sábado - 01/10/2016 - 11:27h
Nota

Coligação de Tião Couto repudia pesquisa “manipulada”


A Coligação Unidos Por Uma Mossoró Melhor – dos candidatos a prefeito e vice Tião Couto (PSDB) e Jorge do Rosário (PR) – emitiu Nota de Repúdio pela publicação de pesquisa pelo Jornal de Fato (veja AQUI), hoje, com números que teriam sido levantados há dez dias do pleito.

Veja abaixo:

A Coligação Unidos Por Uma Mossoró Melhor vem a público declarar seu completo repúdio à publicação nesta data, 01/10/2016, de uma pesquisa no Jornal de Fato,  com a clara pretensão de manipular o eleitor menos informado.

Uma pesquisa que foi realizada há dez dias e somente agora divulgada, executada antes de fatos novos e determinantes ocorridos no atual processo eleitoral, publicada deliberadamente com o intuito de refletir uma falsa realidade e influenciar no voto do eleitor mais desavisado.

É lamentável essa atitude, que por si só reflete o mais absoluto desespero, porque recorre a uma artimanha reprovável, enganosa, fraudulenta, contrariando todos os princípios de quem se propõe a fazer uma campanha limpa.

Sabemos que a pesquisa foi contratada por uma  coligação interessada em desvirtuar a realidade e a publicação se deu em um órgão de imprensa com claros vínculos políticos, ligados ao referido grupo.  Ou seja, um “arranjo”,  que nem de longe, retrata a realidade que todos estão vendo nas ruas de Mossoró.

Não é a primeira e  nem será a última vez que esse tipo de manipulação ocorre na política de Mossoró, mas assim como ocorreu em todas às vezes anteriores, o eleitor que é sábio, não cairá nesta armação e o jogo baixo será derrotado, a artimanha será desnudada e a verdade prevalecerá ao final.

Os verdadeiros números estão nas ruas, na boca do povo, apontando majoritariamente para o novo, para o diferente, para a escolha por uma Mossoró administrada pelas mãos competentes de Tião e Jorge.
Fraude eleitoral nunca mais.

COLIGAÇÃO UNIDOS POR UMA MOSSORÓ MELHOR​

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Eleições 2016 / Política

Comentários

  1. fernando diz:

    Os absurdos tive seu início na divulgação de pesquisas realizadas meses e anos antes do pleito que ocorrerá amanhã. Agora o estrago já foi feito, só resta uma ação judicial coisa que em Mossoró é impossível pois eles mandam e desmandam na cidade.

  2. Inácio Augusto de Almeida diz:

    “Os verdadeiros números estão nas ruas, na boca do povo,”
    Uma grande verdade. Isto eu constatei hoje pela manhã.
    A PESQUISA REFLETE A REALIDADE DAS RUAS.
    Amanhã saberemos quem está com a razão.
    ////
    OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS A QUALQUER INSTANTE.
    CADÊ A BLUSA QUE A SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROMETEU AOS ALUNOS?

  3. angelica firmino diz:

    POIS TA BEM PERTINHO VAMOS ESPERA PRA VER.

  4. Francy Granjeiro diz:

    Atenção Mossoró! Tem candidato aqui que se vencer não leva,vocês sabem quem, então cuidado,no Domingo tem 03(três candidatos que não responderam processos na justiça eleitoral,Josué Moreira 27,Gutemberg Dias 65 e Tião Couto 45,tem gente que se ganhar pode não levar! Ai lá vem mais problemas pra cima de quem!? Do povo de Mossoró! Cuidado com as escolhas!
    So Facebook de Roberto Câmara Fonseca

  5. Paulo Heriberto Soares diz:

    De quem será esse texto?

    Jornal vai publicar pesquisa na véspera das eleições 2016
    O Jornal de Fato publicará a única pesquisa oficialmente registrada à publicação, na atual campanha municipal de Mossoró. Protocolou o trabalho na Justiça Eleitoral neste domingo (25), depois de ter anteriormente feito esse procedimento no dia 24 (sábado).
    As entrevistas foram feitas nos dias 21 e 22, respectivamente quarta e quinta-feira passadas, ouvindo 400 pessoas. Seu custo para o contratante foi de R$ 17 mil. Será divulgada dia 1º de outubro (próximo sábado), véspera das eleições.
    Está com o registro RN-06022/2016 na Justiça Eleitoral, tendo Joaquim André Hermes Figueiredo como estatístico responsável.
    O Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (IPESPE) fez registro inicial sem a inclusão do nome do candidato “desistente” Francisco José Júnior (PSD), o “Francisco”, atual prefeito do município. Já hoje, no novo registro, há inclusão.
    Planilha com perguntas da pesquisa está no registro feito na Justiça Eleitoral (Foto: reprodução)
    O Ipespe está no mercado desde 1986, com sede em Recife-PE.
    Na atual campanha, a TV Cabo Mossoró (TCM) chegou a acertar pesquisa com o Instituto Seta de Natal em pelo menos duas vezes à semana passada. Mas em face do encolhe-estica do prefeito, optou por cancelar a iniciativa.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.