• Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18 - Topo
sábado - 18/08/2018 - 12:22h
Eleições 2010

Rosalba e Robinson mostram história de vitória no 1º turno

Atual prefeita de Mossoró e governador venceram juntos campanha sem que fosse preciso o 2º turno

Em postagem anterior, mais abaixo, sob o título Fátima Bezerra tem intenções de voto para ganhar no 1º turno, o Blog Carlos Santos registrou uma hipótese bem viável de ocorrer neste ano eleitoral, no Rio Grande do Norte: a candidata petista Fátima Bezerra ganhar o governo num único turno.

Propaganda em 2010 mostrava chapa "Pra fazer acontecer" com Rosalba e Robinson (Foto: Arquivo do Blog)

De fato, o segundo turno pode não ocorrer.

A última vez que houve esse tipo de registro político-eleitoral foi em 2010, com a vitória da então senadora Rosalba Ciarlini (DEM, agora no PP), atual prefeita de Mossoró pela quarta vez. Teve como vice o hoje governador Robinson Faria (PMN, no momento no PSD).

Deixaram para trás vários adversários, principalmente o então governador Iberê Ferreira (PSB). O seu vice foi Vagner Araújo (PSB), atual secretário de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social do RN (SETHAS).

Governo do Estado

Rosalba Ciarlini (DEM) – 813.813 (52,46%)
Iberê Ferreira (PSB) – 562.256 (36,25%)
Carlos Eduardo (PDT) – 160.828 (10,37%)
Sandro Pimentel (PSOL) – 10.520 (0,68%)
Camarada Leto (PCB) – 2.078 (0,13%)
Bartô Moreira (PRTB) – 1.746 (0,11%)
Eleitorado apto – 2.245.153
Votos válidos – 1.551.241 (82,61%)
Abstenção – 367.434 (16.37%)
Nulo – 222.462 (11,85%)
Branco – 103.978 (5,54%)

* A maioria de Rosalba sobre Iberê foi de 251.557 votos, ou seja, 16,21%. Os candidatos Roberto Ronconi (PTC) e Simone Dutra (PRTU) não tiveram registro oficial de votos.

Importante ainda observar que àquele ano, o número de votos perdidos com abstenções (o não-comparecimento do eleitor), nulo e branco chegou a 693.874 (33.76%).

Rosalba Ciarlini empalmou 813.813 (52,46%). Portanto, 119.939 votos a mais do que a soma de abstenções, nulo e branco.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 17/08/2018 - 21:44h
Pesquisa Inter TV Cabugi/Ibope

Fátima põe 19% sobre Carlos e 26% à frente de Robinson

Governador é campeoníssimo em rejeição com 59%, enquanto que senadora petista tem apenas 14%

Do G1 RN

A pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira (17) aponta comportamento do eleitor potiguar quanto à campanha eleitoral deste ano no estado.

Veja abaixo o resultado para o governo estadual, em que a senadora Fátima Bezerra (PT) impõe maioria de 19% sobre o ex-prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT) na Estimulada e 11% na Espontânea.

Em relação a Robinson Faria (PSD), a dianteira é ainda mais expressiva, sendo 26% na Estimulada e 15% na Espontânea.

Quanto à Rejeição, o campeoníssimo é o governador Robinson Faria, com 59%, contra 17% de Carlos Eduardo Alves e 14% de Fátima Bezerra:

Estimulada

Espontânea

Rejeição

A pesquisa foi encomendada pela Inter TV. É o primeiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral. Registro no TRE: RN-05553/2018 e Registro no TSE: BR‐03466/2018.

Margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Foram ouvidos 812 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais.  O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro. Zero por cento significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado.

* Veja em seguida a pesquisa para o Senado. Também apresentaremos posteriormente um material analítico.

Aguarde.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sexta-feira - 17/08/2018 - 18:20h
Fiern

Fórum Caminhos do RN vai receber candidatos ao governo


O Sistema FIERN (Federação das Indústrias do Estado do RN) vai realizar de 20 a 22 (segunda, terça e quarta-feira próximas), na Casa da Indústria (Natal), o Fórum Caminhos do RN. É um evento no qual os candidatos ao Governo do Estado poderão apresentar suas ideias e planos de governo.

O evento segue a mesma metodologia do Fórum Caminhos do Brasil, que recebeu os candidatos à presidência da República.

No dia 20 participarão os candidatos Fátima Bezerra (PT) e Breno Queiroga (Solidariedade), respectivamente às 10 e 15h.

No dia 21 será a vez de Robinson Faria (PSD), Dário Barbosa (PSTU), e Carlos Alberto (PSOL), respectivamente às 8, 10 e 15h.

Ideias e propostas

E por último (22), o Fórum recebe os candidatos Freitas Júnior (Rede Sustentabilidade) e Carlos Eduardo (PDT), respectivamente às 10 e 15h.

Os candidatos ao governo poderão, assim como os presidenciáveis, apresentar suas ideias e propostas para os industriais convidados e para todos os participantes inscritos no Fórum que já está com as inscrições abertas pelo telefone (84) 3204-6273.

Nota do Blog – O candidato Heró Bezerra (PRTB) não consta da agenda da Fiern.

O Blog Carlos Santos pediu informações sobre a sua não inclusão, de forma similar aos outros sete concorrentes. Foi informado, que em função de não ter pontuação em pesquisas promovidas pela entidade, ele não foi convidado. Além disso, outras questões foram vistas no momento de definição do calendário de eventos com os demais candidatos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 17/08/2018 - 16:30h
Debate

Robinson diz que vai “arrancar a máscara” de Fátima Bezerra


Já à madrugada desta sexta-feira (17), ao fechar sua participação no debate entre os candidatos ao Governo do RN, promovido pela TV Band Natal, o governador Robinson Faria (PSD) foi cortante em sua palavras à senadora adversária e ex-aliada Fátima Bezerra (PT). Fitou-a e falou em tom ameaçador.

“Eu vou arrancar a sua máscara e mostrar a verdade”, bramiu.

Segundo Robinson Faria, a senadora, ex-aliada e agora concorrente, é "despreparada e arrogante" (Foto: Rayane Mainara)

Classificou-a ainda como “despreparada, arrogante e que quer ser dona da verdade”.

Na mesma fala, gracejou com as tentativas frustradas da senadora vencer um pleito majoritário: “Já teve três derrotas antes, mas encontrou a vitória quando estava ao meu lado (2014)”.

Candidato à reeleição, Robinson Faria resgatou bastidores da pré-campanha estadual passada, “quando a senhora queria ser senadora de Henrique Alves (então deputado federal, que concorreu ao Governo do Estado)”.

A senadora esgrimou com Robinson em alguns momentos do debate, com várias trocas de farpas, mas o tempo escapuliu dela para outra altercação.

