da fuga dos governistas do plenário. Apenas Chico da Prefeitura (DEM) resolve ficar, diante de galerias lotadas. Já Claudionor, que a princípio não aceitava deixar a cadeira de presidente, finalmente resolve sair.

Em seguida, o confuso Chico da Prefeitura também acompanha os colegas governistas. Em plenário fica tão-somente os sete vereadores da oposição e Francisco José Júnior (PMN) ocupa a cadeira presidencial, dando por reaberto os trabalhos.

Tudo pode acontecer daqui pra frente.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 10:19h

Material anônimo provoca e desrespeita a prefeita Micarla


Está solto na internet um material acintoso contra a prefeita natalense Micarla de Sousa (PV).

È uma letra que critica a administração, sobretudo no tocante ao transporte de massa. Em alguns trechos, o funk chega a ser desrespeito com a prefeita e incita a população a queimar ônibus, tratado com linguagem chula como "busão".

Além de tudo, é material de origem anônima. Absurdo.

Critique-se a gestora, censurem sua tibieza no governar, além da falta de rumo, mas a agressão à mulher, mãe e esposa, é inaceitável. Açular o povo à violência é outro crime repugnante.

Claro que não vou botar link desse lixo, pois detesto esse tipo de procedimento, até porque já fui e continuo sendo vítima de poderosos que usam a terceirização de serviços anônimos e jagunços, para a intimidação e leviandades contra mim e até filhos.

Minha solidariedade à prefeita.

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
terça-feira - 30/11/2010 - 09:59h

Servidor municipal saúda volta da Caixa para atender folha


Carlos Santos,

Aproveito a oportunidade e o espaço cedido, para afirmar e reafirmar a você e ao caríssimo leitor, que eu, GILSON GUILHERME BEZERRA DE FREITAS – MATR. 4114-2  sou um dos prejudicados com esse tal de Bradesco.

São quatro anos de sofrimento, humilhação e desgaste financeiro.

Praticamente quase todo o funcionalismo municipal de Mossoró certamente se sentirá feliz e agradecido, pela volta da nossa querida Caixa Econômica Federal (CEF) para atendimento à folha da prefeitura. De onde jamais deveríamos ter saído.

Que seja brevíssima essa justiça para com o funcionalismo público municipal.

Agradeço mais uma vez a você, Carlos Santos, que devemos reconhecer: sempre tem-nos defendido.

Abraços do seu webleitor assíduo.

Gilson Guilherme Bezerra de Freitas.

Nota do Blog – Os comentários de Gilson são referentes à postagem de ontem (segunda, 29), em que noticiei o retorno da CEF (clique AQUI) como instituição para tratar de pagamentos e abertura de linhas de crédito ao servidor municipal.

A opção que o governo Fátima Rosado (DEM) fez pelo Bradesco, há quatro anos, sob recebimento de R$ 7 milhões, foi claramente lesiva aos interesses do servidor, que foi obrigado a contratar empréstimos a juros bem acima do cobrado pela CEF, aumentando drasticamente sua margem de endividamento.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 09:29h

Governo “Fafá” altera orçamento e provoca mais polêmica



A prefeita de direito Fafá Rosado (DEM) apresentou a estratégia para a batalha da aprovação do Orçamento Geral do Município (OGM), na Câmara de Mossoró. Pela primeira vez desde que tomou posse, em janeiro de 2005, ela não tem maioria no plenário.

Nesta segunda-feira (29/11), já no final da tarde, o Palácio da Resistência protocolou no Legislativo Municipal um projeto para alterar o orçamento em tramitação, e que já deveria ser votado em primeiro turno hoje.

Informações obtidas pelo blog apontam para uma mudança muito grande no projeto original. A alteração estaria principalmente na previsão de receitas. No projeto original do OGM o Governo Municipal estimou sua receita em R$ 383,8 milhões, já deduzidas as cotas para o FUNDEB e para a Reserva de Contigência.

A informação é que o substitutivo eleva essa receita para R$ 493 milhões.

A mudança cria uma série de questionamentos. Há quem entenda que toda a tramitação já feita pelo projeto original do orçamento estaria comprometida. Ou seja, seria preciso nomear um novo relator na Comissão de Orçamento e Finanças e refazer o cronograma. Ou seja, a votação amanhã estaria inviabilizada.

Também há quem veja nesse gesto do Palácio da Resistência uma forma de driblar os vereadores. É que é muito grande a chance de ser aprovada uma emenda reduzindo o percentual da margem de remanejamento de verbas, sem a necessidade de consultar ou pedir autorização ao Legislativo.

Hoje o Governo pode alterar até 20% do OGM livremente. Para 2011 a idéia do Executivo era ampliar esse percentual para 25%.

Mas só que existem emendas que reduzem essa margem para até 10%. Com a receita turbinada em mais R$ 110 milhões, mesmo com a redução do percentual, o volume de recursos para remanejamento livre estaria preservado.

Por outro lado, há quem veja na mudança feita pelo Governo apenas uma estratégia para ganhar tempo e "cansar" o chamado G7, grupo formado por vereadores de oposição e do chamado grupo independente.

É que esse grupo tem maioria tanto na Comissão de Orçamento como no plenário. Portanto, teria meios para derrubar as alterações propostas pelo Executivo e, mais que isso, aprovar novas emendas.

Do Blog de Julierme Torres AQUI.

