quarta-feira - 13/04/2016 - 10:10h
Mossoró

Vereadores evitam sessão após dia tumultuado de ontem


A Câmara Municipal de Mossoró não teve sessão ordinária hoje.

Não é para se estranhar.

Depois da sessão realizada ontem, quando houve promessa do vereador Tomaz Neto (PDT) – veja AQUI – apresentar novo pedido para instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI), o corre-corre foi quase que generalizado.

Hoje, o dia é para se apagar as labaredas e evitarem maior “incêndio”.

Categoria(s): Política
terça-feira - 12/04/2016 - 23:56h

Pensando bem…


O choro existe para o homem não explodir.

Artur da Távola

Categoria(s): Pensando bem...
terça-feira - 12/04/2016 - 21:10h
Mossoró

Chikukunya mata internos do Amantino Câmara


O Abrigo Amantino Câmara, entidade filantrópica que dá apoio a idosos em Mossoró, já contabilizou três baixas recentes entre seus internos.

Perdas para a Chikukunya.

Apesar de todo cuidado que recebem de pessoas dedicadas e doadores, foram suprimidas por essa moléstia.

P.S – Seja um doador do Amantino Câmara.

Mantimentos, material de higiene pessoal etc. fazem muita diferença.

Categoria(s): Gerais
terça-feira - 12/04/2016 - 20:18h
Fechado

Beto Rosado anuncia que seu partido é pró-impeachment


Conversei há poucos minutos com o deputado federal Beto Rosado (PP). Reproduziu síntese de reunião concluída há menos de uma hora, no plenário 14 da Câmara Federal.

Beto: partido sm ministério (Foto: Câmara Federal)

A bancada do PP na Casa decidiu que “vai fechar questão”. Beto adiantou que os 47 parlamentares da sigla devem votar pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff (PP).

São 51 ao todo, mas 47 estão no exercício do mandato.

Ministério

A reunião de hoje começou às 17h. Apesar das divergências, Beto adiantou que acredita que a bancada cumprirá o acordado. “O lado que perdesse seguiria a maioria é a maioria ficou favorável não impeachment”, reiterou.

Decisão complementar foi a de que o partido recomendará a seu único ministro, Gilberto Ochio da Integração, “que peça exoneração”.

O senador Ciro Nogueira (PI) preside o PP no país. Ele recebeu oficialmente o resultado da votação interna.

Arnaldo Ribeiro, da bancada paraibana, é o líder na Câmara Federal.

“Vou seguir o que ficou aprovado hoje”, assinalou Beto.

Categoria(s): Política
  • Repet
terça-feira - 12/04/2016 - 20:00h
Mossoró

Prefeitura segue com somas milionárias em propaganda


O vereador Lahynho Rosado (PSB) usou a tribuna da Câmara Municipal de Mossoró na manhã desta terça-feira, 12, para mais uma vez, denunciar os gastos excessivos da Prefeitura de Mossoró com publicidade e propaganda.

Segundo informações colhidas no Jornal Oficial do Município (JOM), entre dezembro de 2013, quando o prefeito Francisco José Júnior (PSD) assumiu, e março de 2016, quando houve o último pagamento para agências de publicidade, este ano, foram gastos R$ 13.619.438,78 com a Secretaria de Comunicação.

“Diga-se, gastos em alguns poucos veículos, pois há outros que, além de boicotados, recebem calotes milionários do gestor da Prefeitura de Mossoró”, alerta o líder da Oposição.

Lahyrinho disseca números (Foto: Valmir Alves)

Foram R$ 471.435,78 em dezembro de 2013; R$ 6.773.866,70 em 2014; R$ 5.321.073,04 em 2015; R$ 1.053.064,79 até março de 2016.

Prioridades

O prefeito gastou com a Secretaria de Comunicação, em média, R$ 486.408 mil por mês desde que assumiu.

Uma média de R$ 16.214 por dia.

A cada hora, em média e números redondos, o prefeito gastou R$ 676,00.

“Eu sonho com o dia em que a Prefeitura dará prioridade às ações que beneficiam à população, especialmente as que mais precisam, ao invés de gastar com propaganda pessoal”, sugere o vereador.

Categoria(s): Administração Pública
terça-feira - 12/04/2016 - 19:36h
Mossoró

Vereador vai propor CEI para gestões da Câmara


“Vou apresentar pedido de instalação de um CEI (Comissão Especial de Inquérito) para apurar gestões da Câmara Municipal de Mossoró, da atual a anteriores, nas últimas legislaturas”.

