• Vale Norte - Nativa Comunicação - 2º Banner - 20-09-17
terça-feira - 27/12/2016 - 10:53h
O futuro já começou...

Rosalba terá filha em equipe focando a Assembleia Legislativa


Um nome anunciado hoje através do Blog do Barreto (veja AQUI) como integrante da futura equipe de secretários da prefeita eleita e diplomada, Rosalba Ciarlini (PP), precisa ser observado com atenção: Lorena Ciarlini.

Será a titular da pasta da Ação Social.

Filha da própria prefeita, não por acaso estará em cargo estratégico, com relação direta com a massa-gente e diversos programas assistenciais.

Lorena, Rosalba e Kadu em momento da diplomação no último dia 19, mas com olhar em 2018 (Foto: Web)

Indicador mais do que forte de ser o nome do rosalbismo à Assembleia Legislativa em 2018, onde a família Rosado-Ciarlini deixou de ter representante com a não-reeleição de Ruth Ciarlini (irmã de Rosalba) em 2006.

Até bem pouco tempo, o nome mais comentado nos intramuros do rosalbismo para ser essa escolha, era do marqueteiro da própria Rosalba na campanha deste ano, seu filho Kadu Ciarlini.

Ungida à Ação Social, Lorena aparece como verdadeiro nome à disputa. Para ser “nomeada” nas urnas, previsivelmente.

Nas eleições à Assembleia Legislativa em 2014, o rosalbismo fez aliança pontual com o ex-prefeito (duas vezes) de Areia Branca Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”, numa dobradinha com o agrônomo Beto Rosado (PP), sobrinho-afim de Rosalba. Os dois conseguiram se eleger.

Puro-sangue

Para 2018, com a Prefeitura em mãos, o rosalbismo sinaliza que quer repetir fórmula “puro-sangue” que aconteceu antes, à época em que Rosalba foi prefeita, ensejando a eleição de Ruth duas vezes.

Quando saiu da Prefeitura para ser candidata ao Senado (eleita em 2006) e ao Governo do Estado (eleita em 2010), o espaço foi ocupado pelo médico Leonardo Nogueira (DEM). Não por coincidência, na municipalidade estava sua mulher, a enfermeira Fafá Rosado (DEM, hoje PMDB).

Na tentativa de se reeleger para terceiro mandato em 2014, Nogueira não teve êxito. Na Prefeitura, não por coincidência, Fafá já não estava mais. O prefeito era Francisco José Júnior (PSD), eleito em pleito suplementar meses antes (4 de maio).

Francisco optou por apoiar àquele ano o ex-prefeito de São Miguel Galeno Torquato (PSD), região do Alto Oeste, um estranho ao eleitor e à cidade, mas que saiu vitorioso e com votação expressiva em Mossoró (12.306 votos).

Leonardo Nogueira sonhava com o apoio de Francisco, que não houve. Sua votação no município não passou de 9.111 votos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. ferando diz:

    É de fato uma capitania hereditária.

  2. Fábio Faustino diz:

    O nome disso não é NEPOTISMO, não?

  3. de assis oliveira diz:

    Rapaz o negócio é bom mesmo, é pratica da política tupiniquim esse negócio de esposo para esposa, esposa para filho(a) e assim vai caminhando a politica para o brejo. rsrsrsrs

  4. FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    Ora pois, todos nós sabemos que a ROSA ROSADUS, voltou, exatamente por que sabe fazer….!!!

    Dando absoluta prioridade e continuidade aos divinos direitos de poder despótico e hereditários da família ROSADUS…!!!

    E assim, após 02 (dois) longos anos de hiato monárquico, para alívio da turba medieval e da isenta e incorruptível “inteligentcia” do país de mossoró, a coroa volta ao cetro e a cabeça de quem jamais deveria ter sido usurpada, ou seja a cabeça da ROSA. Essa “bravíssima” mulher, que dizem, jamais foi ou será submissa ao Capitão , oráculo e gênio político desde sempre a frente da capitania hereditária do país de Mossoró…Sr. dos SENHORES CARLUS AUGUSTUS ROSADUS…!!!

