• Vale Norte - Nativa Comunicação - 2º Banner - 20-09-17
terça-feira - 19/09/2017 - 11:22h
Marcha da Saúde

Relatório detalha sucateamento da Saúde em Mossoró

Petras Vinícius mostra levantamento e números aterradores em dez unidades básicas de saúde e UPA's

Em pronunciamento encerrado há poucos minutos na tribuna da Câmara Municipal de Mossoró, o vereador Petras Vinícius fez um relatório de visitas suas a dez Unidades Básicas de Saúde do Município (UBS’s) nos últimos dias, além das Unidades de Pronto-Atendimento (UPA’s). Foi o que definiu como “Marcha da Saúde” (veja AQUI).

Faltam muitos medicamentos, médicos, internet, impressora e outros itens básicos na saúde básica (Foto: Cedida)

Sintetizou o que viu e documentou através de entrevistas, fotos e vídeos, ouvindo servidores e clientela.

Abaixo, um resumo do que ele coletou e pretende encaminhar a setores fiscalizadores da Saúde Pública:

UBS’s Chico Porto:

- Área coberta: 3 mil pessoas

- Área descoberta: 2mil pessoas

- Apenas uma equipe (3 equipes seriam necessárias para cobrir toda a área)

- 3 médicos atendem na Unidade;

- Dentistas da Unidade estão atendendo no CEO por falta de condições estruturais nos consultórios odontológicos;

- Duas cadeiras de Dentista paradas;

- A UBS está sem gerente;

- Sem medicação para pressão e diabetes;

- Farmácia Básica com 10% de sua capacidade;

- Atendem cerca de 500 hipertensos;

- Não há sala para Assistente Social;

- Não há Segurança.

UBS Dr. Epitácio da Costa Carvalho:

- 13 fichas/dia;

- Mais de 1600 famílias cadastradas;

- Farmácia Básica com 5% de sua capacidade;

- Falta HiperDia;

- PSF sem enfermeiro há 15 dias;

- Serviços de PSF sem utensílios básicos (os funcionários estão se mobilizando para conseguir material de outros locais de trabalho);

- Duas dentistas trabalhando há 2 anos na UBS apenas com orientações, pois a energia não suporta os equipamentos quando em funcionamento;

- Médico atendendo três vezes por semana;

- Sem fardamento para ACS;

- Apenas 5 ACS trabalhando (seriam necessários mais 5 para cobrirem a demanda da área);

- Apenas uma equipe trabalhando (duas seriam necessárias para cobrir toda a área);

- 6 áreas descobertas;

- A comunidade fez doação de equipamentos de informática (uma impressora e toner);

- Vazamento na caixa de água impede funcionamento da UBS ao menos uma vez por semana;

- Material esterilizado na UPA do Alto de São Manoel;

- Unidade não possui Segurança.

UBS Dr. Aguinaldo Pereira:

- Média de 3 mil pessoas atendidas;

- 2 equipes PSF;

- Faltando 40% dos medicamentos na Farmácia Básica (HiperDia, Psicotrópicos e Analgésicos);

- Salas arrombadas por vândalos e cobertas de rachaduras e mofo;

- Há frequência nos arrombamentos;

- Unidade não possui segurança;

- À espera de licitação para reforma;

- Problemas elétricos impedem o funcionamento do Consultório de Enfermagem.

UBS Mário Lúcio de Medeiros:

- Uma equipe de PSF;

- Farmácia Básica com 20% de sua capacidade;

- Faltam cerca de 80% dos Medicamentos Psicotrópicos sem previsão de chegar;

- Quantidade razoável de remédios de pressão;

- Internet paga pelos funcionários;

- 550 famílias descobertas no Conjunto Novo;

- Comunidade entre Geraldo Melo e Alto da Pelonha, descoberta;

- Média de 3 mil famílias descobertas;

- Prédio com aluguel em atraso;

- Vários roubos, na entrada da Unidade, a populares e funcionários.

