quarta-feira - 10/05/2017 - 08:10h
Eleições 2018

Especulações colocam Beto Rosado a vice ou nome a estadual


Comentários correntes nos labirintos e intramuros da política do Rio Grande do Norte indicam que o grupo rosalbista pode apostar numa readequação de posições, com vistas às eleições 2018. Nomes à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa seriam invertidos, digamos.

Em síntese, o atual deputado federal Beto Rosado (PP) recuaria do projeto de reeleição para ser candidato a deputado estadual, com a atual secretária do Desenvolvimento Social da Prefeitura de Mossoró, sua prima Lorena Ciarlini (PP), sendo içada à postulação à Câmara dos Deputados.

Beto: um vice improvável, mas não impossível (Foto: Arquivo)

Ainda nessas discussões, o próprio Beto Rosado poderia ser o nome a vice-governador, numa hipotética chapa encabeçada pelo prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT). Dobradinha Alves-Rosado/Rosalbismo.

É possível? É provável?

Possível, sim. Não muito provável. Vejo esses ‘formatos’ como inconsistentes, hoje. Uma acomodação entre Lorena (filha da prefeita Rosalba Ciarlini-PP) e Beto Rosado (filho do ex-deputado federal Betinho Rosado-PP) foge à prudência nesses tempos bicudos para a classe política.

O encaixe de um Rosado em chapa com um Alves, num momento de instabilidade política, negação à própria política e desgaste das forças tradicionais e oligarcas, é uma aposta de alto risco, mesmo diante de um governo Robinson Faria (PSD) bastante depauperado.

Exemplo clássico desse temor: as eleições de 2016 em Mossoró. Rosalba e o líder do seu grupo, ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado, vetaram nome do hoje secretário municipal do Planejamento, Lahyrinho Rosado (PSB), como vice. O palanque ficaria exageradamente pesado. Acertaram em cheio na exclusão.

É cedo para definições, mas não é cedo para avaliações e planejamentos.

Porém é precipitado qualquer projeção para 2018 na atual conjuntura. O que há de mais certo, no momento, é a incerteza.

P.S – O Blog Carlos Santos tentou falar com Beto Rosado através de contato com seu número telefônico, mas não obteve retorno. Ele não respondeu.

Conversou com um de seus assessores, até antecipando a pauta, mas não conseguiu êxito à sua localização.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 20/04/2017 - 04:10h
2018

Fátima Bezerra, ‘candidata’ ao Governo do RN


A senadora Fátima Bezerra (PT) tem um foco para 2018: ser candidata ao Governo do Estado.

“Não tenho nada a perder”, repete para interlocutores de sua confiança.

Ela enxerga crescente fragilidade nos eventuais concorrentes – governador Robinson Faria (PSD) e prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT).

Se não se eleger, sem problema.

Tem mandato no Senado até 2022.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 11/04/2017 - 09:08h
Kelps Lima

Deputado questiona decisão de saque de fundo previdenciário


O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) emitiu nota pública sobre a decisão do prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT), de fazer saque do Fundo de Capitalização de Previdência (FUNCAPRE), da NatalPrev, previdência própria do município.

No final de semana (veja AQUI), o Tribunal de Contas do Estado (TCE) expediu liminar que obstruía preventivamente essa decisão do prefeito. Mas ontem, a municipalidade deixou claro que o saque seria feito.

Veja abaixo a nota de Kelps, autor do questionamento ao TCE, que resultou na liminar:

Carlos Eduardo desrespeita o Tribunal de Contas

1. Nesta segunda-feira, 10 de abril, a Prefeitura Municipal de Natal disponibilizou nota à imprensa em que afirma que, independentemente do decidido pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte, estará promovendo ainda hoje o saque no Fundo de Capitalização de Previdência (FUNCAPRE).

2. Sobre essa afirmação, nos cabe salientar que os detentores de mandatos eletivos, inclusive prefeitos, juram solenemente quando de sua posse respeitar a Constituição e as instituições do Estado.

3. Ignorar uma decisão de órgão de controle externo imbuído constitucionalmente do dever de fiscalização é violar frontalmente esse juramento. Inclusive, não se pode esquecer que a posição do Tribunal de Contas tem amparo em estudo de um corpo técnico de servidores concursados e de indiscutível competência.

