• Vale Norte - Nativa Comunicação - 2º Banner - 14-11-17
quinta-feira - 31/05/2012 - 21:07h
Estranho

DEM ‘esconde’ Rosalba Ciarlini em programa nacional


O Programa nacional do DEM “escondeu” sua única governante estadual hoje à noite. Rosalba Ciarlini (DEM) não apareceu para mostrar Estádio das Dunas e o Aeroporto de São Gonçalo do Amarantes (obras da União) em redes de televisão.

Talvez as contantes aparições do Rio Grande do Norte em programas noticiosos nacionais em redes de televisão, com crise na Segurança, Saúde, Educação etc. não tenham recomendado a sua inclusão.

Mesmo assim, é estranho. O DEM só tem Rosalba como governadora e no espaço de tempo de 10 minutos do programa, seria possível dar alguma visibilidade positiva à governadora. O marketing tem meios para lhe ajudar num espaço tão generoso.

O programa apresentou os principais pré-candidatos do partido às eleições deste ano e também o presidente nacional do sigla, senador José Agripino.

Discutiu temas como o combate à corrupção, a geração de empregos e os principais problemas que enfrenta o país hoje.

O vídeo explorou a ação do partido na CPI do Cachoeira. Sem citar o nome do senador Demóstenes Torres (GO), que já foi o pré-candidato do DEM à Presidência, a legenda disparou que “vai fundo na limpeza”.

- Tem muita gente que, ao invés de limpar, costuma esconder a sujeira. Mas também tem gente que faz diferente. O Democratas vai fundo na limpeza. Corta na própria carne quando é preciso. Ao invés de passar a mão na cabeça, pune e expulsa os culpados. Seja ele quem for – afirma uma mulher que aparece no vídeo limpando um vidro.

Mesmo assim… estranho, muito estranho que Rosalba não tenha recebido um tantinho assim de espaço.

Nota do Blog – No vídeo anexo a esta postagem, não é permitida a inclusão de qualquer comentário, como normalmente ocorre na hospedagem do Youtube.

 

Categoria(s): Comunicação / Política

Comentários

  1. Mossoroense ausente diz:

    Acredito que a governadora não foi mostrada para evitar um vexame, em face ao fracasso de sua gestão e à eminente aparição do escandalo dos vídeos de sua eleição em 2006 para o Senado, em rede nacional.

  2. Igor diz:

    Carlos Santos kkk’. Esses políticos do DEM que saiu na propaganda, precisam visitar Mossoró kkkkkkkkk’. eu estou rindo até agora.. Como pode? vim falar de desenvolvimento das pessoas, do transporte público… Mossoró que é administrada pelo DEM tem isso? Transporte publico de qualidade? pessoas vivendo bem? saúde uma Beleza sem filas? kkkk’. sinceramente.. suahsauhsas

  3. Gilmar diz:

    Em outras épocas, quando prefeita de Moçoró, o contrário se via, até que foi convidada para O Jô Soares. É bem possível que o Jô a convide novamente para que ela explique o fenômeno da inversão de (im)popularidade.

  4. João diz:

    O PROBLEMA DO GOVERNO ROSALBA NÃO É A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL, MAS A IRRESPONSABILIDADE GOVERNAMENTAL:

    Governo deixa de repassar R$ 70 milhões para a saúde

    Publicação: 31/05/2012 07:03Atualização:

    De Jéssica Barros, especial para o Diário de Natal

    Cálculos do Ministério Público Estadual (MPE) e do colegiado da saúde revelam que aproximadamente R$ 70 milhões deixaram de ser repassados este ano pelo governo do estado à saúde pública. A promotora da saúde Iara Pinheiro diz que, tendo por base o orçamento anual aprovado pela Assembleia Legislativa para a saúde pública potiguar e dividindo o valor por doze meses, o repasse mensal deveria ser de R$ 22 milhões, o que não vem ocorrendo na prática. Foi constatado pelas entidades que compõem o Fórum da Saúde Pública que nos meses de janeiro e fevereiro não houve repasse ao orçamento de custeio e a somatória dos meses de março, abril e maio deste ano é de apenas R$ 12 milhões mensais, em média, muito aquém do que deveria ocorrer.