UBS Enfermeira Conchita da Escóssia Ciarlini:

- Por falta de qualquer mecanismo de Segurança, a Unidade é constantemente arrombada e alvo de vandalismo e roubos de equipamentos;

- 3 equipes de PSF;

- Há mais prontuários da área descoberta que da coberta;

- Farmácia Básica com 20% de sua capacidade;

- Analgésicos e HiperDia em falta;

- Luvas de procedimento e material de Curativo em falta;

- Material para medir glicemia em falta;

- Não há internet;

- Equipamentos pessoais dos funcionários são usados para a marcação de consultas.

UBS Dr. Lucas Benjamim:

- Unidade polo para UBS dos abolições;

- Uma equipe de PSF;

- Analgésicos e HiperDia em falta;

- Psicotrópicos em falta;

- Farmácia Básica com 30% de sua capacidade;

- Área coberta: média de 2200 pessoas;

- Área descoberta: mais de 4mil pessoas;

- Mais de 200 hipertensos;

- Não há internet na Unidade;

- Notebooks pessoais são usados para suprir demanda da Unidade que, praticamente, não possui computadores;

- Não há segurança.

UBS Dr. José Fernandes de Melo:

- Unidade polo para unidades no entorno;

- Sem Psicotrópicos;

- Sem HiperDia;

- Sem Analgésicos há meses;

- Farmácia Básica com 10% de sua capacidade;

- Medicação só é entregue pela manhã;

- Curativos e outros procedimentos são feitos à tarde, pois a sala disponível não possui condições de ser usada e pela manhã todas as outras salas estão em uso;

- Energia fraca, não suporta todos os equipamentos ligados ao mesmo tempo;

- Não possui computadores;

- Internet paga por funcionários;

- Marcação é feita quando funcionários levam seus notebooks ou o atendido leva para marcar em casa;

- Não há ASG na Unidade;

- Não há regularidade na limpeza ao entorno da Unidade;

- Os funcionários não possuem fardamento ou material para trabalhar (há meses não recebem);

- 4 áreas descobertas, mesmo com 2 equipes de PSF.

UBS Raimundo Renê Carlos de Castro:

- 12 ACS – 2 Equipes de PSF;

- Farmácia Básica com 70% de sua capacidade;

- Falta medicação para HiperDia;

- 20% de Insulina necessária;

- Dois dentistas para uma Cadeira (cada turno, um atende, de segunda a sexta);

- População reclama de poucas vagas (4 vagas para extração e 2 para restauração);

- Dois médicos (Apenas um tem carro próprio e o utiliza para visitar os pacientes em domicilio, pois quase sempre falta carro da municipalidade para acompanhar a equipe de PSF);

- Nas sextas, são atendidas as Gestantes;

- Corriqueiramente tem faltado papel para impressão de receitas e exames;

- Funcionários utilizam suas impressoras em casa para facilitar o trabalho;

- Faltam luvas de procedimento, material de curativo e material para teste de glicemia;

- Falta material de limpeza;

- Não há telefone fixo e computadores;

- Ligações são feitas dos celulares dos próprios funcionários;

- Marcações são feitas nas casas dos funcionários

- Não há internet;

- Funcionários estão fazendo “vaquinha de dinheiro” para comprar material infantil para atendimento pediátrico;

- - Não há Segurança.

UBS Sinharinha Borges:

- 2 Equipes de PSF;

- 2 dentistas e 2 médicas (Uma das médicas só atende duas vezes por mês, sendo ela mesma quem escolhe o dia de atendimento – Dra. Ellen);

- 16 fichas/dia;

- Os enfermeiros dividem a mesma sala;

- Sala de curativo disponível, porém sem material (caso o paciente traga o material, o curativo será feito);

- Farmácia Básica com 20% de sua capacidade;

- Sem HiperDia;

- Sem Analgésicos;

- Não há ASG na Unidade;

- Unidade é constantemente alvo de assaltos;

- Guarda Civil passa uma vez a cada expediente;

- Muitas Infiltrações e Portas sem tranca;

- Ar-condicionado com defeito no Consultório do Dentista, Sala da Assistência Social e Enfermagem;

- Internet paga pelos funcionários;

- Botijão de gás emprestado por uma das funcionárias;

- Água e café pagos pelos funcionários.