4. Ao contrário do que faz parecer a nota, os recursos do FUNCAPRE não estão “parados” no sistema financeiro. Um fundo de capitalização serve para prover rendimentos financeiros ao próprio fundo que, no futuro, pagarão as aposentadorias dos servidores. Realizar o saque pretendido comprometerá o pagamento não apenas presente, mas também futuro, de aposentados e pensionistas do Município.

5. A crise financeira pela qual passa o Município demanda medidas administrativas que proporcionem maior economia e eficiência ao gasto público. Contudo, essas medidas não podem, como as propostas pela prefeitura, violar a Lei de Responsabilidade Fiscal e comprometer de forma irremediável o direito dos servidores à aposentadoria.

6. O que se vê em Natal é o derretimento da maquiagem administrativa da gestão de Carlos Eduardo Alves, eterno agressor das instituições e poderes.

7. Esperamos que o TCE e o Ministério Público de Contas tomem as medidas necessárias para fazer valer sua decisão, sob pena de virar regra a desobediência, por parte dos prefeitos, ao principal órgão de controle externo do Estado. Confiamos que as instituições deste Estado farão valer a força do Direito em detrimento do direito da Força.

Kelps Lima - Deputado Estadual

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
sexta-feira - 07/04/2017 - 14:15h
No TCE

Liminar impede prefeito de utilizar Fundo Previdenciário


“Acabamos de conseguir a LIMINAR no TCE (Tribunal de Contas do Estado) impedindo Carlos Eduardo (prefeito do PDT) de cobrir o rombo que ele fez na Prefeitura com o dinheiro dos servidores”.

Essa notícia foi conteúdo de postagem feita em endereços seus nas redes sociais, pelo deputado estadual e ex-candidato a prefeito de Natal Kelps Lima (Solidariedade).

A informação foi veiculada por ele às 13h37 de hoje.

O conselheiro do TCE, Tarcísio Costa, assinou a liminar.

A Câmara Municipal de Natal aprovou nessa quarta-feira (05), em segunda discussão, o Projeto de Lei Complementar encaminhado pelo prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) que solicitava o uso de R$ 204 milhões do Fundo Previdenciário dos servidores do Município (NatalPrev) para o pagamento da folha dos inativos (aposentados e pensionistas).

Veja AQUI.

Nota do Blog - Aplausos para o parlamentar pela iniciativa. A questão é muito delicada. O exemplo da implosão do fundo previdenciário do estado está aí presente, revelando o que poderá acontecer na Prefeitura do Natal.

Mas fica uma pergunta: e o Judiciário?

Certamente será instado a se pronunciar, como foro competente.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quinta-feira - 06/04/2017 - 13:41h
Natal

Vereadores aprovam uso de fundo previdenciário de R$ 204 mi


Do Blog Heitor Gregório

Após quatro sessões ordinárias e intensos debates, a Câmara Municipal de Natal aprovou nessa quarta-feira (05), em segunda discussão, o Projeto de Lei Complementar encaminhado pelo prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) que solicita o uso de R$ 204 milhões do fundo previdenciário dos servidores do Município (NatalPrev) para o pagamento da folha dos inativos.

De acordo com o Executivo, o valor solicitado servirá, exclusivamente, para quitar salários de aposentados e pensionistas.

O placar foi o mesmo da votação em primeira discussão: 21 votos a favor e quatro contra.

Os pareceres desfavoráveis à matéria foram dados pelas vereadoras Natália Bonavides (PT) e Eleika Bezerra (PSL) e os vereadores Fernando Lucena (PT) e Sandro Pimentel (PSOL).

Segundo informações da Prefeitura, o fundo previdenciário do NatalPrev conta, atualmente, com cerca de R$ 325 milhões.

Nota do Blog - Se a moda pega…

O “rapa” no Fundo Previdenciário do Estado, iniciado por Rosalba Ciarlini (PP) e fechado por Robinson Faria (PSD), parece fazer escola.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
segunda-feira - 03/04/2017 - 21:10h
Natal

Deputado quer frear empréstimo a fundo previdenciário


Kelps: preocupação (Foto: AL)

O deputado estadual Kelps Lima (Solidadriedade) deu entrada na manhã desta segunda-feira, 3 de abril, com uma representação, pedido de liminar, no Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte (TCE), para que o prefeito natalense Carlos Eduardo (PDT) não saque dinheiro dos aposentados do NatalPrev (Previdência Municipal).

A liminar foi protocolada com o argumento de que Carlos Eduardo viola o requisito do “art. 38, II 10 , da LRF: a operação de crédito somente será liquidada a partir de 2020, em 180 parcelas mensais, quando deveria ser liquidada até dezembro de 2017.”

