quinta-feira - 01/12/2016 - 07:08h
Juntos e misturados

PMDB e PT se uniram para derrubar medidas contra corrupção

Investigados pela "Operação Lava Jato" na Câmara Federal votaram em defesa própria na madrugada

Fábio foi o único deputado do RN contra a desfiguração do projeto (Foto: arquivo)

A Câmara dos Deputados concluiu na madrugada de quarta-feira (30) a votação do pacote que reúne um conjunto de medidas de combate à corrupção. O texto não reflete a proposta original (veja AQUI), decorrente de mobilização popular, convertendo-se no muito mais numa ‘autodefesa’ de investigados e potenciais investigados em punição de juízes e membros do Ministério Público por crime de responsabilidade.

A Câmara dos Deputados atesta oficialmente que 69,6% dos votantes aprovaram a desfiguração do projeto, num conluio que envolve siglas como PMDB e PT, que bradam luta contra a corrupção com densa retórica, mas na prática e no voto, postaram-se maciçamente contra o aprofundamento dessa luta.

Investigados na “Operação Lava Jato” votaram em peso contra medidas anticorrupção (veja AQUI).

Veja AQUI o comportamento de todas as bancadas e todos os deputados, voto a voto. Atente ao abrir o link como os partidos e seus deputados se comportaram. As bancadas de PMDB e PT, em especial, foram orientadas para a desfiguração do pacote anticorrupção. Postura que revela como ambas se parecem e são parceiras de esgoto.

Bancada do RN

Entre os oito parlamentares do Rio Grande do Norte, apenas Fábio Faria (PSD) foi contra às mudanças promovidas pela Câmara dos Deputados.

A bancada do PDT na Casa apresentou proposição com lista as situações em que juízes e promotores poderão ser processados, com pena de seis meses a dois anos de reclusão. A legislação atual já prevê o crime de abuso de autoridade, mas é mais genérica.

Entre as condutas que passariam a ser crime estariam a atuação dos magistrados com motivação político-partidária e a apresentação pelo MP de ação de improbidade administrativa contra agente público “de maneira temerária”.

Nesse caso, além de prisão, os promotores também estariam sujeitos a indenizar o denunciado por danos materiais e morais ou à imagem que tiver provocado.

Judiciário e Ministério Público veem a votação majoritária dos deputados como clara “retaliação” à cruzada contra corrupção.

P.S - (Às 9h02) - PSDB foi o principal articulador da urgência do pacote anticorrupção (veja AQUI).

PS – (Às 18h30) - Juízes e promotores protestam contra mudanças em pacote anticorrupção (veja AQUI).

Acompanhe o Blog também pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Inaldo diz:

    PT, PMDB, PSDB, DEM, PP, PSD…Faltou a informação na nota acerca do empenho de Aécio Neves para que o projeto seguisse o rito de urgência no Senado.

    • Carlos Santos diz:

      NOTA DO BLOG – Outro bandido esse Aécio.

      Vivemos um dos piores momentos da República, com escassez de gente com espírito público e estadistas.

      Sobrou essa récua.

      Temos um monte de lixo nas duas casas parlamentares, mas há uma legião de pessoas que não consegue ver isso.

      Abraços

  2. João Claudio diz:

    Há tempos o brasil tem sido administrado por uma quadrilha de bandidos.

    Quando eu digo que não existe luz e sequer o túnel, é porque não se vê nenhum projeto para expurgar definitivamente essa quadrilha da vida politica.

    Muito pelo contrário. A cada quatro anos o eleitor vai às urnas e CONFIRME.

    O que falta para extinguir o PT, PMDB e PP? Heim? Desde 2005 (mensalão), esses partidos roubam escancaradamente e não são sequer advertidos. PQP. Que país é esse? Que bosta é essa??????

  3. jose luiz da silva diz:

    o politico mais perigoso do brasil se chama renan calheiros.

  4. João Claudio diz:

    Ele não é politico. É BANDIDO travestido de politico com o aval da maioria do povo alagoano.

    Já roubou muito mais que a quadrilha que assaltou o banco central de Fortaleza, Muito mais que Ronald Biggs, o maior assaltante da Inglaterra.

    E ainda continua dando as cartas, e ”assim ó’, com os três poderes putrificados.

    PS- Romero Jucá, o ”dono” de Roraima segue junto.

  5. João Claudio diz:

    O brasil é o único país do mundo onde um BANDIDO é tratado como ”Vossa Excelência” pelos ”colegas”, pela imprensa, pelo povo, pelo presidente a republica, pelo presidente da câmara federal e pela presidente do STF. Por mim não!

    Portanto, BANDIDO no brasil é respeitado por todos, quando de fato o seu lugar é na cadeia, e não ocupando cargos públicos e recebendo altíssimos salários pagos pelos contribuintes honestos.

    Se melhorar estraga.

  6. Rita diz:

    Não entendo porque juízes e promotores não podem ser atingidos pela Lei Anti corrupção. Gente, até no vaticano tem corruptos e esquemas atuando….só faltava essa, escolherem esses “serumaninhos” como Deuses. Ah povo carente, Deus nos livre! Estou vendo a hora se criar um bezerro de ouro. Ou já temos?

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.