Nota do Blog – Os bastidores sobre a campanha de 2014 realmente ensejaram possibilidade de Fátima e Henrique Alves fazerem dobradinha ao Governo e Senado. Àquele momento e contexto, não seria uma composição esdrúxula em face de afinidades político-partidárias no plano nacional.

Hoje, tudo parece absurdo. É por isso que a expressão “a política é dinâmica” encerra tanta verdade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sexta-feira - 17/08/2018 - 10:32h
Tragédia anunciada

Debate entre candidatos mostra que RN entrou num “oito”


Aplausos para a TV Band Natal pela iniciativa de promover um debate entre os oito candidatos ao Governo do RN, à noite de ontem (quinta-feira, 16). Pena que quase nada possa se depurar do conteúdo.

Regras claras e simples marcaram o programa. O mediador, jornalista Diógenes Dantas, cumpriu seu papel sem afetação e com equilíbrio.

Foi de bom conteúdo a intervenção (gravada) de jornalistas da casa e convidados, na sabatina dos debatedores.

Fátima Bezerra, Carlos Eduardo, Freitas Jr., Robinson Faria, Carlos Alberto, Breno Queiroga, Dário Barbosa e Heró Bezerra: "8"

Mas com tantos candidatos em cena, seria quase impossível melhor ritmo e aproveitamento do programa. Em cerca de três horas de lero-lero, ficou difícil sentir segurança em qualquer um dos concorrentes.

Uma pergunta que não encontro resposta: “Como fazer?” Os problemas, todos conhecem. “Como fazer?”

Apesar de abrir espaço para que cada um apresentasse suas propostas aos norte-rio-grandenses, a Band Natal não conseguiu o feito de extrair respostas claras e convincentes dos debatedores.

Quem viu o programa, sem cochilar, deve ter dormido ainda mais atormentado.

A prioridade da maioria foi tentar produzir embaraços aos principais contendores, o que é compreensível sob a ótica do marketing eleitoral. Faz parte do jogo político de campanha.

Contudo nenhum dos candidatos tem, de fato, proposta consistente e factível para os principais e mais graves problemas do estado. Finanças, Saúde e Segurança, principalmente, estão em situação de penúria e não há mágica para superação desse quadro sem remédios amargos e efeitos de médio e longo prazos.

“Como fazer?” Eles não têm a resposta.

Não existe milagre, que se diga.

Caminhamos para mais uma tragédia administrativa com efeitos sociais colossais.

Infelizmente, o RN entrou num “oito” há tempos e está difícil sair dele. Os oitos candidatos provam que não minto ou exagero.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog / Política
quarta-feira - 15/08/2018 - 16:20h
Pelos céus

Candidato Robinson passa a usar avião do seu vice Tião


Bernardo Amorim (candidato a estadual), Fábio Faria, ex-prefeito José Alfredo, prefeita Iraneide Rebouças, Robinson e Tião em Areia Branca (Foto: cedida)

O governador Robinson Faria (PSD) desembarcou em Mossoró à tarde desta quarta-feira (15).

Como está em período de campanha e é candidato à reeleição, o governante usa aeronave do seu vice, empresário Tião Couto (PSDB). Até bem poucos dias, era avião de outro amigo empresário, com atuação no setor mineral e outros negócios.

Compromisso político em Areia Branca (42km).

Ele participa ao lado de correligionários locais, o deputado federal Fábio Faria (PSD) e Tião Couto (PSDB), da procissão de Nossa Senhora dos Navegantes, padroeira dos marítimos.

Por volta de 20 horas, ele deverá retornar a Natal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
segunda-feira - 13/08/2018 - 12:50h
COLUNA DO HERZOG

A compreensível tensão das nominatas e coligações


Por Carlos Santos

Para muitas pessoas que acompanham o noticiário político e esse emaranhado de informações relativas à formação de chapas à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal, é incompreensível todo esse prélio. Não se entende por que tanta complexidade.

A ideia que vem à cabeça é que tudo não passa de negociata, troca-troca de vantagens financeiras etc. Não é bem assim.

Existem componentes político-partidários, pessoais e legais sendo observados. Não é apenas uma questão de afinidade política ou coesão de projetos, ou o toma-lá-dá-cá.

Escolhas precipitadas na formação de nominatas partidárias e coligações podem determinar a derrota de um candidato.

Este ano, para aumentar ainda mais o tempero dessa caldeirada, a legislação ainda recepcionou a proposta relativa às “sobras” de votos, dos cálculos feitos para eleição de deputados federais e estaduais. É uma forma de “colaborar’ com os pequenos partidos e coligações.

Nas sobras, não é necessário que o partido atinja o quociente eleitoral, para eleger um deputado federal ou estadual. Partido/coligação com maiores médias, independentemente de terem atingido o quociente eleitoral, participam dessa’filtragem.’

Esse cálculo é feito, depois de se formar a lista de eleitos pelo quociente eleitoral. Portanto há possibilidade que tenhamos gente vitoriosa com esse favorecimento da legislação.

Por isso, não estranhe toda essa tensão. Se você estivesse nas discussões e de posse do amplo conhecimento desse labirinto jurídico, não estaria menos inquieto, perturbado e à beira de um ataque de nervos.

* Quociente Eleitoral – soma dos votos válidos dividida pelo número de cadeiras no parlamento.

PRIMEIRA PÁGINA

A real força de Sandra Rosado em favor de Beto Rosado – É preciso que entendamos por que é tão importante para o grupo da prefeita Rosalba Ciarlini (PP), a retirada da candidatura à Câmara Federal da vereadora e ex-deputada federal Sandra Rosado (PSDB). Ao desistir da postulação na nominata federal do governismo, encabeçada pelo PSD do governador Robinson Faria, ela subtrai potenciais votos que serviriam para ampliar margem de eleitos nessa coligação. Paralelamente, enseja que Beto Rosado (PP), a quem passa a apoiar, tenha maiores chances de se capitalizar à reeleição na coligação do candidato ao governo Carlos Eduardo Alves (PDT). Não é no apoio direto, transferindo eventuais colégios eleitorais para Beto ou discursando em seu favor, que Sandra mais contribui à sua reeleição. Com essa movimentação, Beto pode novamente sonhar com a reeleição, num elenco de três nomes que sua coligação tende a eleger.