UBS Caic:

- Está alocada na UBS José Fernandes de Melo, pois a antiga sede não a comporta;

- Falta ASG;

- Falta Digitador para marcar exames;

- Faltam folhas timbradas e folhas de ofício;

- Faltam materiais de curativo;

- Falta funcionário para trabalhar no SAME.

Segundo exposição do vereador, o principal problema é falta de remédios elementares nas UPA’s, como Decadron, Prometazina, Hidrocortizona, Furosemida, Captopril, Soro Ringer Simples, Atrovent, Vitamina K, Transamim, Ipslon, Lidocaína Gel, ABD, Hiocina, Jelcos 22 e 24, Scalps 23 e 21, Seringa de 5ml entre outros.

Servidores se sacrificam

Nas UBS também é escassa a cobertura de remédios e outros insumos, como dificuldade para atendimento à procura por vários exames, como US abdômen total, US obstetra, Oftalmológicos, Dermatológicos, Endocrinológicos e pequenas cirurgias.

Raério critica governo e imprensa (Foto:CMM)

“Quem banca a saúde básica em Mossoró são os servidores, a dedicação deles, o sacrifício deles, até tirando dinheiro do próprio bolso”, desabafou Petras Vinícius.

Governo x oposição

Em seu pronunciamento, Petras foi aparteado por vereadores governistas, mas nenhum contestou suas palavras e relatório. Francisco Carlos (PP), por exemplo, admitiu que “esses problemas serão amenizados, mas não creio que serão plenamente solucionados”. Licitação em andamento, disse, vai atenuar parte dos problemas.

O oposicionista Raério Cabeção (PRB) contestou o discurso do governismo, assinalando que recursos orçamentários com Gabinete da prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e com propaganda de seu governo, “vão continuar”, enquanto o povo seguirá sofrendo. E cobrou a imprensa para falar a realidade e a verdade e não apenas “dizer que o vereador não faz nada, não fala nada”.

* Os vereadores Ozaniel Mesquita (PR), Raério Cabeção, Genilson Alves (PTN) e Rondinelli Carlos (PMN) participaram de parte da “Marcha da Saúde” encabeçada por Petras Vinícius.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
terça-feira - 05/09/2017 - 13:54h
Presidência

Câmara marcha para antecipar eleição e garantir reeleição


Izabel: permanência (Foto: Walmir Alves)

Ainda não foi hoje (terça-feira, 5), mas está fechado. A menos que ocorra algum imprevisto, a Câmara Municipal de Mossoró marcha para mudar a Lei Orgânica do Município (LOM), revisada no final do ano passado, para permitir outra vez a reeleição do presidente da Casa e antecipar o pleito.

Na sessão dessa terça-feira (5), houve ausência de vários vereadores, comprometendo as votações no estilo vapt-vupt nesse poder.

A articulação procura garantir mais dois anos de presidência para a atual presidente Izabel Montenegro (PMDB), biênio 2019-2020.

O Blog já tinha antecipado numa série de postagens que havia essa costura política de bastidores, inclusive, detalhando necessidade de alterações legais em LOM e Regimento Interno da Casa.

Leia também: Mudanças eleitorais em Câmara exigem alterações legais AQUI.

Mas mesmo com tudo “decidido”, os bastidores fervem, principalmente após a sessão de hoje.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 14/08/2017 - 17:13h
Zzzzz!!!

Uma câmara pacífica ou passiva?


