quarta-feira - 18/04/2018 - 09:38h
Sucessão estadual

Fábio Dantas segue ‘entubado’, mas com esperança eleitoral


A pré-candidatura do vice-governador dissidente Fábio Dantas (PSB) está ‘entubada’.

Funciona artificialmente.

Mas não não entrou em estágio terminal.

Por enquanto.

Existem pelo menos três vieses para serem analisados, que podem tirar a postulação desse patamar, ressuscitando-a:

Joaquim: palanque no RN (Foto: Web)

1 – A saída ‘na marra’ do governador Robinson Faria (PSD), por reprovação de suas contas pela Assembleia Legislativa (veja AQUI), possibilitará a condução de Fábio Dantas ao governo;

2 – A aposta do PSDB em sua candidatura, para fazer frente a Carlos Eduardo Alves (PDT) e Fátima Bezerra (PT). A propósito, a “candidatura Fábio Dantas” é uma invenção do presidente da Assembleia Legislativa e do partido dos tucanos, deputado Ezequiel Ferreira, mas virou rapidamente o “Plano B” ou “C”;

3 – A necessidade do PSB nacional de ter palanque à iminente candidatura presidencial do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa, que aparece com capacidade de grande crescimento, conforme recentes pesquisas.

Nos três casos, Fábio depende de ações e fatores externos e sobre os quais tem pouca influência. Até aqui, sua pré-candidatura é quase um “fake” (algo falso).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 11/04/2018 - 03:38h
Política

Posse de prefeito dá sinais de aliança para eleições 2018


Álvaro tomou posse no Cemure (Foto: TN)

A posse do vice-prefeito e ex-deputado estadual Álvaro Dias (MDB) como prefeito efetivo do Natal, nessa terça-feira (10), foi – talvez – uma avant-première da aliança que se formará às eleições deste ano no RN.

O evento atraiu nomes do DEM, o próprio MDB, PSDB, PR, PP e PDT, entre outros.

Ausente, o senador José Agripino (DEM) que está em Brasília, além do ex-prefeito e governadorável Carlos Eduardo Alves (PDT), que viajou para o eixo Rio-São Paulo para uns dias de descanso.

Entre os presentes, o senador Garibaldi Filho (MDB), o ex-deputado federal e presidente do PR no estado, João Maia, e a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) com seu marido Carlos Augusto Rosado e o pré-candidato a deputado estadual e filho do casal, Kadu Ciarlini (PP).

A posse ocorreu no Centro Municipal de Referência em Educação (CEMURE), bairro de Nazaré, Zona Oeste de Natal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
terça-feira - 10/04/2018 - 06:50h
Articulações

PSDB diz que não tem candidato ainda para apoiar ao governo


Atualmente três candidaturas majoritárias ao governo do Estado cortejam o PSDB. A informação oficial é do próprio PSDB. Mas o presidente da sigla e da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira, diz que o PSDB “não tem candidato ao governo, mas segue ouvindo e conversando com todos”.

O atual governador Robinson Faria (PSD), o ex-prefeito da capital do Estado Carlos Eduardo Alves (PDT) e Fábio Dantas (PSB), vice-governador do Estado, são os nomes postos à conversação como pré-candidatos ao governo.

PSDB alarga força (Foto: cedida)

O PSDB tem oito deputados estaduais, sendo a maior bancada do Legislativo Potiguar, 33 prefeitos e vice-prefeitos, 107 vereadores e está presente com diretórios municipais em 150 cidades das 167 do Estado.

O partido tem ainda o deputado federal Rogério Marinho.

À semana passada, o ex-governador e ex-senador Geraldo Melo filiou-se ao PSDB e disse, em discurso, que o partido desejava ter ele como candidato ao governo, mas sua preferência era concorrer ao Senado.

Chapa

Como o Blog Carlos Santos postou em primeira mão dia passado na Coluna do Herzog (veja AQUI), articula-se um “chapão” com Geraldo concorrendo ao Senado em lugar de José Agripino (DEM), que seria deslocado à Câmara Federal em lugar do seu filho Felipe Maia (DEM).

O pai de Ezequiel Ferreira, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), ficaria como suplente do senador Garibaldi Filho (MDB). Já o empresário Haroldo Azevedo (PSDB), é a indicação para suplente de Geraldo Melo.

O apoio do PSDB, assim, seria consagrado para a candidatura de Carlos Eduardo Alves ao governo.

Quanto à pré-candidatura de Fábio Dantas, ela definha desde o momento que foi anunciada. Foi estimulada no gabinete do próprio presidente Ezequiel, com a promessa mirabolante de apoio de 96 prefeitos.  Houve quem acreditasse nessa balela.

Robinson acena com entendimento, pesando contra ele os altos índices de reprovação/rejeição pessoal e governamental.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 09/04/2018 - 06:37h
COLUNA DO HERZOG

Populismo e dominação carismática no lulismo encarcerado


Por Carlos Santos

Preso no sábado (7) na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba (PR), onde passou a cumprir pena de de 12 anos e 1 mês de prisão pela condenação no caso do triplex em Guarujá (SP), o ex-presidente Lula da Silva (PT) é uma força política desmedida – solto ou encarcerado.

Ele encarna um papel sem cópia no lulismo, movimento político tipicamente brasileiro que mesmo assim não pode ser caracterizado como original e incomum, quando o tratamos sob a ótica da ciência política e da sociologia, por exemplo.

Mestre da retórica, ou seja, da arte da eloquência, Lula representa o que o filósofo alemão Max Weber trata por força da “dominação carismática”, um poder de “caráter autoritário e imperativo”, irradiado pelo fascínio que exerce sobre a massa-gente.

Como ele, não faltam outros personagens com características parecidas no Brasil e no mundo, através dos tempos. Germinam principalmente em períodos de instabilidades político-sociais e anemia institucional, com essência no populismo, culto à personalidade e messianismo.

Lula tem entre seus eleitores uma multidão de devotos, sequazes e fanáticos, massa comum a esse modelo de relação que caracterizou o “peronismo” na figura de Juan Perón na Argentina, entre 1946 e 1955 e de 1973 a 1974; Getúlio Vargas, e o “getulismo”; Benito Mussolini, na Itália fascista da primeira metade do século XX; Antônio Conselheiro e seu Arraial de Canudos no sertão baiano do século XIX etc.

Todos eles falavam, como Lula, para um universo que era catequizado para ter um guia e não um representante formal. O “povo”, nos discursos demagogos e manipuladores, sempre aparece como uma razão quase divina do líder, regente de sua história.

O “não-povo” é todo aquele que não crê e não o incensa. É todo aquele que se põe longe, fora ou em conflito com essa aura mítica. O Estado é personificado no que pensava o monarca Luís XIV na França imperial: “Sou eu”. Pode tudo em suas mãos.

O lulismo, ou o “lulupetismo” – como se define depreciativamente a era Lula-PT, não vai ser riscado do mapa com o xilindró do líder. Pode até recrudescer mais ainda essa paixão coletiva, alimentada pela vitimização fática ou laboratorial do ex-líder sindical.

Ninguém espere também um substituto para Lula nas urnas ou mais adiante. Ele é espécime raro.

Primeiro, porque nada nasce ou cresce em torno de gente com seu perfil, a ponto de eclipsá-lo. Segundo, porque essa troca não obedece a qualquer alteração formal e ritualística, como se faz numa convenção partidária.

Cada senhor de dominação carismática e populista tem seu tempo e lugar na história; seu legado será sempre discutido e discutível.

PRIMEIRA PÁGINA

Ex-deputado Laíre Rosado tem rotina de apoio a outros detentos – Preso (veja AQUI) desde o dia 22 de março último no Centro de Detenção Provisória (CDP) do Apodi, o ex-deputado federal, bacharel em direito e médico Laíre Rosado tem-se adaptado à rotina prisional e revelado enorme capacidade de convivência com os demais detentos. Revela-se até bastante útil à comunidade carcerária, no exercício de seus conhecimentos de medicina. Ao mesmo tempo, pleiteia sua liberdade através de instrumento de apelação judicial.

Filha de Zenaide Maia seguirá “renovação” da política do RN – Mada Calado Maia, que até bem poucos dias era titular da Secretaria Municipal de Assuntos Extraordinários da Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, segue a receita uterina das “mudanças” e “renovação” na política do RN. Será candidata a deputado estadual pelo PT, enquanto sua mãe – deputada federal Zenaide Maia – concorrerá ao Senado pelo PHS. Além disso, seu tio João Maia (PR) tentará voltar à Câmara Federal. Outro tio, Agaciel Maia (PR), é deputado distrital em Brasília.

Mada: em família (Foto: Web)

Deputados podem não viabilizar registro de candidatura – Fiquemos atentos à marcha burocrática das candidaturas à reeleição dos deputados estaduais Ricardo Motta (PSB), Dison Lisboa (PSD) e José Adécio (DEM). Os três têm seriíssimos problemas judiciais que podem gerar comprometimento de registro de candidatura à reeleição. Anote.

Os argumentos e a botija do crescimento do  PSDB/RN – Com oito deputados estaduais, o PSDB do RN experimenta um crescimento exponencial e de difícil compreensão para leigos e até gente conhecedora da política. Tantos candidatos à reeleição estariam apostando em quê? Tem quem diga que o presidente da sigla e da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira, possui muitos argumentos e uma “botija” para convencer políticos tão experientes de que não estão entrando numa furada.

Segundo turno à vista – Com a concorrência de pelo menos três ou quatro chapas ao Governo do RN, com boa capacidade de votos, é mais do que previsível a realização do pleito em dois turnos. Sob essa ótica, é que o governador Robinson Faria (PSD) trabalha, sob a crença de que um nome no segundo turno será o seu. Em 2014, ele perdeu o primeiro para Henrique Alves (MDB), mas levou de arrastão o segundo.

