quarta-feira - 14/11/2018 - 14:20h
Em Brasília

Bolsonaro se reúne com governadores; Fátima resolve faltar


Os governadores eleitos e reeleitos do Nordeste decidiram, em fórum próprio, que o governador do Piauí, Wellington Dias (PT), os representaria e à região na reunião que ocorreu nesta quarta-feira (13) com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), e o futuro ministro da Fazenda, Paulo Guedes, em Brasília (veja AQUI).

Presidente Jair Bolsonaro posa com uma bandeira do Brasil entre governadores eleitos e reeleitos (Foto: Marcelo Camargo)

A governadora eleita do Rio Grande do Norte, senadora Fátima Bezerra (PT), emitiu “Nota” justificando que “na próxima semana no Fórum dos Governadores eleitos e reeleitos do Nordeste”, defenderá uma pauta em comum a ser apresentada ao presidente da República eleito e equipe. Acrescentou que tem “total disposição em dialogar com o futuro Governo da República”.

Apelo de Jair Bolsonaro

“As reformas passam pela Câmara e pelo Senado e nós pedimos neste momento, os senhores têm realmente a perfeita noção do que tem que ser feito. Algumas medidas são um pouco amargas, mas nós não podemos tangenciar com a possibilidade de nos transformarmos naquilo que a Grécia passou, por exemplo”, afirmou Bolsonaro na reunião de hoje.

Nota do Blog – Os governadores nordestinos devem entender que a campanha passou, a começar pela senadora Fátima Bezerra (PT).

Independentemente de uma pauta “própria e diferenciada”, para a região, é fundamental ensarilhar armas. Sem a compreensão disso, fracassarão – com certeza.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quarta-feira - 14/11/2018 - 11:18h
George Soares

Deputado quer grupo coeso para enormes desafios


George vê maiores dificuldades adiante (Foto: Web)

Deputado estadual reeleito, tendo o Vale do Açu como seu esteio eleitoral, George Soares (PR) comenta que a responsabilidade adiante, em novo mandato e composto com a governadora eleita Fátima Bezerra (PT), será bastante ampliada. “É ano de trabalho e não de se falar em eleição”, ponderou.

“Quero ao meu lado esses parceiros que sintam o mesmo pensamento. Pessoas que pensem o contrário disso serão convidadas a sair”, disse ele em entrevista ao Sala de Redação, programa da Rádio Princesa FM 90.9, em Assu.

Ouvido pelo âncora Jarbas Rocha, George (irmão do prefeito Gustavo Soares-PR), comentou que trabalha para ter um “grupo coeso, pessoas que a gente possa contar. Pessoas que pensem o contrário disso serão convidadas a sair”.

Injustiças

Deixou claro, que “o grupo não é fechado, vamos abrir esse leque inclusive para outros partidos”.

Numa rápida avaliação das eleições passadas, ele identificou: “Político que não faz pelo povo, o povo vai na urna silenciosamente e bota para fora”. Mesmo admitindo que tenham ocorrido algumas injustiças eleitorais em 2018, afirmou ser imprescindível dar respostas às demandas sociais.

Em sua ótica, a reeleição conquistada em 7 de outubro último é prova de “mandato reconhecido, mas agora chegou uma responsabilidade muito maior”.

Reunião

Dia passado, em Assu, Soares reuniu prefeitos que o apoiaram na campanha concluída recentemente. Discutiu agenda do mandato com prioridades à região e Oeste, além de eleições na Federação dos Municípios do RN (FEMURN).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
terça-feira - 13/11/2018 - 23:50h
Pré-governo

É, não vai ser fácil, “companheira” Fátima


No dia de ontem (segunda-feira, 12), porta-vozes da futura governadora Fátima Bezerra (PT) anunciaram a presença do especialista em Segurança Pública Ivênio Marques (veja AQUI) como novo integrante de sua equipe de transição.

Já hoje (terça-feira, 13), o dia foi de linchamento moral e desconstrução da sua escolha para um papel transitório, de pré-governo.

Prevalece o Argumentum ad hominem (Argumento contra a pessoa) no Tribunal de Execução Sumária das Redes Sociais.

É, não vai ser fácil, “companheira” Fátima.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
terça-feira - 13/11/2018 - 22:46h
Getúlio Marques Ferreira

Ex-dirigente do IFRN será o nome da Educação do RN


O macauense Getúlio Marques Ferreira, 63, é nome praticamente certo para ser o próximo secretário de Estado da Educação do RN, gestão Fátima Bezerra (PT). Ex-dirigente do Instituto Federal do RN (IFRN), ele é uma referência na expansão dos IF’s e faz parte de sua equipe de transição.

Getúlio: nome em 2014 (Foto: Setec Publishing)

Getúlio é diplomado em Eletrotécnica pela antiga Escola Técnica Federal do RN (ETFRN), engenheiro eletricista e mestre em Administração pela Universidade Federal do RN (UFRN).

Chegou a ocupar cargo de Coordenador Geral de Supervisão e Gestão das Instituições Federais de Educação Tecnológica, no Ministério da Educação.

Governo Robinson

No final de 2014, Getúlio Marques era o nome da então senadora eleita Fátima Bezerra a Educação do Governo Robinson Faria (PSD), de quem o petismo era aliado. Mas o ungido foi o professor Francisco das Chagas Fernandes, que integrava o Ministério da Educação.