    Fundamentalmente a coroa é um símbolo. Elogio coroa no caso dos reis católicos significa que são vigários de Deus. no caso do pais de mossoró, são pastores e (ou) pastoras do rebanho…existente no país de Mossoró, atualmente calculado em cerca de 300.000 (trezentas ) mil cabeças….!!!!

    De uma maneira política ou social, a coroa refere-se a quem ostenta a monarquia. Como uma instituição, por sua vez, a coroa está composta por pessoas, posses, patrimonios e direitos, que devem estar reconhecidos por todos os súbditos. Seu objetivo é o de obter o bem público e, no caso do país de Mossoró, infelizmente, apenas e tão somente o bem privado de uma meia dúzia de pessoas, alias bem conhecidas de todos…..!!!.

    Mas se Deus é a fonte de todo o poder, os reis da Idade Moderna o têm e como amostra de seu relacionamento direto com Deus, como os santos “têm que ter a capacidade de fazer milagres”. No contexto do país de mossoró, a santa ungida plea Monarqui ROSADUS, foi e sempre será SANTA LUIZA, cujo poder transcedente e taumatúrgico fará com que o monarca seja melhor aceitado pelos súbditos mossororenses. Ademais, a obediência ao rei, no caso da TERRA QUE DIZEM COMBATEU LAMPIÃO, a “BELÍSSIMA” rainha chamada ROSA, é mérito para o julgamento final.

    Na Idade Média, os monarcas eram ungidos pelos papas e por isso, aqueles estavam submetidos a estes.

    Ataulemten, na chamada TERRA BRASILIS os monarcas estão sendo unjidos pleo nosso vetusto, “imparcial” e relicário JUDICIÁRIO…!!!

    Como sabemos, a coroa faz parte de uma triade de símbolos de poder, na que ademais estão o cetro e a espada. As três coisas representam à monarquia. A unção enfatiza que o poder do rei é de origem divino.

    Nesse contexto, o judiciário nacional, efetivamente representa a possibilidade de unção onde a espada guiada pela venda que enxerga, e como, deveras enxerga, restando tão somente cortar às cabeças dos plebeus candidatos à destronar os monarcas, repita-se ad nauseam, cortar a cabeça, tão somente daqueles certamente plebeus….!!!!

    E assim em pleno século XXI, ninguém pode precisar até quando, a roda, continua a girar no país de Mossoró, entre o feudalismo, idade média e a monarquia absoluta a imperar no país e na terra que dizem ser libertadora dos escravos…!!!!???

    UM BARAÇO

    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

  5. Marcos Pinto. diz:

    Esse escancarado nepotismo reflete um ruidoso tapa na cara dos que arregaçaram as mangas da camisa para o somatório e sucesso do pleito eleitoral. Prepara-se, assim, a filha para ser candidata a Deputada Estadual com a utilização da bem lubrificada máquina municipal, coisa que fez reiteradas vezes elegendo a mana Rute Ciarlini para o legislativo estadual. Eis o motivo da cisma da Sandra Rosadus, fato somado a articulação de bastidores do C.A. Rosadus com o Alex do Frango.

  6. ferando diz:

    Temos mais novidades, a secretaria de educação está sendo reservada para a cunhada Isaura Rosado. Tome festa na capitania.

  7. ferando diz:

    Já foi empossado? VAMOS AGUARDAR.

  8. João Claudio diz:

    A politica já foi pro brejo há varias décadas. O que existe hoje é ”eu quero o poder, eu quero me arrumá”.

    Antes mesmo de começarem um mandato, já estão articulando o próximo. O povo e as promessas de campanha são secundários. Isso é fato.

    É uma esculhambação dentro de outra, e buscando mais.

    É por isso eu digo e repito: O ”pau” chegou ao limite da envergadora. O país há tempos perdeu o rumo, está cego de bengala. É cobra engolindo cobra. É o ”todos por mim, eu vou me arumá e o resto que se lasque”.

    E vai piorar. ANOTEM.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.