Risco

“Carlos Eduardo quer cobrir o rombo de sua gestão com o dinheiro dos aposentados”, disse Kelps. A matéria em trâmite na Câmara Municipal, na ótica do parlamentar coloca o futuro previdenciário dos servidores em risco.

“Na pior das hipóteses esse dinheiro deveria ser devolvido dentro do seu mandato”, explica Kelps.

Com 22 votos a favor e apenas quatro contra, a Câmara Municipal de Natal aprovou em primeira discussão, o empréstimo de R$ 204 milhões do NatalPrev à semana passada. Amanhã (terça-feira, 4), os vereadores farão a segunda votação.

Nota do Blog – O que ocorreu com o fundo previdenciário do estado, utilizado pelos governadores Rosalba Ciarlini (PP) e Robinson Faria (PSD), é um alerta para os servidores municipais.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quinta-feira - 16/03/2017 - 09:58h
O imprevisível 2018

Pode ser que sim; pode ser que não


A política brasileira ganhou uma “dinâmica” nova em meio ao lamaçal da Operação Lava Jato. De Brasília ao Rio Grande do Norte, é dificílimo se fazer uma previsão para a semana seguinte, imagine esquadrinhamos o possível cenário de 2018.

Tudo é muito movediço e volátil.

Quase ninguém é certo para essa ou àquela disputa.

A corrida eleitoral do estado, por exemplo, é exatamente o modelo desse amontoado de interrogações.

O governador Robinson Faria (PSD) concorrerá à reeleição? Nem ele tem certeza.

Pode ser que sim; pode ser que não, tentando novo mandato à Assembleia Legislativa, onde passou muitos anos.

O atual prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT) será mesmo o candidato dos “Alves”, Rosado, Melo, Maia etc. ao governo?

Pode ser que sim; pode ser que não, optando por concluir seu mandato. Unanimidade na família ele não é.

Mais do que nunca parece não termos nenhum “governador em férias” ou “governador imbatível”.

Diga-se até: a prioridade por parte de alguns poderosos caciques é muito particular.

Garibaldi Filho (PMDB), senador, tem no filho e deputado federal Walter Alves (PMDB) o grande foco. Muito mais do que sua reeleição ao Senado.

Henrique Alves (PMDB), ex-presidente da Câmara Federal, sonha desesperadamente em retornar a Brasília e à Casa que comandou e onde ficou acantonado por mais de 40 anos.

Vencer o governo do estado com o primo e ex-desafeto por muito anos, Carlos Eduardo Alves, não é exatamente a “pedra angular” dessa construção político-familiar.

Carlos Eduardo deve saber disso muito bem. Sabe!

Quanto a Robinson,  não ser pior do que a antecessora Rosalba Ciarlini (PP) tem sido o projeto de agora. Sonhar com a reeleição é-lhe um direito, mas por enquanto não passa de um pesadelo. Para ele, muito mais para os cidadãos potiguares.

Poderemos ter surpresas de um lado e de outro? É possível e não deve ser descartado. Daí o alto grau de imprevisibilidade para 2018.

O ambiente convulsionado da política e da gestão pública ajudam no aparecimento de ‘novidades’, alternativas ou hipotéticos salvadores da pátria, populistas etc.

Caso atual emblemático, é o prefeito paulistano João Dória (PSDB). Surgiu do nada, encorpa sua própria imagem e eclipsa até donos do partido, como o governador Geraldo Alckmin e os desgastados senadores Aécio Neves e José Serra.

Mas não nos esqueçamos: a atmosfera é propícia ainda para velhos alquimistas da palavra, com o lero-lero de sempre. São do ramo.

Lá embaixo, a plateia que parece catatônica, como se coletivamente fosse tomada pela “Síndrome de Estocolmo” (estado psicológico em que a vítima se identifica com seus captores/algozes), precisa ser melhor entendida e analisada.

Talvez, nada seja como antes, mesmo que não mude muito e termine no mesmo.

Tom Jobim dizia: “O Brasil não é para principiantes”.

A política do RN, também.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog
quinta-feira - 02/03/2017 - 10:56h
Natal

Servidores ocupam prefeitura e protestam contra desconto


Servidores municipais estão neste momento dentro do prédio da Prefeitura do Natal, em protesto contra o desconto nos salários dos grevistas. O protesto foi convocado pelos sindicatos do município, após o corte que atingiu servidores das Secretarias de Saúde (SMS) e Assistência Social (Semtas) – Veja AQUI.