Do Blog Carol Ribeiro

Desde primeiro de janeiro, quando teve início a atual legislatura, a Câmara Municipal de Mossoró tem um comportamento diferente do que vinha demonstrando nos últimos anos.

Brigas, discussões e as “picuinhas”, se existem, ficam nos bastidores.

Em plenário, as discussões têm acontecido em paz.  Os vereadores se orgulham e dizem que conseguiram, finalmente, uma Câmara Municipal pacífica.

“Recuperar a imagem dos vereadores” é o que muitos “novatos” apontaram como meta desde que foram eleitos. Contudo, mais que a tranquilidade, a Câmara também perdeu os grandes debates sobre temas importantes para a cidade e os problemas que precisam ser resolvidos.

Falta o imprescindível “parlamentar”, falar, discutir.

A oposição, responsável por levantar as problemáticas discutíveis, salvo raras exceções, permanece “ala muda” – assim como eram esses mesmos vereadores na legislatura passada, quando ocupavam a bancada governista.

Mais que pacífica, passiva.

Alguma reclamação ou questionamento que surge no plenário, dali não passa, não repercute nas ruas e nem impede aprovação de projetos que beneficiem tão somente o interesse do Palácio.

E assim, o governismo agradece.

Nota do Blog Carlos Santos – Assino, sonolento e solenemente, seu escrito, Carol.

Sem tirar nem pôr.

Zzzzzz!!!!

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Artigo / Opinião / Política
segunda-feira - 07/08/2017 - 19:18h
Projeto

Prefeitura quer negociar dívida com Previ em quase 17 anos


A Prefeitura Municipal de Mossoró protocolou na Câmara Municipal, o projeto de lei sob o número 1/196, de 2 de agosto, dispondo sobre o parcelamento e “reparcelamento” de débitos da municipalidade, com o Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores de Mossoró (Previ-Mossoró).

O projeto prevê que a gestão Rosalba Ciarlini (PP) tenha autorização para negociar dívidas com a previdência própria de servidores municipais no largo tempo de 200 parcelas mensais, iguais e sucessivas.

São 16 anos e oito meses. Se nada ocorrer de errado, a municipalidade saldará o ‘rombo’ (montante não divulgado) em 2034.

Segundo o projeto de lei, “serão incluídos no parcelamento e/ou reparcelamento os débitos dos poderes Legislativo e Executivo, inclusive os das administrações indiretas.”

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
  • Repet
domingo - 16/07/2017 - 08:40h
Mossoró

Prefeitura atrasa relatórios obrigatórios sobre a Saúde


A Prefeitura de Mossoró está com pelo menos dois relatórios quadrimestrais da Saúde em atraso. Um ainda derivado da gestão Francisco José Júnior (PSD), outro já da administração Rosalba Ciarlini (PP).

O que o Relatório Quadrimestral deve apresentar:

I – montante e fonte dos recursos aplicados no período; II – auditorias realizadas ou em fase de execução no período e suas recomendações e determinações; III – oferta e produção de serviços públicos na rede assistencial própria, contratada e conveniada, cotejando esses dados com os indicadores de saúde da população em seu âmbito de atuação.

Segundo a Lei Complementar 141/2012, o Relatório deverá ser enviado ao Conselho Municipal de Saúde para apreciação e apresentado na Câmara Municipal pelo gestor do Sistema Único de Saúde (SUS), a cada quatro meses.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Saúde
terça-feira - 04/07/2017 - 14:14h
Câmara Municipal de Mossoró

Sandra justifica voto contra prestações de contas de Fafá


“Jamais votaria a favor da prestação de contas de uma administração incorreta e desonesta”. A frase foi disparada pela vereadora governista Sandra Rosado (PSB), no plenário da Câmara Municipal de Mossoró, na sessão de hoje.