A tendência interna do deputado estadual Fernando Mineiro (PT) levou a melhor na queda de braço com a ala de Fátima.

Agora, quatro anos depois, Fátima terá sua vontade pessoal levada em conta.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Repet
segunda-feira - 12/11/2018 - 23:00h
COLUNA DO HERZOG

Olhar da governadora eleita precisa se voltar para o interior


Por Carlos Santos

Se tomarmos como mostra o que foi a campanha de Fátima Bezerra (PT), há motivos de sobra para que o interior do estado fique na expectativa de que esteja chegando ao poder uma governante não apenas para a Grande Natal, mas para o estado do RN como um todo.

Do ponto de vista eleitoral, o pleito foi resolvido pela pulverização de votos da candidata com maioria em 149 municípios no primeiro turno e 154 no segundo (veja todos os municípios AQUI). Natal impôs-lhe duas derrotas significativas em ambas etapas eleitorais.

Indústria cerâmica no Polo Industrial de Goianinha (Grande Natal) mostra distâncias entre os RN's (Foto: Rayane Mainara)

Parnamirim, também.

Em Mossoró, por exemplo, Fátima esteve poucas vezes no primeiro turno e apenas uma no segundo, mas mesmo assim venceu os dois.

O assunto pode parecer pueril, quando há uma massa de problemas em pauta à futura gestora, como a questão fiscal, o déficit previdenciário crescente, atrasos salariais, insegurança etc., mas tem uma razão de ser.

O RN em relação a vizinhos como Ceará, Pernambuco e Paraíba tem atraso de décadas numa política de interiorização do desenvolvimento. Isso amplia o êxodo para a área metropolitana e fragiliza mais ainda a economia da maioria dos 167 municípios do estado.

Boa parte vive com meio circulante exíguo, derivado de transferências constitucionais, bolsa família, ganhos de aposentados-pensionistas e economias pífias nos setores primário e terciário.

O Programa de Apoio ao Desenvolvimento Industrial (PROADI) desde que foi criado em 1984, alterado em 1997 e objeto de alguns ajustes em 2015, fomentou largamente a industrialização da Grande Natal. Logística (sistema multimodal) precária e a falta de atrativos diferenciados não estimularam a industrialização de regiões como Costa Branca, Oeste, Sertão Central, Seridó, Vale do Açu e outras.

Enfim, faltou-nos até o momento vontade política e visão de futuro. Não por acaso, que são identificados dois RN’s num mesmo mapa: o da Grande Natal (próspero) e aquele além da Reta Tabajara (raquítico economicamente). Nesse, distribuir pequenos “favores” e espalhar programas sociais de subsistência são iniciativas tratadas como “realizações”.

Nas urnas, houve uma rebelião contra essa política atrasada. O aviso também cabe a quem venceu. É bom que a professora Fátima fique ciente disso.

PRIMEIRA PÁGINA

Ezequiel Ferreira cumpre papel importante para Governo Fátima Bezerra - O atual presidente da Assembleia Legislativa do RN, Ezequiel Ferreira (PSDB), tem feito trabalho importante de bastidores para aplainar terreno ao diálogo entre futura governadora Fátima Bezerra (PT) e outros poderes e órgãos de Estado. A questão mais delicada em pauta é a necessidade de devolução de sobras orçamentárias.

Adriano Gadelha poderá não ocupar cargo, oficialmente, em governo – Nome de muita proximidade e confiança da governadora eleita Fátima Bezerra (PT), o servidor público federal Adriano Gadelha é sempre citado como provável secretário-chefe do Gabinete Civil. Mas é possível que isso não aconteça. Ele é servidor de carreira da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) e tende a ser um assessor particular sem cargo no elenco de secretários. O assunto ainda está em gestação, que se diga.

Gadelha: confiança (Foto: Web)

Ex-vereador tem decisão favorável em segundo grau – O ex-vereador em Mossoró Clayton Jadson Silva Rolim (Solidariedade), o “Soldado Jadson”, está exultante com recente vitória no âmbito do Tribunal de Justiça do RN (TJRN). A Terceira Câmara Cível do TJRN absolveu Jadson em processo movido em 2015 pelo major Correia Lima, então comandante do 12º Batalhão da Polícia Militar (12º BPM), com sede em Mossoró/RN. Na primeira instância ele tinha sido condenado, mas decisão foi reformada no TJRN.  Soldado Jadson, que hoje integra quadros da Polícia Civil, à época fez várias denúncias contra o comandante, em defesa de integrantes da Associação de Praças da Polícia Militar de Mossoró e Região (APRAM).

Penduricalho de legislativo deverá causar estragos à próxima gestão – O atual presidente da Câmara Municipal do Assu, João Wallace (PR), admite que a adoção do “auxílio-alimentação” em sua gestão, para beneficiar os 15 componentes do plenário desse poder, o desgastaram profundamente e mexeram com o equilíbrio financeiro da Casa. Seu sucessor – a ser eleito no próximo dia 20 (veja AQUI) – vai herdar dificuldades. O próprio Wallace confessou há poucos dias em entrevista à Princesa FM 90, que foi aconselhado pelo prefeito Gustavo Soares (PR) e outros nomes governistas à não adoção desse penduricalho. Lamentou não tê-los ouvido.

