• Vale Norte - Nativa Comunicação - 2º Banner - 14-11-17
quinta-feira - 17/11/2016 - 07:36h
Hoje

Audiência pública envolve Uern em outro momento delicado


Fernandes: austeridade (Foto: arquivo)

Apenas quatro deputados estaduais participaram da audiência pública realizada pela Assembleia Legislativa no dia 16 de junho do ano passado, quando a Casa discutiu a greve (que chegou a 147 dias) na Universidade do Estado do RN (UERN).

George Soares (PR), propositor do evento; Fernando Mineiro (PT), Carlos Augusto Maia (PTdoB) e Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”, produziram o debate em nome da Casa, com maciça presença de representantes dos segmentos da Uern, além de Ministério Público, Governo do Estado e outros setores.

A Assembleia Legislativa tem 24 componentes.

E na audiência pública marcada para hoje (veja AQUI), às 15h, também tratando da sobrevivência da Uern, quantos aparecerão?

Reitor e a corda no pescoço

No ano passado, a Uern estava em greve. Dessa feita, não. É a ameaça de privatização que paira sobre ela.

Ao fim da audiência em 2015, o Blog ouviu o reitor da instituição (veja AQUI), professor Pedro Fernandes Neto, sobre o papel da Uern e sua gestão. Ele desabafou:

- Fizemos tudo que foi possível, realizamos consideráveis cortes, imprimimos austeridade e redução de custeio. Botei a corda no pescoço e agora estão puxando.

Segundo ele, há uma campanha de desinformação que procura satanizar a Uern. A instituição prova sua importância com presença em quase todo o estado.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política

Comentários

  1. fernando diz:

    Casa Grande X Senzala. Para os senhores da casa grande o problema são os gastos com a senzala.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.