sexta-feira - 28/04/2017 - 11:13h
Mossoró

Após alerta do Blog Carlos Santos, Prefeitura recuperará praças


A Secretaria de Infraestrutura anuncia que em até 30 dias inicia o trabalho em praças da cidade. A ação consiste em limpeza e recuperação de fontes e tem caráter emergencial.

Abandono completo entre a praça fétida e o ex-Teatro Lauro Monte Filho revelam face enojante do centro de Mossoró (Foto: Blog Carlos Santos)

O Departamento de Parques e Jardins da Secretaria já realizou levantamento de todos os locais que necessitam de manutenção.

Inicialmente o trabalho será realizado nas praças Bento Praxedes (Praça do Codó), Vigário Antônio Joaquim (Praça da Catedral) e Rodolfo Fernandes ( Praça do Pax).

Com informações da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Nota do Blog – Isso. Excelente notícia, prefeita Rosalba Ciarlini (PP).

Mais uma vez esta página dá demonstração, inequívoca, de que serve ao interesse público e colabora com a administração municipal, como já fizera com anteriores (nunca compreendido, que se diga).

Esta semana colocamos postagens mostrando cenário de abandono das praças Vigário Antônio Joaquim (veja AQUI) e Bento Praxedes (veja AQUI), cenário parecido com outras como a Rodolfo Fernandes (publicaremos postagem adiante), Praça do Museu etc.

Continuaremos em nosso papel, sendo mais útil do que os que preferem apenas fazer “assessoria de incenso” e oba-oba em prol do poder.

Acompanhe o Blog também pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
quinta-feira - 27/04/2017 - 10:19h
Toma lá, dá cá

Beto Rosado apoia reformas de Temer em nome de Rosalba


O deputado mossoroense Beto Rosado (PP) cravou o “Sim”, como voto em defesa do texto-base do projeto de lei da reforma trabalhista, que a Câmara Federal aprovou ontem (veja AQUI).

Ao se inclinar à tentação do “efeito manada” governista, o parlamentar mossoroense fixou seu olhar também para o Palácio da Resistência, sede da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Henrique encaminha Beto e Rosalba (de perfil) ao Governo Temer e precisa de apoio em troca (Foto: divulgação)

Seu voto tem relação direta com cabedal de pleitos apresentados pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP) ao Governo Federal, desde que assumiu a gestão municipal em janeiro deste ano.

Henrique Alves

Beto sabe que se votasse “não”, estaria comprometendo sobremodo essas diligências da prefeita, que tem circulado pelos escaninhos do poder com o ex-deputado federal Henrique Alves (PMDB), amigo pessoal do presidente Temer.

O sinalizador dessas dificuldades, o próprio deputado federal mossoroense deu à semana passada, quando admitiu em endereços seus nas redes sociais, que o evento “Mossoró Cidade Junina” não tinha apoio garantido do Governo Federal (veja AQUI).

Antes, através de matéria oficial da prefeitura, era informado exatamente o contrário do que realisticamente Beto assinalara.

Enfim, o velho “toma lá, dá cá” nunca sai de moda – de Brasília a Mossoró.

Acompanhe o Blog também pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 24/04/2017 - 14:04h
Mossoró

Rosalba promete mais exames no Pam do Bom Jardim


Em visita ao Centro Clínico Vingt-un Rosado – PAM do Bom Jardim, na manhã de hoje, 24, a prefeita Rosalba Ciarlini solicitou à equipe administrativa do local, além do secretário de Saúde Benjamin Bento, o aumento do número de exames laboratoriais oferecidos à população naquela unidade. A meta da prefeita é de que 300 exames sejam oferecidos por dia em um prazo de 60 dias.

Rosalba esteve no Pam à manhã de hoje (Foto: PMM)

A prefeita lembra que no início da sua gestão, em janeiro deste ano, eram 55 exames autorizados por dia, hoje esse número já chega a 120. “Nossa intenção é que esse número chegue a 300, para diminuir a fila de espera e vamos fazer tudo para cumprir esta meta”, disse a prefeita.

Rosalba pediu mais resolutividade à equipe administrativa do PAM e anunciou ainda a retomada de exames na Unidades também para os próximos 60 dias. De acordo com a prefeita, quatro pontos serão iniciados nesta previsão: Belo Horizonte, Santo Antônio, Alto de São Manoel e Abolição.

“Também teremos pontos de coleta e entrega de resultados no Jucuri e na Maisa, que são comunidades rurais mais distantes, para que as pessoas que moram lá não precisem vir até aqui para coletar os exames e pegar os resultados”, destacou Rosalba Ciarlini.

O PAM do Bom Jardim tem um atendimento mensal de cerca de 14 mil procedimentos e parte deles são exames laboratoriais, além de consultas em diversas especialidades.