Galeno Torquato x Raimundo Fernandes – Os deputados estaduais Galeno Torquato (PSD) e Raimundo Fernandes (PSDB) fazem duelo à parte na campanha deste ano. Ambos tem São Miguel no Alto Oeste como berço político, mas espraiaram apoios por outras regiões. No pleito de 2014, Galeno estreou na disputa com 63.286 (3,82%) votos, sendo o segundo mais votado. Mas deve ter uma queda expressiva nesses números em 2018. Raimundo empalmou 35.333 (2,13%) votos e foi o 18º mais votados entre os eleitos. Parte para seu nono mandato.

Um vice para Carlos Eduardo Alves – A candidatura ao governo estadual de Carlos Eduardo Alves (PDT), que renunciou ao cargo de prefeito do Natal no final de semana, pode ter um nome indicado pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP) a vice. A ideia é fechar chapão com força nos dois maiores colégios eleitorais do estado.

Geraldo Melo é cogitado para lugar de Agripino – Nos bastidores da política, em Natal, já se conversa a possibilidade de deslocamento do senador José Agripino (DEM) para chapa à Câmara Federal. Em seu lugar, entraria o ex-senador Geraldo Melo (PSDB), tendo o empresário Haroldo Azevedo (PSDB) como primeiro suplente. Garibaldi Filho (MDB) seria mantido como candidato à reeleição ao Senado, tendo Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB, pai do presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira Filho-PSDB) como primeiro suplente.

Rosados podem repetir disputa familiar de 2014 – Se em 2014 o clã Rosado se fracionou em três candidaturas à Câmara Federal, para 2018 a corrida eleitoral na família talvez aconteça num patamar mais abaixo: Assembleia Legislativa. Larissa Rosado (PSDB), Kadu Ciarlini (PP) e Fafá Rosado (PSB) podem concorrer a uma vaga no parlamento estadual. Em 2014, Fafá, Sandra Rosado (PSB, hoje no PSDB) e Beto Rosado (PP) disputaram espaço na Câmara Federal, mas só esse último se elegeu.

Três pré-candidatos ao governo e um destino – Os três primeiros pré-candidatos ao governo do RN que surgiram ano passado não prosperaram as intempéries da pré-campanha: desembargador Cláudio Santos (sem partido), empresário Tião Couto (PR) e vereadora grossense Clorisa Linhares (Solidariedade) figuram nessa lista.

EM PAUTA

Sérgio Oliveira – O jornalista Sérgio Oliveira mergulha de vez no universo forense. Está instalado com escritório no Oásis Center, Avenida Alberto Maranhão, Centro de Mossoró, Sala 79-B, no 1º andar. Bom demais, Serginho. Depois apareço por aí.

Sérgio: advocacia (Foto: Web)

Simpósio – O Campus Avançado Professora Maria Elisa de Albuquerque da Universidade do Estado do RN (UERN), em Pau dos Ferros, vai sediar entre 17 e 19 de abril, o Simpósio Internacional de Ensino e Culturas Afro-brasileiras e Lusitanas (I SINAFRO).

Instituto Oral Clínica – Será nessa terça-feira (10), às 19h, a inauguração do Instituto de Ensino e Pesquisa Oral Clínica, com realização de workshop sobre Gestão e Mercado em Saúde, seguida de um coquetel. Ocorrerá na Rua Doutor João Marcelino, 450, Santo Antônio, Mossoró. O objetivo da instituição é a qualificação profissional de excelência para as diferentes áreas da saúde, sobretudo a nível de pós-graduação, iniciativa dos odontólogos Ney Robson e Kátia Maia.

Reeleição – A professora Marlúcia Barros Cabral foi reeleita para direção do Campus da Universidade do Estado do RN (UERN), em Assu, na sexta-feira (7).

Voos – A Azul Linhas Aéreas, após inspeção no Aeroporto de Mossoró à semana passada, conclui relatório sobre condições para uso comercial desse equipamento. Intenção é de promover pelo menos três voos semanais (segunda, quarta e sexta-feira), no horário vespertino. Isso poderá acontecer a partir de junho.

Casa Centelha – A tradicional empresa Casa Centelha de Mossoró abriu seu show-room recentemente no Santo Antônio, próximo ao Serviço Social do Comércio (SESC). Mas evitou qualquer evento de inauguração.

SÓ PRA CONTRARIAR

O verde-oliva voltou a ser uma cor presente em Brasília.

GERAIS… GERAIS… GERAIS

Anote aí o fone e email do “Palhaço Pitanga”, que nos garante: é atração perfeita para aniversários infantis em Mossoró: migo38a@hotmail.com e (84) 9.8638-3389. Recado dado.

Chuvas nos últimos dias tem fortalecido sobremodo a crença no inverno no estado. Regiões mais castigadas do RN como Oeste e Seridó estão com excelentes chuvas e as imagens se multiplicam na Internet, como a sangria do Açude Público de Riacho da Cruz.

Obrigado à leitura do Nosso BlogJoel Canela (Felipe Guerra), Wilana Dantas (Caicó) e Magnólia Maria da Rocha Melo (Mossoró).

Veja a Coluna do Herzog da segunda-feira (02/04) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sexta-feira - 06/04/2018 - 08:02h
Eleições 2018

Parentes causam problemas para deputados estaduais


Prefeito que sai e prefeito que fica na Prefeitura Municipal de Natal seguem a mesma receita de sempre na política do Rio Grande do Norte.

O prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), que renuncia hoje do cargo para concorrer ao governo estadual, deverá lançar sua mulher Andréa Ramalho (PDT) à Assembleia Legislativa.

Já o seu substituto, vice-prefeito Álvaro Dias (MDB), apresentará o filho Adjuto Dias (MDB) também como candidato a deputado estadual.

Quem não está gostando nada disso são os atuais deputados estaduais de partidos que devem estar coligados em torno da candidatura de Carlos Eduardo Alves.

Deputados Gustavo Fernandes (MDB), Hermano Morais (MDB), Nelter Queiroz (MDB), Getúlio Rêgo (DEM) e José Adécio (DEM), que também enfrenta decisão judicial que o tornou inelegível (veja AQUI), sentem-se naturalmente ameaçados.

Nota do Blog – O RN não muda nunca. Parentes, parentes, parentes, o único canal de “renovação” política que se conhece. As lideranças políticas nunca encontram em seus quadros algum aliado, prócer político, com capacidade para ser candidato. Sempre a parentela.

Francamente!

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 04/04/2018 - 23:54h
Decidido

Carlos Eduardo renunciará para ser candidato


Confirmado: Carlos Eduardo Alves (PDT), prefeito do Natal, será mesmo candidato ao governo do estado.

Reunião à tarde de hoje (quarta-feira, 4) na sede do diretório do partido em Natal, com o presidente nacional pedetista Carlos Lupi, sacramentou a decisão.

A renúncia do prefeito ensejará a efetivação no cargo de prefeito do vice Álvaro Dias (MDB).

“Estou mais para sair do que para ficar”, gracejou Carlos Eduardo em entrevista ao Tribuna do Norte.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
segunda-feira - 02/04/2018 - 19:07h
Quarta-feira

Executiva do PDT deve anunciar candidatura de Carlos Eduardo


Lupi: decisão (Foto: Web)

A Executiva Nacional do PDT estará representada em Natal na próxima quarta-feira (4), às 16h, em reunião com diretórios e comissões provisórias municipais, além do prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT).

Fechará detalhes quanto à desincompatibilização do prefeito para que ele seja candidato ao governo estadual.

Maiores detalhes ainda vão ser passados, como o local do encontro (provavelmente num hotel da cidade).

Mas é certa a presença do presidente nacional do partido, ex-ministro Carlos Lupi.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 26/03/2018 - 10:30h
COLUNA DO HERZOG

A segunda chance de Carlos Eduardo Alves


Por Carlos Santos

Em 1994, a então ex-prefeita do Natal Wilma de Faria (PSB) enfrentou pela primeira vez a disputa ao Governo do RN numa faixa própria, fora da proteção e sobrenome Maia (ela, uma ex-Maia, ex-esposa do ex-governador Lavoisier Maia).

Ficou em quarto lugar com seu vice Binha Torres (PSB). Para ser mais preciso, em última colocação, com apenas 35.591 votos (3,83%).

A chapa Garibaldi Filho (PMDB)-Fernando Freire (PPR) levou a melhor na eleição, totalizando 489.765 votos (52,67%). Deixou a chapa Lavoisier Maia (PDT)-Rosalba Ciarlini (PFL) na segunda colocação, com 359.870 votos (38,70%).

Carlos e Wilma tiveram parceria política e história pode se repetir (ou não) ao governo (Foto: autoria não identificada)

A chapa em terceiro lugar foi Fernando Mineiro (PT)-José Bezerra (PT) com 44.596 (4,80%).

Mas a vida e a política dão muitas voltas.

Eleita prefeita natalense pela segunda vez em 1996 e reeleita em 2000, Wilma de Faria “armou-se” para retomar o sonho de chegar ao governo do estado. Deixou o segundo mandato para o vice Carlos Eduardo Alves (PMDB) em 2002 e tornou-se governadora eleita no mesmo ano, reelegendo-se em 2006.

Agora, a história pode se repetir ou não em relação a Carlos Eduardo Alves (PDT), atual prefeito de Natal e seu ex-vice. Ele foi candidato ao governo em 2010 ao lado do seu atual vice-prefeito Álvaro Dias, ambos na legenda do pedetismo, empalmando 160.828 (10,37%).

Ficaram em terceiro lugar.

A chapa vencedora Rosalba Ciarlini (PFL)-Robinson Faria (PMN) somou com 813.813 votos (52,46%), logo no primeiro turno. Em segundo lugar ficou Iberê Ferreira (PSB)-Vagner Araújo (PSB) com 562.256 votos (36,25%).

Se realmente deixar a Prefeitura do Natal para concorrer ao governo, Carlos Eduardo Alves terá sua segunda chance de ser governador – assim como ocorreu com Wilma. A sorte está lançada.

PRIMEIRA PÁGINA

Estado poderá ter duas eleições ao governo -  O estado do Tocantins marcha para ter duas eleições a governador e vice este ano. O absurdo decorre da cassação do governador Marcelo Miranda  (MDB) e a vice Cláudia Lélis (PV), dia 22 último, por abuso de poder econômico. Talvez em 90 dias o pleito para escolha de governantes-tampão seja realizado. Depois, em outubro, outra eleição. Essa bagunça só poderia acontecer num país como o Brasil.