Deputado Souza é nome pensado para ser líder do novo governo – Reeleito este ano para segundo mandato consecutivo à Assembleia Legislativa, o deputado Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”, tende a ser o líder da bancada do governo Fátima Bezerra nesse poder. Sua experiência com um mandato de vereador, dois de vice e dois de prefeito em Areia Branca, além de uma legislatura na Casa é o principal argumento à escolha. Os dois deputados estaduais eleitos pelo petismo, vereadora de Mossoró (Isolda Dantas) e o ex-prefeito de Parelhas Francisco Medeiros, o “Francisco do PT”, vão ocupar outros papeis na configuração governista na AL.

Bernardo, Kleber e André: bancada (Fotos: Web)

Novatos formarão bancada à parte na Assembleia Legislativa – Os deputados estaduais eleitos e novatos médico Bernardo Amorim  (Avante), empresário Kléber Rodrigues (Avante) e Coronel-PM André Azevedo (PSL) vão formar uma bancada heterogênea na Assembleia Legislativa. Nessa terça-feira (13) eles fecham entendimento em Natal para essa composição, ensejando que tenham direito à presença no Colégio de Líderes desse poder. Os três vislumbram também participação em comissões técnicas e Mesa Diretora. O grupo poderá até receber reforço de mais deputados. “Vamos conversar ainda sobre como será nossa postura em relação ao governo que assumirá, que não pode ser de oposição por ser oposição, num momento crítico como esse do estado”, pondera Bernardo Amorim em conversa com o Blog.

Presidente do TJ não sinaliza com devolução de sobras ao governo - Em entrevista ao jornal Tribuna do Norte, o próximo presidente do Tribunal de Justiça do RN (TJRN), desembargador João Batista Rebouças, deu a entender que não devolverá ao Executivo as chamadas sobras orçamentárias. Disse que o Judiciário recebe apenas 6% do orçamento, que o órgão precisa de uma nova sede e que pouco provavelmente o Executivo repassaria suas sobras para esse poder, caso a situação fosse inversa. Sobre a venda das licenças-prêmios pelos magistrados, o futuro presidente disse que não vê nenhum problema, pois se trata de uma situação prevista em lei. (Do Blog da Chris).

Governadora não cogita demissões, mas hipótese existe – Por discurso de campanha, por convicções ideológicas, a governadora eleita Fátima Bezerra (PT) não cogita promover demissões no quadro de pessoal do estado. Mas há quem defenda um bota-fora de pelo menos 6 mil pessoas para começar a aliviar folha e torná-la pagável. Um total de 13 mil, na verdade, seria o ideal.

EM PAUTA

il’ Giardino Della Pizza – O repórter social Sérgio Chaves divulga o êxito instantâneo do restaurante il’ Giardino Della Pizza, localizado em Mossoró, ao lado do Teatro Municipal Dix-huit Rosado. É parte do complexo gastronômico do casal Giullio Anzelotti-Érika Lopes que há quase 12 anos já ostentam uma das melhores cozinhas do estado, em endereço ao lado, com a marca La Goccia Blu.

Lançamento – Será nessa terça-feira (13 de novembro), às 18h30, na sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Natal, na Rua Barão de Serra Branca, Candelária, o lançamento do primeiro livro do advogado Cyrus Benavides – Postagens da Vida. O autor, que é mossoroense, depois ele fará noite de autógrafos em Mossoró, em data ainda a ser definida.

Grafith – A Banda Grafith vai comemorar seus 30 anos de estrada no próximo sábado (17), a partir das 22 horas, no Arena das Dunas em Natal. O grupo natalense criado em 1988 terá outras atrações no palco como convidadas desse evento (veja AQUI) mais detalhes.

Grafith: 30 anos

Programa de TV - Mais um programa estreia na grade de programação da TV Terra do Sal (173 sistema Cabo Brisanet, Canal 14 aberto em Mossoró e 2 em Pau dos Ferros). A partir desta semana, a jornalista Nathália Rebouças apresenta sempre às 18h15 de segunda à sexta-feira, o “TS News”, espécie de revista televisiva diária com material diversificado. A apresentadora mantém-se paralelamente como secretária adjunta de Comunicação Social da Prefeitura de Mossoró.

Rádio – A radiofonia em Pau dos Ferros terá novidades nos próximos dias. Conversas avançadas encaminham investimento para uma boa chacoalhada no setor. Sucesso.

Lúcio Ney – O professor, advogado e ex-vice-reitor da Universidade do Estado do RN Lúcio Ney vai lançar no próximo dia 22, às 19h30, no auditório do Fórum Municipal Silveira Martins, o seu livro “Tribunal do Júri”. O trabalho exuma a história e trata de vários aspectos desse órgão do poder judiciário que tem a competência para julgar os crimes dolosos, ou intencionais, contra a vida.

SÓ PRA CONTRARIAR

Apesar das diferenças ideológicas extremadas, numa coisa Jair Bolsonaro (PSL) e Fátima Bezerra (PT) combinam: na extrema inexperiência como gestores. Estrearão como tal.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Gostei e recomendo Meu Quintal Bistrô em Mossoró, Avenida Rio Branco, 1810, Centro – Ao lado do Teatro Municipal Dix -huit Rosado. Ótimos ambiente e cardápio.