Com informações da Prefeitura de Mossoró.

Categoria(s): Administração Pública / Saúde
sábado - 22/04/2017 - 10:25h
Documento histórico

Veja “Raio X” com “Tudo sobre a delação da Odebrecht”


O portal G1 colocou no ar um documento expressivo em relação à Operação Lava Jato.

Abriu página especial com “Raio X” do caso. “Tudo sobre a Delação da Odebrecht” é o título do material especial que tem permanente atualização para o internauta acompanhar a apuração judicial.

Os políticos citados, apelidos, os pontos-chave das delações, os inquéritos e as petições, os vídeos e perfil da da Construtora Norberto Odebrecht da empresa estão expostos.

No caso do Rio Grande do Norte, é possível colher todas as minudências dos nomes citados até aqui na lista do ministro-relator dessa demanda no âmbito do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Edson Fachin:

Robinson Faria (PSD) – AQUI;

José Agripino (DEM) – AQUI;

Garibaldi Filho (PMDB) – AQUI;

Felipe Maia (DEM) – AQUI;

Fábio Faria (PSD) – AQUI;

Rosalba Ciarlini (PP) – AQUI;

Wilma de Faria (PTdoB) – AQUI;

Henrique Alves (PMDB) – AQUI;

Iberê Ferreira (PSB, já falecido) – AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sábado - 22/04/2017 - 07:10h
Em Brasília

Realista, Beto Rosado diz que não há recursos certos ao MCJ


Do Blog Carol Ribeiro

Além de outros compromissos não anunciados, a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) busca em Brasília recursos para o Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2017. Fotografias em reunião com o Ministro da Cultura, ao lado de comitiva, circularam pela internet.

Mas apesar do marketing de divulgação, o deputado Beto Rosado (PP) expôs em suas redes sociais que receber o financiamento não deverá ser simples assim. Em postagem no Instagram, o deputado afirma que o ministro se prontificou a buscar a verba, “apesar de não garantir, devido à crise”.

Nota do Blog – Infelizmente, a prefeita Rosalba Ciarlini e sua máquina de comunicação insistem num modelo de propaganda ficcional de risco, propagando muitas informações inconsistente, na tentativa de criar um clima de ufanismo.

Outra vez insistimos: os tempos são outros.

É preciso que a prefeita e seu grupo acordem para a realidade, enfrentando com ousadia e coragem os problemas, e não apenas tomando decisões protocolares e insistindo em faz-de-conta.

Nesse episódio da Cultura e Cidade Junina, o próprio deputado governista é mais sincero e realista. O erário federal está quebrado. Não existe fartura de antes.

É preciso ousar, é preciso ousar, mobilizar classe política e sociedade, dar o bom exemplo cortando na “carne”.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Cultura / Política
terça-feira - 18/04/2017 - 14:23h
AMANHÃ

Cidade Junina é pauta para Rosalba no Ministério da Cultura


A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) terá audiência no Ministério da Cultura, em Brasília, amanhã (19). Em pauta, a edição 2017 do Mossoró Cidade Junina.

Para este ano, o evento trará novidades, entre elas o Boca da Noite, que será realizado aos moldes do Pingo da Mei Dia, marcando encerramento da festa, no dia 1º de julho.

Com informações da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Categoria(s): Administração Pública / Cultura
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
terça-feira - 18/04/2017 - 12:59h
Hoje

Rosalba passa prefeitura à vice-prefeita Nayara Gadelha


A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) transmitiu o cargo para a vice-prefeita Nayara Gadelha (PP) na manhã desta terça-feira (18) em ato realizado no Salão dos Grandes Atos do Palácio da Resistência.

Rosalba vai cumprir agenda administrativa em ministérios e órgãos federais em Brasília/DF durante toda a semana, com a vice-prefeita assumindo o cargo de prefeita interinamente no período de 18 a 24 de abril.

Com informações da Prefeitura Municipal de Mossoró.

Categoria(s): Administração Pública
segunda-feira - 17/04/2017 - 23:54h
Nas redes sociais

Ao defender Robinson, primeira-dama gera mais embaraços


Na ótica de Julianne Faria, primeira-dama do Estado e titular da pasta social da gestão Robinson Faria (PSD), a delinquência moral é uma chaga circunscrita àqueles que não vêm de boa extração social e não nasceram ricos. Foi o que implicitamente falou, ao defender seu marido-governador, em relação a noticiário que o envolve com a Operação Lava Jato (veja AQUI).

Postagem de Julianne foi hoje e tem gerado muita polêmica e prejuízo à imagem do seu marido (Foto: reprodução)

Segundo ela, “o governador não precisa nem nunca precisou se sujar com R$ 100 mil. Nasceu em berço de ouro! A família sempre teve condições (…).”