Álvaro e filho: campeão de votos? (Foto: Web)

Álvaro cuida da campanha do filho à AL – O vice-prefeito do Natal, Álvaro Dias (MDB), se prepara para ocupar a cadeira de titular da municipalidade, com a iminente desincompatibilização do prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT). Mas paralelamente esquadrinha campanha à Assembleia Legislativa. Quer seu filho e delegado da Polícia Civil, Adjuto Neto, lá nos próximos quatro anos. Se possível, como campeão de votos.

Rosalbismo mantém cargos no governo Robinson – O grupo da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini e seu partido, o PP, seguem compondo o governo Robinson Faria (PSD). E não se revelam disposto a entregar os vários cargos que possuem na gestão do “adversário”. O mais proeminente dos postos é o da professora Isaura Amélia Rosado, cunhada da prefeita, que segue na presidência da Fundação José Augusto (FJA), apesar de ter apresentado pedido de exoneração no dia 7 deste mês. Mas até aqui, de lá não saiu. Ah, tá! Entendi.

Protagonistas de 2014 estão sem peso algum agora – Dois nomes que disputaram as eleições presidenciais em 2014 estão sem importância alguma no processo presidencial deste ano: Dilma Rousseff (PT), em sua insignificância; Aécio Neves (PSDB), que estranhamente ainda está com mandato de senador e solto.

Secretário sairá de governo para ser candidato -  Esta semana deverá ser a última do ex-prefeito assuense Ivan Júnior como titular da pasta de Recursos Hídricos e Meio Ambiente do Estado. Vai deixar cargo para acelerar trabalho à disputa de vaga à Assembleia Legislativa, pelo partido do governador, o PSD.

Chapa ao Governo do Estado do RN está presa – Em 2002, o então governador Fernando Freire (PP) e o deputado federal Laíre Rosado (PMDB) foram candidatos ao governo do Rio Grande do Norte, pelo bloco governista. Não obtiveram vitória. Hoje, ambos estão presos. Freire desde 2015, devido o denominado “Escândalo dos Gafanhotos” (desvio de recursos públicos com uso de folha de pessoal falsa). Já Laíre, preso na última quinta-feira (22), em decisão relativa à “Máfia dos Sanguessugas” (desvio de recursos públicos através de emendas à Saúde). A roda da vida segue girando, girando…

Pré-candidatos apostam em propaganda subliminar – Pelo menos dois pré-candidatos a cargos eletivos no RN este ano têm apostado na propaganda subliminar de suas empresas, para maior exposição pública: Jorge do Rosário (PR), ex-candidato a vice-prefeito de Mossoró, que concorrerá à Assembleia Legislativa, e Luiz Roberto Barcelos, que pretende ser candidato ao Senado. O primeiro, é comandante-em-chefe da Repav Construtora; o outro, executivo da Agrícola Famosa.

A eminência parda do projeto Zenaide Maia – Cabe ao ex-prefeito de São Gonçalo do Amarante Jaime Calado a primeira e última palavra no projeto Zenaide Maia (PHS) senadora. É a eminência parda do próprio grupo, que em muito se parece com Carlos Augusto Rosado, marido da atual prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP). Os sonhos também têm semelhanças com os conquistados pelo casal mossoroense: primeiro, Senado; depois, governo.

Jaime e Zenaide: Senado agora; depois, governo (Foto: Web)

Paraibanas disputarão governo e Senado no RN – A senadora Fátima Bezerra (PT), nascida em Nova Palmeira (PB), vai concorrer ao Governo do Estado do RN este ano. Outra paraibana que vai disputar cargo majoritário no RN é a médica e atual deputada federal Zenaide Maia (PHS). Nascida em Brejo do Cruz (PB), ela vai concorrer a uma das duas vagas ao Senado.

Flávio Rocha e um caminho à direita – O CEO do Grupo Riachuelo, Flávio Rocha, vai ficar nos cargos que ocupa na companhia até o dia 26 de abril. Será mesmo candidato à presidência do país, faltando escolher uma sigla. Ele já teve dois mandatos de deputado federal pelo RN, ensaiou o primeiro voo presidencial em 1994 com a proposta do “imposto único”, mas não avançou. Agora, sustenta discurso em defesa do “estado mínimo” e aposta na “livre iniciativa” para alavancar candidatura no campo ideológico da direita. Veremos.

Alves e Maias têm como certo um apoio quase perdido – Inclinada a apoiar a chapa ao governo a ser encabeçada pela senadora Fátima Bezerra (PT), a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e seu grupo tendem a ficar mesmo com Alves e Maias na campanha 2018. Um delicado problema transposto à semana passada, que contou com intervenção Alves-Maias, ajudou no convencimento. Nada mais posso adiantar, apesar da vontade.

Robinson Faria procura um vice para chamar de seu – Quem quer, quem quer? O governador Robinson Faria (PSD) corre para fechar aliança interpartidária e alguém para ocupar lugar de vice, no projeto de reeleição que está em andamento. Duas tarefas difíceis nesse momento.

EM PAUTA

TV Terra do Sal - A mais nova emissora de televisão sediada em Mossoró, a Terra do Sal (Canal 173, Brisanet), passa por profundas mudanças e deverá ter pesado investimento para amplificar seu alcance, inclusive com canal aberto e instalação de estúdio em endereço excepcional na cidade. Depois conto detalhes.

César – O ator mossoroense César Ferrário, filho da professora Vânia Leite e Luiz Aquino (já falecido), é destaque em edição do fim de semana do jornal Tribuna do Norte. De volta a Natal após concluir ciclo do seu personagem “Rato”, na novela global “O outro lado do paraíso”, ele fala sobre o hábito de esquadrinhar a cidade em que vive e onde chegou aos 13 anos de idade. Veja AQUI.

César Ferrário é mossoroense e há pouco concluiu trabalho na novela "O outro lado do paraíso" (Foto: TN)

Jornalistas – Dois jornalistas mossoroenses serão homenageados pela Assembleia Legislativa, em face da passagem do Dia do Jornalista. Aplausos para Saulo Vale e Emery Costa, novíssima geração e nosso decano. Estamos bem representados. Evento será às 9 horas do dia 6 de abril. Parabéns a todos os homenageados.

Economia - A rede Hiper Queiroz de supermercados (originária de Mossoró) abriu as portas da sua 27º loja, inaugurada na manhã de quinta-feira (22). Instalou-se em Patos na Paraíba, região de economia crescente na Paraíba. Paralelamente, o principal executivo do grupo, Jair Queiroz, comenta com o Blog Carlos Santos sua preocupação com os destinos de Mossoró, sem reagir a um sério processo de estagnação econômica.

Memes – O jornalista Jacson Damasceno, figura que tirando todos os defeitos é gente boa, criou a página “Memes Potiguares” na rede social Instagram – que ele define como “Página de humor de gosto duvidoso, sobre temas genuinamente potiguares”. Conheça-a neste endereço: https://www.instagram.com/memespotiguares/.

Jacson: memes da vida real (Foto: Web)

Flávio José – O Cândidus Restaurante terá o ótimo Flávio José no sábado (14 de abril) para nos ofertar uma lista de sucessos. Forró, xote, baião. Música nordestina da melhor qualidade. Agende-se.

Palco Giratório - O 21º Palco Giratório vai começar a circular no Rio Grande do Norte em abril com o espetáculo Clake, do Circo Amarillo (SP). A peça será apresentada em Natal (no dia 1º), São Paulo do Potengi (dia 3), Nova Cruz (dia 4), Caicó (dia 5) e Mossoró (dia 8), esta precedida pela apresentação do grupo local Esquetes Circenses de Mossoró (dia 6). A programação é gratuita e realizada pelo Serviço Social do Comércio (Sesc RN), instituição do Sistema Fecomércio. Veja detalhes clicando AQUI.

FNF – A Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF) faz uma experiência com transmissão de jogos por canal na rede social Youtube, iniciativa bastante interessante à divulgação de clubes e marcas potiguares. A jornada inovadora foi conduzida pela equipe da TV Cabo Mossoró (TCM), de Mossoró, composta pelo narrador Fábio Oliveira, o comentarista Marcos Santos e o repórter João Carlos Brito no jogo Potiguar 1 x 2 Globo, dia 17 de março. Veja AQUI íntegra de outro jogo, Santa Cruz 2 x 2 Potiguar.

SÓ PRA CONTRARIAR

Não confundir política cultural com incultura política, por favor.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Todos os vivas do mundo para Zezinho Barbosa, um dos bons exemplos da política de inclusão da Universidade do Estado do RN (UERN). Ele estuda Administração e é um dos destaques desse trabalho diferenciado e relevante. Bom demais.

As chuvas voltaram ao sertão nesse último final de semana. Alvissareiras, avisaram que o inverno não se foi. Tá chegando.

Obrigado à leitura do Nosso BlogPaulo Procópio (Natal), Etelânio Figueiredo (Pau dos Ferros) e Ubiranilson Fernandes (Mossoró).

Veja a Coluna do Herzog do domingo (19/03) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
  • Repet
quarta-feira - 21/03/2018 - 06:48h
Eleições 2018

RN poderá ter mais de seis candidatos ao Governo do Estado

Partidos e outros nomes se movimentam e podem superar quantidade do pleito que ocorreu há 4 anos

Aos poucos vai se formando um quadro de nomes à disputa ao Governo do Estado do RN este ano. Alguns deixam de ser espectros para se firmarem como prováveis candidatos à sucessão estadual. Hoje (quarta-feira, 21 de março), pelo menos sete estão praticamente certos à campanha.

Outros três são cogitados e pelo menos dois estão claramente descartados.

Em 2014, a campanha ao governo potiguar teve cinco candidatos, sendo dois por coligações e três por partidos isolados (veja boxes abaixo).

