• Vale Norte - Nativa Comunicação - 2º Banner - 20-09-17
terça-feira - 28/07/2015 - 21:00h
Diálogo aberto

Prefeito interino recebe camelôs e garante espaço digno


“Uma das medidas constantes da gestão municipal é sempre dialogar para entender o interesse de todas as classes”. Assim é aberto  texto oficial divulgado hoje pela Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Mossoró. E continua: “Neste sentido, na manhã desta terça-feira (28), o prefeito em exercício, Luiz Carlos de Mendonça (PT), recebeu os representantes dos ambulantes no Salão dos Grandes Atos da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Luiz Carlos prometeu projeto (Foto: Gildo Bento)

“A ação judicial que visa à desobstrução das calçadas está paralizada (sic). Portanto, não há prazo para retirada dos vendedores da rua. O que a Prefeitura deseja é relocá-los para um espaço com estrutura para que eles possam trabalhar com mais dignidade” – acrescenta.

O projeto está em fase de elaboração. Segundo o prefeito interino, alguns ajustes no projeto serão discutidos em reunião interna ainda nesta semana.

Projeto

O secretário de planejamento, Josivan Barbosa, afirmou que o Município vai concluir e apresentar o projeto ao Ministério Público até o dia 30 deste mês.

O projeto contempla espaço amplo, área coberta, banheiros, acessibilidade e estacionamento. De acordo com o secretário, o objetivo é fornecer um ambiente com estrutura e capacidade de abrigar os vendedores com dignidade.

“Queremos trabalhar ao lado dos pequenos empresários, a favor deles”, disse Josivan.

Na reunião de hoje, a convite dos ambulantes, o vereador Tomaz Neto (PDT) voltou à sede da Prefeitura num ambiente sem atribulação, como de outras vezes. “Elogiei de corpo presente o prefeito interino, pelo belo exemplo que ele dá, fazendo do gabinete um local de conversa democrática, de respeito ao cidadão”, disse.

Veja mais notícias e notas em primeira mão em nosso TWITTER clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    “A ação judicial que visa à desobstrução das calçadas está paralizada (sic). Portanto, não há prazo para retirada dos vendedores da rua. O que a Prefeitura deseja é relocá-los para um espaço com estrutura para que eles possam trabalhar com mais dignidade” – acrescenta.
    FINALMENTE SE CONVENCERAM QUE É PRECISO CONSTRUIR O MERCADO DO MASCATE DE MOSSORÓ.
    Que não apareça nenhum VEREADOR GARUPEIRO, como apareceu no projeto para DIMINUIR A VIOLÊNCIA EM MOSSORÓ, dizendo que é o pai da ideia.
    QUEM PRIMEIRO FALOU EM CONSTRUÇÃO DE UM ESPAÇO PARA OS CAMELÔS FOI ESTE WEBLEITOR.
    Tivesse eu três minutos numa rádio e o trânsito de Mossoró melhoraria. A Educação deixaria de ser uma FÁBRICA DE ANALFABETOS. Mas eles não permitem. Sabem que jamais conseguiriam me cooptar.
    /////////
    BREVE, MUITO EM BREVE, OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS.
    POR QUE TOMAZ NETO NÃO MOSTRA A CÓPIA DO RELATÓRIO DA AUDITORIA RELIZADA NA PREFEITURA?
    ATÉ QUANDO A SAÚDE CONTINUARÁ EM GREVE? QUANTOS MOSSOROENSES TERÃO QUE MORRER?

  2. Francisco diz:

    Conheço o Professor Luiz Carlos a muitos anos, até a presente data brilhante COMO SEMPRE enquanto Prefeito interino, não decepcionou em nada PARABÉNS PROFESSOR.

  3. Augusto Ribeiro diz:

    Carlos,

    Você assistiu o BDRN? O Secretário de Planejamento Josivan Barbosa, nem citou a reunião. Só falou no Prefeito Francisco José Junior, como se este estivesse conduzindo as negociações nesse momento, ignorando o trabalho encetado pelo vice Prefeito, no momento em exercício do cargo de Prefeito Luiz Carlos. E lembro que Josivan “ainda” é do mesmo partido que o vice. Até quando???

  4. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Nos noticiários das rádios a construção de um shopping para abrigar os camelôs.
    Foi neste blog que lancei a ideia da construção do MERCADO DOS MASCATES DE MOSSORÓ há quase seis meses. Isto pode ser facilmente comprovável. Basta ver os meus comentários sugerindo a construção de um mercado com os boxs sendo vendidos aos camelôs nos moldes do MINHA CASA, MINHA VIDA.
    Ninguém fala que a ideia foi minha.
    Só falta agora aparecer um vereador garupeiro e apresentar o projeto da constução do MERCADO DOS NMASCATES DE MOSSORÓ.
    Se me ouvissem, este problema já estaria completamente resolvido e os camelôs tranquilos e satisfeitos.
    /////
    BREVE, MUITO EM BREVE, OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS.
    UNIFORME E MATERIAL ESCOLAR NÃO FORAM ENTREGUES EM MOSSORÓ.
    FALTA MERENDA ESCOLAR EM ESCOLAS MUNICIPAIS DE MOSSORÓ.