Servidores avisaram que fariam protesto e hoje resolveram ocupar Prefeitura (Foto: cedida)

Os servidores exibem os contracheques, com o valor descontado.

No final da greve, que durou 80 dias, a Prefeitura enviou um documento aos sindicatos (Sindsaúde, Sinsenat, Sindguardas, Sindern, Soern), com o compromisso de não implantar o corte de ponto, que seria discutido em uma mesa de negociação. Mesmo assim, os descontos foram feitos.

Durante o carnaval, o prefeito em entrevista a uma rádio, confirmou o desconto e chamou a greve de ‘ilegal’.

Com informações do Sindsaúde.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Saúde
  • Repet
quinta-feira - 23/02/2017 - 07:57h
Eleições 2018

O futuro político próximo de Raniere Barbosa


Raniere (ao assumir Fecam): 2018 (Foto: Elpídio Jr.)

Ex-secretário do prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) e recém-empossado presidente da Câmara Municipal do Natal e da Federação das Câmaras Municipais do RN (FECAM-RN), Raniere Barbosa (PDT) marcha com desenvoltura para as eleições de 2018.

Repete a aposta que outros já fizeram para saltos maiores, através da Câmara do Natal e Fecham.

Disputa à Câmara Federal ou estadual em 2018?

Faça sua aposta.

O futuro próximo dirá.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 17/02/2017 - 06:38h
Em Natal

Vereador apresenta pedido de cassação de prefeito


Do Agorarn

Foi  protocolado nessa quinta-feira, representação para abertura de processo de cassação do mandato do Prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT). O autor da representação, vereador Sandro Pimentel (PSOL),  entregou as 19 páginas da representação nas mãos do Presidente da Câmara Municipal,  vereador Raniere Barbosa (PDT).

O pedido tem por base as manobras fiscais realizadas pelo Prefeito que antecipou, no final do ano passado, a cobrança do IPTU de 2017. Ação que fere o artigo 38 da Lei de Responsabilidade Fiscal. Segundo argumentos da denúncia, a ação de Carlos Eduardo gera desequilíbrio nas contas públicas e prejudica os investimentos do executivo municipal para o ano de 2017.

“A ação do Prefeito Carlos Eduardo em antecipar a cobrança do IPTU é uma ilegalidade, prejudica o planejamento financeiro e as políticas públicas da cidade”, afirmou.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sexta-feira - 03/02/2017 - 17:32h
Natal

Prefeito dá posse a 13 novos auxiliares de governo


O prefeito de Natal Carlos Eduardo (PDT) deu posse ao novo secretariado de sua gestão na manhã desta sexta-feira (3), em solenidade no auditório do Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte.

Ao todo foram 13 novos secretários empossados que passam a compor o primeiro escalão da gestão municipal. O ato contou com a presença de representantes de entidades do comércio e da indústria, o presidente da OAB /RN, Paulo Coutinho, deputados estaduais, vereadores e a sociedade civil.

Veja a lista dos empossados:

• Secretaria Municipal de Habitação, Regularização Fundiária e Projetos Estruturantes (Seharpe) – Carlson Geraldo Correia Gomes
• Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) – João Paulo Mendes Sales
• Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (Semul) – Andrea Ramalho Pereira de Araújo Alves
• Secretaria Municipal de Administração (Semad) – Adamires França
• Secretaria Municipal de Obras Públicas e infraestrutura (Semov)- Carlos Frederico Queiroz
• Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana)- Cláudio Henrique Pessoa Porpino
• Secretaria Municipal de Turismo (Setur) – Christiane Alecrim
• Secretaria Municipal de Planejamento (Sempla) – Glenda Dantas Ferreira
• Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur)- Jerônimo da Câmara Ferreira de Melo
• Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Sel) – José Vanildo da Silva
• Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) – Maria Virginia Ferreira Lopes
• Agência Reguladora de Serviços de Saneamento Básico do Município do Natal (Arsban) – Maria Aparecida de França Gomes
• Ouvidoria Geral do Município – Rodrigo Ferraz Quidute.

Com informações da Prefeitura do Natal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
segunda-feira - 30/01/2017 - 17:33h
Presídio

Carlos Eduardo diz que localização de Alcaçuz não foi equívoco


Em seu endereço próprio na rede social Facebook, o prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT) rebate críticas, insinuações ou acusações diretas relacionam rebeliões e fuga em massa, do Presídio Estadual de Alcaçuz (em Nísia Floresta), a construção desse equipamento em área de dunas.