O governador Robinson Faria (PSD) será mesmo candidato à reeleição. Quem apostou e trabalhou por sua renúncia, se deu mal. As costuras políticas dos últimos dias são no sentido de tentar a reeleição.

A senadora Fátima Bezerra (PT) ainda não anunciou, mas não é preciso recorrer a qualquer cartomante para antecipar que será candidata.

Robinson Faria, Fátima Bezerra e Carlos Eduardo se movimentam para disputa ao governo neste ano (Foto: arquivo)

O vice-governador dissidente Fábio Dantas (PSB) é pré-candidato também, conforme anunciado em sua filiação ao novo partido no último sábado (17) – veja AQUI.

O prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT) prometeu uma definição que “sim” ou que “não” para depois do Carnaval (veja AQUI). Aproximamo-nos da Páscoa, mas a tendência é que renuncie ao cargo no início de abril.

Boxe relativo às candidaturas, partidos e coligações concorrentes ao governo em 2014 (Arte: G1 RN, 2014)

O Psol deverá repetir o nome do professor universitário Robério Paulino para concorrer ao governo.

Freitas Júnior, do REDE, é mais um concorrente confirmado à disputa ao governo.

Vereadora grossense Clorisa Linhares (PSDC), um dos primeiros nomes a se pronunciar com esse fim.

O atual secretário de Segurança do município de Mossoró, general Eliéser Girão (PSL), tem o nome defendido ao governo, para dar palanque à candidatura presidencial de Jair Bolsonaro (PSC) no estado.

Nome que aparece

O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) cobrou há poucas semanas que seu nome fosse incluído em planilhas de pesquisas eleitorais, como opção à sucessão estadual. Em pesquisa divulgada dia passado, ele apareceu em quinto lugar (veja AQUI).

Kelps faz aparição, mas seu foco é outro (Foto: AL)

Mas é pouco provável que realmente aposte numa candidatura ao governo, abandonando reeleição quase certa.

O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados (PSTU) homologou a candidatura da enfermeira Simone Dutra em 2014, mas é possível que apresente outro militante à corrida eleitoral à Governadoria, este ano.

Alijados

Quem se volatizou no tempo foi o desembargador Cláudio Santos (sem partido). Na démarche dos últimos meses praticamente sumiu das intenções de voto e do noticiário.

Se esperava ser ungido por algum grupo tradicional ou força alternativa, desista. Só há um caminho: empinar candidatura em faixa própria. Ou engatar marcha à-ré.

Situação parecida ocorre com o empresário e ex-candidato a prefeito de Mossoró em 2016 – Tião Couto (PSDB).

É peça praticamente fora do jogo, por exclusão do seu próprio partido (veja AQUI). Além disso, como “pré-candidato” não se viabilizou por ação própria a qualquer cargo eletivo – governo ou Senado.

Eleições ao Governo do Estado em 5 de outubro de 2014:

Henrique Eduardo Alves (PMDB) – 47,34% (702.196)
Robinson Faria (PSD) - 42,04% (623.614)
Professor Robério Paulino (PSOL) – 8,74% (129.616)
Simone Dutra (PSTU) – 0,98% (14.549)
Araken Farias (PSL) – 0,90% (13.396)
Votos apurados – 1.935.105
Votos válidos  - 76,66% (1.483.371)
Brancos – 7,05% (136.498)
Nulos – 16,29% (315.236)
Abstenções – 16,83% (391.478)
* Fonte: Blog Carlos Santos

Cogita em conversa interna no seu grupo, uma terceira opção que sempre vinha descartando: concorrer a uma vaga à Câmara Federal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política / Reportagem Especial
segunda-feira - 19/03/2018 - 14:12h
Eleições 2018

Caminho de Larissa Rosado e seu grupo é o PSDB


Do Blog da Chris

O caminho da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) será mesmo o PSDB, partido do presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira de Souza, em quem a deputada deposita total confiança.

Ezequiel é 'padrinho' de Larissa (Foto: Eduardo M.)

Aliás, Ezequiel é uma espécie de conselheiro para os deputados.

Sua cotação entre seus pares é altíssima.

Nota do Blog Carlos Santos – A prisão do ex-deputado federal Henrique Alves (MDB) em 6 de junho do ano passado fez o grupo da parlamentar recuar do compromisso que tinha de retornar ao emedebismo e ficar ao lado dos Alves em 2018.

Foi graças a Henrique que se fechou a chapa Carlos Eduardo Alves (PDT)-deputado estadual Álvaro Dias (MDB) à Prefeitura do Natal em 2016, permitindo que a vitória nas urnas viabilizasse a volta de Larissa (veja AQUI) à Assembleia Legislativa. Ela não tinha se reelegido em 2014.

O presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do RN (FECOMÉRCIO/RN), Marcelo Queiroz, migrou do PDT para o PMDB para ser o vice de Carlos. Estava “certo”. Acabou descartado para que Larissa e seu grupo pudessem ser beneficiados.

O acordo passou também pelo crivo do rosalbismo, que não queria nenhuma indicação de nome a vice da ex-deputada federal Sandra Rosado (PSB), mãe de Larissa, à chapa encabeçada por Rosalba Cirlini (PP) à Prefeitura de Mossoró, no mesmo ano.

Rosalbismo e rosadismo, “unidos”, deveriam dar a contrapartida ao grupo Alves agora em 2018. Mas a política não é uma ciência exata. A campanha deste ano é sobretudo de sobrevivência.

Leia também: Consórcio Alves-Maia-Rosado planifica poder para 2018.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
segunda-feira - 19/03/2018 - 04:00h
COLUNA DO HERZOG

Lições que infelizmente muitos não vão aprender


Por Carlos Santos

O caso Marielle Franco – vereadora executada no Rio de Janeiro à semana passada, em boa parte passou a ser tratado por extremos e extremismo político nas redes sociais.

Nesse episódio em relevo, uma corrente optou pelo linchamento moral da vítima; outra, por sua exaltação mítica. As duas erraram pelo excesso. Desabaram juntas num fosso abissal ou vala comum, por falta de algo que poderíamos definir apenas como “bom senso”.

A enorme maioria, sem conhecer nadinha da vida pessoal e política de Marielle, tomou posição no ataque ou na defesa da militante política.

Alguns desceram ao pântano que denomino de “vilipêndio cibernético de cadáver”. A intolerância e o preconceito explicam os desatinos, mais do que o desconhecimento do caso e de causa.

O advento da Web – e nela as redes sociais – potencializa e superdimensiona nossos pecados e idiossincrasias.

Na Internet, somos exatamente a mesma pessoa da vida em “carne e osso”, só que noutra proporção. Do anonimato ao estrelato basta um click.

A fofoca da esquina, que poderia levar horas para chegar no outro quarteirão, hoje atravessa o mundo em frações de segundo.

Ficarão algumas lições desse fatídico acontecimento. Pena que muitos não aprendam com seus erros e os desatinos alheios.

Leia também: Não choro por ti, Marielle!

PRIMEIRA PÁGINA

Rosalba será julgada esta semana – A prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) terá suas contas de campanha em apreciação no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) nesse dia 20 de março. A ação tem como relator o juiz eleitoral Wlademir Capistrano, filho do ex-deputado estadual Antônio Capistrano, que foi vice de Rosalba em dois mandatos consecutivos (1997-2000 e 2001-2004). As contas foram reprovadas em primeiro grau (Mossoró) e a Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) opinou pela manutenção da reprovação.

Rosalba comemorou vitória em 2016 (Foto: arquivo)

PSDB segue como espécie híbrida no RN – Uma parte do PSDB do Rio Grande do Norte segue colada ao Governo Robinson Faria (PSD), outra tenta viabilizar a todo custo a candidatura do vice-dissidente Fábio Dantas (agora no PSB). Essa natureza híbrida dos tucanos potiguares  repete o papel que o MDB tem no plano nacional, como legenda de centro e de enorme astúcia para estar sempre no poder.

PHS prepara festa para receber Zenaide Maia – O Partido Humanista da Solidariedade (PHS) prepara festa ruidosa para receber em seus quadros a deputada federal Zenaide Maia (PR) no próximo dia 23 (sexta-feira). O evento acontecerá na Assembleia Legislativa, às 9h. Será sua legenda para disputa de uma cadeira ao Senado, corrida eleitoral em que revela vigor para êxito (Leia: Zenaide Maia é realidade eleitoral em disputa acirrada).

Carlos Eduardo e a estratégia de Wilma em 2002 – Em 2002, quando resolveu abrir mão de mais da metade do seu mandato como prefeita reeleita do Natal, para ser candidata ao governo do RN, Wilma de Faria empinava discurso de luta contra os “caciques” da política do RN. Venceu o senador Fernando Bezerra (PTB) e o então governador Fernando Freire (PMDB). Sua estratégia no primeiro turno era ter vantagem na Grande Natal, capaz de tirar diferença dos adversários no interior, nos chamados grotões. Só para lembrar: seu vice à época era o então peemedebista Carlos Eduardo Alves. E os tempos eram outros.

Números de evento político ficam bem abaixo do anunciado - A Assessoria de Imprensa do PSB/RN anunciou “a presença de representações de 86 municípios do RN” no ato de filiação e anúncio de pré-candidatura do vice-governador dissidente Fábio Dantas à sigla (veja AQUI). Mas os números estão muito abaixo disso. Como também ficaram longe dos ’96 prefeitos’ que há poucos dias prometeram em exagerada manchete jornalística. Os governadores do PSB no Nordeste – Paulo Câmara (Pernambuco) e Ricardo Coutinho (Paraíba) – também não apareceram.

Robinson segura-se na cadeira, apesar das conspirações – O governador Robinson Faria (PSD) segura-se na cadeira, apesar do abalo com a reportagem requentada do programa “Fantástico” da Rede Globo, domingo (11) – veja AQUI. A expectativa dos conspiradores é que renuncie ao mandato, para que o vice-dissidente Fábio Dantas (PSB) possa ser candidato à sucessão na cadeira de governador. Esperem sentados.