A costura e o nó necessários à campanha ao Senado em 2018 – Pesquisa após pesquisa é visível que o “segundo voto” ao Senado pode ser o diferencial numa disputa tão acirrada. Nesse aspecto, Zenaide Maia (PHS) e Geraldo Melo precisam de atenção redobrada, até porque tiveram queda de rendimento com a entrada em cena do Capitão Styvenson Valentim (REDE). Casar voto com quem possa içá-lo (a) é importante. Porém colar em quem está em queda livre, também pode determinar o infortúnio eleitoral. Em 1998, por exemplo, Fernando Bezerra (PTB) era “O senador de Garibaldi”, slogan que foi adesivado no inconsciente popular em sua campanha vitoriosa. O governador Garibaldi Filho (PMDB) concorria à reeleição e ajudou a puxá-lo à reeleição: “É Garibaldi costurando e Fernando dando o nó”, dizia um jingle.

Fernando em 98 colou e foi puxado (Foto: Web)

São Gonçalo tem governismo fracionado em candidaturas – Em São Gonçalo do Amarante, ninguém tem dúvidas de que a primeira-dama Terezinha Maia (PR) marcha para ser um dos nomes campeões de voto à Assembleia Legislativa, numa campanha sob a batuta do prefeito Paulo Emílio (PR). Mas ela não está só na teia governista em se tratando desse segmento de disputa. O presidente da Câmara Municipal, Raimundo Mendes (PMB), foi obrigado a desistir de tentar a Câmara Federal, passando a concorrer a estadual. O vice-prefeito Eraldo Paiva (PT) é candidato também nessa faixa eleitoral. Ainda entra na contabilidade Mada Calado (PT), filha do ex-prefeito Jaime Calado e da deputada federal e candidata ao Senado Zenaide Maia (PHS). Ufa!

Mulher é candidata a federal apenas para cumprir exigência legal – A ex-primeira dama do Assu Vanessa Lopes (PSD) é candidata à Câmara Federal no chapão governista, apenas para atendimento à exigência legal quanto à presença feminina. Na prática mesmo, quem é candidato em sua casa é o ex-prefeito Ivan Júnior (PSD), que concorre a  uma vaga à Assembleia Legislativa, com chances reais de eleição, se não perder fôlego na reta final numa nominata bastante pesada.

“Avança RN” sofre efeitos de pressão intensa – A Coligação Avança RN, que a princípio era formada por sete legendas – o “G-7″: PMB, PTC, PPS, PRP, PTB, PMN e Avante-, foi alvejada em cheio por operação de guerra para encaixar o PSB dos deputados federal e estadual Rafael Motta e Ricardo Motta. O PMN, irritado, migrou para a coligação de Carlos Eduardo Alves (PDT). O PMB foi obrigado a deslocar da chapa federal para estadual o seu presidente Raimundo Mendes, vereador em São Gonçalo do Amarante. O PPS descarta nomes também de sua nominata (veja AQUI) a federal, para tentar viabilizar a candidata preferencial Laura Helena à Assembleia Legislativa. Mais baixas podem acontecer, além de demandas judiciais questionando esse encolhe-estica.

Passagem de Fátima Bezerra quase não é percebida – Apesar de ter feito importante movimentação política no final de semana em Mossoró ao lado de sua chapa ao Senado e outros nomes coligados, a candidata ao governo estadual Fátima Bezerra (PT) quase não foi percebida. À exceção de suas redes sociais e de partidários, a divulgação e repercussão do evento denominado de Seminário Regional (veja AQUI) não chegaram sequer à caixa de e-mail da imprensa. E olhe que Mossoró é o segundo maior colégio eleitoral do RN.

 

Robinson e Ricardo: passado puxado para frente (Foto: AL)

Robinson Faria “rebobina” os Mottas para um ocaso iminente

O esforço sobre-humano empreendido pelo governador Robinson Faria (PSD) para ter os deputados Rafael Motta (federal) e Ricardo Motta (estadual) em seu entorno e coligação, parece um grande gesto altruísta de tentativa de salvação de ambos parlamentares do PSB. É, parece. Mas lógica política fala mais alto. Quer tê-los para atrair mais votos à sua candidatura à reeleição e nominatas a estadual e federal. Essa costura também ocorre num momento de algumas perdas de apoios importantes de ambos parlamentares, levando-os mais desnutridos às suas mãos. Ao ‘rebobinar’ essa relação política, Robinson não deve esquecer de desapontamentos que teve com ambos. Os dois podem estar a caminho do ocaso. O futuro próximo dirá.

Tião Couto ocupa espaços no governo estadual – A indicação de Denise Maria Aragão Melo para Direção Geral do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), em Mossoró, oficializada no final de semana (veja AQUI), é da cota de espaços que o ex-candidato a prefeito e agora candidato a vice-governador Tião Couto (PSDB) empalma no governismo. Ela foi-lhe útil na reta final da campanha municipal em 2016, com trabalho direcionado à pessoal da Saúde Municipal, além de ser irmã do principal executivo do seu grupo empresarial, Everton Aragão.

Antagonismo entre Carlos e Robinson ignora votos e apoios no segundo turno – O extremismo que se acentua gradualmente na luta entre as campanhas de Robinson Faria (PSD) e Carlos Eduardo Alves (PDT) não deve ignorar um detalhes crucial, sobre o segundo turno: lá, onde provavelmente estará Fátima Bezerra (PT), quem sobrar pode favorecer o outro na eleição final. Pelo visto, a candidata petista segue no lucro, pois não é incomodada por ninguém nem mexe com qualquer um deles.

Suplente atua em costura de apoios ao Senado – O empresário e presidente licenciado da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do RN (FECOMÉRCIO/RN), Marcelo Queiroz (MDB), não ostenta papel meramente figurativo na campanha eleitoral 2018. Primeiro suplente do senador Garibaldi Filho (MDB), ele costura apoios da capital ao interior no segmento que conhece bem, com aquele seu jeitão manso e ótima aceitação suprapartidária.

EM PAUTA

Condenação – O engenheiro Marcos Limeira e sua empresa Tecnicenter Engenharia, Comércio e Serviços Ltda. tiveram sentença favorável (danos morais) em primeiro grau contra o Estado do RN, representado pelo general Ernesto Fraxe, dirigente do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens (DER/RN). No dia 26 de fevereiro de 2016, em audiência pública da Assembleia Legislativa em Mossoró, sobre reativação de voos comerciais do Aeroporto Dix-sept Rosado, ele espinafrou Marcos e a Tecnicenter, por suposto atraso/suspensão de obras, sem perceber que quem dera causa aos problemas tinha sido a própria ineficiência do Estado.

Mirante estava sucateado e passou por processo de restauração, sendo reativado para uso turístico/lazer

Mirante – A cidade de Luís Gomes volta a ter em funcionamento o seu mirante. O equipamento de lazer e turismo há tempos estava abandonado e esquecido. Uma boa opção para a região Oeste, também atraindo público da região de Uiraúna-PB, município limítrofe/divisa. Logo, logo apareço por aí.

Maitê – Comandante-em-chefe da FM 96.7 do Natal, Ênio Sinedino está com outra ingente tarefa: ser babão de Maitê, sua neta. A recente natividade o deixa todo prosa.