Para Carlos, essa linha de raciocínio é estapafúrdia: “Dizer que o erro maior foi construir numa região de dunas é pura falácia. Como se a condição do terreno determinasse a degradação que leva um ser humano a matar outro ser humano com alto grau de crueldade para ganhar prestígio entre os demais. É querer zombar da inteligência alheia”, argumentou.

Alcaçuz há vários dias que é objeto de atenção e perplexidade no Brasil e até no mundo (Foto: O Globo)

Veja abaixo, a íntegra de seu artigo:

Em determinado período de sua rica história, o Rio Grande do Norte pode ostentar a marca de ter um dos mais avançados sistemas prisionais do país, implantado praticamente a partir do nada. Isso ocorreu nos anos 90, quando assumimos a Secretaria de Justiça e Cidadania no Governo Garibaldi Filho.

A Secretaria era responsável apenas pelo presídio de regime fechado João Chaves, construído há 30 anos em Natal que ficou popularmente conhecido como Caldeirão do Diabo por registrar uma morte de detento a cada mês, e a penitenciária Mário Negócio, de regime semiaberto, em Mossoró. Pois bem, em apenas 3 anos, vencemos a inércia para implantar no Estado um completo sistema prisional.

O Caldeirão do Diabo, situado dentro da área urbana de Natal, no coração da Zona Norte, deixou de existir. Construímos a Casa Albergue para o regime aberto e o Hospital de Custódia ou manicômio judiciário com 51 leitos. Até então, presos com problemas mentais eram enviados para a vizinha Paraíba. Além disso, criamos dois pavilhões de regime fechado em Mossoró e duas novas penitenciárias de regime fechado, em Caicó e Alcaçuz, esta última referência nacional pelo respeito aos direitos humanos. E ainda demos início à construção das Cadeias Públicas de Natal e de Mossoró.

Assim, o Estado livrou-se da superlotação de presos e pela primeira vez passava a contar com um sistema que englobava todos os regimes previstos na Lei de Execuções Penais, complementado pelo Patronato, projeto-piloto para dar curso às penas alternativas, por sinal uma das primeiras unidades no Brasil e modelo visitado por representantes de mais de uma dezena de Estados.

Vale dizer que a construção de Alcaçuz seguiu os padrões internacionais recomendados pelas Nações Unidas na Conferência do Cairo de 1997 e adotados pelo Ministério da Justiça. Além disso, a obra teve acompanhamento sistemático da OAB, do Ministério Público, do Tribunal de Justiça, do Conselho Penitenciário e de representantes das igrejas católica e evangélica.

Hoje, Alcaçuz é escárnio nacional, com cenas deprimentes de uma rebelião sangrenta, levadas pela TV ao país e ao mundo. Dizer que o erro maior foi construir numa região de dunas é pura falácia. Como se a condição do terreno determinasse a degradação que leva um ser humano a matar outro ser humano com alto grau de crueldade para ganhar prestígio entre os demais. É querer zombar da inteligência alheia.

É verdade que desde sua inauguração em 1998, há quase 20 anos, o presídio sofreu a falta de investimentos em manutenção e todo um trabalho de assistência aos apenados foi deixado de lado. Quantos e quantos anos perdidos. Quanta omissão!

Alcaçuz se tornou um depósito de presos. Um campo de concentração para onde são enviados criminosos perigosos e também pessoas que cometeram pequenos delitos e poderiam, acredito sim, voltar a conviver em sociedade. Um crime contra o nosso Estado e a nossa sociedade. Porque é fácil perceber que Alcaçuz não tinha problema estrutural, mas conjuntural. Faltou sempre um maior efetivo de policiais e também a formação adequada de um quadro de agentes penitenciários. Não foi o local escolhido como trombeteado por aí.

O argumento de que o presídio deveria ser construído em outro local, longe de Natal, também não leva em conta a legislação com farta jurisprudência no STF que assegura o cumprimento da pena perto da família como forma de contribuir para sua ressocialização.

Carlos Eduardo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política / Segurança Pública/Polícia
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sábado - 14/01/2017 - 22:56h
Deputado Kelps afirma:

Ninguém está autorizado a indicar cargo à Prefeitura


O novo Secretário de Esportes de Natal, José Vanildo, presidente da Federação Norte-riograndense de Futebol (FNF), foi indicado ao cargo pelo vereador Paulinho Freire (Partido Solidariedade). Mas o a sigla segue com postura oposicionista.