Ex-prefeito se prepara para candidatura – O ex-prefeito do Assu Ivan Júnior (PSD) deverá deixar a pasta de Recursos Hídricos e Meio Ambiente do Estado, para se candidatar à Assembleia Legislativa. Falta definir por qual sigla. Sonda algumas opções. A candidatura aposta em base do Vale do Açu e espera apoio do governador Robinson Faria, lhe destinando alguns colégios eleitorais.

Pré-candidato encomenda pesquisa “quali” - O empresário Luiz Roberto Barcelos (até aqui sem partido) vai ter em mãos uma pesquisa “quali” (qualitativa) com empresa originária de outro estado. Quer se situar com base mais científica quanto ao cenário político-eleitoral. Ele deseja ser candidato ao Senado.

Carlos e Rosalba mantêm distância, por enquanto, de Fábio Dantas – O casal prefeita Rosalba Ciarlini (PP)-ex-deputado estadual Carlos Augusto refugou do convite para participar do ato de filiação do vice-governador Fábio Dantas ao PSB, nesse sábado (17). Mas não se furta ao diálogo com ele. Dia 4 de fevereiro, por exemplo, tiveram um demorado comes-e-bebes em Natal com o pré-candidato a governador e o celular sempre os têm aproximado.

Pesquisa – Mais uma pesquisa será divulgada em Natal esta semana, com abrangência estadual. Sondagem do Instituto Seta vai avaliar os governos Carlos Eduardo Alves (Prefeitura do Natal) e Robinson Faria (Estado), além de verificar tendência de votos do eleitor a Governo, Senado, Câmara Federal e Assembleia Legislativa.

EM PAUTA

Moraes – Nessa segunda-feira (19), o lojista José Moraes (Casa Moraes) completa 83 nos de idade e repete ritual de levar seu aniversário ao Abrigo Amantino Câmara, em Mossoró, ao lado de idosos internos. Que gesto bacana, meu caro. Saúde e paz.

Quadrilhas - Nos dias 24 e 25 deste mês, Mossoró sediará a assembleia da União Nordestina de Entidades de Quadrilhas Juninas (UNEJ). O encontro será na Estação das Artes Elizeu Ventania, com participação de representações juninas de todo o Nordeste.

Feijoada - No próximo dia 25 (domingo), a partir das 11h30, na chácara do ex-vereador Gilmar Lopes no Bairro Dom Jaime Câmara, em Mossoró, será realizada uma “Feijoada Beneficente do Espetáculo Paixão de Cristo 2018″. É promovida pelo grupo que prepara a encenação para os dias 28, 29 3e 30 na área do Santuário de Santa Clara, às 19h30. Mais informações por esses números: (84) 3312-3224/9-9694-2129.

Progel - A empresa Progel – gestão de recursos naturais anuncia que aposta em nova segmentação. Foca no serviço de Sondagem de Simples Reconhecimento de Solos para Fundações (SPT). Parabéns e mais sucesso, gente!

Turismo – Será nessa terça-feira (20), às 19h, o I Encontro dos Profissionais do Turismo do Natal. Está definido para acontecer no Sehrs Natal Grande Hotel.

Amab – O cantor-compositor mossoroense Amab vai lançar oficialmente o seu novo CD, “Sonho real”, no Teatro de Cultura Popular,(TCP), à Rua Jundiaí em Natal, vizinho à Fundação José Augusto. Será dia 26 de Abril, uma quinta-feira.

Amab: lançamento (Foto: cedida)

Santo Expedito – Será no dia 14 de abril a 14ª Caminhada de Santo Expedito em Mossoró. Começará à meia-noite na Praça do Rotary no Nova Betânia, tendo encerramento na comunidade rural de Vertente em Baraúna, com missa às 7h30.

APAE – A Associação de Proteção e Apoio ao Excepcional (APAE) de Caraúbas realizará Feijoada Beneficente no próximo 25 de Março (domingo). Será a partir das 11h, na área de lazer da Loja Maçônica Dr. Antonio Gentil Fernandes.

SÓ PRA CONTRARIAR

Mossoró é um dos raros lugares do mundo democrático, onde se estranha a crítica jornalística (fundamentada e documentada), mas o elogio remunerado e diário é tido como “normal”.

GERAIS… GERAIS… GERAIS

Esta “Coluna do Herzog” a partir de hoje (segunda-feira, 19), passará a ser veiculada dentro do Blog Carlos Santos sempre às segundas-feiras, por sugestão e pedido de webleitores. Vocês são nossos guias. Obrigado.

Diego, filho dos amigos Almeri Júnior-Kátia, sofreu um acidente praticando motocross próximo à antiga Fazenda São João (Mossoró).  Teve Traumatismo Craniano Encefálico (TCE). Seu estado é delicado e encontra-se internado na UTI do Hospital Wilson Rosado (HWR). Nossa fé e torcida para que consiga sair dessa e bem. Sairá!

Obrigado à leitura do Nosso BlogJezairon Antunes (Areia Branca), Ângelo Fernandes (Natal) e Erasmo Carlos Firmino, o “Tio Colorau” (Mossoró).

Veja a Coluna do Herzog do domingo (11/03) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
sábado - 10/03/2018 - 18:28h
Análise

Fátima ganha status de ‘favorita’ ao crescer em pesquisa

Números dizem que senadora ganhou força em meio a eleitores que até então não tinham preferências

A mais recente pesquisa de opinião pública divulgada no estado, que aferiu o pensamento popular sobre aspectos das eleições deste ano, não apresenta maiores novidades num comparativo com a divulgada no dia 14 de dezembro do ano passado. Mas revela algumas tendências e estimula-nos a algumas previsões que podem se confirmar no pleito de outubro.

Números mostram que Fátima cresce em meio aos que estavam alheios à disputa ao governo (Foto: arquivo)

A sondagem veiculada nessa sexta-feira (9) pela FM 98.9 do Natal, em parceria com o Instituto Consult, teve trabalho de campo entre os dias 24 e 27 de fevereiro. A anterior teve coleta de dados entre 2 e 7 de dezembro, sob encomenda da Federação das Indústrias do RN  (FIERN), também realizada pelo Instituto Consult – veja AQUI.

O que parece mais claro, ainda, é que o eleitor continua distanciado do burburinho político, mas dá sinais de diminuição desse alheamento. Não existe ninguém disparado na preferência popular ao Governo do Estado.

Entretanto tem quem apareça em viés de crescimento e capacidade de avançar mais ainda: a senadora Fátima Bezerra (PT). Ela é o nome a ser batido na corrida ao governo potiguar e tende a ter como principal contendor o prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT).

Até no quesito “rejeição” eles estão num patamar aceitável, com 11,2% dela e 11,3% dele, contra 51% do governador Robinson Faria (PSD).

A princípio, não existem indícios de que um terceiro nome possa surpreender os dois. A princípio.

Fátima dá um salto à frente

A senadora Fátima Bezerra em dezembro empalmou 20,29% das intenções de voto, saltando agora para 27,12%. O crescimento foi de 6,83%.

Carlos e Jeferson: sem gordura (Foto: Web)

O seu principal adversário e potencial concorrente, prefeito natalense Carlos Eduardo Alves, teve uma ‘engorda’ mixuruca, dentro da margem de erro, saindo de 11,41% para 13,29%, ou seja, elevação de esquálida de 1,88% que nem deve ser considerada.

E é importante se assinalar, que a senadora dá um salto a mais à frente sem praticamente se mexer, em contraponto a Carlos Eduardo que acabou de sair com o moral elevada do “Carnaval Multicultural”, promovido por sua gestão no início de fevereiro.

Até aqui, parece que a gordura do Rei Momo natalense Silvano Jeferson não passou em nada para ele.

É interessante ser destacado também, que caiu quase 10% percentuais o universo de eleitores que estavam alheio à própria disputa que se avizinha. Em dezembro, 41,24% dos ouvidos diziam não ter Nenhum candidato e 11,71% eram da ladainha “Não Sabe”. Total: 52,95%.

Agora, na pesquisa FM 98.9/Consult, “Nenhum” ficou em 31% e Não Sabe apareceu com 12,99%. Soma: 43,29%.

Nomes não empolgam, não incomodam

Ou seja, o desinteresse/desinformação quanto à eleição ao governo caiu 9,66%. E quem se capitalizou com isso? Fátima Bezerra. Ela atraiu grande parte desses eleitores que passaram a ter escolha ativa. Cresceu 6,83% nas intenções de voto.

Fábio e Robinson: rachados e minguados (Foto: arquivo)

O governador Robinson Faria não saiu do canto (tinha 5% e agora obteve 5,33%) e o ex-governador Geraldo Melo (sem partido) foi pela primeira vez incluído no formulário de perguntas, alcançando 7,29%. Provavelmente beneficiou-se da faixa de eleitor de Flávio Rocha (sem partido), que estava na pesquisa de dezembro e amealhou 6,59%, mas não foi incluído agora.

O vice-governador dissidente Fábio Dantas (sem partido) – com 1,76% – está há pouquíssimos dias se apresentando como pré-candidato. O desembargador Cláudio Santos (sem partido) e o empresário Tião Couto (PSDB), com 1,29% e 0,47%, nada representam. Encolheram mais ainda, pois em dezembro Cláudio Santos somou 2% e Tião Couto juntara 1,41%.

Leia tambémFátima Bezerra lidera corrida ao Governo do Estado do RN;

Leia tambémMaioria do eleitor não quer nenhum nome ao Senado;

Leia tambémRobinson é campeão de rejeição e reprovação; Agripino o mais rejeitado ao Senado.

O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) não teve o nome incluído na planilha. É outro que muito recentemente noticiou que é pré-candidato ao governo, mesmo qualquer pessoa razoavelmente bem-informada sabendo que é puro jogo de cena.

Ele concorrerá à reeleição.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sábado - 10/03/2018 - 08:40h
Governo do RN

Betinho Rosado não descarta apoio até a Robinson Faria


O presidente estadual do PP, ex-deputado federal Betinho Rosado, pai do deputado federal Beto Rosado (PP), admite que o partido está aberto à aliança com variados nomes ao governo estadual. Nada está definido. Significa dizer que seu grupo, que tem como maior expressão a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), está longe de se definir.