Gastronomia – Apodi movimenta-se para realizar seu I Festival de Gastronomia. O evento será realizado na praça Dom José Freire, Centro, reunindo outras atrações relativas à cultura. Depois traremos mais detalhes sobre a iniciativa que acontecerá este ano, tendo à frente o Núcleo de Gastronomia da cidade (NUGAP).

Aílton Medeiros – O irrequieto jornalista Aílton Medeiros passará a compor nosso elenco de articulistas e colaboradores. Aqui e ali, aos domingos, ele vai trovejar e rugir no Blog Carlos Santos.

Aílton Medeiros: pode rugir (Foto: Web)

Baú do Forró – Quem gosta do forró das antigas vai se esbaldar dia 15 de setembro na área externa para shows do Partage Shopping de Mossoró. Por lá vão estar Lagosta Bronzeada, Limão com Mel, Mastruz com Leite e Cavalo de Pau no evento definido como “Baú do Forró”.

Magão no Carnatal - A alegria e a sonoridade do Bloco do Magão, célebre no Carnaval de Caicó, vai chegar ao Carnatal este ano – entre os dias 13 e 16 de dezembro. Os músicos vão puxar o “Burro Elétrico”, formado por segmentos da mídia e convidados. Garantia de muita descontração.

Feijoada Maçônica – A Loja Maçônica Jerônimo Rosado promoverá outra edição da “Feijoada Maçônica” em Mossoró. Será dia 26 de agosto a partir do meio-dia, em sua sede no Planalto 13 de Maio. A Banda H será a atração musical.

SÓ PRA CONTRARIAR

Quantos mais vão desistir de candidaturas no RN? Faça suas apostas.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Gostei do Órbita 365, jeito de pub/restaurante á Avenida João da Escóssia no Nova Betânia em Mossoró.

Obrigado à leitura do Nosso BlogMarcos Antônio Aquino (Caicó), Santana Maria (Mossoró) e Flávio Azevedo (Natal).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (06/08) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
domingo - 12/08/2018 - 18:54h
Governismo

‘Candidato’ denuncia que chapão é refeito após convenções


Além do PSD do governador Robinson Faria, candidato à reeleição, outras siglas estão se adaptando e se ajustando ao chapão governista à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa. Diversas atas partidárias de convenções estão sendo refeitas conforme os novos acordos.

As “retificações” de atas de convenções partidárias seguem em regime de plantão, reflexos de entendimentos de última hora. Na prática, é como se as convenções não tivessem valor algum e esses documentos fossem meramente peças de faz-de-conta.

No PPS, por exemplo, o Sargento Agenor Batista da região Seridó foi registrado em ata de convenção do partido como candidato à Câmara Federal, mas terminou extirpado abruptamente. O comando partidário o viu como inconveniente nesse novo cenário pós-convenção.

Num vídeo postado nas redes sociais, o “ex-candidato” relata os bastidores para favorecimento do PSB dos deputados federal (Rafael Motta) e estadual (Ricardo Motta).

Áudio de diálogo que travou com um advogado do PPS, por prenome “Alexandre”, é  bastante esclarecedor dos bastidores surpreendentes da pré-campanha estadual no RN. “Ricardo Motta” teria causado todo esse rearranjo, comenta o advogado na conversa.

Leia também: Descartado de chapão, ‘candidato’ diz que vai à justiça;

Leia tambémCandidatos deverão ser descartados para acomodação do PSB;

Leia tambémAta-desata de coligações mantém alianças em aberto.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
domingo - 12/08/2018 - 17:20h
Atas da discórdia

Descartado de chapão, ‘candidato’ diz que vai à justiça


O ex-vereador caicoense Dilson Fontes (PSD), o “Leleu”, aprovado na Convenção Estadual do seu partido no domingo (5) como candidato à Câmara Federal, ameaça reagir judicialmente à retirada do seu nome da nominata oficial da legenda.

"Leleu" está indignado com o bota-fora (Foto: cedida)

- Se isso for confirmado é uma canalhice, uma patifaria da pior espécie – comentou ao Blog Carlos Santos agora à tarde. “Eu prefiro nem acreditar que isso esteja ocorrendo”, vociferou.

“Meus advogados vão agir”, avisou. “Não sou descartável”, disse.

O PSB do deputado federal Rafael Motta e do deputado estadual Ricardo Motta tenta ser enxertado no leque interpartidário montado pelo governador Robinson Faria (PSD). Eis o “xis” da questão.

Expurgos

Há revolta quase generalizada entre partidos de menor envergadura, que não aceitam ceder lugar à viabilização eleitoral de ambos. Um deles, o PMN, já debandou para a coligação do candidato a governador Carlos Eduardo Alves (PDT).

Na nominata do PSD formalizada em ata conveniconal no domingo, apareciam os nomes do atual deputado federal Fábio Faria, Isabel Cristina Medeiros, Vanessa Lopes, Leleu Fontes, Ricardo Gurgel (ex-candidato a prefeito de Parnamirim) e Júlio César Câmara (ex-candidato a prefeito de Ceará-mirim e ex-diretor do Detran/RN).

Esses três últimos foram ejetados. O chapão a federal com o PSB e outras legendas só comporta, por lei, 16 nomes.

Leia também: Candidatos deverão ser descartados para acomodação do PSB;

Leia também: Ata-desata de coligações mantém alianças em aberto.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sábado - 11/08/2018 - 19:26h
Nominatas

Candidatos deverão ser descartados para acomodação do PSB


Para acomodação dos deputados federal e estadual do PSB, Rafael Motta e Ricardo Motta, e parte de suas respectivas nominatas, a cúpula da campanha do governador Robinson Faria (PSD) tem feito mágica.

Mas ainda não fechou a conta.

Está no “quase”.

É certo, porém, que alguns candidatos aprovados em convenções vão ser retirados “na marra”.

Por lei, cada partido/coligação à Câmara Federal só comporta 16 nomes no RN. À Assembleia Legislativa são 48 candidatos.

Assim, a chegada do PSB provoca um “chega pra lá” em determinadas candidaturas, que terminarão descartadas. Humilhadas, que se diga.

Vem mais barulho pela frente, do Seridó a Parnamirim.

A novela de tentativa de sobrevivência política dos deputados Rafael e Ricardo Motta ainda tem mais capítulos pela frente.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sábado - 11/08/2018 - 17:30h
Mossoró

Tião Couto assume coordenação de campanha de Robinson


O candidato a vice-governador Tião Couto (PR) assumiu na prática a coordenação da campanha ao governo do governador Robinson Faria (PSD), no âmbito de Mossoró.