    A fim de buscar esclarecimentos sobre a gestão orçamentária da saúde pelo governo, o Fórum se reuniu com representantes do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para solicitar que a Corte passe a atuar na questão. A ação pode ocasionar em um Termo de Ajustamento de Gestão a ser realizado entre o Ministério Público de Contas (MPC) e o governo para correção das eventuais irregularidades que forem comprovadas pelo TCE.

    De acordo com a promotora Iara Pinheiro, que capitaneia as ações do MPE nos assuntos referentes à saúde do estado, a entrega de documentos feita na manhã de ontem ao Ministério Público junto ao TCE (MPjTC), evidenciam as irregularidades financeiras que refletem diretamente no dia a dia da prestação de serviços. Ela explica que, com base na lei orgânica da Corte de Contas, é possível uma atuação mais enfática exigindo do governo “um ajuste nos seus rumos na gestão adequada do Fundo Estadual de Saúde”.

    Cabe agora à atuação do MPC e do próprio TCE analisar a documentação entregue e dar os encaminhamentos que esclareçam a situação do orçamento referente à saúde pública potiguar. Na audiência, estiveram presentes MPE, OAB, Advocacia Geral da União (AGU), colegiado da saúde e outras entidades pertencentes ao Fórum da Saúde Pública, juntamente com as autoridades do TCE que deram andamento ao caso, com participação do seu presidente, conselheiro Valério Mesquita. O objetivo, segundo Iara Pinheiro, é exigir do governo “ordem e prioridade no fluxo financeiro do Fundo Estadual de Saúde”.

    O procurador geral do MPjTCE, Thiago Guterres, disse que a partir da análise dos documentos apresentados, o TCE escolherá a melhor ferramenta para lidar com o caso. Ele explica que a atuação do Tribunal de Contas pode ser em nível preventivo ou repressivo. Neste caso, a solução que vem sendo desenhada é a elaboração de um Termo de Ajustamento de Gestão junto ao governo, uma forma mais amigável de provocar uma atuação espontânea do estado na resolução das irregularidades encontradas, sem a responsabilização administrativa do gestor. Em irregularidades graves, o poder repressivo do TCE é feito através da imposição de obrigações ao governo, penalização dos gestores públicos por descumprimento de dispositivos legais, o que não é a intenção do Tribunal neste caso. “O TCE quer que o governo corrija as irregularidades de forma amigável”, diz Thiago Guterres.

    Prioridade

    O procurador geral do MPC disse ainda que o TCE está tratando o caso com prioridade máxima e deve agir da forma mais rápida possível na escolha do instrumento mais adequado e propor ao governo uma solução. A previsão é de que na próxima semana já haja um indicativo de como o Tribunal irá atuar. O momento agora é de avaliar o cabimento do termo de ajustamento de gestão. De acordo com o advogado da AGU, Thiago Pereira Pinheiro, a União vem repassando os recursos ordinários previstos para a manutenção da saúde pública, mas a contrapartida do governo nessa administração vem deixando a desejar. Thiago Pinheiro lembra ainda que a AGU tem três processos movidos contra o estado para garantir o abastecimento de medicamentos à população e, ainda assim, a crise persiste. A presidente da Comissão dos Direitos da Saúde da OAB, Elisângela Fernandes da Silva, vê como positiva a judicialização da saúde. Ela acredita que pela primeira vez a sociedade civil está se mobilizando para fazer uma pressão maior por soluções no “colapso” vivido na saúde pública.