Foi sua reação, além de votos, contra a aprovação em regime de urgência, das prestações de contas da ex-prefeita Fafá Rosado (PMDB), referentes aos exercícios 2011 e 2012 (veja AQUI).

Apesar de acordo no governismo para aprovação “cega” às duas matérias, ela redarguiu a quem não gostou de sua postura, de forma áspera.

“Eu não mudaria de opinião. Mossoró sabe como foi governada nesses anos”, completou.

Apesar de primas, Sandra e Fafá seguem como adversárias irreconciliáveis até aqui.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 04/07/2017 - 10:18h
Agora

Câmara faz sessão tensa para aprovar contas de Fafá Rosado


Câmara Municipal de Mossoró segue sua sina.

Vai aprovar hoje contas da ex-prefeita Fafá Rosado (PMDB), que sumiram em 2012, depois reapareceram na própria Casa, num enredo bastante misterioso.

A sessão de hoje – em andamento – discute de forma tensa a questão.

Nenhum dos vereadores leu o calhamaço, mas está escalado para votar e aprová-lo cegamente.

Foi formada uma “comissão especial” para tanger a matéria, atropelando o rito normal de tramitação por comissões técnicas como Constituição e Justiça, Finanças e Orçamento.

A própria vereadora governista Sandra Rosado (PSB) questiona essa pressa. A líder oposicionista Isolda Dantas (PT) levanta voz na mesma sintonia da parlamentar adversária.

O caso pode terminar sendo judicializado.

Leia também: Mobilização política faz blitz para aprovação de contas de Fafá AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sábado - 01/07/2017 - 10:56h
Mossoró

Mobilização política faz blitz para aprovação de contas de Fafá


Do Blog Carol Ribeiro, TV Cabo Mossoró (TCM) e Blog Carlos Santos

Na próxima terça-feira (03) os vereadores de Mossoró, mesmo em recesso, devem realizar sessão extraordinária para avaliar as contas municipais referentes a 2011, da gestão Fafá Rosado (PMDB).

A sessão foi convocada na última terça (27) e gerou discussão entre os parlamentares. O plenário questionou o porquê da matéria ter sido colocado neste momento final do semestre.

De acordo com os vereadores, se soma a isso o desconhecimento sobre o parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE) a respeito dos números, que foram “aprovados com ressalvas”.

Fiscalização

O Blog Carlos Santos mergulhou nos bastidores desse intrincado caso (veja AQUI). Há pressa na aprovação das contas, até mesmo de “adversários” da ex-prefeita Fafá Rosado, incrustados no Palácio da Resistência (sede da municipalidade).

A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e o seu marido e líder político, Carlos Augusto Rosado – primo de Fafá -, não aparecem diretamente no enredo. Porém não estão alheios a ele. A bancada governista tem “independência” para aprovar sem questionamento as contas da adversária e ex-aliada do rosalbismo.

Rosalba e Fafá: passado, presente (Foto: Jornal de Fato)

Outra vez, a Câmara Municipal de Mossoró está no epicentro de discussões, longe do conteúdo técnico e avessa ao seu papel fiscalizador. Assume uma tarefa política de anteparo da ex-prefeita e de outras pessoas importantes ao seu governo.

A Casa pode mais uma vez abdicar de sua prerrogativa de defender o interesse público. Já ostenta o recorde de nunca, absolutamente nunca em toda sua história, ter instalado uma Comissão Especial de Investigação (CEI).

“Presunção de inocência”

O legislativo mossoroense adotou historicamente o princípio da “presunção de inocência” do executivo, como regra do seu trabalho, em vez do primado da desconfiança.

Por que a pressa? A quem interessa a aprovação em estilo vapt-vutp? Por que até adversários políticos estão empenhados nessa jornada?

Contudo mesmo no governismo, há vozes contrárias a essa urgência. A vereadora Sandra Rosado (PSB) recorre ao Regimento Interno da Casa para questionar esse imediatismo.