Betinho e Rosalba: grupo analisa cenário (Foto: arquivo)

Como o PP estadual está conduzindo as articulações com vistas ao pleito deste ano?

Betinho Rosado – Vamos agora intensificar as conversas que já tínhamos com os grupos políticos que desejam disputar as eleições majoritárias. Seja com o governador Robinson Faria, com o vice-governador Fábio Dantas (saindo do PCdoB), com a Senadora Fátima Bezerra (PT), ou com o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Entre as opções de alianças para a sucessão do governo no RN, qual a preferência do PP?

Betinho Rosado – Já estamos conversando com o grupo do governador Robinson, embora isso não signifique uma parceria política. Todos os candidatos, em nosso entendimento, têm densidade eleitoral para disputar o governo do Rio Grande do Norte.

Como o senhor avalia a suposta vinda do deputado Fábio Faria (PSD) para o Progressistas?

Betinho Rosado – A vinda do deputado federal Fábio Faria para o Progressistas é uma coisa muito importante para todos nós, mas digo novamente, que isso não pode gerar uma preferência de coligação. O nosso partido vai concentrar o seu esforço para garantir representação eleitoral na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal. Vamos trabalhar para renovar o mandato do deputado federal Beto Rosado, e temos esperança de eleger dois deputados estaduais.

“Saída” do governo

Esta semana, em meio à crise na relação do rosalbismo com o governo, a irmã de Betinho, professora Isaura Amélia, pediu exoneração do cargo de presidente da Fundação José Augusto (FJA), gestão Robinson Faria.

Mas outros cargos continuam preservados. Não houve exoneração de ninguém. Ou seja, o PP e o rosalbismo saíram mas não saíram do governo.

Leia também: Rosalbismo segura partido; Fábio Faria nega tentativa de controle;

Leia também: Grupo de Rosalba deixa Governo Robinson Faria.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 09/03/2018 - 18:34h
Pesquisa 98.9/Consult

Fátima Bezerra lidera corrida ao Governo do Estado do RN


Blog do BG/FM 98.9/Instituto Consult

A FM 98.9 do Natal apresentou agora à noite o resultado de pesquisa de opinião pública com números da corrida eleitoral no estado.

Senadora petista aparece com dianteira em relação a outros pretensos candidatos ao governo (Foto: autor não identificado)

A pesquisa foi realizada entre 24 e 27 de fevereiro, com 1700 entrevistas em todo o Estado. A margem de erro é de 2,3% para mais ou para menos.

A sondagem teve o seguinte resultado ao governo estadual, nas perguntas Estimulada e  Espontânea:

Estimulada

Fátima Bezerra (PT) – 27,12%;
Carlos Eduardo Alves – 13,29%;
Geraldo Melo (sem partido) – 7,29%;
Robinson Faria (PSD) – 5,35%;
Fábio Dantas (sem partido) – 1,76%;
Tião Couto (PSDB) – 1,29%;
Nenhum – 31%;
Não Sabe – 12,29%

Espontânea

Fátima também lidera quando os nomes dos candidatos não são apresentados aos entrevistados.

Ela tem 5.41%. Depois vem Carlos Eduardo (1,94%) e Robinson Faria (1,35%). Os demais não pontuaram acima de um ponto percentual.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quinta-feira - 08/03/2018 - 16:34h
Estranho, muito estranho

Kelps Lima manda intrigante mensagem para Carlos Eduardo


Natal amanheceu hoje com outdoors espalhados por pontos estratégicos, com uma mensagem (pergunta) do deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) fustigando o prefeito Carlos Eduardo Alves:

- Carlos Eduardo, você vai cumprir sua promessa ou vai trair o povo de Natal? Ass: Kelps Lima.

A placa de outdoor traz ainda uma cópia de postagem do prefeito à época da pré-campanha municipal de 2016, com o seguinte texto:

- Aviso aos candidatos a vice-prefeito em nossa coligação: se for eleito vou cumprir integralmente o mandato até 2020. INAPELAVELMENTE!

Nota do Blog – Intriga-me o cerco do deputado Kelps ao prefeito. Recentemente, o parlamentar anunciou sua disposição em ser candidato a governador (já o fora à prefeitura em 2016).

Não sei se ele pressiona o prefeito para honrar o compromisso por zelo à palavra, ou por expectativa de não tê-lo em nova disputa.

Oh, dúvida cruel!

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 08/03/2018 - 10:26h
Campanha 2018

A candidatura “alternativa” de Fábio Dantas


Em entrevista ao portal e jornal impresso Agora RN, de Natal, o vice-governador dissidente e pré-candidato a governador Fábio Dantas (sem partido) explicou mais ou menos o perfil de sua postulação.

Será uma candidatura “alternativa”, definiu.

Mais ou menos assim: afinada com o setor empresarial e em contraponto à esquerda representada pela senadora Fátima Bezerra (PT).

Teria pela frente, então, apenas a possível chapa encabeçada pelo atual prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT).

E o povo?

Ah, o povo!

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 05/03/2018 - 22:30h
Eleições 2018

MDB aguarda o “sim” de Carlos Eduardo Alves ao governo


Do Agora RN

“Para o MDB, a situação do estado ainda está indefinida. Estamos dependendo de Carlos Eduardo (PDT) para reiterar a candidatura”. O comentário foi feito hoje (segunda-feira, 5) em Natal, pelo senador Garibaldi Alves Filho (MDB).

"Estamos dependendo de Carlos Eduardo para reiterar a candidatura”, diz Garibaldi Alves (José Aldenir / Agora Imagens)

Segundo ele, o MDB acredita na renúncia do prefeito de Natal – que é, por sinal, primo legítimo do senador.

O senador defendeu, também, a candidatura do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (filiado ao PSD), à Presidência. “Ele [Henrique] tem condições de fazer avançar a candidatura. O fortalecimento do nome dele está condicionado à recuperação econômica do país”, diz.

Vale lembrar que o PSD é o partido do atual governador Robinson Faria.

Meirelles esteve hoje em Natal participando do Motores do Desenvolvimento do RN, em que falou sobre o tema “Crise e recuperação, construindo um novo Brasil”. Outro palestrante foi o CEO do Grupo Riachuelo, Flávio Rocha, que depois voou para Mossoró, onde lançou o “Movimento Brasil 200″.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 28/02/2018 - 10:15h
"Alternativa"

Esperteza política tenta excluir Robinson da própria sucessão


Articulações que envolvem vários atores da política potiguar tentam seccionar o Governo Robinson Faria (PSD), levando-o a desistir de qualquer projeto de reeleição.

Paralelamente, se busca a viabilidade de uma chapa que junte empresários e políticos da “velha guarda”, como “alternativa” (pasme!) político-eleitoral este ano.

Seria uma chapa em contraponto ao petismo de Fátima Bezerra (PT) e ao sistema Alves do prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT).

Nesse arranjo, falta apenas combinar com o povo e esperar que os “excluídos” aceitem todas as manobras candidamente.

Nota do Blog – Vale lembrar na narrativa dessas conspirações de bastidores, pelo menos duas frases célebres do presidente Tancredo Neves:

- “Esperteza, quando é muita, come o dono.”

- “Não se faz política sem vítimas.”

Leia também: Vice-governador é anunciado como pré-candidato a governo.

Leia tambémIndigência política no RN leva à notícia hilariante.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
domingo - 25/02/2018 - 10:32h
COLUNA DO HERZOG

A tragédia da omissão que se repete na terra do já-teve


Por Carlos Santos

A Universidade do Estado do RN (UERN) vive um momento crucial de sua história, que se aproxima dos 50 anos. Apesar de toda essa longevidade, ela não está firme, forte e consolidada.

Em boa parte, essa instabilidade pode e deve ser creditada à própria fragilidade do erário estadual e uma conjuntura nacional delicada. O governador Robinson Faria (PSD), chanceler da instituição estadualizada ainda nos anos 80, é o alvo das principais críticas, como se fosse culpado de tudo.

Mas é preciso também que olhemos nessa crise (que não é nova nem pontual) para a própria sociedade mossoroense, berço e útero da Uern, que costumo definir como “a maior obra humana de Mossoró”.

É estranho que nesse instante crucial da universidade, a sociedade praticamente fique alheia ao que acontece com a instituição. Para muitos, uma greve de mais de 100 dias não passa de radicalismo de professores e servidores em relação ao governo. Para outros, “devia fechar mesmo e pronto”.

Enfim, não é problema meu ou nosso.

Que a maioria pense assim, até por não ter capacidade crítica e conhecimento suficiente sobre o papel e importância da Uern, é compreensível. Mas é inaceitável que o próprio Executivo municipal não tenha uma atitude proativa no episódio. Esconde-se.

Como achar natural que entidades como Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Sindicato do Comércio Varejista (SINDIVAREJO), Associação Comercial e Industrial de Mossoró (ACIM), Rotary, Lions, Maçonaria e outras instituições de peso ignorem tudo e não se juntem – escudando “nossa Uern”?

Talvez só percebam seu valor numa eventual perda. Aí ficará valendo aquela máxima: somos a “Mossoró do já-teve”.

A história de omissão se repete como uma tragédia. É a prova também de que o epíteto “Terra da liberdade” deve ser compreendido como uma piada de mau gosto. Farsa. Não o leve a sério.

PRIMEIRA PÁGINA

Tem zunzunzum por aí sobre articulação para rifar a candidatura à reeleição do senador José Agripino (DEM). A empreitada envolveria gente do empresariado e até do outro extremo – a esquerda. Não faltaria ainda o “fogo-amigo”, digamos. Ouvido ao chão, senador. Acautele-se. O mais inocente aí gosta  de dar rasteira em cobra e olhar a mãe do outro tomar banho nua.

Apesar de ter ruminado a ideia de ser candidato ao Senado no auge da sua aceitação político-administrativa no primeiro semestre de 2014, o ex-prefeito mossoroense Francisco José Júnior (sem partido) calibra os passos noutra direção. Ele e a ex-primeira-dama Amélia Ciarlini projetam fazer curso de medicina no Paraguai, mas com residência em Foz do Iguaçu-PR. Um filho do casal já cursa medicina no Ceará. A política pode esperar.