Reuniões e contatos telefônicos entre o dia de ontem e este sábado (11) dão encaminhamento a providências, como formação de equipe de trabalho.

Tião (centro) posa com vários ex-auxiliares de Francisco José Júnior que atuaram em sua campanha

Detentores de cargos comissionados no estado, em Mossoró, além de colaboradores de sua campanha municipal em 2016, foram reunidos para discussão sobre planejamento, organização e ação eleitorais.

Alguns dos nomes são ex-auxiliares do então prefeito Francisco José Júnior (sem partido), que após a desistência à reeleição do governante, desembarcaram na campanha de Tião Couto àquele ano.

Em pose fotográfica nas redes sociais, Tião aparece com o candidato a deputado estadual Jorge do Rosário (PR), além de  Mário Filho (ex-secretário executivo de Engenharia e Projetos), Marcos Fernandes (ex-Administração e Recursos Humanos), Mairton França (ex-secretário de Recursos Hídricos de Mossoró e atualmente em pasta congênere no estado), Carlos Clay (ex-secretário de Serviços Urbanos) e Francidaule Amorim, o “Tidau”(ex-titular da Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos) – entre outros apoiadores.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sábado - 11/08/2018 - 08:25h
Antecipação de royalties

José Dias afirma que TCE toma decisão como “Corte Política”


Dias: indicações políticas (Foto: AL)

Palavras do deputado estadual governista José Dias (PSD), sobre o comportamento dos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN):

- Os membros querem transformar a Corte em uma Corte política. Essa decisão é indevida e inepta. Sob o ponto de vista legal, não vale nada. O TCE é um simples órgão auxiliar da Assembleia Legislativa, mas se julga como poder. Por causa do nome de ‘tribunal’, se acha o dono do mundo”.

Palavras suas em entrevista à FM 94 do Natal, sobre decisão cautelar do TCE nessa quinta-feira (9) – veja AQUI, que impede o governador Robinson Faria (PSD) não realize qualquer ato administrativo que implique em operação de crédito com antecipação de receitas de royalties do petróleo, como foi aprovado pela Assembleia Legislativa.

Nota do Blog – O parlamentar tem considerável razão. Mas ele também deve saber que todas as nomeações para o TCE são políticas. Vamos escrever em letras maiúsculas: TODAS.

Se um tribunal é formado por políticos, indicados por políticos, para atender a seus interesses políticos, que resultado poderia sair dessa caldeirada?

Francamente!

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quinta-feira - 09/08/2018 - 23:52h
História

Em 2014, chapa derrotada teve eleição de 18 deputados


Henrique teve 18 eleitos; Robinson venceu (Foto: Arquivo)

Em 2014, as chapas em torno do candidato ao Governo pela “Coligação União Pela Mudança 2″, deputado federal Henrique Alves (PMDB), elegeram a maioria dos deputados estaduais do RN. Foram 18 dos 24.

Ao todo, nas três coligações proporcionais à Assembleia Legislativa, a União pela Mudança elegeu 17 deputados, além de mais um que o apoiou ainda no primeiro turno, na “Coligação Sem Mudança Não Há Esperança”. Assim, totalizou 18 deputados.

O adversário principal de Henrique Alves e governador eleito pela “Coligação Liderados pelo Povo”, Robinson Faria (PSD), teve a eleição de seis nomes que o seguiram.

Veja abaixo:

Em Coligação “União pela Mudança 2″

Ricardo Motta (PROS) – 80.249 votos
Hermano Morais (PMDB) – 60.813 votos
Kelps Lima (Solidariedade) – 59.619 votos
Gustavo Carvalho (PROS) – 57.757 votos
Ezequiel Ferreira (PMDB) – 54.438 votos
Getúlio Rego (DEM) – 52.118 votos
Nelter Queiroz (PMDB) – 51.773 votos
Tomba Farias (PSB) – 48.980 votos
Gustavo Fernandes (PMDB) – 42.975 votos
George Soares (PR) – 38.637 votos
Agnelo Alves (PDT) – 37.768 votos
Albert Dickson (PROS) – 37.461 votos
Márcia Maia (PSB) – 36.997 votos
Raimundo Fernandes (PROS) – 35.333 votos
Jose Adécio (DEM) – 34.879 votos
Alvaro Dias (PMDB) – 34.638 votos

Coligação “Liderados pelo Povo 3″

Galeno (PSD) – 63.286 votos
José Dias (PSD) – 37.844 votos
Dison Lisboa (PSD) – 26.618 votos

Coligação “Liderados pelo Povo 4″

Fernando Mineiro (PT) – 42.088 votos
Cristiane Dantas (PC do B) – 38.955 votos
Carlos Augusto Maia (PT do B) – 20.140 votos

Coligação “União pela Mudança 3″

Jacó Jácome (PMN) – 28.620 votos

Coligação “Sem Mudança não há esperança 2″

Manoel Cunha Neto, o “Souza” (PHS) – 20.440 votos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 09/08/2018 - 20:56h
Karla Veruska

Um nome fortíssimo à Câmara Federal


Karla: força (Foto: Web)

Anote esse nome: Karla Veruska.

Candidata à Câmara Federal pelo Avante, ela é um fortíssimo nome à disputa de uma das oito vagas em disputa.

Na articulação de sua campanha, o presidente da Câmara Municipal do Natal, da Federação das Câmaras Municipais do RN (FECAM/RN) e seu marido Raniere Barbosa (Avante).

Karla está no chapão “Trabalho e Superação I”, coligação em torno do governador e candidato à reeleição Robinson Faria (PSD).

Ela conta com pelo menos 25 candidatos a deputado estadual em dobradinha com seu nome.

Anote.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quinta-feira - 09/08/2018 - 16:18h
Eleições 2018

“G-7″ encolhe, racha e segue sob pressão após convenções


Oficializada no último dia 28 de julho em concorrida convenção, a Coligação Avança RN está se desintegrando. Apesar de inicialmente formada por sete partidos - PMB, PTC, PPS, PRP, PTB, PMN e Avante -, não se sustenta. Já não é mais um “G-7″.

Convenção do Avança foi dia 28 (Foto: cedida)

A pressão é grande para se acomodar o PSB do deputado federal Rafael Motta e do estadual Ricardo Motta.

Em função da resistência da maioria e revolta de outros, já ocorreu uma deserção, mudança de candidatura e podem acontecer mais baixas.

O médico Cipriano Correia, presidente Estadual do PMN, levou a legenda e sua candidatura à Câmara Federal (onde já esteve) para a coligação encabeçada pelo candidato a governador Carlos Eduardo Alves (PDT), além do MDB, DEM, PP e Podemos.