Também atestou que assumiu a pasta social “com os mais variados esquemas de corrupção”. Não cita nomes, mas é bom lembrar que a gestão que antecedeu de Robinson foi de Rosalba Ciarlini (PP).

Nota do Blog – Enfim, a primeira-dama poderia ter sido mais cautelosa com as palavras.  Não ajudou em nada a quem quis defender.

Na vez anterior em que também resolveu tomar a frente do marido, ano passado, gerou polêmica e precipitou racha política entre Robinson e o então prefeito mossoroense Francisco José Júnior (PSD). Veja AQUI.

Àquela ocasião, acertou em cheio. Agora, não.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 17/04/2017 - 22:18h
Complexo Viário da Abolição

Prefeitura e Dnit discutem construção de três passarelas


O superintendente regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Trânsito (DNIT), Walter Fernandes, foi recebido na manhã de hoje, 17, pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e pela secretária de Infraestrutura Kátia Pinto. Em pauta a construção de três passarelas em trechos do Complexo da Abolição.

Rosalba e Kátia Pinto receberam representantes do Dnit em Mossoró (Foto: PMM)

Kátia Pinto destacou que a secretaria precisa da definição dos locais o quanto antes. “Nós já estamos elaborando o projeto elétrico para o contorno e precisamos da definição dos pontos onde serão construídas as passarelas. Teremos um outro momento, juntamente com a Polícia Rodoviária Federal e o DNIT, para a resolução dos locais”, disse.

Para que estes locais sejam definidos, está sendo realizada uma sondagem em todo o trecho. “Estamos nos reunindo para consolidar o projeto e ao mesmo tempo colher subsídios da necessidade da instalação das três passarelas, que são frutos de audiências públicas já realizadas entre o DNIT, a PRF, a Prefeitura e a sociedade”, destacou Walter Fernandes.

O superintendente frisou ainda que o projeto de iluminação que está sendo elaborado pela Prefeitura de Mossoró vai beneficiar inclusive a segurança pública. “O projeto será levado à diretoria geral do DNIT e tenho certeza que vai melhorar a segurança no tráfego, no trânsito e inclusive a segurança pública”, concluiu.

Participou da reunião também o representante da unidade local do DNIT, Gustavo Almeida Filho.

Nota do Blog – Um pequeno reparo no comentário de Walter Fernandes: o assunto foi provocado pelo Ministério Público Federal (MPF) em audiência pública no início do ano, em Mossoró, em que os mais diversos setores envolvidos foram convidados a participar. Veja AQUI.

A partir daí, louve-se a pronta iniciativa da prefeita Rosalba Ciarlini, que esteve em Brasília provocando governo federal para esse fim (veja AQUI).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
segunda-feira - 17/04/2017 - 16:28h
Absurdo

Mossoró tem 21 obras federais paralisadas


Mossoró contabiliza atualmente o total de 21 obras paralisadas ou quase parando, com recursos de origem federal.

Culpa de quem?

Da atual prefeita Rosalba Ciarlini (PP)? Do antecessor Francisco José Júnior (PSD)?

Culpa de um modelo político de dependência da União, sem um planejamento e recursos que proporcionem a cobertura dessas obras.

São aditivos e mais aditivos encarecendo as construções e assim mesmo não são concluídas.

Há poucos dias publicamos um desses casos, escola que se arrasta há anos no Conjunto Vingt Rosado (veja AQUI).

Mais do que viajar a Brasília para obter “mais recursos”, agentes públicos municipais precisam se empenhar para que esses empreendimentos sejam concluídos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
sexta-feira - 14/04/2017 - 22:46h
Odebrecht

Veja detalhes sobre delação contra Rosalba, Fábio e Robinson


A citação do governador Robinson Faria (PSD), seu filho e deputado federal Fábio Faria (PSD) e a ex-governadora e atual prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), em depoimentos de delatores da “Operação Lava Jato”, não tem segredo de justiça. O próprio relator dessa demanda no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, abriu toda a documentação processual ao conhecimento público.

Robinson, Rosalba e Fábio teriam recebido injeção financeira à campanha de 2010 (Fotomontagem: Blog do Joabson Silva)

Com acesso a esse material, o Blog Carlos Santos colhe depoimento do delator José Lopes Barradas, da empreiteira Odebrecht. Através do portal G1 obtivemos o vídeo da sua sabatina ao Ministério Público Federal, além de documento textualizado relativo às suas declarações, que relatam essa situação.

Veja no boxe abaixo o que Barradas falou sobre Fábio Faria e Rosalba:

Em julho de 2010, fui apresentado por FERNANDO CUNHA REIS, ao empresário carioca FABIANO FARIA, que tinha interesses comuns com a Odebrecht Ambiental em outros negócios.