Amélia Ciarlini e Francisco José Júnior já têm um filho como acadêmico de medicina no estado do Ceará (Foto: PMM, 2014)

O presidente da Câmara Municipal do Natal, da Federação das Câmaras Municipais do RN (FECAM) e mais recentemente do partido Avante, Raniere Barbosa, decidiu que não será candidato à Assembleia Legislativa, como chegou a planificar e agir durante muito tempo. A “Operação Cidade Luz” (veja AQUI) arranhou sua fuselagem política. A aposta é mesmo numa candidatura à Câmara Federal, de sua mulher Karla Barbosa, e montagem de uma nominata que viabilize eleição de pelo menos um deputado estadual.

O nome do empresário Luiz Roberto Barcelos (sem partido) é o preferido por algumas lideranças políticas e empresariais influentes, como segunda opção ao Senado. Mas nada dessa balela de “chapa empresarial”. As conversas podem evoluir nesse mês de março. Ou não.

O governador Robinson Faria (PSD) anima-se e sonha com a possibilidade de ser reeleito. Suas movimentações na mídia na última semana deram sinais disso. A estratégia no campo administrativo é criar uma bolha de otimismo e viabilizar saneamento de deficit da folha de pessoal, além de sensação de melhoria na segurança/saúde. Na esfera política, ele começou a provocar polarização com o atual prefeito do Natal e virtual candidato ao governo, Carlos Eduardo Alves (PDT). O Blog Carlos Santos na Coluna do Herzog do domingo passado (18) postou comentário sob outro viés. Leia: Tratem bem Robinson Faria; vocês podem precisar dele.

Ninguém ouse pelo menos insinuar que o deputado federal Beto Rosado (PP) será encaixado como vice, numa chapa majoritária este ano. Seu pai e ex-deputado federal Betinho Rosado (PP) é absolutamente arredio a ideia. Seu irmão e líder do rosalbismo, ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado, sabe bem disso.

Pai e filho: vice, não (Foto: Web)

Alerta, alerta geral. Para 2018, os partidos terão que alcançar ao menos 1,5% dos votos válidos, distribuídos em, no mínimo, nove estados, com ao menos 1% dos votos em cada um deles. Trata-se da “Cláusula de Desempenho” (entenda melhor clicando AQUI). Como alternativa, as siglas devem eleger ao menos nove deputados, distribuídos em, no mínimo, um terço das unidades da Federação. As exigências aumentarão de forma gradativa até 2030. Se não atingirem um desempenho eleitoral mínimo, não terão direito ao tempo de propaganda e acesso ao fundo partidário. Morrerão por inanição paulatinamente. Por isso que a prioridade dos partidos este ano não é disputa a governador, mas à Câmara Federal.

Costuras preliminares nos intramuros da política de Mossoró buscam a formação de um grupo político alternativo às próximas eleições municipais, lá em 2020. Nele, não entrariam as forças tradicionais nem emergentes que apareceram nas urnas nas eleições municipais de 2016. Ah, tá!

O PR pode ter um sobrepeso na chapa proporcional à Assembleia Legislativa neste ano. Nomes como do deputado estadual George Soares, da primeira-dama de São Gonçalo do Amarante, Terezinha Maia, além do empresário e ex-candidato a vice-prefeito de Mossoró em 2016, Jorge do Rosário, devem carregar a votação. Mesmo bem votado, alguém pode sobrar.

O quociente eleitoral (divisão dos votos válidos pelo número de cadeiras em disputa) da eleição à Assembleia Legislativa em 2014 ficou em 69.097 votos. A expectativa que se tinha à época, era de que chegasse aos 75 mil votos. Em relação a 2018, se houver confirmação de debandada de eleitores e ampliação de votos nulo/branco, esse número pode cair mais. Campeão de votos como Ricardo Motta (PROS à época, hoje no PSB), com 80.249 votos, é praticamente impossível. Vamos recapitular como ficou a distribuição de votos à AL àquela época: Votos apurados – 1.935.105; Votos válidos – 85,70% (1.658.348); Brancos – 6,43% (124.441); Nulos – 7,87% (152.316); Abstenção – 16,83% (391.478); Quociente eleitoral – 69.097. Veja AQUI a relação dos eleitos e respectivas votações em 2014.

A vereadora grossense Clorisa Linhares (PSDC) movimenta-se desde o ano passado como o primeiro nome declaradamente pré-candidato ao governo do estado em 2018. Mas seu olhar de verdade mira outra disputa executiva. Objetivo é a Prefeitura de Grossos (região da Costa Branca) em 2020, num ambiente político em que a oposição há anos racha e sempre favorece o governismo.

Partido do vice-governador Fábio Dantas, o PCdoB vai se inclinar à coligação com o PT da senadora e pré-candidata a governador Fátima Bezerra (PT). A saída da legenda do vice-governador e de sua mulher e deputada estadual Cristiane Dantas será o divisor de águas dessa alteração de rumos. Fábio e a mulher já afivelam malas para o troca-troca partidário. Ele costura desembarque no PSB. Ela pode se encaminhar para o PPL ou outra sigla de pequeno porte.

EM PAUTA

Diocesana – A Faculdade Diocesana de Mossoró (FDM) lançou nova campanha de Pós-graduação, com 19 novos cursos oferecidos. Ao todo, a instituição sediada em Mossoró alcança 34 pós-graduações e marca o seu projeto de extensão para outros municípios. A primeira cidade a ter a presença da faculdade é Apodi. Depois virão Assu e Caicó. Acesse AQUI a página da FDM.

Pneumonia – Depois de passar alguns dias em repouso e afastado do trabalho, o radialista Haroldo Jácome retoma ritmo normal na Rádio Difusora de Mossoró esta semana, com o programa “Super Manhã Difusora”. Um princípio de pneumonia o afligiu. Pádua Júnior substituiu-o com louvor. Saúde, meu querido. Simbora!

Haroldo: saúde (Foto: arquivo)

Diária – O Governo do Estado publicou nesse sábado (24) no Diário Oficial do Estado (DOE), Lei Complementar que “Dispõe sobre o pagamento de diária operacional. O valor fica em R$ 107,40 (cento e sete reais e quarenta centavos). Veja detalhes AQUI.

Sátiro – O ex-reitor da Universidade do Estado do RN (UERN) e um dos mentores de sua estadualização, padre Sátiro Cavalcanti Dantas, apareceu na assembleia geral dos professores na sexta-feira (23). Aos 88 anos, segue na defesa da maior obra humana de Mossoró (veja AQUI).

TJRN - Sempre tão criticado, também merece aplausos o êxito do Tribunal de Justiça do RN (TJRN), que alcançou o 1º lugar entre as 27 cortes congêneres do país, em termos de desempenho na resolutividade processual. Atingiu esse patamar com o percentual de 154,12% em 2017, julgando maior número de demandas do que o número recebido. Bravo!

Pedro Lenza – O consagrado professor e escritor forense Pedro Lenza estará em Mossoró no dia 26 de abril, no Teatro Municipal Dix-huit Rosado. Ele é autor do livro de Direito Constitucional mais vendido do Brasil!

SÓ PRA CONTRARIAR

Alguém aí notou que Mossoró ficou sem prefeita e vice e a Câmara Municipal só retornará dia 2 de março? Ótimo.

GERAIS… GERAIS… GERAIS

Relo: "Mãe-Dágua" (Foto: Luís Gomes Tur)

A Cachoeira do Relo em Luís Gomes (a 195 quilômetros de Mossoró), nascente do Rio Mossoró, começou a vicejar com as chuvas desse inverno que ainda está longe de se consolidar. Ela tinha desaparecido há cerca de 6 anos, devido a seca. É nossa “Iara”, a Mãe-D’água.

São as mesmas águas que encharcam o chão/E sempre voltam humildes/Pro fundo da terra“. (Planeta Água, Guilherme Arantes – veja letra e música AQUI).

Em função de sobrecarga de trabalho, o chargista Túlio Ratto “pediu um tempo”. Sua secção “Janela Indiscreta” desta coluna vai ficar um período fora do ar, até ele dar outra vez o ar de sua graça. Combinado.

Obrigado à leitura do Nosso BlogChrystian de Saboya (Natal), Mário Ilo (Tibau) e João Carlos Brito (Mossoró).

Veja a Coluna do Herzog do domingo (18) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 21/02/2018 - 18:14h
TJRN

MP vai recorrer de decisão favorável a Carlos Eduardo


O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) vai recorrer da decisão do pleno do Tribunal de Justiça que rejeitou denúncia contra o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), nesta quarta-feira (21). O objeto da denúncia é a captação ilegal de tributos, incorrendo o prefeito em crime de responsabilidade. O placar do julgamento foi de 4 a 4, o que beneficia o réu.

Eudo não gostou de decisão (Foto: MPRN)

Para o procurador-geral de Justiça (PGJ), Eudo Rodrigues Leite, “nesta fase deve ser privilegiado o princípio in dubio pro societate, ou seja, na dúvida deve ser recebida a denúncia, para que os fatos sejam analisados e julgados na ação penal, o que vai se buscar através de recurso aos tribunais superiores”.

A denúncia foi oferecida ao TJRN pela Procuradoria-Geral de Justiça no dia 8 de junho de 2017, motivada pela captação irregular de tributos nos anos de 2015 e 2016, que somente seriam devidos nos anos subsequentes (2016 e 2017, respectivamente).

Irregularidade

A antecipação teve como objeto o IPTU, a Taxa de Lixo, a Cosip e a TSD (Taxa sobre Serviços Diversos), e resultou na arrecadação de cerca de R$ 46 milhões em dezembro de 2015 e de, aproximadamente, R$ 56 milhões, no último mês de 2016.

A atuação do prefeito, segundo o MPRN, violou o Decreto-lei 201/67, que enquadra como crime a conduta de “captar recursos a título de antecipação de receita de tributo ou contribuição cujo fato gerador ainda não tenha ocorrido”.

