• Vale Norte - Nativa Comunicação - 2º Banner - 14-11-17
quarta-feira - 10/08/2016 - 06:24h
Nesta madrugada

Dilma vira ré e vai a julgamento no plenário do Senado


Do portal G1

O Senado aprovou por 59 votos a 21 na madrugada desta quarta-feira (10), após quase 15 horas de sessão, o relatório da Comissão Especial do Impeachment que recomenda que a presidente afastada Dilma Rousseff seja levada a julgamento pela Casa (veja como votou cada um dos senadores).

Com isso, ela passa à condição de ré no processo, segundo informou a assessoria do Supremo Tribunal Federal (STF). O julgamento final da presidente afastada está previsto para o fim do mêsno plenário do Senado.

Dilma entra numa fase praticamente irreversível para o fim do seu mandato (Foto: arquivo)

Antes da votação do texto principal, os senadores já tinham rejeitado, também por 59 votos a 21, as chamadas “preliminares” que questionavam o mérito da denúncia contra Dilma.

Depois do texto principal, houve a votação de três destaques (propostas de alteração do texto principal), apresentados por senadores defensores de Dilma com o objetivo de restringir os delitos atribuídos a ela. Todos os destaques foram rejeitados.

Renan Calheiros

Embora estivesse presente ao plenário, o único dos 81 senadores que não votou foi o presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL). Ele afirmou que tomou essa decisão para se manter isento. “Procurei conduzir com isenção. Desconstruir essa isenção agora não é coerente”, explicou.

Comandada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, a sessão teve início às 9h44 desta terça-feira (9) e terminou às 2h38 desta quarta (10).

A previsão inicial era a de que duraria pelo menos 20 horas e o relatório só fosse votado de madrugada. No entanto, a sessão foi encurtada depois de vários senadores inscritos, principalmente de PSDB e PMDB, abrirem mão dos dez minutos que cada um teria direito para discursar.

Após a votação, o ex-ministro José Eduardo Cardozo, responsável pela defesa de Dilma, disse acreditar que ainda é possível reverter o resultado no julgamento final do impeachment, embora reconheça que não “é uma situação fácil” para a presidente afastada.

Veja mais detalhes AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Marcos Pinto. diz:

    Já começou a se ouvir o choro e ranger de dentes das famílias dos APOSENTADOS POR INVALIDEZ e os que recebem AUXÍLIO-DOENÇA. Foi expedida uma Portaria Interministerial que convocando um milhão e cem mil idosos para nova perícia, a partir de etembro, numa implacável perseguição a idosos com até 15 anos de aposentadoria. Onde estão os que batiam panelas ? Onde estão os que gritavam FORA DILMA ???.

  2. Marcos Pinto. diz:

    Onde estão os que batiam panelas ???. Onde estão os bestas e idiotas e psicóticos-fascistas usados como massa de manobra para esse golpe contra a democracia ???.

  3. Rosilene Rocha Soares Pinto diz:

    E ainda vão livrar a cara do bandido Eduardo cunha. A cassação dele só vai ser votada em setembro, depois que temer assumir definitivamente.

  4. João Claudio diz:

    O pior está por vir. Tão logo a peça, digo,o Poste sem Luz perca o maldito foro privilegiado, o XERIFE pega ela pelo pé. Anotem!

    Já imaginaram o casal off Jararaca sem Rabo/Miss Pasadena juntinhos e curtindo o Hotel & Resort Sergio Moro??? Heim?

    Seria esse o ”Grand Finale” (para o deleite dos brasileiros) que o grande XERIFE guarda sob 7 chaves???

    Preparem os fogos.

  5. Marcos Pinto. diz:

    Se fosse num país sério, esse fascista Juizinho parcial de meia tigela chamando de Moro já estaria preso.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.