FERNANDO me disse para avaliar com ele a possibilidade de projetos em saneamento no Rio Grande do Norte. Em seguida, FABIANO me convidou para um jantar no Rio de Janeiro. Nesse jantar conheci o Deputado Federal FÁBIO FARIA que me disse querer tratar de apoio à campanha ao governo do estado em 2010, onde seu pai, ROBINSON FARIA era candidato a vice-governador.

Regressei a FERNANDO CUNHA REIS para lhe reportar a conversa e ele me autorizou a ir até Natal para conhecer a candidata e entender as suas reais intenções no saneamento. Ele também me disse para limitar qualquer eventual ajuda ao valor de R$ 450 mil.

A candidata ROSALBA, médica sanitarista, me disse ser entusiasmada com o tema saneamento e que esse seria um ponto focal no seu governo.

Já previamente decidido e autorizado por FERNANDO CUNHA REIS, voltei a conversar com o Deputado Federal FÁBIO FARIA, indicando a ele o valor que a empresa havia designado a ser viabilizado através de caixa 2.

Por orientação do Deputado, o valor total a ser entregue foi dividido da seguinte forma: R$ 350 mil para a candidata ROSALBA, o qual foi registrado sob o codinome de “dama” e R$ 100 mil para a sua campanha de deputado federal de 2010 sob o codinome de “garanhão”.

FERNANDO CUNHA REIS autorizou verbalmente EDUARDO BARBOSA, o qual me repassou os dados para pagamento (senha, data e local), tendo os pagamentos sido feitos em endereço em São Paulo. A candidata ROSALBA CIARLINI foi eleita, porém nenhum projeto foi desenvolvido (sequer uma PMI foi apresentada).

P.S – A reunião de Barradas no RN ocorreu, conforme relatado no depoimento, na casa de Robinson Faria, com a presença ainda do marido da então candidata, Carlos Augusto Rosado.

Veja AQUI, a íntegra do conteúdo do pedido de abertura de inquérito;

Veja AQUI, o vídeo na íntegra do depoimento de Barradas, em 56 minutos;

Veja AQUI, postagem que resumiu relatos de cinco delatores da empreiteira Odebrecht que incriminam Robinson, Rosalba e Fábio Faria.

Veja AQUI pronunciamento da Secretaria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Mossoró, em que repele conteúdo da delação contra Rosalba;

Veja AQUI a manifestação de Robinson Faria sobre citação do seu nome.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 14/04/2017 - 10:01h
Prefeitura Municipal de Mossoró

Nomeação de comissionados chega ao total de 438 pessoas


Do Blog Tio Colorau

O Jornal Oficial do Município (JOM), edições 401, 402 e 403, trouxe as nomeações de mais 16 cargos comissionados para a prefeitura municipal de Mossoró. A maioria para a Secretaria Municipal de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos. Vejam a lista:

JOM – 401 – 31/03

408 – João Batista Chaves, Previ-Mossoró; e

409 – Clauderlândia Brazão Viana, comunicação social.

JOM – 402 – 07/04

410 – Luiz Eduardo Lima Moura Falcão, secretário de cultura.

JOM – 403 – 12/04

407 – José Alcântara da Silva, educação e cultura;

408 – Letícia de Moura Felix, desenvolvimento social;

409 – Pablo Arnon de Oliveira, infraestrutura e meio ambiente;

410 – Antonio Roberto Nogueira da Rocha, infraestrutura e meio ambiente;

411 – Ronaldo Clélio de Melo Freire, fazenda;

412 – Arthur Guilherme Silva Ferreira de Souza, fazenda;

413 – Maria Consuelo de Souza Batista, educação e cultura;

414 – Diogo Pereira de Aquino, administração e finanças;

415 – Wellington Costa de Oliveira, infraestrutura e meio ambiente;

416 – Franklin Robson da Costa, infraestrutura e meio ambiente;

417 – Francisco Benedito da Silva, infraestrutura e meio ambiente;

418 – Isis Karinne Fonseca Dantas, procuradoria; e

419 – Ananias Felix da Silva Júnior, desenvolvimento econômico.

OBS. Foram subtraídos três números da lista, isso em virtude de exonerações publicadas na edição 403.

Até hoje, dia 14 de abril, foram nomeados 419 (quatrocentos e dezenove) cargos comissionados do segundo e terceiro escalões.

Somados os 19 secretários, o número de cargos comissionados chega a 438 (quatrocentos e trinta e oito).

Nomeações anteriores

Veja abaixo links para todas as postagens anteriores, em sentido cronológico, com as nomeações:

Veja AQUI - Secretariado, primeiro escalão.