Quem deixa essa posição clara é o deputado Kelps Lima, presidente regional do Solidariedade. Ele assinala que “ninguém está autorizado a indicar cargos na gestão de Natal”.

Kelps não aceita indicação (Foto: AL)

O Blog tratou da indicação de José Vanildo na postagem “A dinâmica solidária na política natalense” (veja AQUI).

A propósito, Kelps foi candidato à Prefeitura pela oposição, no pleito que consagrou a reeleição do prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) em 2016.

Veja abaixo a posição oficial do Solidariedade:

A posição oficial do partido é de fiscalização à gestão de Carlos Eduardo e ao cumprimento das promessas que ele fez na campanha, coisa que por sinal o Prefeito até agora não tem feito.

Ninguém está autorizado a indicar cargos na gestão de Natal em nome do partido. Desde que o Solidariedade foi fundado no RN já recebeu convites para indicar cargos na gestão estadual e em Natal e não quis por discordar das gestões.

Quem apoiar Carlos Eduardo para Governador em 2018 será sócio do maior calote eleitoral da história do Rio Grande do Norte.

Paulinho Freire é um companheiro valoroso e, como deixou claro em entrevista publicada pelo AgoraRN: seguira a orientação do partido.

Kelps Lima – Presidente estadual do Partido Solidariedade

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 12/01/2017 - 17:52h
Vá entender!

A dinâmica solidária na política natalense


Vanildo: 'presente' do Solidariedade para Carlos (Foto: arquivo)

O novo Secretário de Esportes de Natal, José Vanildo, presidente da Federação Norte-riograndense de Futebol (FNF) e com funções na Confederação Brasileira de Futebol (CBF), foi indicado pelo vereador Paulinho Freire para esse cargo.

Só para esclarecer: Paulinho é do partido Solidariedade.

O líder do Solidariedade no Rio Grande do Norte é o deputado estadual Kelps Lima, ferrenho adversário do prefeito Carlos Eduardo(PDT).

Na última eleição municipal, os dois foram adversários. Ele disparou torpedos potentes usando um celular na mão e “deus no coração”, contra o prefeito que se reelegeu.

Um caso fulminante de dinâmica solidária na política natalense.

Até Deus é capaz de duvidar.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 11/01/2017 - 15:42h
Natal

Prefeito protesta contra ‘invasão arbitrária” de secretaria


O prefeito natalense reeleito, Carlos Eduardo Alves (PDT), vociferou contra movimento sindical que ocupou Secretaria Municipal da Administração (SEMAD) hoje, em protesto contra salários em atraso.

Em redes sociais, Carlos Eduardo disse que houve invasão arbitrária e até violência física contra servidores da pasta.

“Pagamos hoje os 30% restantes da folha de dezembro, conforme anunciamos no início da semana. Dirigentes sindicais, mesmo sabendo que pagaríamos a folha, invadiram arbitrariamente a secretaria em ato politiqueiro”, afirmou.

“Dirigentes sindicais agrediram fisicamente alguns servidores e os casos foram para a delegacia e para a Procuradoria de Justiça”, disse.

“Dirigentes sindicais confundem sindicato com seus partidos, transformando-se em verdadeiros baderneiros desqualificados”, apontou.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
segunda-feira - 02/01/2017 - 10:20h
Amanhã

Larissa assumirá titularidade na Assembleia Legislativa do RN


A suplente e ex-deputada estadual Larissa Rosado (PSB) voltará à titularidade na Assembleia Legislativa. A posse da deputada será nesta terça-feira, 3 de janeiro, às 10h no gabinete da presidência na Assembleia Legislativa.

O ato de oficialização da posse será coordenado pelo presidente da Assembleia Legislativa Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) e contará com participação de deputados estaduais, autoridades e convidados da empossada.

O titular da cadeira, Álvaro Dias (PMDB), renunciou no final do ano passado, para assumir como vice-prefeito de Natal na gestão do prefeito reeleito Carlos Eduardo Alves (PDT).

Larissa Rosado foi eleita deputada estadual nos anos de 2002, 2006 e 2010 e assumirá o quarto mandato como parlamentar por ser a atual primeira suplente da coligação.