Puxadinho

Já o presidente do Partido da Mulher Brasileira (PMB), Raimundo Mendes Alves, que também é presidente da Câmara Municipal de São Gonçalo do Amarante, percebeu que seria apenas “esteira” na nominata. Preferiu deixar de concorrer à Câmara Federal para disputar vaga na Assembleia Legislativa.

Mesmo com as defecções, a Coligação Avança RN segue com apoio à reeleição do governador Robinson Faria (PSD). Porém deixou de se firmar em faixa própria para ser “puxadinho” do governismo e do PSD.

Novas surpresas podem surgir.

Leia também: “Avança RN” faz coligação com sete partidos em Natal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 09/08/2018 - 15:12h
Governo do Estado

TCE freia uso de recursos para antecipação dos royalties


Do G1 RN

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) determinou de forma cautelar em sessão nesta quinta-feira (9), que o governador Robinson Faria (PSD) não realize qualquer ato administrativo que implique em operação de crédito com antecipação de receitas de royalties. Caso já tenha sido editado qualquer ato administrativo com esse conteúdo, os seus efeitos ficam suspensos, de acordo com o TCE.

O voto do relator, Poti Júnior, foi seguido por todo o colegiado. A exceção foi Paulo Roberto Alves, que alegou suspeição.

No mês passado, a Assembleia Legislativa aprovou o projeto que autoriza a antecipação de pagamento de royalties da exploração de petróleo e gás natural para o Governo do Estado. Com a medida, o Executivo queria receber R$ 162 milhões, que deve usar o montante no fundo previdenciário, para pagamento de aposentados.

O Governo pretendia usar o dinheiro dos royalties também para a amortização de dívidas com a União, porém os deputados decidiram, ainda na Comissão de Finanças e Fiscalização, que os recursos seriam usados apenas para pagamento de folha.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
segunda-feira - 06/08/2018 - 23:40h
COLUNA DO HERZOG

O Sobrenatural de Almeida anda por aí


Por Carlos Santos

Recorro a um lugar-comum sempre usado no início das campanhas eleitorais, para tratarmos sobre a disputa deste ano no RN: “A sorte está lançada” (Alea jacta est).

A frase em latim é atribuída ao general romano Júlio César, ao decidir cruzar o rio Rubicão (em 49 A.C) no retorno de uma longa operação militar na região da Gália (hoje, a França, Bélgica e parte de outros países).

O todo-poderoso César violou a lei romana que determinava, que nenhuma legião (unidade militar) podia entrar em Roma armada e sem autorização, vinda de campanha.

Nelson Rodrigues, criador do célebre "Sobrenatural de Almeida" (Foto: Web)

Tanto na antiguidade como agora, o jogo não é uma questão de sorte ou azar. “O Sobrenatural de Almeida”, personagem do jornalista e dramaturgo Nelson Rodrigues, que ele citava para se referir a algo inesperado e negativo, é mera figura de linguagem.

Àquele tempo, como agora, uma campanha militar e ação política não viviam do acaso. Tudo tem relação direta com planejamento, organização, preparo, astúcia e outros fatores que se somam.

O pleito deste ano oficialmente encolheu. Serão apenas 45 dias, mas a própria legislação e a cultura do eufemismo (ou do jeitinho legalizado) produziram o fenômeno de se esticar esse processo eleitoral para trás. É a pré-campanha.

A campanha de fato começou há meses, com exposição de pré-candidatos em incontáveis endereços nas redes sociais, mídias convencionais e eventos públicos e privados.

Muito do que foi feito nessa pré-temporada (comum aos clubes de futebol), lógico que terá eco na campanha e eleição. Escolha de bons nomes, equipe de trabalho, organização partidária, estratégias, nominatas, alianças e outros componentes pesarão no resultado final.

E o tal do Sobrenatural de Almeida? Bem, ele existe. Anda por aí. Vez por outra dá as caras numa campanha política. Mas não confie na sorte ou justifique o insucesso com ele.

PRIMEIRA PÁGINA

Fábio assumiu articulações políticas do governismo e surpreendeu com o "improvável" (Foto: Canindé Soares)

O articulador Fábio Faria em ação – Quase invisível e imperceptível, sem alardes, o deputado federal Fábio Faria (PSD) é o responsável direto por grandes cartadas de bastidores no campo da articulação política atual. Praticamente selou a própria reeleição e formatou a mais densa e numerosa teia interpartidária da campanha que se avizinha, em torno da candidatura à reeleição do governador-pai Robinson Faria (PSD). Conseguiu um feito “improvável”, como atrair para vice o empresário e ex-candidato a prefeito de Mossoró Tião Couto (PSDB).

Quem ganha e quem perde – Num programa de rádio e outro de televisão nesta segunda-feira (6), fui indagado sobre quem ganha e quem perde com a decisão do ex-candidato a prefeito de Mossoró Tião Couto (PR) em ser vice na chapa de Robinson Faria (PSD). “Bom para Robinson, ruim para Tião, generoso para a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) e ótimo para a candidata petista ao governo, Fátima Bezerra (PT)”.

Em desnutrição, Zenaide precisa repensar estratégia para campanha – Na pesquisa Instituto Consult/Blog do BG/FM 98.7 (veja AQUI), a candidata ao Senado e atual deputada federal Zenaide Maia (PHS) apareceu com nítida desnutrição. Até bem pouco tempo, ela tinha maior consistência e passou a ser vista como virtual eleita, a ponto de obrigar o senador José Agripino (DEM) a mudar de rota, candidatando-se à Câmara Federal. Mas a entrada em cena do Capitão Styvenson Valentim (REDE) a atingiu em cheio. Ele é quem pode ser a “novidade” do pleito, o “fato novo”. No dia 9 de julho (há quase um mês), afirmamos na Coluna do Herzog: Styvenson ameaça primeiramente Zenaide Maia. Teve quem considerasse a análise um disparate. Vamos a outra avaliação: se não ajustar eficientemente sua campanha, a “Doutora Zenaide” (sem o Maia) vai morrer na praia.

Carlos repete fórmula de Gutemberg, que agora é candidato a deputado estadual

Campanha de Carlos Eduardo ‘clona’ slogan de Gutemberg Dias – “O RN Tem Jeito”, slogan da campanha do candidato ao governo pelo pedetismo, Carlos Eduardo Alves, é o “clone” do que foi utilizado em 2016 em Mossoró pelo então candidato a prefeito Gutemberg Dias (PCdoB): “Mossoró Tem Jeito”. Em 2018, ele é candidato a deputado estadual.

Jorge do Rosário não acompanha Tião Couto em decisão – Que fique consignado: o candidato a deputado estadual Jorge do Rosário (PR), não acompanhou Tião Couto (PSDB) na Convenção Estadual do PSD no domingo (5) em Natal, que formalizou a chapa encabeçada pelo governador Robinson Faria (PSD) à reeleição. A decisão de Tião Couto de ser vice nessa chapa, também o surpreendeu. E como? Ô!