Obrigado à leitura do Nosso Blog Ricardo Lopes (Mossoró),  Raimundo Colaça (Natal) e  Júlio Liberato (Recife).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (05/11) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
segunda-feira - 12/11/2018 - 22:36h
Ivênio Hermes

Fátima escolhe mais um nome para equipe de transição


Ivênio Hermes, coordenador do Observatório da Violência do RN (OBVIO), é o mais novo integrante da equipe de transição da governadora Fátima Bezerra (PT).

Ela apresentou grupo com 20 integrantes (veja AQUI), mas tinha esquecido, digamos, de colocar alguém especialista em área nevrálgica como da Segurança Pública.

Lembrou a tempo.

O Obvio é um grupo de pesquisa que estuda os crimes letais no RN.

Nota do Blog – Falta um especialista em Previdência Pública nesse mesmo grupo de trabalho.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política / Segurança Pública/Polícia
  • Repet
segunda-feira - 12/11/2018 - 15:22h
RN

Adepol tem lista para indicação ao comando da Polícia Civil


Será publicada hoje a lista final dos candidatos ao cargo de delegado-geral de Polícia Civil do RN (DEGEPOL), a fim de constituir a lista tríplice que será entregue pela Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN (ADEPOL/RN) à governadora eleita Fátima Bezerra (PT), como sugestão.

O edital foi publicado no último dia 6, abrangendo o nome de todos os delegados da classe especial do estado, que tiveram um prazo de cinco dias para pedir exclusão dos seus nomes da lista. Foram 22 delegados que manifestaram o desejo expresso de não concorrer ao pleito.

Não houve pedidos de inclusão de novos nomes.

Agora permanecem na disputa 33 delegados da classe especial que a partir de agora, poderão submeter suas propostas e projetos ao Colegiado de Delegados de Polícia Civil, a quem caberá escolher os três mais qualificados a assumir a chefia da instituição policial.

A votação acontece no próximo dia 21 e os nomes dos três primeiros colocados serão apresentados à governadora eleita Fátima Bezerra. Importante lembrar que, por lei, a governadora não precisa obrigatoriamente seguir os nomes sugeridos, mas a lista foi criada pela Adepol exatamente com o objetivo de sugerir delegados com qualificação técnica e capacidade de  liderança e gestão.

O intuito é contribuir para um novo modelo de polícia, baseado em meritocracia e profissionalismo.

A seguir, os nomes dos delegados que estão concorrendo ao cargo de delegado-geral:

Adriana Shirley de Freitas Caldas, Alexandre Coutinho de Moura Guedes, Alzira Veiga de Medeiros, Ana Claudia Saraiva Gomes, Antonio Caetano Baumann de Azevedo, Ben-Hur Cirino de Medeiros, Carlos Alberto de Queiroz, Cristiane Magalhães Ribeiro, Elias Nobre de Almeida Neto, Frank José Albuquerque Silva, Fábio Fernandes de Souza, Ilzeny Maria de Morais, Johnson Kriecer do Vale Peixoto, Jorge Augusto Lobo do Nascimento, Jose Antonio da Silva Junior, João Bosco Vasconcelos de Almeida, Julio Antonio Rocha, Julio Cesar Barbosa da Costa, Luiz Gonzaga de Pontes Lucena, Marcus Dayan Pereira Teixeira de Vasconcelos, Marcus Venicius Cordeiro de Arruda, Matias Laurentino dos Santos Filho, Natanion de Freitas, Odilon Teodósio dos Santos Filho, Olegário César de Mendoza Júnior, Osmir de Oliveira, Pedro Paulo Falcão, Raimundo Rolim de Albuquerque Filho, Renata Lúcia Cunha de Carvalho Sudário Prado, Renato da Silva Oliveira, Stenio Pimentel França Santos, Vanderley Alves Pereira, Vicente Gomes da Costa Filho.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Segurança Pública/Polícia
segunda-feira - 12/11/2018 - 07:56h
Esta semana

“Lula pelo Brasil” terá livro lançado em Assu e Mossoró


O médico e ex-candidato ao Senado este ano pela Coligação Do Lado Certo, Alexandre Motta (PT), lançará o livro “Caravana da esperança – Lula pelo Brasil.” É uma visão sobre pré-campanha que o ex-presidente Lula da Silva (PT) fez percorrendo o país, antes de ser preso.

Em Assu e Mossoró ocorre esta semana, respectivamente terça-feira (13) e quarta-feira (14). Em breve, uma data, horário e local serão previamente anunciados em relação a Pau dos Ferros.

Em Assu, a noite de autógrafos acontecerá no Cine-teatro Pedro Amorim, às 19h30, mesmo horário para Mossoró no Memorial da Resistência.

O prefácio é do próprio ex-presidente Lula e conta com textos de nomes nacionais da política como a Senadora Gleisi Hoffmann,  presidente do PT, além de Paulo Pimenta, Deputado Federal pelo PT-RS. Ao todo são 45 autores. Aqui no estado são três co-autores: a senadora e governadora eleita Fátima Bezerra (PT), Alexandre Motta Câmara e o padre Francisco Guimarães de Mossoró.