O desembarque de Larissa na AL decorre de engenhosa articulação política comandada pelo comando central do PMDB no RN, envolvendo as eleições de Natal e Mossoró, como o Blog descreveu com exclusividade (veja AQUI).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sexta-feira - 30/12/2016 - 15:52h
Costura política

Larissa retornará à AL e também ao PMDB com o seu grupo


Prestes a retornar à Assembleia Legislativa, após não se reeleger em 2014, a suplente de deputado estadual Larissa Rosado (PSB) deverá mudar também de camisa. O PSB ficará para trás.

Larissa caminha para o PMDB, como parte de costura de apoio à Rosalba em 2016 (Foto: Arquivo)

Larissa e seu grupo político deverão retornar ao PMDB, comandado no Rio Grande do Norte pelo ex-deputado federal Henrique Alves. Estiveram no partido, com o clã Alves, desde 1985, rompendo em 2005.

Ela será empossada como deputada efetiva na próxima terça-feira (3), com a renúncia do deputado titular Álvaro Dias (PMDB), eleito vice-prefeito do Natal.

A volta de Larissa à AL passou por árdua engenharia política e teste nas urnas. Tudo longe do conhecimento da massa eleitora dos dois maiores colégios eleitorais do estado, Natal e Mossoró.

O PMDB negociou a vice na chapa do prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), aboletando Álvaro, para poder vislumbrar a recondução de Larissa à Assembleia Legislativa.

Engenharia sinuosa

O presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do RN (FECOMÉRCIO/RN), Marcelo Queiroz, migrou do PDT para o PMDB para ser o vice de Carlos. Estava “certo”. Acabou descartado.

Paralelamente, em Mossoró, a costura política permitiu montagem de chapão a vereador entre PSB e PMDB, além do PDT e PP, viabilizando eleição da ex-deputada federal Sandra Rosado à Câmara Municipal e a reeleição dos vereadores Izabel Montenegro (PMDB) e Alex Moacir (PMDB).

Ainda nessa engenharia sinuosa, foi possível composição do grupo de Larissa e sua mãe Sandra Rosado com o da candidata a prefeito Rosalba Ciarlini (PP), que se elegeu à prefeitura. O passo seguinte, agora, é a campanha de 2018.

Desenha-se uma ampla aliança para retorno dos Alves ao Governo do Estado (candidatura de Carlos Eduardo Alves) e manutenção de uma vaga do grupo no Senado. A outra seria de apoio à reeleição do senador José Agripino (DEM), que participou do entendimento em Natal.

Rosalba Ciarlini e Sandra Rosado, unidas, são o principal suporte para esse projeto no âmbito de Mossoró e região.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 22/12/2016 - 23:02h
Assembleia Legislativa

Larissa Rosado vai ser empossada dia 5 de janeiro


Será no próximo dia 5 de janeiro-2017 a posse da suplente de deputado estadual Larissa Rosado (PSB), que não se reelegeu em 2014.

Ela será efetivada para os últimos dois anos da atual legislatura da Assembleia Legislativa, devido eleição do titular Álvaro Dias (PMDB) a vice-prefeito de Natal – na chapa do prefeito reeleito Carlos Eduardo Alves (PDT).

A posse de Larissa ocorrerá de forma cartorial, sem que aconteça qualquer sessão especial.

No dia 1º de janeiro de 2017, será a posse de sua mãe e ex-deputada federal Sandra Rosado (PSB). Assumirá pela primeira vez como vereadora de Mossoró.

Sandra também não se reelegera em 2014 à Câmara Federal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 19/12/2016 - 10:10h
Natal

Prefeito, vice e 29 vereadores serão diplomados hoje


Do Agorarn

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT), vice-prefeito eleito, Álvaro Dias (PMDB), e os 29 vereadores eleitos no pleito de 2016 do município de Natal serão diplomados na tarde desta segunda-feira (19), pelo Tribunal Regional Eleitoral.

Carlos Eduardo Alves: reeleição (Foto: arquivo)

A cerimônia acontece às 15h, no Salão Atlântico do Hotel Holiday Inn, localizado na avenida Salgado Filho, 1906, bairro Lagoa Nova. O juiz da 1ª Zona Eleitoral, Reynaldo Odilo Martins Soares é quem deve presidir o ato.