A declaração acima foi dada ao Blog pelo vereador oposicionista Tomaz Neto (PDT).

“Num momento em que o Brasil é passado a limpo pela Lava Jato, porque não fazemos o mesmo, a começar de nossa Casa?”, instiga Tomaz.

Ele diz que “não há o que temer” e espera ter apoio para essa CEI histórica, a primeira a ser aprovada pela Câmara em toda sua história.

Categoria(s): Política
  • Câmara - TV Câmera correto - 07-09-15
terça-feira - 12/04/2016 - 19:06h
Câmara de Mossoró

Maioria da própria base de Jório Nogueira quer sua saída


O requerimento aprovado hoje na Câmara Municipal de Mossoró (veja postagem abaixo), que pode afastar o presidente desse poder, Jório Nogueira (PSD), uniu oposição e governismo na Casa. Na verdade, maioria dos votos veio do governismo, do qual ele faz parte.

Do Palácio da Resistência, sede da Prefeitura, Jório não teve apoio até aqui.

Votaram pela admissibilidade do requerimento, os seguintes vereadores:

Oposição

- Tomaz Neto (PDT)
- Genivan Vale (PDT)
- Lahyrinho Rosado (PSB);

Governo

- Claudionor dos Santos (PEN)
- Manoel Bezerra (PRTB)
- Ricardo de Dodoca (PROS)
- Genilson Alves (PMN)
- Lucélio Guilherme (PTB)
- Cícera Nogueira (PSD)
- Flávio Tácito (PPL)

Os governistas Alex Moacir (PMDB), Soldado Jadson (Solidariedade) e Heró Silva (PTC) optaram pela abstenção. O oposicionista Francisco Carlos (PP), também.

Jório não pode votar, da mesma forma que o proponente da matéria, Tassyo Mardonny (PSDB).

Categoria(s): Política
terça-feira - 12/04/2016 - 18:30h
Câmara de Mossoró

Requerimento pode afastar Jório de presidência


Com dez votos a favor e quatro abstenções, a Câmara Municipal de Mossoró aprovou hoje requerimento do vereador Tassyo Mardonny (PSDB), que poderá resultar no afastamento do vereador-presidente Jório Nogueira (PSD) do cargo.

Jório: sitiado (Foto: reprodução)

Na justificativa, é arguido que Nogueira teria ferido normas internas da Casa, sonegando informações relativas à prestação de contas deste poder. Além disso, está retendo recursos da chamada Verba Indenizatória, atendendo par CEF do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

A votação de hoje não ejeta Jório do cargo de imediato. Abre caminho para que isso ocorra adiante. Ou não.

Uma comissão formado pelos governistas Manoel Bezerra (PRTB), Heró Silva (PTC) e Tomaz Neto (PDT) da oposição vai apreciar a base de sustentação do requerimento do neooposicionista Tassyo Mardonny. Em 90 dias, no máximo, seu parecer deve ser votado pelo plenário.

Se ocorrer a deposição, assumirá o vice Alex do Frango (PMD). Confirmando-se, será um caso absolutamente inédito na Casa.

Categoria(s): Política
  • Câmara - TV Câmera correto - 07-09-15
terça-feira - 12/04/2016 - 11:13h
Gim Argello

Ex-senador é preso em nova fase da Lava Jato


“O sistema político-partidário no país está apodrecido pelo abuso do poder econômico”, afirmou o procurador Carlos Fernando de Lima nesta terça-feira (12), ao detalhar a 28ª fase da Operação Lava Jato. O procurador afirmou ainda que “a corrupção no Brasil não é partidária”.

Nesta etapa, foi preso o ex-senador Gim Argello (PTB-DF), suspeito de cobrar propina para evitar convocação de empresários a comissões parlamentares de inquérito em 2014 e 2015.

Campanhas políticas

Segundo Lima, “o uso do poder é que gera corrupção. O exercício do poder, seja por qual partido for, tem gerado corrupção. E essa corrupção tem como finalidade suprir o caixa de campanhas políticas. Tanto é verdade que esses valores, boa parte, foram encaminhados para partidos da base de apoio desse senador, Gim Argello, entre eles, partidos inclusive da oposição.”