Já a presidente da Câmara Municipal, Izabel Montenegro (PMDB), não vê nada como “extemporâneo”. Isolda Dantas (PT), líder oposicionista, cobra zelo ao próprio mandato e obrigações do vereador.

Entre os vereadores, quase  ninguém ou ninguém conhece o conteúdo do calhamaço. Nem deverá conhecer melhor. Até aqui não houve tempo hábil para isso.

A costura política que foi desencadeada nesta semana – inclusive com reunião a portas fechadas na Câmara Municipal – visou sua aprovação. E ponto final. Terça-feira, 3, sairá o resultado prático dessa blitz.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quinta-feira - 29/06/2017 - 21:07h
Mossoró

Prestação de contas mexe com bastidores políticos


Nos intramuros da Câmara Municipal de Mossoró, finalmente foi localizado um calhamaço da prestação de contas da ex-prefeita Fafá Rosado (PMDB).

Andava sumido, digamos.

Essa nebulosidade em torno do assunto, com escassa ou nenhuma informação, não é de hoje nem está circunscrita à atual legislatura na Câmara Municipal de Mossoró.

Há muitos interesses em jogo, mesclando oposição e governo; passado, presente e futuro.

Há gente com pressa, agora, à sua aprovação vapt-vupt.

Traremos novidades de bastidores.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 29/06/2017 - 12:12h
Mossoró

Bancada governista tem reunião a portas fechadas hoje


Às 14 horas de hoje (quinta-feira, 29), a bancada governista na Câmara Municipal de Mossoró terá uma reunião fechadíssima.

A pauta não transpirou a ponto do Blog Carlos Santos poder publicar, ainda, com absoluta segurança.

Acontecerá na sala da Presidência.

Sem interrupções, por favor.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 28/06/2017 - 15:38h
Licença

Câmara Municipal caminha para ter mudança de nomes


Zé Peixeiro: possível licença (Foto: arquivo)

Campeão de votação – 2.802 votos – nas eleições de 2016 à Câmara Municipal de Mossoró, o vereador José Domingos Gondim (PTC), o “Zé Peixeiro”, provavelmente se licenciará do cargo no segundo semestre.

Zunzunzum nos bastidores desse poder aponta nessa direção.

Seria uma “licença de saúde” de cerca de 60 dias, comenta-se.

Eleito pela oposição, mas com inclinação à base governista logo no início da legislatura, Zé Peixeiro também coleciona desapontamentos com a gestão Rosalba Ciarlini (PP) e também resmunga queixas quanto a presidente da Câmara Municipal, Izabel Montenegro (PMDB).

O primeiro suplente da Coligação Liderados Pelo Povo II (PRTB, PTC, PSC e PPS) é Ramilson Mendonça Martins (PSC), o “Mimiu”.

Ele empalmou 1.290 votos no pleito do ano passado.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 12/06/2017 - 10:28h
Hoje

Sessão lembrará 90 anos de resistência a bando de Lampião


A Câmara Municipal de Mossoró realiza sessão solene hoje (segunda-feira, 12), às 15 horas, em sua sede.

Fará homenagem a 23 pessoas, para marcar os 90 anos da resistência da cidade à invasão do bando de Lampião.

A proposição foi do vereador Francisco Carlos (PP).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Cultura / Política
  • Repet
quinta-feira - 08/06/2017 - 08:14h
Audiência pública

Câmara debate sobre o Nogueirão e Pedro Ciarlini Neto hoje


A Câmara Municipal de Mossoró realiza audiência pública neste dia 8 (quinta-feira), às 9h.

Ocorrerá no próprio plenário desse poder.