O livro tem um total de 252 páginas, com 120 páginas de fotografias coloridas, divididas por estados e 132 páginas com 24 de textos iniciais e mais 45 crônicas de autores do Brasil inteiro.

Custa R$ 60,00 e pode ser reservado diretamente com o autor através do telefone/WhatsApp (84) 9 8155-1187, ou diretamente nos lançamentos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sexta-feira - 09/11/2018 - 16:38h
Segurança Pública

Fátima ouve oficiais da PM e do Corpo de Bombeiros


A governadora eleita Fátima Bezerra (PT) e reuniu nesta sexta-feira (9) com o staff da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado para um primeiro diálogo sobre os rumos da Segurança Pública no futuro Governo.

Ela esteve acompanhada, na ocasião, da promotora de Justiça aposentada Arméli Brennand, que coordena os trabalhos da área na equipe de transição.

Reunião desta sexta-feira com oficiais é mais uma etapa de encontros antes da posse (Foto: assessoria)

Ao reafirmar que a Segurança Pública será uma das prioridades do seu governo, Fátima agradeceu a disposição das forças policiais do estado para colaborar nas ações de combate à violência que assola o Rio Grande do Norte.

Sugestões

Ela solicitou aos comandantes da PM e Corpo de Bombeiros, coronéis Osmar Oliveira e Josenildo Acioli, que formalizem grupos de acompanhamento e de sugestões para dialogarem diretamente com a transição do futuro governo.

Dia passado, a governadora eleita esteve reunida com o Fórum Estadual de Servidores. Reunião também para coleta de informações, sugestões e abertura de diálogo. Saques no Fundo Previdenciário (FUNFIR) e atrasos salariais são as principiais apreensões.

Com informações da Assessoria de Fátima Bezerra

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quinta-feira - 08/11/2018 - 23:38h
Governo Fátima Bezerra

Grupo de apoio reforça trabalho de equipe de transição


Além de 20 integrantes formalmente nomeados como integrantes da “equipe de transição” (veja AQUI), a governadora eleita Fátima Bezerra (PT) começa a ter um grupo de trabalho setorial e suplementar desse.

O interessante nesse suporte, é que seus membros são pessoas voluntárias e sem qualquer remuneração privada ou pública.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quinta-feira - 08/11/2018 - 12:56h
Governo Fátima Bezerra

Três nomes estão cotados para Secretaria da Saúde do Estado


Três nomes aparecem cotados para o cargo de titular da Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP) no futuro governo da senadora Fátima Bezerra (PT), eleita dia 28 passado.

Alexandre Motta, Cipriano Vasconcelos e Ricardo Lagreca são nomes cotados (Fotos: arquivo)

Os três são médicos:

Cipriano Maia de Vasconcelos (PT), ex-secretário da Saúde da Prefeitura Municipal do Natal por indicação de Fátima, na gestão Carlos Eduardo Alves (PDT). Ele compõe a equipe de transição da governadora eleita;

Alexandre Motta (PT0, ex-candidato ao Senado este ano na Coligação Do Lado Certo;

Ricardo Lagreca, ex-titular da Sesap no governo Robinson Faria (PSD), nome indicado por Fátima Bezerra.

Para qualquer ungido, uma garantia: a pasta será de “porteira fechada”, para não ter qualquer influência político-partidária na composição de equipe.

Aguardemos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política / Saúde
quarta-feira - 07/11/2018 - 23:25h
Senado

Apenas Fátima Bezerra vota contra aumento para STF/PGR


Garibaldi, Agripino e Fátima: votos (Foto: arquivo)

Do Blog Diário Político

O Plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (07/11) o projeto (PLC 27/2016) que aumenta o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e Procuradoria Geral da República (PGR) – veja AQUI. A proposta eleva os subsídios mensais dos ministros em 16,38% — dos atuais R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil. Foram 41 votos a favor e 16 contrários, além de uma abstenção.

Texto segue para sanção do Presidente Michel Temer.

Os senadores do Potiguares Garibaldi Alves Filho (MDB) e José Agripino Maia (DEM) votaram a favor do aumento.

A senadora Fátima Bezerra (PT) foi a exceção da bancada do RN e votou contrária ao aumento.

Garibaldi e Agripino não tiveram sucesso nas eleições deste ano e Fátima foi eleita Governadora. Próximo ano a bancada potiguar do Senado será 100% renovada.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Repet
quarta-feira - 07/11/2018 - 11:40h
Rompimento

Fábio Faria evita Ivan Júnior e o trata por “individualista”


Fábio e Ivan em Assu: passado (Foto: Web)

“Eu não tenho mais relação política com Ivan”. A assertiva é do deputado federal reeleito Fábio Faria (PSD), em relação ao ex-candidato a deputado estadual e ex-prefeito do Assu Ivan Júnior (PSD).

Entrevistado pelo programa Panorama do Vale da Rádio Princesa FM 90 do Assu nessa terça-feira (6), Faria comentou sua decepção com o comportamento político de Ivan Júnior, que foi secretário de Recursos Hídricos do RN. “Ele é muito individualista”, asseverou.

Contactado pelo radialista e blogueiro Jarbas Rocha para fazer sua réplica, Ivan Júnior estacou. Preferiu não se pronunciar. Adotou o silêncio.