    Os representantes das entidades que compõem o Fórum da Saúde Pública visitam na tarde de hoje, às 15h, as instalações do Hospital Giselda Trigueiro (HGT), que vem sofrendo com a superlotação de pacientes com casos de dengue simples, que muitas vezes poderiam ser tratados em unidades de atendimento básico de saúde, mas que são encaminhadas para o HGT. Da visita, possivelmente será elaborado um relatório sobre a situação encontrada pelo MPE, assim como ocorreu com a visita ao Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel no início do mês e que resultou numa série de encaminhamentos ao governo por meio de sua Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap).

    http://www.dnonline.com.br/app/noticia/cotidiano/2012/05/31/interna_cotidiano,99129/governo-deixa-de-repassar-r-70-milhoes-para-a-saude.shtml

  5. Ricardo Lopes diz:

    Meu amigo,minha amiga cibernético(a),quanta vergonha!!! Poderia esta falando dos políticos,mas não,estou falando de mim,eu é que estou com vergonha,(até porque este sentimento eles não possuem),estou com vergonha de ler os jornais,de assistir televisão,de votar…Nos jornais aqui da terrinha por exemplo : Jornalistas que eu aprendi a admirar pelos seus textos coerentes,agora enriquecem juntos com as matérias que escrevem e que são claramente tendenciosas,mostrando que os carrões em que andam foram comprados com certeza com dinheiro sujo de políticos corruptos e corruptores,que Adquirem e vendem até as próprias almas e a dos que resolvem negocia-las,Na televisão a sujeira é ainda maior,chega a ser insuportável o fedor,não escapa um,de Lula a ao mais simples vereador da pequenina cidade,todos,absolutamente todos estão envolvidos em algum jogo de favorecimento,virou uma roda viva,o cidadão pode até entrar para a política com boas intenções,mas quando assume se vê obrigado,seja por forças superiores,seja por pura ambição,a participar do esquema fraudulento que tomou conta do Brasil, tudo isso tornou o ato sublime de votar,( que é a maior definição de cidadania), numa tarefa árdua,e pasmem dispensável ! Votar pra que ? em quem ? Porque? Pra que? Chegou a hora de uma virada,e tudo,absolutamente tudo,depende de nós Brasileiros,que mesmo cheios de defeitos,ainda temos vergonha na cara,precisamos nos unir,através das redes sociais,em reuniões de grupos,nas casas,nas ruas,somos milhões de formiguinhas que juntas podemos mudar os rumos do nosso país,esse país é nosso,nós os levamos nas costas para que poucos usufruam das suas riquezas,pra mim chega!!! Conto com vocês para mostrar a eles que um simples fotógrafo,de uma cidade mediana,de um estado falido, pode junto com cada um de vocês,desencadear uma campanha que possa ganhar as ruas através da rede e que possa de uma vez por toda extinguir esse câncer que assola o Brasil. Compartilhem pelo Face,twitter,orkut, por e-mails,indiquem,espalhem de qualquer forma e vamos tomar as rédeas do nosso destino. “Todos num só Ritmo” Ricardo Lopes – Fotógrafo – Mossoró Rn.

    • FATINHA diz:

      E OLHE QUE ESTE RAPAZ O FOTÓGRAFO RICARDO LOPES É TIO DE PRIMEIRO GRAU DE UM SUPER SECRETÁRIO MUNICIPAL EM MOSSORÓ. IMAGINE O QUE DIRIA UM DE NÓS AQUI DO OUTRO LADO DA “CHAPA” QUE FERVE A TODO VAPOR.

      • Nerivan Barbosa diz:

        Corretíssima sua colocação. Super Secretário que sequer poupou de no início do ano argumentar que o conjunto Pe. Américo Simonete antes de ser uma obra do município era um sonho seu..Ora secretários gerentes e aderentes são pagos para isso memso…é pau mandando.