Perplexidade muda do Sertão Central para o Oeste com o vice – Na sexta-feira (3) à noite, o anúncio do nome do ex-prefeito de Lajes Benes Leocádio (PTC) – veja AQUI – como vice de Robinson Faria (PSD) causou perplexidade entre eleitores do Sertão Central. No domingo (5), com a confirmação de Tião Couto (PSDB) como o vice, boquiabertos ficaram os mossoroenses no Oeste.

Dois fantasmas rondam a candidatura de Fátima Bezerra – Pelo menos dois espectros rondam a candidatura governista da senadora Fátima Bezerra (PT). Primeiro: o clima de já-ganhou (o que não se justifica). Na pesquisa recente, o índice cumulativo de Indecisos e Nenhum – veja AQUI – chegou a 83,77% na Espontânea. Segundo: o papel que alguns eventuais “aloprados” podem ocupar em sua campanha, tomando decisões e promovendo ações inconsequentes.

Contas de “eleitos” para Câmara e Assembleia são imprecisas – Pelas contas feitas em todas as coligações à disputa à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa no RN, parece até que estamos na Paraíba. Em vez de oito vagas na Câmara e 24 na AL, teríamos 12 e 36, como ocorre no vizinho estado nordestino. Hoje, a grosso modo, podemos estimar que a coligação de Carlos Eduardo Alves (PDT) poderá fazer três federais. O governismo de 3 a quatro. A Frente Popular de Fátima Bezerra (PT) tende a eleger um. Poderemos ter surpresas entre coligações de pequenos partidos com a eleição de um federal. No plano da Assembleia Legislativa, o quadro de avaliação é bastante confuso, tamanho o número de coligações. Mas há tendência que o governismo faça maior parte dos eleitos/reeleitos. Depois iremos amiudando impressões e avaliações ao longo da campanha. Hoje, é muito cedo para afirmações ou ilações mais consistentes.

Salto duplo carpado evangélico-eleitoral - O deputado federal Antônio Jácome (Podemos) é candidato ao Senado na chapa de Carlos Eduardo Alves (PDT). Já seu filho e atual deputado estadual Jacó Jácome (PSD), é candidato à reeleição em coligação do governador e concorrente à reeleição Robinson Faria (PSD). Entendeu? Ãn? Tem muito evangélico que já compreendeu, sim.

O RN não tem ânimo para escolher um governador – Nenhuma candidatura estadual desperta empolgação nessa fase preliminar da campanha oficial ao Governo do RN. Ninguém aparece até aqui com capacidade de galvanizar o eleitor. Caminhamos para uma escolha por exclusão.

EM PAUTA

Preto e Branco – O 5º Baile Preto e Branco, organizado pelas lojas maçônicas de Pau dos Ferros, acontecerá a partir das 22 horas do próximo dia 11. Está definido para a AABB Clube. Thásya Araújo, Glauco Meireles e Tremendões de Mossoró serão as atrações musicais.

Feira do Livro – Está definida para o dia 1º de setembro próximo, no Museu do Sertão em Mossoró, a “I Feira de Livros de Autores Mossoroenses”. Acontecerá entre 8 e 12 horas, em meio à XIII Jornada Cultural do Museu do Sertão. Mais informações por este númerode WhatsApp:  (84)9972-2139.

Groove e D'Sosa: música (Foto: divulgação)

Tributo a Gil - A organização do Fest Bossa & Jazz inicia a semana com mais uma novidade para a programação do Festival a ser realizado em Mossoró, de 13 a 15 de setembro na Estação das Artes Elizeu Ventania. A primeira atração confirmada e divulgada na semana passada foi o retorno da cantora Roberta Sá ao palco do Fest com a SESI Big Band. E, a novidade desta semana, é a realização de um belo Tributo a Gilberto Gil. Será comandado pelo renomado multi-instrumentista potiguar Sérgio Groove, além do guitarrista Lu D’Sosa.

Na TV – A jornalista Nathália Rebouças vai estrear horário matinal na TV Terra do Sal (Canal 173 no sistema Cabo Brisanet e 14 aberto) ainda este mês. Paralelamente, compõe equipe de assessoria do candidato a vice-governador Kadu Ciarlini (PP).

Academia – O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Luiz Alberto Gurgel de Faria, será empossado na próxima sexta-feira, na Academia Norte-rio-grandense de Letras (ANL). O evento está marcado para às 20h, no Salão Nobre da Academia. O ministro ocupará a Cadeira 7, que tem como Patrono Ferreira Nobre, sendo fundador Antonio Soares e sucessores Mariano Coelho e Nestor dos Santos Lima.

Gessinger – Humberto Gessinger (letrista, multi-instrumentista, escritor e vocalista da banda Engenheiros do Hawaii) vai apresentar seu novo show no dia 15 de setembro em Natal. Será às 21 horas no Teatro Riachuelo do Shopping Midway Mall.

SÓ PRA CONTRARIAR

Em que eleição o “não voto” (branco/nulo/abstenção) foi capaz de mudar a política e a gestão pública para melhor?

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

A Rádio Difusora de Mossoró realiza reestruturação física e técnica do seu estúdio principal. Obra que há muito era necessária.

Obrigado à leitura do Nosso BlogPinto Júnior (Parnamirim), Aluísio Barros (Mossoró) e Tatiana Mendes (Natal).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (30/07) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
domingo - 05/08/2018 - 22:46h
Ufa!

PSB consegue coligações e apoia Robinson


Finalmente. O PSB vai coligar-se com o PSD no Rio Grande do Norte. A decisão, confirmada na tarde deste domingo (5) pelo Diretório Estadual do partido socialista, assegura meios à reeleição para os deputados Rafael e Ricardo Motta, federal e estadual, respectivamente.

Rafael Motta passa a integrar o “chapão” dos federais, que conta com os deputados Fábio Faria (PSD) e Rogério Marinho (PSDB), além dos candidatos João Maia (PR), Benes Leocádio (PTC), Carla Dickson (PROS), Karla Veruska (Avante) e Abraão Lincoln (PRB), além de outros nomes.

Já Ricardo Motta e as outras candidaturas homologadas pelo partido para estadual, em convenção realizada ontem (4), passam a integrar uma das coligações construídas em torno da candidatura à reeleição do governador Robinson Faria (PSD).

Com informações da Assessoria do PSB do RN.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
domingo - 05/08/2018 - 16:48h
Política

Sandra Rosado tem mais duas razões para ficar com os primos


A vereadora e candidata à Câmara Federal, Sandra Rosado (PSDB), já pode colocar um fim à sua novelesca ‘indecisão’ pública sobre a própria postulação e apoio a governo. Ficou sem graça o suspense.