Segundo e terceiro escalões:

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI;

Veja AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
  • Repet
sexta-feira - 14/04/2017 - 08:56h
O céu é o limite

Sob pressão, Rosalba abre portas para mais comissionados


Em pouco mais de 100 dias de gestão, a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) toma nova decisão administrativa que mexe outra vez com a estrutura de cargos comissionados na Prefeitura Municipal de Mossoró. Deve afetar, para cima, os gastos do erário.

É um paradoxo em tempos bicudos choramingados pelo próprio governismo. Ela edita novo dispositivo que altera o decreto de número 5.025/2017, publicado no início do governo em janeiro. Nele, o total de comissionados era limitado “em até 50% dos cargos em comissão previstos em lei”.

Em vez de reduzir despesas em meio à crise, esse novo decreto é um atalho à decisão anterior e amplia espaços para mais e mais contratações sem concurso, privilegiando aliados políticos. A manobra, “legal”, tem razão de ser na política e não nos princípios da administração pública.

Atende às pressões de partidos que a apoiaram na campanha eleitoral do ano passado, além de sua numerosa bancada na Câmara Municipal, que também dá sinais de insatisfação.

O decreto 5.025/2017 de seu governo, editado ainda no início da gestão em janeiro (veja AQUI), já foi burlado pela própria prefeita que nomeou para postos comissionados um número maior de pessoas que essa normatização estabelecia. Enfim, é “letra morta”.

Além da conta

No novo decreto baixado esta semana, “os cargos de diretor e vice-diretor de escolas para as unidades de maior porte, que funcionam em dois turnos, e diretor de Unidades de Saúde” ficam de fora da exigência de nomeação de no máximo 50% dos cargos comissionados previstos em lei.

O art. 11 do Decreto N. 5.025/2017  de janeiro determinava que o secretário municipal de Administração e Finanças fizesse um estudo acerca do quadro de pessoal, e que, durante esse estudo, não fosse nomeado mais de 50% dos cargos em comissão previstos em lei. Esse ‘estudo’ parece infindável.

A Lei Complementar 105/2014, de 4 de julho de 2014 (gestão Francisco José Júnior-PSD) estabeleceu total de 735 cargos para a estrutura administrativa da Prefeitura de Mossoró. A lei foi publicada no Jornal Oficial do Município (JOM), edição 260. Segue em vigor, não foi revogada.

Pelo decreto de janeiro de Rosalba, ela só poderia ter nomeado no máximo 367,5 pessoas à ocupação de cargos comissionados. Porém os números passam até agora de 400 (veja postagem a seguir), que devem ser engordados ainda mais como suas novas medidas, como a recriação da Secretaria Municipal de Cultura.

Enfim, o céu é o limite. Enquanto a “viúva” (apelido sarcástico dado ao cofre público) aguentar.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quinta-feira - 13/04/2017 - 07:50h
Realidade

Briga politiqueira e mentiras deslavadas enterram aeroporto


A lenga-lenga da retomada de voos comerciais do Aeroporto Dix-sept Rosado, que vem de longe, com muitos aproveitadores e nenhum avanço para Mossoró, chega a um estágio previsível: o fracasso.

O aeroporto mossoroense teve rebaixamento de classe de 3C para 2C, iniciativa da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), que o impede de receber aeronaves de médio e grande porte, como chegou a ocorrer muitos anos atrás.

Rosalba e Robinson simbolizam o atraso a que o aeroporto é relegado em Mossoró (Foto: arquivo)

Há tempos já não pode também operar à noite, que se diga.

A Anac não engoliu a mentira deslavada e continuada da prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e seus cabras da peste, da mesma forma do governador Robinson Faria (PSD) e seu assessoramento leigo (veja postagem especial AQUI).

Nem poderia.

Suas exigências técnicas não dão margem para a politicalha e não abre mão da segurança aeroportuária.

A briga política e a propaganda falsa terminaram empurrando o Aeroporto Dix-sept Rosado para essa realidade. Foi enterrado.

Paralelamente, o Aeroporto Dragão do Mar de Aracati-CE, a cerca de 95 quilômetros de Mossoró, está habilitado ao pleno uso, entrando nesse vácuo de Mossoró.

Parabéns! Vocês conseguiram nos atrasar mais ainda.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quarta-feira - 12/04/2017 - 19:16h
"Os inocentes"

Justo, justíssimo!


O princípio da presunção de inocência que alguns advogam desesperadamente agora, para Rosalba Ciarlini (PP), deve ser aplicado por essas mesmas pessoas em relação a Lula e Cia.

Ou não?

A lista da Odebrecht é verdadeira em relação a uns e outros não?

Vá entender!

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Só Pra Contrariar
quarta-feira - 12/04/2017 - 16:40h
Odebrecht

Por que “Carrossel”?