  6. Carlos lopes diz:

    Carlos,
    Estava à pouco aqui pensando com meus botões, e me veio a ideia de “ajudar” a governadora Rosalba mostrando fotos com endereço e localidade de algumas obras do estado que estão paralisadas ou até mesmo em ritmo muito lento. Como ela anda muito mal assessorada talvez essa seja uma maneira dela tomar conhecimento e até mesmo agilizar a obra mostrada. Como exemplo gostaria de saber porque a central de comercialização de agricultura familiar em Natal inaugurada no final do governo Iberê, não está funcionando. Porque a obra da cidade da criança em Natal parou depois de pagar um absurdo de dinheiro? e o entre-posto da Ceasa em Mossoró porque não terminou? etc. etc. etc.
    Seria feito um comentário e a foto da obra citada.
    Acredito que seria uma maneira de prestarmos uma colaboração a esse governo desorientado e sem rumo…
    Funcionaria assim: o leitor postaria a foto e comentário e vc divulgaria após passar pelo seu crivo.

  7. Marcos Pinto. diz:

    Meu querido e estimado AMIGO RICARDO LOPES disse, e disse com as melhores e contextuais palavras que delineiam o perfil político e administrativo desastroso e desastrado da Rosalba Rosadus, oriunda da oligarquia político-familiar numerada de Mossoró, por sua vez sucursal da nefanda e nefasta DITADURA MILITAR. Uma lástima, pois.

  8. Nilson Gurgel Fernandes diz:

    Amigo Carlos;

    Eu pensava que o nosso Ricardo Lopes só desse show quando fotografava (vê minhas fotos minhas fotos com Taninha Alves). Parabens amigo Ricardo.

    Nilson Gurgel

  9. FERNANDO fF diz:

    A saude caminha para a morte nesse governo Rosa(do)! Eles já estão providenciando um carrasco.

  10. chagas diz:

    A rosa fez cortes no orçamento da segurança, da saúde e aumentou em 120% o orçamento da propaganda do govern para mostrar o que???? não tem uma única folha mexendo neste estado, com o vento estadual, mas a rosa mostra as obras federais dizendo ser dela, isto é roubo? , crime? nada, nada , nadinha para mostrar de bom, porém, greves , crianças morrendo por falta de leito e asistencia , hospitais doentes, todas as obras do governo passsado inacabadas, paradas e esse espinho tentando enganar, mentido, onde estáa justiça? não age? não vê?? vamos mandar essa moça de volta! não se adaptou no novo emprego! acordemos!!!!!!!!!!!!!!

  11. Sebastião Almeida de Medeiros diz:

    O que me deixa triste é saber que apesar de todos os pesares colocados aqui é que daqui há mais alguns dias teremos o povo correndo atrás dos seus candidatos a prefeito e vice, bem como, as centenas de candidatos a uma vaga para a nossa “sagrada” câmara municipal.
    Tudo será esquecido pela grande massa. Ninguém é ruim e a massa sofrida elegerá seus “santos” salvadores de todas as suas misérias. Votos que terão valores os mais absurdos. Pelo que se escuta nas esquinas da cidade é que tem gente que vai trocar o voto por uma bicicleta(nem precisa ser zerada), quem sabe até um pneu de bicicleta, uma feirinha com alguns poucos quilos de qualquer coisa. Tem aqueles que preferem um cigarro de maconha ou uma pedra de crack, algumas telhas ou tijolos, uma bola, um terno de futebol, uma prótese dentária, uma ultra sonografia(pode ser de algum órgão público que não tem problema, não), um creme vaginal, um remédio controlado, uma porta, um saco de cimento, uma carteira de motorista, um emprego, tirar um marginal da cadeia, ligar as trompas, e por aí vai. É triste, mas é verdade.
    Até quando tem que ser assim. Ate quando. Até.

  12. josé de oliveira diz:

    Carlos,
    Do que se trata mesmo?
    Será metamorfose ou puro cinismo?
    Simplesmente, risível, ver, neste tal programa eleitoreiro, os Demos posarem de Santos.

  13. Marcos Pinto. diz:

    Prezado Amigo SEBASTIÃO ALMEIDA, sabe até quando vai perdurar todo esse incipiente cenário fielmente descrito por Vosmincê ? Até quando a massa ignara, ou seja, os humildes eleitores insistirem em se contentarem com as migalhas que caem das mesas fartas da oligarquia político-familiar numerada de Mossoró. Uma lástima, pois.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.