Segundo comentou à emissora o deputado federal, Ivan Júnior estaria se mexendo para buscar acomodação num cargo, graças ao apoio que emprestou à candidata vitoriosa ao governo no segundo turno, senadora Fátima Bezerra (PT).

Veja AQUI a entrevista de Fábio Faria.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 06/11/2018 - 23:30h
Transição

Robinson garante à Fátima o que Rosalba lhe prometera


Fátima e Robinson: lembrança de 2014 (Foto: Assecom/RN)

“O novo governo terá todas as condições de iniciar dando continuidade às obras e ações em curso, diferente de quando assumi em 2015”. O comentário foi feito à tarde desta terça-feira (6) na Governadoria, pelo governador Robinson Faria (PSD).

Ele recebeu a governadora eleita Fátima Bezerra (PT) e sua equipe de transição (veja AQUI), com promessa de plena abertura do governo para a sucessora.

Há pouco mais de quatro anos (3 de novembro de 2014), quando começava a transição para começar a atual administração, Robinson ouviu algo parecido da então governadora Rosalba Ciarlini (DEM, hoje no PP):

- Uma das certezas que nós temos é que passaremos o governo melhor do que encontramos – assegurou Rosalba.

O resto você já sabe.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Repet
terça-feira - 06/11/2018 - 21:08h
Crispiniano Neto

Ex-diretor da José Augusto acompanha Fátima Bezerra


Crispiniano: FJA (Foto: Carlos Costa)

Ex-dirigente da Fundação José Augusto (FJA), o escritor e poeta Crispiniano Neto (PT) circulou hoje pelo Centro Administrativo em Natal.

Estava em meio a diversos militantes partidários que acompanharam a chegada à Governadoria da governadora eleita Fátima Bezerra (PT), para reunião sobre transição de governo (veja AQUI).

Ele foi diretor da FJA no governo Wilma de Faria (PSB) – 2007 a 2010 – e no início da administração Robinson Faria (PSD).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 06/11/2018 - 16:18h
Em Natal

Começa processo de transição com reunião na Governadoria


Tem início o processo de transição do Governo do RN.

“Apresento os nomes da nossa equipe e quero dizer q me sinto honrada em contar com a colaboração de profissionais qualificados e comprometidos. E quero agradecer ao governador pelo espírito público nesse momento em nome do RN”, avisa através das redes sociais a senadora e governadora eleita Fátima Bezerra (PT).

Robinson recebeu Fátima Bezerra e sua equipe para conversa preliminar sobre transição (Foto: cedida)

Ela e os membros de sua equipe de transição (veja composição clicando AQUI) estão reunidos agora com o governador Robinson Faria (PSD) e seus auxiliares na Governadoria, no Centro Administrativo em Natal.

Tratam dos primeiros passos burocráticos para atuação desse grupo de trabalho, de modo que antes de tomar posse no dia 1º de janeiro de 2019, a  governadora eleita tenha pleno conhecimento de todo quadro financeiro-administrativo do estado.

Assembleia Legislativa

Pela manhã, a governadora eleita esteve na Assembleia Legislativa. “Não abrirei mão do perfil técnico da equipe, porém não desprovido de sensibilidade social”, disse ela no encontro com deputados, imprensa e assessores.

Na companhia do vice-governador eleito Antenor Roberto (PCdoB) e outros aliados, ela destacou que estará aberta ao diálogo, por entender que será o único caminho para tirar o estado da crise.

Fátima e sua comitiva foram recebidos pelo presidente Ezequiel Ferreira e outros deputados (Foto: cedida)

Foi recebida pelo presidente da Casa, deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB), além de outros parlamentares.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Repet
segunda-feira - 05/11/2018 - 17:39h
Governo

Fátima entrega lista com 20 nomes para fazer transição


A governadora eleita do Rio Grande do Norte, senadora Fátima Bezerra (PT), definiu nesta segunda-feira (5) os nomes dos que comporão a equipe de transição do novo Governo. A lista completa foi encaminhada à chefia do Executivo estadual, atendendo ao decreto n. 28.443 de 29 de outubro de 2018 (veja AQUI), a ser publicado no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (6).

Senadora e governadora eleita comanda a própria equipe de transição (Foto: arquivo)

Na lista, aparecem alguns políticos como a própria governadora eleita, o vice-governador eleito Antenor Roberto (PCdoB), Jean-Paul Prates (PT), que é o suplente de senador da própria Fátima Bezerra, bem como o deputado estadual e deputado federal eleito Fernando Mineiro (PT).

Veja a lista com 20 nomes:

  1. Maria de Fátima Bezerra, senadora da República e governadora eleita, Coordenadora dos Trabalhos desta Comissão;
  1. Antenor Roberto Soares de Medeiros, procurador do Estado e vice-governador eleito;
  1. Raimundo Alves Junior, economista, assessor parlamentar do Senado;
  1. Jean-Paul Terra Prates, suplente de senador, ex-Secretário de Estado de Energia do Rio Grande do Norte, Mestre em Planejamento Energético e Gestão Ambiental;
  1. Fernando Wanderley Vargas da Silva, professor e deputado estadual;
  1. Arméli Marques Brennand, Promotora de Justiça aposentada;
  1. Roberto Sérgio Ribeiro Linhares, ex-superintendente Regional da Caixa, Advogado, Especialista em Finanças e Mercado Financeiro;
  1. Simone Gameleira Cabral, Secretária executiva, Coordenadora de Projetos Estratégicos da Câmara Municipal do Natal;
  1. Alexandre de Oliveira Lima, Eng. Agrônomo e Professor Adjunto do Departamento de Gestão Ambiental da UERN;
  1. Maria da Conceição Dantas de Moura, Doutora em Sociologia pela UFRN, Consultora do FIDA em Gênero, Etnia, Geração, Comunidades Tradicionais;
  1. José Aldemir Freire, economista, ex-chefe da Unidade Estadual do IBGE no Rio Grande do Norte entre setembro de 2009 e fevereiro de 2018.
  1. Érica Verícia Canuto de Oliveira Veras, Promotora de Justiça/RN, Professora da UFRN e Doutora em Ciências Sociais;
  1. Getúlio Marques Ferreira, Professor, Engenheiro, Especialista em Engenharia de Sistemas, Mestre em Engenharia da Produção;
  1. Luciana Targino de Almeida Cardoso, Coordenadora da Assessoria de Planejamento desta Casa Legislativa;
  1. Carlos Eduardo Xavier, Engenheiro da Computação, Mestre em Ciências de Engenharia de Produção pela UFRN e Auditor Fiscal do Tesouro Estadual;
  1. Sandra Lúcia Barbosa Cavalcanti, Economista, chefe de Unidade da Fiern;
  1. Octávio Santiago Neto, Jornalista, especialista em Gestão Pública e em Gestão de Projetos e Políticas Públicas e servidor de carreira da Assembléia Legislativa;
  1. Henderson Magalhães Abreu, Engenheiro agrônomo, ex-assessor parlamentar;
  1. Francisco Canindé de França, Professor da rede estadual de ensino;
  1. Cipriano Maia de Vasconcelos, Professor associado do Departamento de Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Coordenador do Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva – UFRN

“Formamos uma equipe que atende a um perfil técnico, de seriedade profissional e de sensibilidade social. E quero, em nome do povo do RN,  agradecer a disponibilidade de todas essas pessoas de trazerem a contribuição para tornar o Rio Grande do Norte um estado melhor de se viver”, declarou a governadora eleita.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
segunda-feira - 05/11/2018 - 10:18h
Governo

Fátima Bezerra antecipa nomes de equipe de transição


Prates fará parte de equipe (Foto: Web)

Do Blog Saulo Vale

A governadora eleita Fátima Bezerra (PT) repercutiu nesta segunda-feira (5) em suas redes sociais a entrevista na 96 FM de Natal, ao jornalista Diógenes Dantas, em que promete divulgar hoje à tarde os demais nomes da equipe de transição de governo.

Mas adiantou que já estão certos os nomes do vice-governador eleito Antenor Roberto (PCdoB), do futuro senador Jean-Paul Prates (PT), que vai assumir a vaga de Fátima no Senado, e do economista Raimundo Alves Júnior.

“A transição será coordenada pela própria governadora sob o auxílio direto do vice-governador eleito Antenor Roberto; do economista e futuro senador Jean-Paul Prates; e do economista e assessor parlamentar Raimundo Alves Júnior.

À tarde, serão divulgados os nomes dos demais membros da equipe”, anunciou.

Leia também: Governo Robinson prepara transição para Governo Fátima Bezerra;

Leia também: Governo publica decreto que formaliza processo de transição.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quinta-feira - 01/11/2018 - 17:28h
Apoio ou não

Ezequiel pode ajudar na devolução de sobras orçamentárias

Presidente da AL freou proposta que ajudaria governo Robinson Faria a atualizar folha de pessoal

Disposta a buscar uma via negociada com poderes e órgãos de estado que recebem duodécimo, para devolução de sobras orçamentárias, a governadora eleita Fátima Bezerra (PT) pode ter importante colaboração nessa tarefa: o atual presidente da Assembleia Legislativa e seu aliado de última hora, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

Basta convencê-lo a colaborar, mudando de posição. Ele liderou movimento na AL em julho deste ano, que derrubou proposta nesse sentido (veja AQUI).

No dia 19 de outubro, final do segundo turno, Ezequiel garantiu apoio seu e do seu grupo à Fátima (Foto: divulgação)

Na atual legislatura, o governador Robinson Faria (PSD) tentou assegurar dispositivo para retorno de sobras ao erário, mas coube ao próprio presidente Ezequiel Ferreira – seu aliado – frear a proposição inserida na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2019. Em seu anunciado, o dispositivo garantia a devolução das sobras orçamentárias da Assembleia Legislativa e Tribunal de Justiça do RN ao Executivo.

Segundo levantamento feito pelo deputado estadual Fernando Mineiro (PT), eleito à Câmara Federal, “sobras orçamentárias pelos poderes e órgãos públicos é uma autêntica jabuticaba potiguar, pois só existe aqui e já foi considerada ilegal pela Secretaria do Tesouro Nacional. Nos outros Estados, o que sobra é devolvido ao Tesouro, para que o Executivo pague salários e fornecedores e aplique na prestação de serviços à população”.