Juro que ainda não consegui decifrar o porquê da alcunha de Rosalba Ciarlini (PP), no Departamento de Propina da Odebrecht, ser “Carrossel”.

Poderia ser o bordão de seus militantes: “É a Rosa!”

Mas é Carrossel.

Por que Carrossel?

Vou pedir a ajuda dos universitários e dos meus webleitores.

Ajudem-me.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política / Só Pra Contrariar
  • Repet
quarta-feira - 12/04/2017 - 15:53h
Lula e Rosalba

O populismo e sua paixão cega


Nada mais engraçado do que lulista criticando eleitor apaixonado de Rosalba Ciarlini (PP) e vice-versa.

O populismo é a raiz da mesma árvore de ambos.

A paixão cega, seu motor.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog
quarta-feira - 12/04/2017 - 12:47h
Voo dos disparates

‘Teatro do Absurdo’ mistura Rosalba com Robinson e “Salomé”

O enredo tragicômico de um "feito" que nunca ocorrreu e foi disputado por dois executivos atordoados

Tem um sentido tragicômico, próprio do “Teatro do Absurdo”, o enredo da suposta retomada de voos comerciais em Mossoró no Aeroporto Dix-sept Rosado. A história não está concluída, mas já produziu disparates que revelam como é fácil manipular a boa-fé de milhares de pessoas com mentiras deslavadas e propaganda fantasiosa.

Seus efeitos colaterais podem ser igualmente catalogados, atingindo em cheio os autores de tanto faz-de-conta. O povo, de novo ludibriado, é um detalhe.

Em janeiro, Rosalba alardeou 'realizações', como o voo "confirmado" (Foto: reprodução)

O governador Robinson Faria (PSD) e a prefeita Rosalba Ciarlini (PSD), cada um com seu aparato de divulgação remunerada e “mídia espontânea”, se digladiaram até bem poucos dias no anúncio de paternidade-maternidade de algo que nunca existiu. Ambos, por desconhecimento de causa, orientação equivocada de auxiliares e boa-fé/ma-fé asseguraram o que não podiam oferecer.

Protagonizaram uma versão “aérea” do que podemos definir como outro estelionato político-administrativo. Os dois saem perdendo. Rosalba, mais ainda, principalmente porque sua gestão não tem qualquer responsabilidade legal sobre gestão do aeroporto e o próprio voo. Tentou tirar proveito do feito alheio e se deu mal.

Oportunismo

Desde 2015, seu primeiro ano de governo, que Robinson havia prometido reativar o aeroporto comercialmente e pulverizou informação de que tudo estaria “certo” com a Azul. Rosalba Ciarlini entra nessa trilha por oportunismo, na ânsia de mostrar serviço no inicio de sua gestão.

No dia 4 de janeiro deste ano, Rosalba é orientada e puxa para seu gabinete no Palácio da Resistência, executivos da Azul Linhas Aéreas (veja AQUI). A audiência foi fabricada às pressas e fora da agenda oficial. A delegação tinha encontro em Mossoró apenas com emissários do governo estadual.

Mas sua Comunicação oficial e não oficial espalhou que entrara nas discussões para “garantir” os voos. Sem ela e a prefeitura, nada prosperaria.

Dependeria dela, Rosalba, o sucesso da operação. Em caso de fracasso, claro que se encontraria algum culpado. O governador, por exemplo.

Sua milícia cibernética caprichou na estratégia de repetir a inverdade em escala industrial, para tentar transformá-la numa verdade irrefutável.

Robinson também apostou na guerra da comunicação, mas perdeu feio em volume e projeção.

Vídeo, “Betinha” e Salomé

O desenrolar dos acontecimentos mostrou que a decisão da prefeita foi precipitada e quixotesca, a transformando num mico ambulante. Poderia ter ficado caladinha em seu canto. Levaram-na à ridicularização pública.

ó do borogodó dessa situação que deveria envergonhar governador e, prefeita, veio mais adiante. O estopim para um duelo midiático, que torpedeou Mossoró e o estado, foi anúncio de que a Azul Linhas Aéreas começaria rota Recife-PE-Mossoró no dia 12 de março (veja AQUI).

A máquina de propaganda rosalbista divulgou vídeo nas redes sociais com diálogo dela com uma interlocutora ao telefone, alcunhada por “Betinha”. Na fala, Rosalba antecipava a ‘sua’ conquista e prometia que em breve a amiga pernambucana estaria voando para Recife. A cena, própria de esquete de programa humorístico de quinta categoria, rendeu vários memes (postagens de humor) na Internet, como um que a remetia ao personagem “Salomé”, do humorista Chico Anysio.