Ministério Público Federal (MPF) diz que há evidências de que o ex-senador pediu R$ 5 milhões em propina para a UTC Engenharia e R$ 350 mil para a OAS – as duas empreiteiras são investigadas na Lava Jato.

Veja matéria completa AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 12/04/2016 - 10:55h
Disputas municipais

Oposição dividida ajuda prefeitos com baixa avaliação


Um fenômeno tem-se generalizado pelas mais diversas regiões e municípios do Rio Grande do Norte: é a pluralidade de pré-candidatos a prefeito, não obstante a quebradeira quase geral das prefeituras.

O chororô é grande, mas o apetite para se chegar à Prefeitura, é ainda maior.

A eterna polarização entre verde x encarnado, quase não existe mais. Mas a disputa não desapareceu.

Como explicar tantas pré-candidaturas num cenário de terra arrasada?

De antemão, o próprio desempenho sofrível dos atuais prefeitos, candidatos ou não à reeleição, instiga as pré-candidaturas adversárias. Os potenciais contendores veem sinais de fragilidade suficiente para alimentar o sonho de chegar à Prefeitura.

Sonhar, pode. Mas daí até chegar à vitória, há um longa distância.

Outro ângulo de análise, é que a pulverização de partidos tem facilitado a fermentação dessas postulações, fora do controle das lideranças mais tradicionais, do cabresto coronelista que sempre existiu.

Quanto mais cabras, mais cabritos.

Já não temos mais lideranças como antes. O poder está escapando entre os dedos de muitos líderes políticos.

É nesse cenário, com aprovação popular baixíssima, que muitos prefeitos arrimam um fio de esperança. A esperança de nova vitória direta ou em apoio a um sucessor de sua confiança.

Acreditam que o racha na oposição seja o suficiente para vencer.

E na oposição, enquanto não “cair a ficha”, fica no ar a crença de que pode derrotar o prefeito, por esse estar com grande reprovação.

Dividida, fracionada, a oposição pode ser presa fácil – mesmo para uma máquina pública depauperada e muito prefeito que tem a palavra como risco n’água.

Lá adiante, a maioria deve ser devolvida à realidade. Por uma questão de  bom senso.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog
terça-feira - 12/04/2016 - 08:58h
Em Natal

Robinson Faria aniversaria hoje com missa em ação de graças


Com uma missa em ação de graças às 19 horas de hoje, na Capela de Nossa Senhora da Esperança (Natal), o governador Robinson Faria (PSD) marca seu aniversário, no dia de hoje.

Nada de pompa.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 12/04/2016 - 08:38h
RN

Eleição para TRE movimenta bastidores do Judiciário


Fervem os bastidores à escolha da lista tríplice que será formada à escolha do próximo juiz titular do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A eleição será amanhã.

O escolhido entrará na vaga de Verlano de Queiroz Medeiros, que encerrará seu mandato no dia 27 de julho deste ano.

São sete os concorrentes aos votos do colegiado do Tribunal de Justiça do RN (TJRN).

Disputam a vaga os advogados Daniel Victor da Silva Ferreira – OAB/RN 4.417; Flavio Henrique de Moraes Mattos – OAB/RN 467-A; Herbert Oliveira Mota – OAB/RN 2.697; Marcos Antônio da Silveira Martins Duarte – OAB/RN 2.928; Nilo Ferreira Pinto Júnior – OAB/RN 2.437; Paulo Afonso Linhares – OAB/RN 1.069; e Wlademir Soares Capistrano – OAB/RN 3.215.

A lista tríplice é enviada à Presidência da República, cabendo ao Executivo nacional nomear um deles à sua escolha.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Justiça/Direito/Ministério Público
terça-feira - 12/04/2016 - 08:14h
Robinson e Dilma

Romper ou não romper, eis o impasse


Por Vicente Serejo (Cena Urbana, Novo Jornal)

Romper

Se depender de algumas pessoas muito próximas dele mesmo, o governador Robinson Faria (PSD) rompe com a presidente Dilma Rousseff (PT).

Mas a decisão não é fácil, com a presença de Gilberto Kassab (PSD) no governo.

Impasse

Romper depois de aprovado o impeachment é feio. Romper antes corre o risco do PT vencer a luta no plenário da Câmara ou Senado, jogando o governo na oposição ao Palácio do Planalto.

O que é pior?

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 11/04/2016 - 23:56h

Pensando bem…


“Para começar, pare de falar e comece a fazer”.