Categoria(s): Fred Mercury
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 30/11/2010 - 02:03h

Ao trabalho, após seis audiências e evento da OAB



De volta, caro webleitor.

Passei parte da tarde e início da noite envolvido em seis audiências no Juizado Especial Criminal da Comarca de Mossoró. Foram quase cinco horas ininterruptas.

Respondi a demandas desencadeadas pela prefeita de direito Fátima Rosado (DEM), o prefeito de fato Gustavo Rosado (PV) e o deputado estadual Leonardo Nogueira (DEM).

Não houve qualquer tipo de acordo. Apenas em uma das queixas-crimes, em que também figurava como réu o agente de trânsito Vinícius Magnus, por ter feito um longo e explosivo artigo contra a gestão Fátima Rosado, ele optou por se retratar.

Fará outro artigo se desculpando e retificando tudo o que relatou e opinou. 

Na sexta (10) haverá mais três audiências.

P.S - Amigo, demorei um pouco ainda para voltar a escrever por problemas no sistema net "acabo". Sofrível durante o dia de hoje.

Além disso, parte da noite estive participando de inauguração da nova sede da Ordem dos Adogados do Brasil (OAB) em Mossoró.

Adiante, mais detalhes sobre o evento da OAB e muitas novidades.

Inté.

Categoria(s): Blog
terça-feira - 30/11/2010 - 01:38h

Juiz vai decidir se suplente assume ou não vaga na AL



Até o final de semana o juiz Jarbas Bezerra deverá decidir se o suplente de deputado estadual Edson Siqueira vai assumir ou não a vaga deixada na Assembléia Legislativa pelo ex-deputado Gilson Moura, que renunciou ao mandato conquistado no pleito de 2006.

Jarbas Bezerra vai se pronunciar sobre os Agravos Regimentais impetrados no Tribunal de Justiça por Siqueira e por Gilson.

O juiz pediu vistas do processo e o encaminhou ao Ministério Público Estadual para que o Procurador Geral de Justiça, Manoel Onofre Neto, se pronunciasse sobre os Agravos Regimentais apresentados ao TJ por Siqueira e Gilson.

Manoel Onofre já devolveu o processo ao TJ e agora Jarbas Bezerra decidirá se Siqueira assumirá ou não a vaga de Gilson na Assembléia.

O Procurador de Justiça pediu a quebra do sigilo bancário e telefônico de Siqueira e de Gilson.

O processo corre no TJ em segredo de justiça.

Com informações do Blog de Oliveira Wanderley.

Categoria(s): Sem categoria
  • Repet
terça-feira - 30/11/2010 - 01:14h

Câmara deve ter sessão bastante tensa nesta terça



Recomendo que o webleitor que acompanha a política de Mossoró fique com ouvido ao chão, como um bom índio Apache. Essa terça (30) promete.

A Câmara de Mossoró realizará votação de projeto de Orçamento Geral do Município (OGM-2011) em sessão que promete ser muito movimentada.

Tumulto à vista.

Vereadores da oposição convidaram representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e do Minsitério Público, ao acompanhamento da sessão.

Pelo menos 46 emendas devem entrar em pauta, algumas que não possuem o interesse do governismo, inferiorizado em plenário com escore de seis vereadores contra sete da oposição.

P.S – Fui informado também, que numa situação absolutamente inédita e surreal, a Prefeitura teria enviado mensagem alterando o texto original do projeto do OGM, depois de ele ter sido protocolado, recebido emendas e baixado às comissões.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 01:02h

Mossoró e os muitos recursos do Governo Lula


Da deputada Fátima Bezerra (PT) a respeito das relações entre o Governo Dilma Rousseff (PT) e os prefeitos de oposição:

"Um exemplo disso é Mossoró, que é governada pelo DEM. Vá lá que a prefeita Fafá  Rosado (DEM) vai dizer, parodiando o presidente Lula, que nunca na história de Mossoró chegou tanto dinheiro como agora"

Do Blog Fator RRH.

Categoria(s): Sem categoria
terça-feira - 30/11/2010 - 00:51h

Comentários e paciência de monge tibetano


Algum problema no sistema de comentários do Blog tem emperrado a abertura dos textos enviados. Há tempos que tento, em vão.

Enquanto o sono não me dominar, tentarei liberar os comentários do dia.

De qualquer modo, paciência, tanto quanto a minha, que beira a serenidade de um monge tibetano.

Categoria(s): Comunicado do Blog
terça-feira - 30/11/2010 - 00:46h

OAB inaugura nova sede com presenças ilustres



Sucesso retumbante a inauguração da nova sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Mossoró, hoje à noite, no bairro Nova Betânia. O evento – que ainda continua – é bastante concorrido.

Ophir Cavalcante, presidente da OAB do Brasil, além do ex-presidente Cézar Britto, foram os principais convidados. Um dos momentos mais marcantes da noite foi  a apresentação da galeria de fotos dos ex-presidentes da Subseccional de Mossoró.

Nesta terça (30), coeça no próprio auditório da OAB, denominado de "João Soares de Amorim", o I Seminário dE Direito OAB Mossoró/RN, com "Temas Contemporâneos do Direito Constitucional".

O credenciamento acontece às 7h, às 8h haverá a solenidade de abertura com a presença de Ophir Cavalcante.

O seminário prossegue à tarde e à noite, além da quarta-feira (1º).

Categoria(s): Nelson Queiroz
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.