Por proposição dos vereadores João Gentil (PV) e Raério Emídio (PRB), a Casa vai debater a situação de deterioração e interdição do Estádio Manoel Leonardo Nogueira (Nogueirão) e do Ginásio Poliesportivo Pedro Ciarlini Neto.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Esporte / Política
segunda-feira - 05/06/2017 - 17:30h
Mossoró

Câmara debaterá sobre sobre Nogueirão e Pedro Ciarlini Neto


Por proposição dos vereadores João Gentil (PV) e Raério Emídio (PRB), a Câmara Municipal de Mossoró realizará audiência pública no próximo dia 8 (quinta-feira), às 9h.

Ocorrerá no próprio plenário desse poder.

Como tema central dos debates e exposições, a “atual situação do Estádio Manoel Leonardo Nogueira (Nogueirão) e do Ginásio Poliesportivo Pedro Ciarlini Neto.

Os dois equipamentos vivem crescente depreciação física, interdições em sequência e são subutilizados.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Esporte / Política
  • Repet
quarta-feira - 31/05/2017 - 07:52h
TV Câmara

Câmara realiza concorrência à contratação de produtora


A Câmara Municipal de Mossoró realiza hoje concorrência para contratação de empresa à produção de conteúdo da TV Câmara.

Na atual legislatura, por contenção de despesas, a Casa tem gerado apenas programação ao vivo de suas sessões e audiências públicas.

Até ano passado, mantinha vários programas próprios.

A TV Câmara é ligada à Fundação Aldenor Régis Nogueira, criada na legislatura passada, por proposição do então presidente Jório Nogueira (PSD), filho do homenageado (já falecido) que dá nome à entidade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Comunicação / Política
sábado - 27/05/2017 - 10:08h
Segunda-feira, 29

Frente em Defesa da Uern discutirá autonomia financeira


A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) será tema de debate no plenário da Câmara Municipal de Mossoró, com reunião ampliada da Frente Parlamentar e Popular em Defesa da Uern, segunda-feira (29), às 9h. O encontro terá como temática central o financiamento da instituição.

O coordenador da Frente, vereador Professor Francisco Carlos (PP), informa que o evento debaterá contribuição social e condições de financiamento da Uern e proposta de autonomia financeira da universidade, vista como alternativa fundamental para fortalecimento da instituição universitária.

A Frente foi formada ainda ano passado, reunindo variados setores da política e da sociedade, em especial com representantes da Câmara Municipal de Mossoró e da Assembleia Legislativa.

Com informações da Assessoria do vereador Francisco Carlos.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Repet
quarta-feira - 17/05/2017 - 13:12h
Limpeza urbana

Contratos milionários e sem licitação podem gerar uma CEI


Conversas nos intramuros da Câmara Municipal de Mossoró apontam para hipótese, crescente, de instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI). Foco: a continuada contratação de empresas para limpeza urbana sem licitação e em valores irreais, governo após governo.

Não é querendo desanimar ninguém, mas só um lembrete: nunca, absolutamente nunca, a Câmara Municipal de Mossoró instalou uma Cei. Em tempo algum, reforçamos.

Se obtiver esse feito, parabéns.

Líder da bancada oposicionista, a vereadora em primeiro mandato Isolda Dantas (PT) pode entrar para a história pelo aval ao feito ou ser mais uma.

Aguardemos, pois.

Leia também: Prefeita mantém serviço milionário e ‘suspeito’ sem licitação (AQUI);

Leia também: Prefeitura protege grandes geradores de lixo; cidade paga a conta (AQUI).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 02/05/2017 - 10:00h
Câmara Municipal de Mossoró

Presidente explica a não apresentação de prestação de contas


Em relação à postagem sob o título “Câmara não faz prestação de contas como prometido” (veja AQUI), a presidente da Câmara Municipal de Mossoró reage dando sua versão.

A vereadora Izabel Montenegro (PMDB) inaugurou essa iniciativa desde o princípio de sua gestão, na atual legislatura, mas não repetiu a iniciativa no mês passado, como fizera até então.

Veja sua fala ao Blog:

A prestação de contas não foi feita na data prevista, por acordo entre os vereadores presentes, haja vista, no dia ter 9 vereadores ausentes, inclusive a líder da oposição.