Sobras questionados na AL e no TCU

O mesmo parlamentar mostrou em meio aos debates que antecederam a derrubada da proposta na AL, no dia 17 de julho deste ano, que somente em 2016, as sobras (ou o superávit orçamentário) da Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas do Estado (TCE), Procuradoria Geral de Justiça (Ministério Público do RN-MPRN) e Defensoria Pública somaram R$ 407,6 milhões, “suficientes para para pagar uma folha mensal do funcionalismo em valores de hoje”.

Em sessão do Tribunal de Contas da União (TCU) no dia 12 de dezembro de 2017, os ministros aprovaram matéria que tratava de socorro especial de  700 milhões de reais do Governo Federal ao Rio Grande, mas que terminou não vingando. Porém em uma intervenção, o ministro Benjamin Zymler levantou a questão das sobras do Tribunal de Justiça do RN (TJRN). 

Para Zymler, apesar da pretendida ajuda federal, o TJRN teria 571 milhões que deveriam retornar ao Executivo, pois seriam sobras orçamentárias. Elas permitiriam pagamento dos servidores em atraso (veja AQUI), disse.

Presidente do TJRN em 2016, o desembargador Cláudio Santos tentou viabilizar um empréstimo de R$ 100 milhões das reservas desse poder ao Governo do Estado. Mas a Associação dos Magistrados do RN (AMARN) acabou se contrapondo, conseguindo impedimento com uma liminar em novembro de 2016 e depois no pleno do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), dia 7 de fevereiro de 2017.

Despesas bem maiores do que receitas

Recursos seriam para pagar diárias da Polícia Militar, cirurgias e outras despesas dos hospitais públicos do Rio Grande do Norte.

No período de 2010 a 2018, o Orçamento Geral do Estado (OGE) cresceu na ordem de 53%. Enquanto isso, o orçamento dos poderes e órgãos chegaram a 110%. Enfim, é claro que as contas não batem e continuarão sem bater diante de tamanha disparidade.

Segundo o Portal da Transparência, em 2017 o fluxo de recursos do Poder Executivo para quem recebe duodécimo aconteceu assim: Poder Judiciário (R$ 608.804.951,55), Poder Legislativo (R$ 273.565.170,10), Ministério Público (R$ 254.886.589,04), Tribunal de Contas (R$ 60.348.211,39) e Defensoria Pública (R$ 20.726.641,22), num total de R$. 1.218.331.563,30, o equivalente a mais de 10% do orçamento (veja AQUI).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quarta-feira - 31/10/2018 - 18:14h
Brasília

Bancada define prioridades para emendas orçamentárias


Pedro, senadora Fátima Bezerra, Fátima Raquel e deputada federal Zenaide Maia em Brasília (Foto: divulgação)

A bancada federal do RN (deputados federais e senadores) estiveram reunidos nesta quarta-feira (31) em Brasília. A reunião foi para definir as emendas coletivas que irão apresentar ao Orçamento Geral da União-2019, que terá nova legislatura (eleita este ano).

As seis emendas coletivas definidas são estas, com respectivos valores:

- Universidade do Estado do RN (UERN) – R$ 20 milhões;

- Saúde Pública – R$ 30 milhões;

- Segurança Pública – R$ 40 milhões;

- Barragem de Oiticica – R$ 50 milhões;

- Ramal do Apodi da Transposição – R$ 5 milhões;

- Terminal Turístico da Redinha (Natal) – R$ 24,6 milhões.

As emendas individuais (cada parlamentar apresenta) poderão ser definidas até o dia 8 de novembro.

Em Brasília, trabalho significativo tem sido empreendido pelo reitor e vice da Uern, professores Pedro Fernandes Neto e Fátima Raquel, na busca de recursos para a instituição. Fizeram contatos diretos com os parlamentares nos últimos dias, assegurando soma orçamentária importante.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Repet
terça-feira - 30/10/2018 - 18:00h
Veremos

Fátima Bezerra já superou a tarefa mais fácil que tinha


Fátima: é, não será fácil (Foto: autoria não identificada)

A tarefa mais fácil que a vencedora das eleições ao Governo do RN – Fátima Bezerra (PT) -, tinha pela frente, foi obtida no último domingo (28).

Venceu a disputa eleitoral de “lavagem”.

Tarefa maior vem depois.

Precisará gerir uma máquina pública insolvente.

Terá que lidar com castas funcionais em poderes/órgãos estatais que não admitem perda de privilégios, pagar folha em dia, arranjar recursos para custeio e ainda conseguir uns trocados para investimentos.

Veremos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política / Só Pra Contrariar
terça-feira - 30/10/2018 - 17:47h
Robinson Faria

Governador precisa quitar cinco folhas antes de sair


Do Blog Saulo Vale

Se quiser transmitir o cargo para a governadora eleita Fátima Bezerra (PT) com a folha salarial dos servidores em dia, o governador Robinson Faria (PSD) terá que se virar para quitar cinco folhas salariais mensais nos quase dois meses que lhes restam de gestão.

Ainda está em aberto o 13º salário de 2017 para quem recebe acima de R$ 5 mil. Somando-se a isso, o governo tem no colo, até o final da atual gestão, as folhas salariais dos meses de outubro, novembro, dezembro e o 13º salário de 2018.

Até o momento, não há previsão para o pagamento do restante do 13º de 2017, nem para os salários de outubro.

A folha mensal do funcionalismo estadual gira entorno de R$ 480 milhões.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.