  5. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Breve vai explodir o problema dos FLANELINHAS. Ou será que vão implantar o ZONA AZUL deixando os FLANELINHAS nas ruas de Mossoró?
    A solução para a retirada dos FLANELINHAS sem causar nenhum impacto social já apresentei ao Luís Carlos na sala do Padre Talvacy Chaves, tendo ele aprovado a minha ideia. Como já faz algum tempo, caso queira novamente ouvir todos os detalhes deste projeto é só me chamar.
    O trânsito em Mossoró pode ser melhorado. Com a adoção de medidas simples e custo diminuto o trânsito pode se tornar bem melhor na nossa cidade. Mas não me ouvem. E eu não vou mais ficar implorando para ser ouvido.
    Recentemente falei com o Secretário de Segurança de Mossoró que é possível diminuir os assaltos. Ele se mostrou vivamente interessado no assunto, ficou com meu telefone e NUNCA LIGOU.
    Certamente está achando pouco os assaltos que acontecem na cidade.
    Tivesse eu três minutos numa rádio e o trânsito seria menos caótico e os assaltos diminuiriam.
    Fico feliz, mesmo sem ser reconhecido, por na condição de simples webleitor contribuir para a solução dos problemas desta cidade que poderia ter uma qualidade de vida bem melhor.
    //////
    BREVE, MUITO EM BREVE, OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS.
    UNIFORME E MATERAIL ESCOLAR NÃO FORAM ENTREGUES EM MOSSORÓ.
    FALTA MERENDA ESCOLAR EM ALGUMAS ESCOLAS DE MOSSORÓ

  6. Inácio Augusto de Almeida diz:

    A PIADA DO DIA:
    A secretária de Educação declarou na Rário Rural, programa do Carlos Cavalcante, que não falta MERENDA ESCOLAR. Disse a Secretária que faltam merendeiras e que sem merendeiras não há como servir MERENDA ESCOLAR.
    Zé Ruela bola no chão de tanto rir.
    Zé Buchudinho me pergunta o que é feito do dinheiro da MERENDA ESCOLAR que não é servida.
    Não sei o que é feito deste dinheiro. Se algum leitor sabe que mate a curiosidade do Zé Buchudinho.
    /////
    BREVE, MUITO EM BREVE, OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS.
    FALTA MERENDA ESCOLAR EM ALGUMAS ESCOLAS DE MOSSORÓ.
    UNIFORME E MATERIAL ESCOLAR NÃO FORAM ENTREGUES EM MOSSORÓ.

    • Antonio Augusto de Sousa diz:

      Essa foi de lascar Inácio!

      Não sei o que é pior, se às trapalhadas administrativas, ou, às EXPLICAÇÕES IDIOTAS!

      • Inácio Augusto de Almeida diz:

        Tá achando de laascar?
        Isto é fichinha perto de outras declarações desta secretária.
        Numa reunião com pais de alunos, onde todos esperavam que o assunto seria EDUCAÇÃO, ela inventou de dar uma palestra sobre economia doméstica.
        Para uma plateia de pessoas com renda média em torno dos R$ 2.000,00 ela disparou:
        Não comam miojo nem caldo Knorr porque tem muito sal e não é saudável. Comam frutas, verduras, carnes e peixes.
        Lembrou Maria Antonieta mandando o povo que pedia pão comer brioche.
        Pensa que foi só isto?
        Vamos a pérola das pérolas.
        Quando questionada por mim sobre a não entrega do UNIFORME ESCOLAR disse:
        Não vamos distribuir tênis porque os pés dos alunos crescem.
        Ze Ruela cai no chão neste exato momento de tanto rir. Já contei para ele esta do tênis e dos pés dos alunos que crescem mais de cem vezes e sempre ele termina bolando no chão de tanto rir.
        Zé Buchudinho também ri. Quem não ri de uma declaração como esta?
        Entende, amigo Antônio, porque eu sempre digo:
        TEM COISA QUE SÓ ACONTECE EM MOSSORÓ.
        //////
        BREVE, MUITO EM BREVE, IS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS.
        AGOSTO PROMETE.

    • Zé Maria diz:

      Dentro das dispensas das escolas tem muita ratazana, aquelas ratazanas que andam com as duas pernas. A ratazana executiva foi exonerada e reduzida a diretora de escola, agora falta a ratazana mor, que é conivente com a situação, isso não deixa nem duvida.

  7. João Paulo diz:

    Luiz Carlos marca de vez uma diferença não só referente ao prefeitinho ‘Silveirinha’, mas também em relação aos seus companheiros de partido, o PT. Membro de um partido com nomes de pensamento sectário e totalitário, Luiz Carlos sempre se mostrou ser uma figura diferente de seus correligionários. E atuando agora como prefeito interino, ele deixa de vez isso marcado. O prefeitinho ‘Silveirinha’, que pensa que o poder emana dele, e nesse sentido realizando uma atuação de auto-suficiência á frente da máquina executiva municipal, deveria aprender um pouquinho, ao menos, com seu vice-prefeito. Mas isso não irá ocorrer. ‘Silveirinha’ deveria olhar pra ex-prefeita e aluada Fafá Rosado, que também pensava que o poder emanava dela, nesse caso, o irmão Gustavo Rosado pensava assim. Mas foi só saírem do cargo de prefeito (que ambos ocupavam ao mesmo tempo), que caíram no ostracismo. Gustavo Rosado perseguiu todos aqueles que criticavam a sua gestão (afinal, ele era o prefeito de fato). Jogou montante de dinheiro público dentro de dois jornais da cidade. Os dois á época de menores circulação que a ‘Gazeta do Oeste’ e ‘O mossoroense’. Um desses jornais super aliados a gestão Fafá-Gustavo, faliu rapidinho, mesmo com expressivo montante de dinheiro público sendo jorrado em seu caixa. Mostrando que só sobrevivia porque era uma espécime de ante-sala da gestão Fafá-Gustavo. Como o próprio blogueiro dessa página falou recentemente, o poder está no cargo, e não na figura. Então, ‘Silveirinha’, assim que você sair do cargo, igualmente cairá no ostracismo como a dupla incompetente Fafá-Gustavo. Desde já, meus pêsames.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.