Confira a lista dos eleitos aos cargos do Executivo e Legislativo municipal que devem receber os diplomas hoje:

Prefeito e Vice prefeito:
Carlos Eduardo Alves (PDT)
Álvaro Dias (PMDB)

Vereadores:
Aldo Clemente (PMD)
Ana Paula (PSDC)
Aroldo Alves (PSDB)
Bispo Francisco de Assis (PRB)
Carla Dickson (PROS)
Cícero Martins (PTB)
Chagas Catarino (PDT)
Dinarte Torres (PMB)
Eleika Bezerra (PSL)
Eudiane Macedo (SD)
Eriko Jácome (PTN)
Felipe Alves (PMDB)
Fernando Lucena (PT)
Franklin Capistrano (PSB)
Júlia Arruda (PDT)
Klaus Araújo (SD)
Kleber Fernandes (PDT)
Luiz Almir (PR)
Natália Bonavides (PT)
Ney Lopes Jr (PSD)
Nina Souza (PEN)
Paulinho Freire (SD)
Preto Aquino (DEN)
Raniere Barbosa (PDT)
Robson Carvalho (PMB)
Sandro Pimentel (PSOL)
Sueldo Medeiros (PHS)
Ubaldo Fernandes (PMDB)
Wilma de Faria (PT do B).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Eleições 2016 / Política
terça-feira - 06/12/2016 - 19:10h
Natal

Servidores farão acampamento em frente à Prefeitura


Nesta quarta-feira (07), ocorrerá um novo acampamento unificado dos servidores municipais em greve, em frente à Prefeitura do Natal. A manifestação terá início às 08h, convocada pelos sindicatos que representam os trabalhadores em greve – Sinsenat, Sindsaúde, Soern e Sindern.

No último acampamento, no dia 02, os servidores desfilaram pelas ruas do Centro, com o estandarte do Bloco dos Lisos, em referência ao atraso de salários.

O objetivo do novo ato é conseguir o pagamento em dia. A Prefeitura está novamente em atraso e só deve anunciar o calendário na próxima segunda-feira, dia 12 – um atraso maior do que em novembro, quando parte dos servidores recebeu no dia 11. Os sindicatos exigem uma audiência com o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Saúde
  • Repet
terça-feira - 22/11/2016 - 13:47h
Em Natal

Aliado de Carlos Eduardo anuncia rompimento político


Do portal Agorarn

O candidato mais bem votado das ultimas eleições municipais de Natal com mais de 10 mil votos, Raniere Barbosa (PDT), anunciou na manhã desta terça-feira (22), na Câmara Municipal de Natal, o seu rompimento político com o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), reeleito na capital com mais de 225 mil votos.

Raniere e Carlos: distância após muita afinação (Foto: Agorarn)

O rompimento do pedetista com o líder do partido e do executivo municipal se dá após Carlos Eduardo ter elegido Júlio Protásio (PDT) como seu novo líder na Câmara no último sábado (19) sem antes consultar o antigo detentor da posição. Como já havia um distanciamento entre ambos, o rompimento tornou-se inevitável.

Manifesto

Para a escolha de Carlos Eduardo em mudar seu líder pode ter pesado o fato de 20 vereadores terem assinado um manifesto em apoio à candidatura de Raniere à presidência da Câmara até a última sexta-feira (18), com o vereador Luiz Almir (PR) tendo sido o último a se aliar ao companheiro de legislação.

Diante do cenário, o vereador recém-eleito Kleber Fernandes (também do PDT) deverá ser o nome apoiado pelo prefeito na busca pela cadeira principal da Casa no ano que vem.

Acompanhe o Blog também pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sábado - 19/11/2016 - 10:56h
Natal

Diplomação de eleitos vai acontecer dia 19 de dezembro


O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN) realizará no dia 19 dezembro, às 15h, a diplomação dos candidatos eleitos em Natal no pleito de 2016. A cerimônia acontecerá no Hotel Holiday Inn (Salão Atlântico), localizado na avenida Salgado Filho, 1906, em Lagoa Nova.

Carlos Eduardo foi reeleito (Foto: web)

Na capital potiguar, o ato da diplomação está a cargo do juiz da 1ª Zona Eleitoral, Reynaldo Odilo Martins Soares. A cerimônia contará com a presença do Presidente do TRE-RN, desembargador Dilermando Mota.

Ato do TRE

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, a diplomação é o ato pelo qual a justiça eleitoral atesta quem são, efetivamente, os eleitos e os suplentes com a entrega do diploma devidamente assinado.

Em Natal, serão diplomados, na cerimônia, o prefeito reeleito Carlos Eduardo Alves (PDT), vice-prefeito Álvaro Dias (PMDB) e 29 vereadores eleitos.

Os suplentes de Natal receberão os diplomas após requisição na 1ª Zona Eleitoral.

companhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.