Carlos e Sandra: isso, isso, isso (Foto: arquivo)

O desembarque do empresário e ex-candidato a prefeito de Mossoró Tião Couto (PR) no palanque do governador Robinson Faria (PSD) – veja AQUI, onde o partido dela está, é a senha para dizer bye!

Sandra e Tião não se bicam desde a campanha municipal de 2016, numa arenga que saiu da esfera política para o campo pessoal.

Outra razão: a campanha Robinson-Tião vai alvejar a prefeita e ex-governadora Rosalba Ciarlini (PP) – veja AQUI, a quem Sandra e seu grupo dizem apoiar em Mossoró.

Primo Carlos Augusto Rosado e prima Rosalba Ciarlini, líderes do rosalbismo, aguardam notícias.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
domingo - 05/08/2018 - 15:30h
Discurso de Campanha

Ezequiel diz que Robinson errou ao não falar sobre Rosalba


Microfone à mão, ladeado por Robinson, Ezequiel lembrou herança da antecessora (Foto: Web)

Presidente da Assembleia Legislativa do RN e do PSDB no estado, o deputado estadual Ezequiel Ferreira deu o tom do que deverá ser a campanha da chapa governista Robinson Faria (PSD)-Tião Couto (PR). Atacou a ex-governadora e hoje prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), ‘presente’ na chapa adversária de Carlos Eduardo Alves (PDT), através do filho e candidato a vice-governador Kadu Ciarlini (PP).

“Se há um erro que você (Robinson) cometeu ao assumir o governo, foi você não dizer o buraco que tinham deixado para você administrar”, bradou Ezequiel ao discursar na Convenção Estadual do PSD neste domingo (5) em Natal.

Atraso desde Rosalba

Ezequiel contou que “já em dezembro de 2014, o Estado não tinha condições de pagar o salário em dia e o 13º”. A então governadora (Rosalba) “mandou para a assembleia um projeto de lei pedindo autorização para puder usar o Fundo Previdenciário e nós aprovamos.”

Em sua avaliação, “nunca houve uma crise tão grande no Brasil, ética e moral, que abalou nossa economia com 14 milhões de desempregados no país”. Os reflexos nos estados e municípios continuam sendo sentidos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
domingo - 05/08/2018 - 12:38h
História

Mossoró volta a ter dois nomes a vice em disputa por governo

Há 16 anos, Carlos Augusto e Laíre Rosado fizeram parte de chapas derrotadas por Wilma de Faria

A campanha estadual deste ano no Rio Grande do Norte traz uma novidade que não ocorria há vários pleitos.

Outra vez, duas chapas ao Governo do Estado trazem nomes a vice oriundos de Mossoró. Ocorrera em 2002, ou seja, há 16 anos.

Em 2018, Carlos Eduardo Alves (PDT) tem como vice o filho da prefeita Rosalba Ciarlini (PP), Kadu Ciarlini (PP).

Wilma, cabeça de chapa, venceu dois adversários que tinham conterrâneos como vice (Foto: arquivo)

O governador Robinson Faria (PSD) importou o empresário e ex-candidato a prefeito Tião Couto (PR).

Em 2002 foi assim

- Fernando Freire (PPB), governador, contou com deputado federal Laíre Rosado (PMDB) como vice. Obtiveram 404.865 votos (30,89%).

- O senador Fernando Bezerra (PTB) teve a companhia do ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado (PFL). Somaram 261.225 votos (19,93%).

A chapa vencedora tinha uma mossoroense na cabeça: Wilma de Faria (PSB). O seu vice foi o deputado estadual Antônio Jácome (PSB), paraibano de Sousa.

Venceram com 492.756 votos (37,59%) no primeiro turno, indo para o segundo turno contra Fernando Freire-Carlos Augusto.

Segundo Turno

A chapa Wilma de Faria-Antônio Jácome empalmou 820.541 (61,05%) e a perdedora com Fernando Freire e Laíre Rosado não passou de 523.614 (38,95%).

“Eu vou vencer as eleições. Meus adversários são muito fracos”, previu Wilma de Faria em fase preliminar da campanha daquele ano, quando chegava para evento na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Mossoró, em interlocução com o empresário Genivan Batista.

Acertou em cheio.

Em 2006 ela obteve reeleição, tendo o deputado federal Iberê Ferreira (PSB) como vice.

Mas aí já é outra história.

Depois a gente conta.

Leia também: A “maldição” de ter vice de Mossoró (15 de junho de 2010). Nessa postagem, há mais de oito anos, traçamos um histórico de vice de Mossoró, que vem desde os anos 50, pós-regime do Estado Novo no país.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
domingo - 05/08/2018 - 11:02h
Eleições 2018

Robinson fecha chapa pela madrugada e vice é Tião Couto

Após impedimento partidário de Benes Leocádio do PTC, acerto governista é com nome mossoroense

“Nasceu”, finalmente, o vice à chapa ao Governo do Estado, do atual governador Robinson Faria (PSD). A decisão foi firmada entre a madrugada e início da manhã de hoje, em extensas e intensas reuniões.

O nome é do empresário e ex-candidato a prefeito de Mossoró em 2016 Tião Couto (PR). Após ter afirmado que ficaria equidistante das disputas, refluiu inesperadamente.

Tião e Robinson participam agora de convenção estadual em Natal, em clima de festa (Foto: cedida)

Agora pela manhã, chegou ao auditório do Hotel Holiday Inn em Natal, para Convenção Estadual do PSD, acompanhado do próprio Robinson Faria.

O candidato a deputado federal pelo PTC, Benes Leocádio (PTC), tinha sido anunciado na sexta-feira (3) à noite como vice (veja AQUI). Mas no sábado (4), a Executiva Nacional do PTC (veja AQUI) vetou a indicação. O governador agiu rápido para tentar um substituto.

Diálogo à madrugada

Às 2h20 minutos deste domingo (5), o Blog Carlos Santos conversou com um dos interlocutores de conversas de bastidores:

Robinson-Tião: fechados (Foto: divulgação)

- Finalizamos uma conversa com Robinson agora há pouco. Fizemos uma análise bem realista do desgaste da gestão dele. Ainda não fechamos, pois fizemos algumas considerações para Tião compor a chapa.

Coube ao filho do governador e deputado federal Fábio Faria (PSD) a tarefa de encurtar distâncias e aparar divergências até as 7 horas. Assim foi feito. Assim foi fechado o acerto.

“Eu entendi depois de muitas investidas, que política é ocupação de espaço e eu não poderia assistir o desfile do acordão”, justificou Tião Couto. Referiu-se à chapa encabeçada pelo ex-prefeito natalense Carlos Eduardo Alves (PDT), que tem como vice o filho da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), Kadu Ciarlini (PP).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.