Walt Disney

Categoria(s): Pensando bem...
  • Repet
segunda-feira - 11/04/2016 - 23:52h
RN

Acontecimentos reforçam desmoralização de Segurança


Quatro presos fugiram hoje da Cadeia Pública Juiz Manoel Onofre de Souza, em Mossoró.

Em Nísia Floresta, no domingo (10), foram seis que escaparam da Penitenciária Estadual de Alcaçuz.

Na madrugada de hoje, a sede da Secretaria de Justiça e Cidadania (SEJUC) no Centro Administrativo, em Natal, foi arrombada pela segunda vez.

Sistema prisional e Segurança Pública seguem em seu processo de desmoralização permanente.

Categoria(s): Segurança Pública/Polícia
segunda-feira - 11/04/2016 - 23:20h
Mososró

Sucessão municipal poderá ser “zerada”


Demandas do Ministério Público Federal  (MPF), nos próximos meses, devem interferir de forma considerável na sucessão mossoroense.

Vamos aguardar.

Disputa da cadeira do prefeito Francisco José Júnior (PSD) poderá ser praticamente zerada, sem favoritismo de ninguém.

Uma corrida eleitoral muito interessante, que se diga.

Ouvido ao chão como bom índio Sioux, Comanche, Cherokee, Navajo, Apache ou Cheyenne.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 11/04/2016 - 22:42h
Henrique Baltazar

“Governo entregou presídios a facções criminosas”, diz juiz


O juiz das Execuções Penais, Henrique Baltazar, foi entrevistado hoje à noite pelo Jornal das Seis da FM 96 do Natal. De novo, ele foi inquirido sobre o sistema prisional do Rio Grande do Norte:

“Governo lavou as mãos e entregou o controle dos presídios às facções criminosas que atuam no Rio Grande do Norte”, disse Baltazar sem qualquer rodeio.

Nada foi feito

- Os que fogem, voltam a cometer crimes ou vão pra outro estado, acrescentou na mesma entrevista.

Na opinião do magistrado, “tirando as ações do Ministério Público, contra as facções criminosas, o que foi feito? Nada. O Governo não fez nada”.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Veja também mais informações sobre outra fuga em Alcaçuz (AQUI).

Categoria(s): Segurança Pública/Polícia
segunda-feira - 11/04/2016 - 22:02h
Por 38 votos a 27

Comissão aprova processo de impeachment de Dilma


Por 38 votos a 27, a comissão especial do impeachment na Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira (11) o parecer do relator Jovair Arantes (PTB-GO) favorável à abertura do processo de afastamento da presidente Dilma Rousseff.

Agora, o resultado da votação na comissão deverá ser lido no plenário da Câmara nesta terça-feira (12) e publicado no “Diário Oficial da Câmara” na manhã de quarta (13).

Depois de respeitado um prazo de 48 horas, a expectativa é de que a votação no plenário da Câmara comece na próxima sexta-feira (15) e leve três dias, terminando no domingo (17).

Para ser aprovado e seguir para o Senado, instância à qual cabe julgar a denúncia, são necessários os votos de 342 dos 513 deputados.

Indícios

Em seu parecer, Jovair Arantes sustentou haver indícios de que Dilma cometeu crime de responsabilidade ao editar decretos de crédito extraordinário sem autorização do Congresso Nacional e ao permitir a prática das chamadas“pedaladas fiscais”, que é o atraso no repasse pela União aos bancos públicos para o pagamento de benefícios sociais.

Ao final da reunião da comissão, deputados oposicionistas foram vaiados por um grupo contrário ao impeachment, formado por assessores parlamentares e servidores da Câmara.

Saiba mais detalhes e como votou cada parlamentar, clicando AQUI.

Lula participa de ato público em defesa do mandato de Dilma ao lado de artistas, no Rio de Janeiro (veja AQUI).

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 11/04/2016 - 18:14h
Indutor da crise

Impeachment é empurrado pela geladeira e não pela TV


Não teremos golpe, estado de sítio ou ditadura.

Contudo o país já está dividido entre os que não querem largar poder por nada nesse mundo e aqueles que o desejam a todo custo.

Quase impossível se identificar alguma manifestação de lado a lado, baseada no interesse coletivo, no espírito público e em defesa da democracia.

O principal indutor do impeachment não é a TV (mídia golpista, Rede Globo etc.), como disparam os militantes governistas em coro de papagaios amestrados, mas a geladeira – vazia –  do trabalhador desempregado.