Pelo que se apurou no Procedimento Investigatório Criminal, as receitas de um ano fiscal foram utilizadas para pagamento de despesas da Prefeitura do ano anterior, o que também ofenderia à Lei de Responsabilidade Fiscal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Justiça/Direito/Ministério Público / Política
  • Repet
terça-feira - 20/02/2018 - 07:24h
Em Natal

Jornal promete processar prefeito após ataques na Net


O jornal/portal Agora RN, com sede em Natal, anuncia que vai acionar judicialmente o prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT).

A interpelação é quanto a postagens do prefeito em seu Twitter, com “ilações criminosas”, segundo o jornalista Alex Viana, seu diretor-geral.

“O jornal Agora RN não aceita nenhuma insinuação criminosa que venha a colocar em dúvida a lisura, a credibilidade ou a independência do grupo Agora RN, seja em relação ao portal ou ao veículo impresso”, afirmou.

Carlos Eduardo questionou a suposta independência e o método de financiamento do jornal impresso diário, insinuando que é bancado por terceiros.

Chegou a soltar subliminarmente que seria braço de comunicação do Governo Robinson Faria (PSD).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Comunicação / Política
domingo - 18/02/2018 - 09:46h
COLUNA DO HERZOG

Tratem bem Robinson Faria; vocês podem precisar dele


Por Carlos Santos

Em 2014, a última eleição ao Governo do RN, a votação que determinou a realização do segundo turno não foi exatamente a obtida pelo segundo colocado Robinson Faria (PSD), que empalmou 623.614 votos (42,04%), contra 702.196 votos (47,34%) de Henrique Alves (MDB).

O que provocou a disputa decisiva vencida por Robinson foi o “fator Robério Paulino” (PSOL), que se capitalizou com 129.616 votos (8,74%), algo surpreendente, pois foram números incomuns para um terceiro colocado de esquerda e em sigla de pequeno porte.

Ele encarnou a repulsa de parte do eleitorado aos dois protagonistas.

Em 2010, o terceiro colocado à ocasião teve bem mais votos do que Robério Paulino em 2014. Foi o então ex-prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT), que juntou 160.828 votos (10,36%). Mas Rosalba Ciarlini (DEM, hoje no PP) levou a parada logo no primeiro turno, com 813.813 votos (52,46%).

O governador e candidato à reeleição Iberê Ferreira (PSB) obteve 562.256 votos (36,25%).

Mentor político de Rosalba, o ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado pensou uma campanha para ser ganha num turno. Sabia que o segundo turno poderia ser outra realidade; talvez adversa.

Em 2014, mesmo não pedindo votos para nenhum dos rivalizantes do segundo turno, Paulino nitidamente teve boa parcela de seus votos acoplada à candidatura de Robinson Faria.

Teremos outro fenômeno pontual em 2018, que possa determinar o segundo turno?

Se Robinson for candidato à reeleição, ele poderá ser esse nome. Não o vejo com condições mínimas de ser reeleito, mas pode determinar quem não será o seu sucessor.

Portanto tratem-no bem. Ele está no jogo.

PRIMEIRA PÁGINA

Anote: são dois os maiores desafios para o candidato a cargo eletivo na campanha eleitoral que se aproxima. Primeiro, convencer o eleitor a sair de casa para votar em alguém. Segundo, a votar nele (o candidato). Tarefas dificílimas.

O prefeito de Macau, jornalista Túlio Lemos (PSD), perdeu apoio do vice-prefeito Rodrigo Aladim (PSB) e dois vereadores. Nada demais. Se a gestão se ajustar às exigências de um novo tempo administrativo, poderá reordenar seu grupo à longa jornada gerencial e planificar um provável projeto de reeleição com novos atores. O administrativo de resultados é que determinará o peso e o valor de cada um adiante. Não é fácil gerir a massa falida que recebeu.

As postulações a deputado estadual da ex-prefeita apodiense Gorete Silveira (MDB, veja AQUI) e a do ex-prefeito de de Almino Afonso Bernardo Amorim (MDB, veja AQUI) ferem de forma letal dois deputados que vão tentar a reeleição à Assembleia Legislativa. Gustavo Fernandes (MDB) e Carlos Augusto Maia (PSD), respectivamente, tinham eles como importantes ativos de apoios eleitorais na região Oeste. Precisarão refazer as contas rapidamente, buscando alternativas saneadoras.

Queiroz: faixa própria (Foto: AL)

O deputado Nelter Queiroz (MDB) não tem qualquer nome definido ao Governo do Estado. Até aqui, nada de se inclinar pela possível candidatura ao governo do prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT) ou qualquer outra opção.

Pode muito bem fazer campanha em faixa própria, sem advogar um nome em especial ao governo. Pelo menos hoje, essa parece ser sua posição. Hoje.

O reducionismo intelectual, o insulto à inteligência alheia e a pequenez ideológica estão tangendo o debate sobre a Intervenção Federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro para outro Fla-Flu politiqueiro. Aspectos técnicos, sociais, constitucionais e econômicos do caso são relegados a um segundo plano ou mesmo ignorados. Leia: Intervenção na Segurança Pública e a cosmetologia.

Há um superdimensionamento em parte da imprensa da capital ao papel do vice-governador Fábio Dantas (PCdoB) na sucessão estadual. Menos, menos. Ele só será importante numa hipotética desincompatibilização de Robinson Faria (PSD) para ser candidato a deputado estadual ou outro cargo que não seja novamente ao governo. Fora disso, nada muito além do comum.

Além da “judicialização de laboratório” e noticiário requentado, a política em ano eleitoral vai ter carga letal de dossiês. Então é bom irmos nos preparando com pipoca e guaraná. Teremos episódios emocionantes no jogo de sobrevivência e subsistência dessa fauna.

A Câmara Municipal do Caicó fez sessão solene no sábado (17) para marcar os 100 anos de nascimento do ex-deputado estadual e ex-prefeito Manoel Torres. Ele era de uma linhagem quase em extinção na política nativa. Viajava a trabalho sem fazer uso de diárias. Era muquirana com o dinheiro público, incansável com o controle financeiro do erário e com a probidade.

A discrição, fidelidade e atenção da chefe de Gabinete Edna Paiva têm sido a sombra da prefeita ausente (em férias internacionais) Rosalba Ciarlini (PP), na sede do governo municipal de Mossoró. A prefeita em exercício Nayara Gadelha (PP) governa ‘entubada’.

O ex-prefeito de Parnamirim Maurício Marques pode aparecer como nome à Assembleia Legislativa neste ano. Está se mexendo para esse fim. Ele governou o município por dois mandatos, aboletado no cargo pela forte influência do antecessor Agnelo Alves (PDT), já falecido.

TÚLIO RATTO – JANELA INDISCRETA

EM PAUTA

Voz - O concurso ‘A Mais Bela Voz’, promovido pela Rádio Rural de Mossoró desde 1968, portanto completando 50 anos neste 2018, terá inscrições abertas entre os dias 19 (segunda-feira) e 28 de fevereiro, com premiação para os três primeiros colocados. O certame é o mais tradicional do gênero no estado. Mais detalhes e inscrição clique AQUI.

Falecimento – A solidariedade do Blog Carlos Santos ao fotógrafo Luciano Lellys, pelo falecimento do seu pai – o senhor Antônio Francisco – nesse final de semana. Que descanse em paz.

Cantoria – Os cantadores Valdir Teles e Jonas Bezerra são atrações confirmadas para o dia 6 de abril deste ano, no Cajarana Bar (Avenida Felipe Camarão, próximo ao aeroporto de Mossoró), na “Grande Cantoria”. O reforço será a atração-mirim Moésio Marinho. Encontro marcado a partir das 20 horas.

Chuvas – O volume de chuvas em alguns pontos do estado tem chamado a atenção. No sítio São José – município de Marcelino Vieira RN, o acumulado de chuvas de Janeiro até 17/02, chegou 245 milímetros.

Sindivarejo – O Sindicato do Comércio Varejista de Mossoró (SINDIVAREJO) vai realizar eleição para sua diretoria, com mandato de quatro anos. Será na quarta-feira (21), entre 8 e 18 horas, em sua sede, no centro da cidade. Michelson Frota e Jair Queiroz formam a cabeça de chapa única à reeleição.

Texto – No dia 20 de abril deste ano o Garbos Recepções e Eventos receberá Renato e Seus Blue Caps e banda 14 Bis. Será a “Noite do Flash Back”.

Doutorado – Quem desembarca neste início de semana em Roma-Itália é Francisco Cornélio Freire Rodrigues, religioso e professor. Iniciará uma densa etapa de estudos. Reforço à sua vida acadêmica e sacerdotal ocorrerá com período para doutorado em Teologia Bíblica. Sucesso.

San Valle – Conheci quinta-feira (15) o núcleo industrial-administrativo da Água Mineral San Valle, no Apodi. O empreendimento do empresário José Maria da Silva, com a responsabilidade técnica da engenheira-química Randreane Menezes, fica no Rancho Peniel, a cerca de 2km da cidade. A expansão da marca na região tem relação direta com sua alta qualidade. Parabéns a investidores, colaboradores e ao Apodi.

SÓ PRA CONTRARIAR

Até quando a “renovação” política nesse florão da América continuará sendo feita apenas por sobrenome?

GERAIS… GERAIS… GERAIS

Obrigado à leitura do Nosso Blog a Vânia Leite (Natal), Leylla Carla (Apodi) e Aldenilson Teodósio (Mossoró).

Na sexta-feira (16) foi dia de saudar meu amigo querido de longas e longas datas, Eudson Lacerda. Aniversário para renovação de bem-querer, que é cotidiano, sem data e sem tempo. Saúde e paz, meu irmão.

Daqui, ó! Gostei do ambiente e do bom cardápio da Fornearia Casa Paulista, no Nova Betânia em Mossoró, pertinho da Praça do Rotary. Outra boa opção de massas na cidade.

Veja a Coluna do Herzog do domingo (11) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Charge de Túlio Ratto / Coluna do Herzog
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.