sábado - 17/12/2016 - 22:46h
Cláudio Santos

Saída de desembargador terá comemoração pública


Os servidores do Judiciário do RN preparam movimento de “despedida” do presidente do Tribunal de Justiça do RN (TJRN), desembargador Cláudio Santos.

O “bota-fora” será segunda-feira (19), às 8h.

O Ato Público que comemorará o fim do mandato de Claudio Santos, como presidente do TJRN, é organizado pelo sindicato dá categoria.

A recomendação é que todos estejam de preto.

Santos é visto como um carrasco para o servidor, com medidas que cortaram consideráveis benefícios pecuniários.

No próximo dia 5 tomará posse em seu lugar, o desembargador Expedito Ferreira.

Categoria(s): Administração Pública / Justiça/Direito/Ministério Público

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    E não só os servidores irão comemorar a saída deste senhor. Todos os que desejam os julgamentos de recursos que mantém no exercício de cargos eletivos CONDENADOS A MAIS DE 5 ANOS DE CADEIA POR PRÁTICA DE IMPROBIDADE estarão também COMEMORANDO.
    Não acredito que este senhor queira ingressar na carreira política.
    Falam que este é o seu grande desejo, mas não acredito. Fere a lógica e o bom senso imaginar este senhor pedindo votos ao povo do Rio Grande do Norte depois de tudo que fez quando esteve na direção do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. Será que este senhor desconhece que cada servidor da justiça se transformará num propagandista a queimar a sua candidatura? Pensa ele que todos os que lutam pelo julgamento dos recursos dos condenados por improbidade não estarão a lembrar a humilhação que o povo sofre com a presença destes condenados na política pelo simples fato dos recursos não serem julgados?
    Perdeu este senhor mais do que a chance de alcançar sucesso na política. Perdeu este senhor, ao não julgar os recursos dos CONDENADOS e adotar uma política salarial draconiana, apenas para os funcionários mais humildes, a oportunidade de entrar para a história do Rio Grande do Norte.
    Tivesse ele feito o dever de casa, agilizar o julgamento de todos os recursos que envolvem CONDENADOS POR PRÁTICA DE IMPROBIDADE e concedido os reajustes salariais aos funcionários e hoje seu nome seria citado de forma bem diferente.
    Entrar na política sem nenhum respaldo popular e com as novas leis eleitorais já em vigor será um ato de total insensibilidade deste senhor.
    Que o novo Presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande priorize o julgamento dos recursos de todos os CONDENADOS POR PRÁTICA DE IMPROBIDADE e adote uma política salarial justa para os funcionários do judiciário potiguar. Se isto fizer haverá espaço nas páginas dos livros de história para o seu nome.
    /////////////////
    OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS EM JANEIRO?

  2. Inácio Augusto de Almeida diz:

    No RN, ex-diretor do Idema tem pedido de prisão domiciliar negado
    Gutson Reinaldo é condenado por desvio de recursos no Idema.
    Ele está preso no quartel da Polícia Militar desde setembro de 2015.
    //////
    Sobre este assunto postei o seguinte comentário no G1-RN
    Parabéns aos desembargadores. Poderiam aproveitar e julgar os recursos SAL GROSSO que há anos aguardam julgamento e mantém no exercício de cargo eletivo condenada a mais de 5 anos de cadeia. Mossoró corre o risco de ter na Presidência na Câmara e segunda na linha sucessória do cargo de prefeito uma CONDENADA por prática de improbidade, Se isto acontecer, o que é quase certo, Mossoró entrará para o anedotário INTERNACIONAL. E tudo porque o TJRN não julga os recursos SAL GROSSO.
    ///
    OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS EM JANEIRO?

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.