O moralismo de massa inexiste, em se tratando dessa roubalheira em escala industrial. Pode dar no pescoço, desde que deixem alguma grana para a geladeira e a cerveja do zé-ninguém.

Se a economia estivesse robusta, Dilma estaria impávida. Mesmo soterrada por tantas denúncias e casos de corrupção em seu Governo, partido e aliados, ela dispararia flatulência em tudo e todos.

Hoje, não tem apoio popular, não possui base sólida no Congresso Nacional, bateu de frente com Judiciário, já é vista de soslaio pela comunidade internacional e a economia… a economia está em frangalhos.

Absolutamente não onde se sustentar.

É o que observo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog
segunda-feira - 11/04/2016 - 17:35h
Hoje

Temer vaza ‘sem querer’ áudio antecipando impeachment


O vice-presidente Michel Temer afirmou em uma mensagem gravada distribuída para integrantes do PMDB que é preciso “um governo de salvação nacional”. Segundo ele, o momento exige a “pacificação” e a “reunificação” do país.

De acordo com a assessoria de imprensa da Vice-presidência o áudio é um “ensaio” de Temer para o caso de o impeachment da presidente Dilma Rousseff vir a ser aprovado na Câmara. Conforme a assessoria, a gravação da mensagem foi uma “preparação” de Temer, que acabou divulgada “sem querer” para um grupo de Whatsapp.

Principais pontos

Na gravação, Temer disse que:
- Manterá programas sociais como Bolsa Família, Pronatec e Fies
- Diz que é preciso um governo de “salvação nacional”
- Defende diálogo entre os partidos
- Afirma que a Câmara decide por “votação significativa” declarar a autorização para a instauração de processo de impeachment
- Afirma que o processo de impeachment no Senado será longo

‘Reunificação do país’

“A grande missão, a partir deste momento, é a pacificação do país, a reunificação do país, é o que eu repito, o que venho pregando, como responsável por uma parcela da vida pública nacional. Devo dizer também que isso fica para – aconteça o que acontecer no futuro – um governo de salvação nacional e união nacional”, declarou Temer.

Temer inicia a gravação afirmando que se dirige ao povo brasileiro sobre alguns temas que devem ser “enfrentados” por ele. O vice-presidente destaca que deve ter “muita cautela” porque há um mês se recolheu para não “aparentar” que estaria trabalhando para ocupar o lugar da presidente Dilma.

Ao dizer que foi procurado por “muitos que estão aflitos” com a situação do país, o peemedebista monta sua fala com base na eventual aprovação do impeachment de Dilma.

Saiba mais AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion, Moda Masculina, de João Paulo Araújo - 11-08-15
segunda-feira - 11/04/2016 - 16:20h
Mossoró

Contribuinte entrega poucas declarações do Imposto de Renda


Até esta segunda-feira (11) 20.600  contribuintes entregaram suas declarações à Delegacia da Receita Federal em Mossoró (DRF).

Esse número representa cerca de 35,4% do esperado, que é  61.000.

O contribuinte que ainda não enviou sua declaração terá até o dia 29 de abril para fazê-lo.

Quem não entregar a declaração em tempo hábil terá que pagar multa de 1% do imposto devido ao mês.

O menor valor de multa é de R$ 165,74, podendo chegar até 20% do imposto devido.

Categoria(s): Administração Pública
segunda-feira - 11/04/2016 - 09:13h
Ufersa

Servidores federais vão paralisar atividades na quinta-feira


Vem aí mais uma paralisação de trabalhadores técnico-administrativos da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA). Decisão tomada na última sexta-feira (8).

Decidiram que vão parar as atividades na próxima quinta-feira, 14 de abril. A decisão segue recomendação da federação nacional da categoria, a Fasubra.

O movimento tenta enfrentar o Projeto de Lei Complementar 257/16, anunciado no último dia 22 de março, pelo Governo, e que “adota uma política de ajuste e controle de gastos e corte de direitos dos servidores públicos, como por exemplo, o congelamento de salário por tempo indeterminado, programas de demissões voluntárias, privatizações, entre outras mazelas que trazem enormes prejuízos a categoria”, avisa o Sintest, sindicato da categoria.

Na assembleia também ficou definido que a quinta-feira, 14, será um dia voltado para a conscientização dos servidores que não aderirem à paralisação e a comunidade universitária.

Categoria(s): Administração Pública
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.