Hoje (terça-feira, 2) nós apresentaremos. Acho que o Sr, sempre bem-informado, sabe que tivemos uma sessão prejudicada por falta de quorum e uma exclusiva para leitura da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias).

Quando tiver qualquer dúvida pode se dirigir a mim por esse canal (WhatsApp).

O que mais me entristece é nunca terem cobrado das gestões anteriores.

Hoje já falei com a líder da oposição (Isolda Dantas-PT) e pediu para deixar a prestação de contas para quinta-feira (4).

Estamos com ela pronta desde o dia 18.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 02/05/2017 - 04:22h
Mossoró

Câmara não faz prestação de contas como prometido


Hoje (terça-feira) é dia 2 de maio de 2017. E daí?

Bem, pelo menos em relação à Câmara Municipal de Mossoró representa que a Casa segue devendo prestação de contas com balancete (balanço do mês) como a presidente Izabel Montenegro (PMDB) garantiu que faria.

Passou abril em branco.

Segundo ela, mensalmente (sempre no dia 20), sua gestão iria apresentar balancete financeiro da Câmara, além de assegurar que vereadores não precisarão cobrar essas informações, como ocorria anteriormente.

O compromisso está atrasado pelo menos 12 dias.

Veja AQUI e AQUI como ocorreram as apresentações anteriores.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quinta-feira - 27/04/2017 - 23:04h
Mossoró

Secretário entregará Plano de Segurança do Município


O Secretário de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito de Mossoró, Eliéser Girão, aproveitou participação em audiência pública hoje na Câmara Municipal de Mossoró, para falar sobre o tema segurança.

O secretário garantiu que até esta sexta-feira o Plano de Segurança do Município será entregue.

“Até amanhã (sexta-feira, 28) será entregue o plano de segurança que pretendemos implantar em Mossoró. O plano de mobilidade ainda está sendo maturado porque existem algumas demandas e vamos ter que esperar um pouco mais”, disse.

Acompanhe o Blog também pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Segurança Pública/Polícia
domingo - 16/04/2017 - 17:16h
Câmara Municipal de Mossoró

CCJ vai se reunir para evitar emperramento de projetos


Sandra quer dar agilidade (Foto: Edilberto Barros)

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal de Mossoró se reunirá segunda-feira (17), às 9h, no plenário da Casa, para analisar Projetos de Lei. O colegiado designará relatores de matérias e discutirá a constitucionalidade de proposições da atual Legislatura.

A presidente da CCJ, vereadora Sandra Rosado (PSB), informa que a reunião objetiva dinamizar o processo legislativo.

Admissibilidade

“É preciso que a Comissão de Constituição e Justiça se posicione sobre a admissibilidade dos projetos, para decidir se terão seguimento, ou não, na Câmara Municipal”, explica.

Além de dar fluidez à tramitação, segundo ela, a intenção também é evitar o acúmulo de projetos no colegiado. Já são cerca de 50 projetos na CCJ, apresentados somente no atual período legislativo, iniciado mês passado.

Com informações da Assessoria de Imprensa de Sandra Rosado.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 29/03/2017 - 17:28h
Mossoró

Câmara aprova recriação da Secretaria de Cultura


A Câmara Municipal de Mossoró aprovou em sessão ordinária, hoje, a recriação da Secretaria Municipal de Cultura.

O projeto, de iniciativa da Prefeitura, foi aprovado por unanimidade e segue para sanção pela própria prefeita Rosalba Ciarlini (PP).

Tinha sido extinta na gestão Francisco José Júnior (PSD), se transformando num órgão contíguo da pasta da Educação.

Esse projeto é a primeira parte da prometida reforma administrativa pela prefeita Rosalba.

Acompanhe nosso Twitter AQUI. Notas e comentários mais ágeis.

Categoria(s): Cultura
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.