"Salomé" de Chico Anysio foi resgatada (Foto: reprodução)

Com o avanço dos dias e semanas, o certo foi ganhando forma de incerto, improvável e impossível. O próprio governador desembarcou em Mossoró em março, para ser mais realista com os fatos (veja AQUI).

Paralelamente, Rosalba passou a ser retirada da cena do “crime”. Nesse ínterim, a ordem era colocar no local as impressões digitais do contendor, o governador Robinson Faria.

Até hoje, o governador é empurrado para assumir o fracasso. Ele é parcialmente culpado, mas é desonesto creditar a ele toda essa pantomima por pura deslealdade.

O caso parece, por seu lado, típico de assessoramento por incapazes e ansiedade para acertar.

Desse episódio lamentável, os seus protagonistas podem tirar valiosas lições. Uma delas, ensinada pelo gênio político-militar Napoleão Bonaparte em duas assertivas:

Do sublime ao ridículo, não há nada mais do que um passo.

Nunca interrompa seu inimigo enquanto este estiver cometendo um erro.

À sociedade, resta-lhe ficar mais atenta e ser menos babaquara com promessas de fancaria de políticos que vivem situações administrativas desgastantes. Eles, com raríssimas exceções, sempre precisam de algum tipo de bandeira para dar demonstração de competência, não importando se a verdade seja a sua primeira vítima. Depois, o povo.

Veja AQUI série de matérias que conta fatos recentes envolvendo a retomada dos voos comerciais em Mossoró.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
quarta-feira - 12/04/2017 - 01:56h
Operação Lava Jato

Robinson, Rosalba e Fábio Faria serão investigados por 3 crimes


Três políticos potiguares identificados no “Departamento de Popinas” da construtora Odebrecht como “Bonitinho”, “Bonitão” (ou “Garanhão) e “Carrossel” teriam recebido recursos provenientes de corrupção dessa empresa. Eles seriam, respectivamente, o atual governador governador Robinson Faria (PSD), seu filho e deputado federal Fábio Faria (PSD) e a ex-governadora e atual prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini (PP).

Os três vão responder a inquérito por corrupção passiva, corrupção ativa e lavagem de dinheiro. Bonitinho e Bonitão vão ter inquérito no âmbito do Supremo Tribunal Federal (STF). Já a prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, responderá perante o Tribunal Regional Federal da 5ª Região.

Jornal Nacional mostrou Rosalba Ciarlini, ou "Carrossel, como uma das implicadas no esquema (Foto: reprodução)

Cinco delatores-executivos da Odebrecht deram depoimentos semelhantes, reiterando o mesmo enredo que compromete os três políticos. Foram eles: Alexandre José Lopes Barradas, Fernando Luiz Ayres da Cunha Reis, Benedicto Barbosa da Silva Júnior, Ariel Parente e João Antônio Pacífico Ferreira.

Tratativas para propina

Segundo o Ministério Público, “os colaboradores descrevem cenário fático em que se indica que a empresa Odebrecht Ambiental almejava desenvolver PPP’s associadas a saneamento básico no contexto do Rio Grande do Norte. A esse respeito são relatadas as tratativas que envolveriam contribuições eleitorais, nos idos do ano de 2010, destinadas ao Deputado Federal Fábio Faria (R$ 100.000,00), bem como ao Governador do Estado do Rio Grande do Norte Robinson Mesquita de Faria e à Prefeita Municipal de Mossoró/RN Rosalba Ciarlini Rosado (R$ 350.000,00), sendo todas decorrentes da mesma motivação, qual seja, eventual favorecimento em projetos relacionados a saneamento básico”.

No inquérito sob o número 4.452, “o beneficiário Fábio Faria” seria identificado como “Garanhão”, no sistema “Drousys” (sofisticado canal de intranet, internet interna, ao qual funcionários da empreiteira operavam o fluxo de propinas), enquanto Rosalba Ciarlini aparecia com o apelido de “Carrossel”.

Esclareceu-se, também, “que a Odebrecht Ambiental, por atuar como concessionária de serviço público, encontra-se impedida de fazer doação eleitoral oficial, razão pela qual tal proceder foi atribuído ao Setor de Operações Estruturada”.

Repercussão nacional

Noutro trecho, “reconhece-se que, após a anuência de João Pacífico (executivo mais graduado da empresa), foi providenciado pagamento em favor de Fábio Faria e Robinson Faria, identificados como “Bonitão” e “Bonitinho”, enfatizando-se que Robinson Faria era vice na chapa de Rosalba Ciarlini, sendo relatada a ocorrência de reunião entre os mencionados candidatos e representantes da Odebrecht Ambiental.”

Os políticos potiguares foram citados em importantes portais de notícias do país, redes de TV, rádio e outros meios de comunicação. O Jornal Nacional, da Rede Globo de Televisão, chegou a mostrar fotos e citar os políticos desse estado no esquema da Odebrecht.

Leia postagem anterior sobre esse assunto, clicando AQUI.

Leia AQUI pronunciamento da prefeita Rosalba sobre a citação do seu nome no caso.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 12/04/2017 - 00:14h
O outro lado

Rosalba e Garibaldi emitem nota sobre citação em lista


Dos oito políticos do RN que aparecem na lista do relator da Operação Lava Jato (veja AQUI), pelo menos dois se pronunciaram oficialmente. São o senador Garibaldi Filho (PMDB) e a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP).

Veja notas oficiais de ambos:

O senador Garibaldi Filho se declara surpreso com a notícia de inclusão do seu nome nas notícias de delações e, ao mesmo tempo em que nega tais suspeitas, põe-se à disposição da Justiça para quaisquer esclarecimentos, inclusive disponibilizando os sigilos bancário, fiscal e telefônico, e espera agilidade na apuração e responsabilidade na distinção entre doações lícitas e sem qualquer contrapartida das doações irregulares.

Assessoria do Senador Garibaldi Filho

A respeito da matéria do jornal o Estado de São Paulo, a prefeita Rosalba Ciarlini esclarece que nunca recebeu doação de campanha da Odebrecht nem durante seu período no Governo do estado do Rio Grande do Norte contratou qualquer obra ou serviço com essa empresa ou o grupo e também não recebeu deles qualquer benefício ou favor.

Isso, por si só, prova a completa improcedência da referência a seu nome.

Secretaria de Comunicação Social da Prefeitura de Mossoró

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Justiça/Direito/Ministério Público / Política
terça-feira - 11/04/2017 - 19:02h
Mossoró

O perigo da “oposição social” que ronda Rosalba Ciarlini


A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) e seu grupo não têm o que temer, aboletados no governo. Pelo menos em relação à denominada “oposição” política.

Ela inexiste.

Quem faz oposição ao governo Rosalba?

Tião Couto (PSDB), segundo colocado nas eleições municipais do ano passado?

Gutemberg Dias (PCdoB), agradável surpresa e terceiro colocado na mesma disputa?

A bancada contrária na Câmara Municipal de Mossoró?

O ex-candidato a prefeito “Cinquentinha” (hoje, no PSDC)?

O antecessor Francisco José Júnior (PSD).

O governador Robinson Faria (PSD).

Nada, nada, nada disso.

Todos inexistem até aqui como tal. Uns, por incapacidade; outros, por estratégia.

O problema que ganha corpo de forma lenta, gradual e expressiva é a “oposição social”, muito mais letal do que a política.

É a voz das ruas.

Ela germina nas unidades básicas de Saúde (UBS’s) e Unidades de Pronto-Atendimento (UPA’s) com precário atendimento e falta de medicamentos; nas ruas e avenidas esburacadas e cobertas por lixo; na escola com escassez de merenda, na insegurança do centro à periferia e no desemprego que não é estancado.

E tudo fica grandiloquente nas queixas que se espalham nas redes sociais, através de vídeos, textos, fotos e áudios. Esse perturbador boca a boca virtual cresce em proporção geométrica.

A prefeita e sua entourage palaciana não podem ignorar esse fenômeno. Se o fizerem, por arrogância ou falta de sensibilidade política, pode contabilizar rápido e crescente prejuízo.

Quanto à oposição política, nada a temer. Por enquanto.

Essa inexiste. Ainda.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog / Política
domingo - 09/04/2017 - 09:52h
Erário não aguenta

Mossoró Cidade Junina vai “encolher” bastante este ano


Ninguém espere uma versão gigantesca do Mossoró Cidade Junina (MCJ) para este ano, primeiro da quarta gestão municipal de Rosalba Ciarlini (PP).

Será bastante reduzida, microscópica até.

O erário não aguenta mais um puxão com a fórmula de sempre, bancando praticamente tudo.

Ocorrerá somente nos finais de semana.

O “Pingo da Mei Dia” no dia 10 de junho e o “Chuva de Bala no País de Mossoró” estão mantidos, em versões modestas.

Atrações na Estação das Artes Eliseu Ventania, também.

Nota do Blog – Sem um projeto plurianual, com inserção majoritária da iniciativa privada, programação previamente estabelecida e a Prefeitura tendo papel papel secundário na coordenação, o Mossoró Cidade Junina será um peso para o contribuinte.

A iniciativa tem efeito multiplicador, potencializando o meio circulante, mas da forma como é promovido desde o princípio, serve mais ao culto personalista dos gestores do que a própria cidade.

Hora de mudar ou continuar distorcido como sempre foi, solapando o cofre da municipalidade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Cultura
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.